Goleiro ex-Fortaleza e Flamengo faz pausa na carreira para estudar jornalismo esportivo


Goleiro ex-Fortaleza e Flamengo faz pausa na carreira para estudar jornalismo esportivo

Getúlio Vargas, revelado no Flamengo e campeão cearense pelo Fortaleza em 2007, pretende ser comentarista esportivo. A paixão veio durante a Copa do Mundo

Por Lucas Catrib em Futebol cearense

8 de outubro de 2014 às 14:00

Há 4 anos

 

Getúlio Vargas foi ídolo da torcida  do Fortaleza em 2007. O goleiro conquistou o título cearense (FOTO: arquivo pessoal)

Getúlio Vargas foi ídolo da torcida do Fortaleza em 2007. O goleiro conquistou o título cearense (FOTO: arquivo pessoal)

Pensar no futuro pós-aposentadoria bate à porta dos mais interessados trabalhadores. Nascido em São Gonçalo (RJ), com nome de ex-presidente, ele já demonstrava carisma e fala bem articulada desde o início da carreira no Flamengo. Agora aos 31 anos, o goleiro Getúlio Vargas, que fez sucesso no Fortaleza em 2007, deu uma curta pausa na carreira para se dedicar aos estudos. Ser jornalista esportivo está na pauta de pretensões do boleiro.

“Tenho me especializado. Não sei se foi o esporte que me trouxe isso, mas acredito muito na capacitação. Tirei esse fim de ano para me capacitar. Minha negociação para voltar à Bélgica não avançou e optei por me dedicar a uma de minhas paixões, a comunicação. Quero muito trabalhar com TV”, comenta o arqueiro.

Getúlio participou do curso de jornalismo esportivo promovido pela apresentadora dos canais Sportv, a jornalista Vanessa Riche (FOTO: montagem/arquivo pessoal)

Getúlio participou do curso de jornalismo esportivo promovido pela apresentadora dos canais Sportv, a jornalista Vanessa Riche (FOTO: montagem/arquivo pessoal)

Getúlio tomou ainda mais gosto pela coisa com as oportunidades recebidas durante a realização da Copa do Mundo 2014. Nos meses de junho e julho, participou de vários programas esportivos no Rio de Janeiro. Inclusive, o atleta trabalhou na transmissão de um jogo: Bélgica 1×0 Estados Unidos. A chance veio da rádio Bradesco Esportes FM.

Acostumado com a rotina intensa dos treinamentos esportivos, o jogador necessita de ainda mais concentração durante as aulas. Além de estar matriculado no curso de marketing estratégico da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), ele também estuda aos sábados.

Atualmente, Getúlio Vargas participa do workshop de jornalismo esportivo de Francisco Aiello, comentarista da CBN. Depois, frequenta o curso de locução e interpretação de Sérgio Gianotti, locutor da Sulamérica Paradiso FM.

Outra paixão do goleiro é a inclusão social. Concludente de um curso para se tornar palestrante, Getúlio Vargas tem uma missão: “Temos um projeto social para entrar aqui e minha parte compete em palestrar para crianças sobre a inserção do esporte na vida delas”, explica Getúlio Vargas.

Carreira

O goleiro não considera um encerramento definitivo na carreira. Em 2015, deverá ter um novo clube para atuar. Na atual temporada,  foi um dos destaques da campanha do Boavista no Campeonato Estadual.

O time de Saquarema chegou a conquista a Taça Rio. Contudo, a equipe não conseguiu avançar às semifinais da competição. Getúlio também acumula passagens por Duque de Caxias e Bangu.

Um dos momentos mais marcantes da carreira do jogador foi em 2007. Sem espaço no Flamengo, o jogador se transferiu para o Fortaleza. No Tricolor do Pici, o atleta se tornou ídolo e venceu o Campeonato Cearense do mesmo ano. Ele ainda mantém um carinho especial pelo ex-clube. Em sua página no Facebook, Vargas possui fotos dos tempos em que brilhava no Castelão ou PV, estádio homônimo.

A revelação da base rubro-negra também jogou no exterior. O Orlando Pirates foi seu clube na África do Sul. Já na Bélgica, o mais novo estudante atuou pelo Westerlo. Em Portugal, foi do Vitória de Setúbal.

