Play/Pause na música


“A terceira idade é a felicidade
A terceira idade é a voz da verdade”

01 de setembro de 2014

A fonte da longevidade

A trajetória da natação cearense passa pela história de dois bons amigos: José Augusto Parente (70) e Maria José Veras (63). Há 25 anos juntos, o “casal” é só sorrisos quando o assunto é piscina.

Leia mais


“Faz um grupo e sai por aí
o negócio é se divertir
o amor é pra se dividir
alegria geral”

01 de setembro de 2014

Em 2050, um país de idosos

A maior parte da população brasileira está concentrada na faixa etária de 40 a 59 anos, enquanto a população idosa corresponde a 16,6% do total, mas esta realidade vai mudar. De acordo com projeções do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), até 2030 o grupo dos 60 ou mais será maior que o das crianças e, em 2055, deve ser majoritária.

O último levantamento do IBGE, divulgado em 2013, indica que a expectativa de vida ao nascer no Brasil passou de 74,1 para 74,6 anos. Os dados são referentes ao ano de 2012. Apesar do aumento moderado entre 2011 e 2012, o estudo mostra que em 10 anos a esperança de vida do brasileiro ao nascer cresceu mais de três anos. De acordo com o Instituto, a expectativa de vida no País era de 71 anos em 2002.

De acordo com médico geriatra e professor da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará (UFC) João Macêdo Coelho Filho o envelhecimento populacional é decorrente basicamente de dois fatores: redução da mortalidade e da taxa de fecundidade. “Esses fatores traduzem avanços sociais e tecnológicos da sociedade brasileira, traduzidos por maior cobertura e acesso aos serviços de saúde; maior nível de informação; urbanização da população; controle de doenças transmissíveis; saneamento básico, dentre outros”, explica.

Leia mais


“Está sempre na academia
faz coisa que eu não fazia
no entanto não perde a mania
de me aconselhar”

01 de setembro de 2014

Geração plugada (e de valor)

Hoje, acessar a Internet faz parte das atividades diárias de Dona Cabral. Além de pesquisar e saber das notícias, ela também é fã de Facebook

Hoje, acessar a Internet faz parte das atividades diárias de Dona Cabral. Além de pesquisar e saber das notícias, ela também é fã de Facebook

“Minha vida mudou depois do computador. Queria ter conhecido há mais tempo”, diz a professora aposentada Maria Cabral, que caiu na “rede” em 2011, após incentivo dos filhos. Hoje, aos 84 anos, “Dona Cabral” é só alegria após fazer o 2º curso de inclusão digital em cerca de 3 anos.

Resistente à tecnologia, aprender a “mexer” em computador nunca foi a vontade dela. O 1º curso veio após ganhar um PC da filha. “Eu tinha uma escola com computadores, mas nunca me interessei. Quem cuidava de tudo era minhas filhas. Talvez se eu tivesse aprendido antes, teria até dispensado uma delas e economizado no pagamento. Antes, eu via o computador que eu ganhei de aniversário, olhava pra ele, mas não fazia nada, foi aí que um dia resolvi aprender”, relembra sorridente.

Leia mais


“Não faz só tricô e bolinho
vai à praia e toma um chopinho
também gosta de ouvir um chorinho
e um pagode legal”

“A terceira idade é a felicidade
A terceira idade é a voz da verdade”

Coordenação e produção: Felipe Lima
Direção de arte: Tiago Leite
Edição de imagem e vídeo: Renato Ferreira