17 atletas que atuaram no futebol cearense já vestiram a camisa da Seleção Brasileira


17 atletas que atuaram no futebol cearense já vestiram a camisa da Seleção Brasileira

No Campeonato Cearense 2015, Dudu Cearense pelo Fortaleza e Magno Alves pelo Ceará são os únicos atletas que já vestiram a camisa da Seleção Brasileira

Por Rodrigo Cavalcante em Futebol cearense

22 de Fevereiro de 2015 às 07:00

Há 3 anos

Apesar dos turbilhões de criticas e de ser considerado um campeonato pequeno pelos sulistas, o Cearense tem grandes histórias, marcas positivas e atletas de seleção brasileira. É verdade. Jogadores com passagem pela Seleção Brasileira já vestiram a camisa de times locais. E assim, o Tribuna do Ceará escalou um grupo de 17 atletas que tiveram a honra de serem convocados para vestir a camisa amarelinha e já pisaram em gramados cearenses.

Fernando Henrique atuou pelo Ceará entre 2011 e 2013. (Foto: Divulgação/CearáSC)

Fernando Henrique atuou pelo Ceará entre 2011 e 2013. (Foto: Divulgação/CearáSC)

Fernando Henrique: formado nas categorias de base do Fluminense, o goleiro tem passagens tanto pelo sub-20 como pela equipe profissional da seleção brasileira. Com 31 anos, o arqueiro passou pelo Ceará de 2011 a 2013 e atualmente atua pelo Inter de Lajes (SC). O goleiro teve 26 passagens pelo sub-20 e uma convocação para a seleção principal.

Osvaldo atuou pelo São na última temporada. (Foto: Divulgação/São Paulo)

Osvaldo atuou pelo São na última temporada. (Foto: Divulgação/São Paulo)

Osvaldo: o jovem atacante de de 27 anos surgiu nas categorias de base do Fortaleza, mas também atuou pelo Ceará no ano de 2011. Vendido recentemente para o Al-Ahli (Arábia), Osvaldo atuou 161 vezes com a camisa do São Paulo onde marcou 20 gols. O atacante foi convocado e atuou duas vezes pela seleção de Felipão em 2013.

Marcelinho Paraiba atuou pelo Fortaleza na temporada 2014. (Foto: Divulgação/FortalezaEC)

Marcelinho Paraiba atuou pelo Fortaleza na temporada 2014. (Foto: Divulgação/FortalezaEC)

Marcelinho Paraíba: com passagens por São Paulo,Flamengo e Grêmio, o meia atacante tem cinco atuações pela Seleção Brasileira no ano de 2001. “MP10” jogou pelo Fortaleza na última temporada e nessa temporada defende o Inter de Lajes (SC).

Pinga: O zagueiro formado nas categorias de base do Internacional atuou na seleção olímpica de 1984. Com uma rápida passagem pelo Corinthians, o zagueiro também jogou pelo Fortaleza em 1999.

Dudu Cearense atuou na Copa América de 2004. (Foto: CBF)

Dudu Cearense atuou na Copa América de 2004. (Foto: CBF)

Dudu Cearense: começou nas categorias de base do Ceará em 1998, mas logo foi descoberto por olheiros do Vitória (BA), onde apareceu no cenário nacional. Foi convocado para a Copa das Confederações de 2003, mas não jogou. Foi chamado pelo técnico Carlos Alberto Parreira para a Copa América de 2004 e ajudou a equipe no título da competição. Dudu foi contratado pelo Fortaleza em 10 de janeiro e acertou contrato até final de 2015. Somando base e seleção principal, Dudu atuou 36 vezes com a camisa amarelinha.

Edmilson jogou pelo Ceará no ano de 2011. (Foto: Divulgação/CearaSC)

Edmilson jogou pelo Ceará no ano de 2011. (Foto: Divulgação/CearaSC)

Edmilson: com passagens por Lyon, Barcelona, Villarreal e São Paulo, o volante atuou pelo Ceará no ano de 2011. Edmilson jogou 42 vezes pela seleção brasileira e fez parte do grupo que conquistou o penta na Copa de 2002.

Jonatas atuou pelo Icasa na temporada 2014. (Foto: Divulgação/Icasa)

Jonatas atuou pelo Icasa na temporada 2014. (Foto: Divulgação/Icasa)

Jônatas: Volante, natural de Fortaleza, estourou para o futebol jogando pelo Flamengo, onde foi contratado em 2002. Em 2006, foi convocado pelo técnico Dunga para um amistoso contra a Noruega, mas não chegou a entrar em campo. Em 2014 jogou pelo Icasa.

