Equipe comandada por Bernardinho vence por 3 sets a 0 o São Bernardo - Esportes


Equipe comandada por Bernardinho vence por 3 sets a 0 o São Bernardo

A Unilever (RJ) conquistou na noite desta sexta-feira (03) sua segunda vitória na Superliga Feminina de Vôlei 10/11. A equipe carioca derrotou o BMG/São Bernardo (SP) por 3 sets a 0, com parciais de 30/28, 25/10 e 25/14, em 1h26 de jogo, no ginásio Baetão, na cidade paulista de São Bernardo. A oposto Sheilla, da […]

Por helton em Sem categoria

3 de dezembro de 2010 às 22:54

Há 7 anos

Foto: Luiz Doro/Divulgação Unilever


A Unilever (RJ) conquistou na noite desta sexta-feira (03) sua segunda vitória na Superliga Feminina de Vôlei 10/11. A equipe carioca derrotou o BMG/São Bernardo (SP) por 3 sets a 0, com parciais de 30/28, 25/10 e 25/14, em 1h26 de jogo, no ginásio Baetão, na cidade paulista de São Bernardo. A oposto Sheilla, da Unilever, com 18 pontos, foi a maior pontuadora da partida. Por sua boa atuação, a líbero Fabi recebeu o troféu VivaVôlei como melhor jogadora da partida.

O técnico da Unilever, Bernardinho, disse após o jogo que sua equipe ainda tem muito o que trabalhar para as próximas partidas na Superliga.

“Falhamos muito no primeiro set. Tivemos uma vantagem de cinco pontos, mas cometemos erros e nos complicamos um pouco. Mais uma vez, a Sheilla jogou muito bem, e o time tem que se inspirar nela. Temos ainda muita coisa para ser corrigida para a competição”.

Eleita melhor atleta em quadra, a líbero Fabi destacou a importância de contribuir com a vitória da equipe na competição.

“Aprendi uma coisa na vida: a vibrar com o ponto das atacantes como se também fosse meu porque, indiretamente, também contribuí para que ele acontecesse”.

Pelo BMG/São Bernardo, a principal pontuadora foi Thaisinha, com 13 acertos, mesma pontuação obtida pela central da Unilever, Valeskinha. Ambas foram as segundas maiores pontuadoras do jogo.

O bloqueio da Unilever fez uma grande diferença em todo o jogo. O time carioca marcou 17 pontos. Valeskinha, com sete pontos, e Sheilla, com quatro, foram as atletas que mais se destacaram em parar o ataque do BMG/São Bernardo. A equipe paulista bloqueou apenas quatro vezes.

SUPERLIGA FEMININA 10/11
SEGUNDA RODADA DO TURNO

EQUIPES

BMG/SÃO BERNARDO – Kátia, Mari, Helô, Dani Scott, Renata Lúcia e Thaisinha. Líbero – Marcinha
Entraram – Bruna, Bia, Aline, Macris e Ana Paula
Técnico – José Alexandre Devesa

UNILEVER – Dani Lins, Sheilla, Suelle, Regiane, Juciely e Valeskinha. Líbero – Fabi
Entraram – Juliana, Roberta e Amanda
Técnico – Bernardinho

MAIOR PONTUADORA – Sheilla (Unilever), com 18 pontos]

TROFÉU VIVAVÔLEI – Fabi (Unilever)

CBV

Publicidade

Dê sua opinião

Equipe comandada por Bernardinho vence por 3 sets a 0 o São Bernardo

A Unilever (RJ) conquistou na noite desta sexta-feira (03) sua segunda vitória na Superliga Feminina de Vôlei 10/11. A equipe carioca derrotou o BMG/São Bernardo (SP) por 3 sets a 0, com parciais de 30/28, 25/10 e 25/14, em 1h26 de jogo, no ginásio Baetão, na cidade paulista de São Bernardo. A oposto Sheilla, da […]

Por helton em Sem categoria

3 de dezembro de 2010 às 22:54

Há 7 anos

Foto: Luiz Doro/Divulgação Unilever


A Unilever (RJ) conquistou na noite desta sexta-feira (03) sua segunda vitória na Superliga Feminina de Vôlei 10/11. A equipe carioca derrotou o BMG/São Bernardo (SP) por 3 sets a 0, com parciais de 30/28, 25/10 e 25/14, em 1h26 de jogo, no ginásio Baetão, na cidade paulista de São Bernardo. A oposto Sheilla, da Unilever, com 18 pontos, foi a maior pontuadora da partida. Por sua boa atuação, a líbero Fabi recebeu o troféu VivaVôlei como melhor jogadora da partida.

O técnico da Unilever, Bernardinho, disse após o jogo que sua equipe ainda tem muito o que trabalhar para as próximas partidas na Superliga.

“Falhamos muito no primeiro set. Tivemos uma vantagem de cinco pontos, mas cometemos erros e nos complicamos um pouco. Mais uma vez, a Sheilla jogou muito bem, e o time tem que se inspirar nela. Temos ainda muita coisa para ser corrigida para a competição”.

Eleita melhor atleta em quadra, a líbero Fabi destacou a importância de contribuir com a vitória da equipe na competição.

“Aprendi uma coisa na vida: a vibrar com o ponto das atacantes como se também fosse meu porque, indiretamente, também contribuí para que ele acontecesse”.

Pelo BMG/São Bernardo, a principal pontuadora foi Thaisinha, com 13 acertos, mesma pontuação obtida pela central da Unilever, Valeskinha. Ambas foram as segundas maiores pontuadoras do jogo.

O bloqueio da Unilever fez uma grande diferença em todo o jogo. O time carioca marcou 17 pontos. Valeskinha, com sete pontos, e Sheilla, com quatro, foram as atletas que mais se destacaram em parar o ataque do BMG/São Bernardo. A equipe paulista bloqueou apenas quatro vezes.

SUPERLIGA FEMININA 10/11
SEGUNDA RODADA DO TURNO

EQUIPES

BMG/SÃO BERNARDO – Kátia, Mari, Helô, Dani Scott, Renata Lúcia e Thaisinha. Líbero – Marcinha
Entraram – Bruna, Bia, Aline, Macris e Ana Paula
Técnico – José Alexandre Devesa

UNILEVER – Dani Lins, Sheilla, Suelle, Regiane, Juciely e Valeskinha. Líbero – Fabi
Entraram – Juliana, Roberta e Amanda
Técnico – Bernardinho

MAIOR PONTUADORA – Sheilla (Unilever), com 18 pontos]

TROFÉU VIVAVÔLEI – Fabi (Unilever)

CBV