Getúlio Vargas participou de uma transmissão da Bradesco Esportes FM na Copa do Mundo 2014 (FOTO: arquivo pessoal)

Getúlio Vargas participou de uma transmissão da Bradesco Esportes FM na Copa do Mundo 2014 (FOTO: arquivo pessoal)

Publicidade

Dê sua opinião

Goleiro ex-Fortaleza e Flamengo faz pausa na carreira para estudar jornalismo esportivo

Getúlio Vargas, revelado no Flamengo e campeão cearense pelo Fortaleza em 2007, pretende ser comentarista esportivo. A paixão veio durante a Copa do Mundo

Por Lucas Catrib em Futebol cearense

8 de outubro de 2014 às 14:00

Há 4 anos

 

Getúlio Vargas foi ídolo da torcida  do Fortaleza em 2007. O goleiro conquistou o título cearense (FOTO: arquivo pessoal)

Getúlio Vargas foi ídolo da torcida do Fortaleza em 2007. O goleiro conquistou o título cearense (FOTO: arquivo pessoal)

Pensar no futuro pós-aposentadoria bate à porta dos mais interessados trabalhadores. Nascido em São Gonçalo (RJ), com nome de ex-presidente, ele já demonstrava carisma e fala bem articulada desde o início da carreira no Flamengo. Agora aos 31 anos, o goleiro Getúlio Vargas, que fez sucesso no Fortaleza em 2007, deu uma curta pausa na carreira para se dedicar aos estudos. Ser jornalista esportivo está na pauta de pretensões do boleiro.

“Tenho me especializado. Não sei se foi o esporte que me trouxe isso, mas acredito muito na capacitação. Tirei esse fim de ano para me capacitar. Minha negociação para voltar à Bélgica não avançou e optei por me dedicar a uma de minhas paixões, a comunicação. Quero muito trabalhar com TV”, comenta o arqueiro.

Getúlio participou do curso de jornalismo esportivo promovido pela apresentadora dos canais Sportv, a jornalista Vanessa Riche (FOTO: montagem/arquivo pessoal)

Getúlio participou do curso de jornalismo esportivo promovido pela apresentadora dos canais Sportv, a jornalista Vanessa Riche (FOTO: montagem/arquivo pessoal)

Getúlio tomou ainda mais gosto pela coisa com as oportunidades recebidas durante a realização da Copa do Mundo 2014. Nos meses de junho e julho, participou de vários programas esportivos no Rio de Janeiro. Inclusive, o atleta trabalhou na transmissão de um jogo: Bélgica 1×0 Estados Unidos. A chance veio da rádio Bradesco Esportes FM.

Acostumado com a rotina intensa dos treinamentos esportivos, o jogador necessita de ainda mais concentração durante as aulas. Além de estar matriculado no curso de marketing estratégico da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), ele também estuda aos sábados.

Atualmente, Getúlio Vargas participa do workshop de jornalismo esportivo de Francisco Aiello, comentarista da CBN. Depois, frequenta o curso de locução e interpretação de Sérgio Gianotti, locutor da Sulamérica Paradiso FM.

Outra paixão do goleiro é a inclusão social. Concludente de um curso para se tornar palestrante, Getúlio Vargas tem uma missão: “Temos um projeto social para entrar aqui e minha parte compete em palestrar para crianças sobre a inserção do esporte na vida delas”, explica Getúlio Vargas.

Carreira

O goleiro não considera um encerramento definitivo na carreira. Em 2015, deverá ter um novo clube para atuar. Na atual temporada,  foi um dos destaques da campanha do Boavista no Campeonato Estadual.

O time de Saquarema chegou a conquista a Taça Rio. Contudo, a equipe não conseguiu avançar às semifinais da competição. Getúlio também acumula passagens por Duque de Caxias e Bangu.

Um dos momentos mais marcantes da carreira do jogador foi em 2007. Sem espaço no Flamengo, o jogador se transferiu para o Fortaleza. No Tricolor do Pici, o atleta se tornou ídolo e venceu o Campeonato Cearense do mesmo ano. Ele ainda mantém um carinho especial pelo ex-clube. Em sua página no Facebook, Vargas possui fotos dos tempos em que brilhava no Castelão ou PV, estádio homônimo.

A revelação da base rubro-negra também jogou no exterior. O Orlando Pirates foi seu clube na África do Sul. Já na Bélgica, o mais novo estudante atuou pelo Westerlo. Em Portugal, foi do Vitória de Setúbal.

Getúlio Vargas participou de uma transmissão da Bradesco Esportes FM na Copa do Mundo 2014 (FOTO: arquivo pessoal)

Getúlio Vargas participou de uma transmissão da Bradesco Esportes FM na Copa do Mundo 2014 (FOTO: arquivo pessoal)