Claudio Adão atuou pelo Ceará no ano de 1993. (Foto: Divulgação/Mixto)

Claudio Adão atuou pelo Ceará no ano de 1993. (Foto: Divulgação/Mixto)

Claudio Adão: com passagens pelo principais clubes do futebol brasileiro, o atacante foi campeão cearense pelo Ceará em 1993. Pela seleção Brasileira atuou entre 1975 e 1976, com 14 gols em 12 partidas.

Magno Alves foi o artilheiro da temporada 2014 no futebol brasileiro. (Foto: Divulgação/Ceará)

Magno Alves foi o artilheiro da temporada 2014 no futebol brasileiro. (Foto: Divulgação/Ceará)

Magno Alves: o atacante de 39 anos brilhou com a camisa do Fluminense entre os anos de 1998 e 2002. O artilheiro do Brasil de 2014 teve passagem pela seleção brasileira no ano de 2001, disputando a Copa das Confederações. Com a camisa do Alvinegro, o atleta já marcou 78 gols. O “Magnata” defendeu a seleção em três oportunidades.

Jardel atualmente é deputado estadual no Rio Grande do Sul. (Foto: Divulgação)

Jardel atualmente é deputado estadual no Rio Grande do Sul. (Foto: Divulgação)

Jardel: Centroavante nato e excelente cabeceador, Mário Jardel foi revelado pelas categorias de base do Ferroviário, em 1990. Mas seu caminho de glórias começou ao se transferir para o Vasco da Gama em 1991, brilhando também por Grêmio, Porto, Galatasaray, entre outros. Foi convocado 11 vezes para a seleção brasileira, entre 1996 e 2002, jogando sete vezes e marcando um gol contra a Tailândia. Em 2009, o atacante voltou a jogar no Ferroviário e reestreou dia 11 de março, marcando um belo gol na vitória contra o Quixadá de 2 a 0.

Valdeir atuou pelo Ceará no ano de 2001. (Foto: Reprodução)

Valdeir atuou pelo Ceará no ano de 2001. (Foto: Reprodução)

Valdeir: apelidado de “The Flash” por sua velocidade, o atacante atuou pelo Ceará no ano de 2001. Valdeir atuou pela seleção entre os anos de 1990 e 1993 e foi convocado 18 vezes.

Adriano: Zagueiro, revelado pelas categorias de base do Ferroviário, foi convocado pelo técnico por Zagallo em 1995 para um amistoso contra o Valencia, quando defendia o Sport-PE.

Mirandinha conquistou o tetracampenato pelo Fortaleza em 2010. (Foto: Fortaleezaec.com)

Mirandinha conquistou o tetracampenato pelo Fortaleza em 2010. (Foto: Fortaleezaec.com)

Mirandinha: Natural de Chaval, Francisco Ernandi Lima da Silva começou a carreira na Ponte Preta e passou por diversos clubes, como Palmeiras, Botafogo, Cruzeiro, Santos, Corinthians e se sagrou campeão pelo Fortaleza. Jogou pela seleção brasileira em quatro ocasiões, entre 1987 e 1989, chegando a marcar um gol contra a Inglaterra, em pleno estádio de Wembley. Posteriormente se tornou técnico de Ferroviário, Fortaleza, entre outros.

Zé de Melo e Geroldo: o primeiro era meia esquerda e foi ídolo no Ferroviário, já o segundo era lateral esquerdo e atuou pelo América na década de 50. Eles foram convocados para o Sul-Americano Extra de 1959, quando a seleção brasileira foi representada por um selecionado nordestino e eles atuavam pela seleção pernambucana. O time, comandado por Gentil Barroso, ficou conhecido como “Seleção Cacareco”.

Babá: Natural de Caucaia, Mário Gadelha, atacante mais conhecido como Babá, começou a carreira no Ceará. Mas foi no Flamengo onde ficou conhecido em todo o país, jogando entre 1954 e 1962. Foi convocado para a seleção uma vez, em 1961, para amistoso contra o Paraguai.

Segundo a grande maioria do torcedor são paulino,Canhoteiro foi o melhor jogador da história do clube. (Foto: Milton Neves.com)

Segundo a grande maioria do torcedor são paulino, Canhoteiro foi o melhor jogador da história do clube. (Foto: Milton Neves.com)

Canhoteiro: festejado no América cearense nos anos 50, o atleta era um ponta esquerda de extrema habilidade. Ídolo do São Paulo, o atacante vestiu a camisa da equipe paulista 415 vezes e marcou 103 gols. Pela seleção, o atleta atuou 16 vezes.

