Ceará mantém base em todas as posições e se reforça com dois ídolos para 2017

PREPARAÇÃO

Ceará mantém base em todas as posições e se reforça com dois ídolos para 2017

Magno Alves e Ricardinho, já conhecidos pela torcida alvinegra, retornaram para o Vovô, sendo dois dos 12 reforços

Por Nordestv em Futebol cearense

12 de Janeiro de 2017 às 07:39

Há 11 meses
Ceara-temporada-Magno-Alves-Rafael-Costa

Magno Alves retornou e Rafael Costa permaneceu no Vovô (FOTO: Christian Alekson/Cearasc.com)

No ciclo do futebol, tudo se recomeça a cada temporada. Porém, apesar das mudanças, o Ceará resolveu manter uma base em cada posição para os campeonatos que irá disputar neste ano de 2017.

O Vovô renovou contratos, manteve jogadores, teve o retorno de velhos conhecidos como Magno Alves e Ricardinho, mas também trouxe caras novas, como explica a matéria do programa Jogo Aberto, da Nordestv/Band.

Um dos novos jogadores é o atacante Douglas Baggio, que jogou em 2016 pelo Luverdense. O atleta falou da responsabilidade de fazer bons jogos e agradar a torcida alvinegra.

“Fico feliz de vestir essa camisa do Ceará. Sei que é uma torcida maravilhosa, de massa, uma torcida grande. Espero dá meu máximo dentro de campo e dá alegria para essa torcida maravilhosa”, afirma Baggio.

Além de jogadores, o técnico também é novato em Porangabuçu. Gilmar Dal Pozzo, que já treinou Chapecoense, Paysandu e Náutico, falou da curta pré-temporada do Vovô e como isso pode ser superado nos treinamentos.

“Eu tenho que dar o máximo de entrosamento para essa equipe, o mais rápido possível. Eu tenho que desenvolver com bola, no espaço reduzido que tenho para esses atletas irem se conhecendo e desenvolverem dentro do campo o estilo de jogo que passo a eles”, explicou Dal Pozzo.

Próximo da estreia no Campeonato Cearense contra o Maranguape, o técnico ressaltou que, apesar do calendário apertado, os atletas estão conseguindo absorver rápido as orientações passadas.

“São jogadores inteligentes taticamente, e estão pegando logo o meu sistema de jogo e tecnicamente têm a técnica apurada”, observa.

Sobre qual o time deve ser titular no início da temporada, ele diz que existem quatro pontos para que um jogador seja titular na sua equipe. “Ele tem estar bem fisicamente, taticamente, tecnicamente, mas principalmente emocionalmente. São esses elementos que irão credenciar o atleta a iniciar a competição”, finaliza.

O Vovô manteve 11 jogadores da temporada 2016, contratou 12 jogadores, teve o retorno de Alex Amado de empréstimo e também subiu três jogadores da base para o elenco profissional.

Confira a matéria de Ana Claudia Andrade, repórter da Nordestv/Band:

Publicidade

Dê sua opinião

PREPARAÇÃO

Ceará mantém base em todas as posições e se reforça com dois ídolos para 2017

Magno Alves e Ricardinho, já conhecidos pela torcida alvinegra, retornaram para o Vovô, sendo dois dos 12 reforços

Por Nordestv em Futebol cearense

12 de Janeiro de 2017 às 07:39

Há 11 meses
Ceara-temporada-Magno-Alves-Rafael-Costa

Magno Alves retornou e Rafael Costa permaneceu no Vovô (FOTO: Christian Alekson/Cearasc.com)

No ciclo do futebol, tudo se recomeça a cada temporada. Porém, apesar das mudanças, o Ceará resolveu manter uma base em cada posição para os campeonatos que irá disputar neste ano de 2017.

O Vovô renovou contratos, manteve jogadores, teve o retorno de velhos conhecidos como Magno Alves e Ricardinho, mas também trouxe caras novas, como explica a matéria do programa Jogo Aberto, da Nordestv/Band.

Um dos novos jogadores é o atacante Douglas Baggio, que jogou em 2016 pelo Luverdense. O atleta falou da responsabilidade de fazer bons jogos e agradar a torcida alvinegra.

“Fico feliz de vestir essa camisa do Ceará. Sei que é uma torcida maravilhosa, de massa, uma torcida grande. Espero dá meu máximo dentro de campo e dá alegria para essa torcida maravilhosa”, afirma Baggio.

Além de jogadores, o técnico também é novato em Porangabuçu. Gilmar Dal Pozzo, que já treinou Chapecoense, Paysandu e Náutico, falou da curta pré-temporada do Vovô e como isso pode ser superado nos treinamentos.

“Eu tenho que dar o máximo de entrosamento para essa equipe, o mais rápido possível. Eu tenho que desenvolver com bola, no espaço reduzido que tenho para esses atletas irem se conhecendo e desenvolverem dentro do campo o estilo de jogo que passo a eles”, explicou Dal Pozzo.

Próximo da estreia no Campeonato Cearense contra o Maranguape, o técnico ressaltou que, apesar do calendário apertado, os atletas estão conseguindo absorver rápido as orientações passadas.

“São jogadores inteligentes taticamente, e estão pegando logo o meu sistema de jogo e tecnicamente têm a técnica apurada”, observa.

Sobre qual o time deve ser titular no início da temporada, ele diz que existem quatro pontos para que um jogador seja titular na sua equipe. “Ele tem estar bem fisicamente, taticamente, tecnicamente, mas principalmente emocionalmente. São esses elementos que irão credenciar o atleta a iniciar a competição”, finaliza.

O Vovô manteve 11 jogadores da temporada 2016, contratou 12 jogadores, teve o retorno de Alex Amado de empréstimo e também subiu três jogadores da base para o elenco profissional.

Confira a matéria de Ana Claudia Andrade, repórter da Nordestv/Band: