Revelação do ano passado, Romário tem 2013 para esquecer - Esportes


Revelação do ano passado, Romário tem 2013 para esquecer

O atacante Romário, que em 2012 foi a principal revelação do futebol cearense, foi devolvido pelo Luverdense ao Ceará e fechou o ano sem marcar gols em jogos oficiais

Por Caio Costa em Ceará

19 de novembro de 2013 às 15:48

Há 5 anos
Romário não marcou gols nesta temporada Foto: Divulgação/CearaSC.com

Romário não marcou gols nesta temporada Foto: Divulgação/CearaSC.com

O atacante Romário foi devolvido pelo Luverdense para o Ceará, depois de pouco fazer pelo clube mato-grossense. O fiasco no time de Lucas do Rio Verde-MT apenas fecha uma temporada para esquecer do jogador apenas 21 anos.

Promovido aos profissionais do Alvinegro no ano passado, Romário rapidamente caiu nas graças da torcida alvinegra com um estilo de muita raça, que ficou exemplificado no pênalti que sofreu na final do estadual, que garantiu o empate contra o Fortaleza e o título ao Vovô.

Com a saída de Felipe Azevedo, que se transferiu para o Sport, o atacante se firmou como titular, mas começou ter seguidos problemas de lesão, que prejudica a sua carreira até hoje.

Apesar do desempenho medíocre do Ceará na Série B, que terminou na 11º posição,  e de uma contusão no púbis que o tirou de combate ainda em julho, Romário terminou 2012 com 12 gols marcados em 32 jogos disputados e considerado a principal revelação do futebol cearense na temporada.

2013 para esquecer

No início de 2013, Romário apareceu recuperado da pubalgia que tanto o atrapalhou em 2012 e querendo recuperar o espaço perdido. Entretanto, uma ruptura muscular após cobrar e desperdiçar um pênalti, ainda na terceira rodada da Copa do Nordeste, o deixou fora de combate por quase quatro meses.

Depois disso, o atacante teve seu único momento de brilho no ano. Com dois gols marcados, foi a principal atração em um treino da Seleção Brasileira, quando esta esteve em Fortaleza durante a Copa das Confederações.

Apesar do sucesso na atividade contra o time comandado por Felipão, Romário não conseguiu se firmar no Ceará, voltou a sofrer uma contusão, desta vez no tornozelo, e posteriormente foi emprestado ao Luverdense.

No clube mato-grossense, o jogador voltou a ser paciente do departamento médico e após apenas quatro partidas (três pela Série C e uma pela Copa Mato-Grosso) foi devolvido para Porangabuçu.

Com todos os problemas, Romário disputou apenas 12 partidas oficiais em 2013, três como titular e não conseguiu marcar gols em nenhuma delas.

 

Publicidade

Dê sua opinião

Revelação do ano passado, Romário tem 2013 para esquecer

O atacante Romário, que em 2012 foi a principal revelação do futebol cearense, foi devolvido pelo Luverdense ao Ceará e fechou o ano sem marcar gols em jogos oficiais

Por Caio Costa em Ceará

19 de novembro de 2013 às 15:48

Há 5 anos
Romário não marcou gols nesta temporada Foto: Divulgação/CearaSC.com

Romário não marcou gols nesta temporada Foto: Divulgação/CearaSC.com

O atacante Romário foi devolvido pelo Luverdense para o Ceará, depois de pouco fazer pelo clube mato-grossense. O fiasco no time de Lucas do Rio Verde-MT apenas fecha uma temporada para esquecer do jogador apenas 21 anos.

Promovido aos profissionais do Alvinegro no ano passado, Romário rapidamente caiu nas graças da torcida alvinegra com um estilo de muita raça, que ficou exemplificado no pênalti que sofreu na final do estadual, que garantiu o empate contra o Fortaleza e o título ao Vovô.

Com a saída de Felipe Azevedo, que se transferiu para o Sport, o atacante se firmou como titular, mas começou ter seguidos problemas de lesão, que prejudica a sua carreira até hoje.

Apesar do desempenho medíocre do Ceará na Série B, que terminou na 11º posição,  e de uma contusão no púbis que o tirou de combate ainda em julho, Romário terminou 2012 com 12 gols marcados em 32 jogos disputados e considerado a principal revelação do futebol cearense na temporada.

2013 para esquecer

No início de 2013, Romário apareceu recuperado da pubalgia que tanto o atrapalhou em 2012 e querendo recuperar o espaço perdido. Entretanto, uma ruptura muscular após cobrar e desperdiçar um pênalti, ainda na terceira rodada da Copa do Nordeste, o deixou fora de combate por quase quatro meses.

Depois disso, o atacante teve seu único momento de brilho no ano. Com dois gols marcados, foi a principal atração em um treino da Seleção Brasileira, quando esta esteve em Fortaleza durante a Copa das Confederações.

Apesar do sucesso na atividade contra o time comandado por Felipão, Romário não conseguiu se firmar no Ceará, voltou a sofrer uma contusão, desta vez no tornozelo, e posteriormente foi emprestado ao Luverdense.

No clube mato-grossense, o jogador voltou a ser paciente do departamento médico e após apenas quatro partidas (três pela Série C e uma pela Copa Mato-Grosso) foi devolvido para Porangabuçu.

Com todos os problemas, Romário disputou apenas 12 partidas oficiais em 2013, três como titular e não conseguiu marcar gols em nenhuma delas.