Publicidade

Dê sua opinião

17 atletas que atuaram no futebol cearense já vestiram a camisa da Seleção Brasileira

No Campeonato Cearense 2015, Dudu Cearense pelo Fortaleza e Magno Alves pelo Ceará são os únicos atletas que já vestiram a camisa da Seleção Brasileira

Por Rodrigo Cavalcante em Futebol cearense

22 de Fevereiro de 2015 às 07:00

Há 3 anos

Apesar dos turbilhões de criticas e de ser considerado um campeonato pequeno pelos sulistas, o Cearense tem grandes histórias, marcas positivas e atletas de seleção brasileira. É verdade. Jogadores com passagem pela Seleção Brasileira já vestiram a camisa de times locais. E assim, o Tribuna do Ceará escalou um grupo de 17 atletas que tiveram a honra de serem convocados para vestir a camisa amarelinha e já pisaram em gramados cearenses.

Fernando Henrique atuou pelo Ceará entre 2011 e 2013. (Foto: Divulgação/CearáSC)

Fernando Henrique atuou pelo Ceará entre 2011 e 2013. (Foto: Divulgação/CearáSC)

Fernando Henrique: formado nas categorias de base do Fluminense, o goleiro tem passagens tanto pelo sub-20 como pela equipe profissional da seleção brasileira. Com 31 anos, o arqueiro passou pelo Ceará de 2011 a 2013 e atualmente atua pelo Inter de Lajes (SC). O goleiro teve 26 passagens pelo sub-20 e uma convocação para a seleção principal.

Osvaldo atuou pelo São na última temporada. (Foto: Divulgação/São Paulo)

Osvaldo atuou pelo São na última temporada. (Foto: Divulgação/São Paulo)

Osvaldo: o jovem atacante de de 27 anos surgiu nas categorias de base do Fortaleza, mas também atuou pelo Ceará no ano de 2011. Vendido recentemente para o Al-Ahli (Arábia), Osvaldo atuou 161 vezes com a camisa do São Paulo onde marcou 20 gols. O atacante foi convocado e atuou duas vezes pela seleção de Felipão em 2013.

Marcelinho Paraiba atuou pelo Fortaleza na temporada 2014. (Foto: Divulgação/FortalezaEC)

Marcelinho Paraiba atuou pelo Fortaleza na temporada 2014. (Foto: Divulgação/FortalezaEC)

Marcelinho Paraíba: com passagens por São Paulo,Flamengo e Grêmio, o meia atacante tem cinco atuações pela Seleção Brasileira no ano de 2001. “MP10” jogou pelo Fortaleza na última temporada e nessa temporada defende o Inter de Lajes (SC).

Pinga: O zagueiro formado nas categorias de base do Internacional atuou na seleção olímpica de 1984. Com uma rápida passagem pelo Corinthians, o zagueiro também jogou pelo Fortaleza em 1999.

Dudu Cearense atuou na Copa América de 2004. (Foto: CBF)

Dudu Cearense atuou na Copa América de 2004. (Foto: CBF)

Dudu Cearense: começou nas categorias de base do Ceará em 1998, mas logo foi descoberto por olheiros do Vitória (BA), onde apareceu no cenário nacional. Foi convocado para a Copa das Confederações de 2003, mas não jogou. Foi chamado pelo técnico Carlos Alberto Parreira para a Copa América de 2004 e ajudou a equipe no título da competição. Dudu foi contratado pelo Fortaleza em 10 de janeiro e acertou contrato até final de 2015. Somando base e seleção principal, Dudu atuou 36 vezes com a camisa amarelinha.

Edmilson jogou pelo Ceará no ano de 2011. (Foto: Divulgação/CearaSC)

Edmilson jogou pelo Ceará no ano de 2011. (Foto: Divulgação/CearaSC)

Edmilson: com passagens por Lyon, Barcelona, Villarreal e São Paulo, o volante atuou pelo Ceará no ano de 2011. Edmilson jogou 42 vezes pela seleção brasileira e fez parte do grupo que conquistou o penta na Copa de 2002.

Jonatas atuou pelo Icasa na temporada 2014. (Foto: Divulgação/Icasa)

Jonatas atuou pelo Icasa na temporada 2014. (Foto: Divulgação/Icasa)

Jônatas: Volante, natural de Fortaleza, estourou para o futebol jogando pelo Flamengo, onde foi contratado em 2002. Em 2006, foi convocado pelo técnico Dunga para um amistoso contra a Noruega, mas não chegou a entrar em campo. Em 2014 jogou pelo Icasa.

