Pivô norte-americano já treina com o Basquete Cearense

O pivô norte-americano DeVon Hardin, de 2.11m, é uma das esperanças do Basquete Cearense para a próxima temporada do NBB

DeVon Hardin vai defender o Basquete Cearense na próxima temporada do NBB Foto: Divulgação

DeVon Hardin vai defender o Basquete Cearense na próxima temporada do NBB Foto: Divulgação

O pivô norte-americano DeVon Hardin, um dos principais reforços do Basquete Cearense para a próxima temporada do Novo Basquete Brasil (NBB), já está em Fortaleza treinando com os seus novos companheiros.

O jogador de 27 anos foi contratado após o técnico Alberto Bial ter vê-lo em ação durante a sua viagem aos Estados Unidos. O treinador inclusive fez treinos com o atleta antes de iniciar as negociações.

Hardin atuou por quatro anos pela equipe da Universidade da Califórnia e no draft (processo de recrutamento de jogadores da liga) da NBA de 2008 foi selecionado pelo Seattle Supersonics (atual Oklahoma City Thunder), mas uma lesão na tíbia impediu que ele se integrasse o time.

Sem espaço em seu país natal, o pivô de 2.11m passou a ser um verdadeiro andarilho, defendendo clubes de várias partes do mundo como Turquia, Argentina e Israel.

Hardin afirma que quer brilhar nesta sua primeira experiência no basquete brasileiro. “Fiquei impressionado com a altura e o preparo físico dos atletas do SKY/ Basquete Cearense. Espero melhorar como jogador e ajudar o time na conquista do NBB”, disse ao site oficial do NBB.

Dê sua Opinião