Claudio Adão atuou pelo Ceará no ano de 1993. (Foto: Divulgação/Mixto)

Claudio Adão atuou pelo Ceará no ano de 1993. (Foto: Divulgação/Mixto)

Claudio Adão: com passagens pelo principais clubes do futebol brasileiro, o atacante foi campeão cearense pelo Ceará em 1993. Pela seleção Brasileira atuou entre 1975 e 1976, com 14 gols em 12 partidas.

Magno Alves foi o artilheiro da temporada 2014 no futebol brasileiro. (Foto: Divulgação/Ceará)

Magno Alves foi o artilheiro da temporada 2014 no futebol brasileiro. (Foto: Divulgação/Ceará)

Magno Alves: o atacante de 39 anos brilhou com a camisa do Fluminense entre os anos de 1998 e 2002. O artilheiro do Brasil de 2014 teve passagem pela seleção brasileira no ano de 2001, disputando a Copa das Confederações. Com a camisa do Alvinegro, o atleta já marcou 78 gols. O “Magnata” defendeu a seleção em três oportunidades.

Jardel atualmente é deputado estadual no Rio Grande do Sul. (Foto: Divulgação)

Jardel atualmente é deputado estadual no Rio Grande do Sul. (Foto: Divulgação)

Jardel: Centroavante nato e excelente cabeceador, Mário Jardel foi revelado pelas categorias de base do Ferroviário, em 1990. Mas seu caminho de glórias começou ao se transferir para o Vasco da Gama em 1991, brilhando também por Grêmio, Porto, Galatasaray, entre outros. Foi convocado 11 vezes para a seleção brasileira, entre 1996 e 2002, jogando sete vezes e marcando um gol contra a Tailândia. Em 2009, o atacante voltou a jogar no Ferroviário e reestreou dia 11 de março, marcando um belo gol na vitória contra o Quixadá de 2 a 0.

Valdeir atuou pelo Ceará no ano de 2001. (Foto: Reprodução)

Valdeir atuou pelo Ceará no ano de 2001. (Foto: Reprodução)

Valdeir: apelidado de “The Flash” por sua velocidade, o atacante atuou pelo Ceará no ano de 2001. Valdeir atuou pela seleção entre os anos de 1990 e 1993 e foi convocado 18 vezes.

Adriano: Zagueiro, revelado pelas categorias de base do Ferroviário, foi convocado pelo técnico por Zagallo em 1995 para um amistoso contra o Valencia, quando defendia o Sport-PE.

Mirandinha conquistou o tetracampenato pelo Fortaleza em 2010. (Foto: Fortaleezaec.com)

Mirandinha conquistou o tetracampenato pelo Fortaleza em 2010. (Foto: Fortaleezaec.com)

Mirandinha: Natural de Chaval, Francisco Ernandi Lima da Silva começou a carreira na Ponte Preta e passou por diversos clubes, como Palmeiras, Botafogo, Cruzeiro, Santos, Corinthians e se sagrou campeão pelo Fortaleza. Jogou pela seleção brasileira em quatro ocasiões, entre 1987 e 1989, chegando a marcar um gol contra a Inglaterra, em pleno estádio de Wembley. Posteriormente se tornou técnico de Ferroviário, Fortaleza, entre outros.

Zé de Melo e Geroldo: o primeiro era meia esquerda e foi ídolo no Ferroviário, já o segundo era lateral esquerdo e atuou pelo América na década de 50. Eles foram convocados para o Sul-Americano Extra de 1959, quando a seleção brasileira foi representada por um selecionado nordestino e eles atuavam pela seleção pernambucana. O time, comandado por Gentil Barroso, ficou conhecido como “Seleção Cacareco”.

Babá: Natural de Caucaia, Mário Gadelha, atacante mais conhecido como Babá, começou a carreira no Ceará. Mas foi no Flamengo onde ficou conhecido em todo o país, jogando entre 1954 e 1962. Foi convocado para a seleção uma vez, em 1961, para amistoso contra o Paraguai.

Segundo a grande maioria do torcedor são paulino,Canhoteiro foi o melhor jogador da história do clube. (Foto: Milton Neves.com)

Segundo a grande maioria do torcedor são paulino, Canhoteiro foi o melhor jogador da história do clube. (Foto: Milton Neves.com)

Canhoteiro: festejado no América cearense nos anos 50, o atleta era um ponta esquerda de extrema habilidade. Ídolo do São Paulo, o atacante vestiu a camisa da equipe paulista 415 vezes e marcou 103 gols. Pela seleção, o atleta atuou 16 vezes.