TOEFL e IELTS: entenda a diferença entre os testes de proficiência em língua inglesa

COMUNICAÇÃO

TOEFL e IELTS: entenda a diferença entre os testes de proficiência em língua inglesa

As duas categorias de exames de proficiência mais populares em língua inglesa são o TOEFL e o IELTS, requisitados para estudos acadêmicos e para migração global

Por Rafael Luis Azevedo em Intercâmbio

11 de Março de 2018 às 07:15

Há 3 meses
A diferença mais evidente é que o IELTS é desenvolvido para o inglês britânico e o TOEFL para o inglês americano (FOTO: Divulgação)

A diferença mais evidente é que o IELTS é desenvolvido para o inglês britânico e o TOEFL para o inglês americano (FOTO: Divulgação)

O primeiro passo para quem almeja uma vaga de trabalho ou bolsa de estudos em países de língua inglesa é comprovar a capacidade de conversação e escrita no idioma. Para isso, diversas universidades e empresas norte-americanas e europeias utilizam testes de proficiência para medir as habilidades de comunicação.

As duas categorias de exames de proficiência mais populares em língua inglesa são o TOEFL e o IELTS, requisitados tanto para estudos acadêmicos quanto para migração global. Os dois testes têm objetivos muito parecidos, mas para quem pretende comprovar a proficiência em inglês, seja voltado ao estudo ou ao trabalho, é essencial entender a diferença entre eles.

A diferença mais evidente entre os dois exames é que o IELTS é desenvolvido para o inglês britânico e o TOEFL para o inglês americano. O International English Language Testing System (IELTS) é desenvolvido pelo IDP Austrália e Canadá, British Council e Cambridge Language Assessments e abrange as quatro habilidades de comunicação: listening (interpretação oral), reading (interpretação escrita), writing (redação) e speaking (conversação).

Ele possui duas modalidades: o Academic, ideal para quem nível de graduação ou pós-graduação, ou juntar-se a uma organização profissional em um país de língua inglesa; e o General Testing, para quem pretende treinar ou estudar em um nível abaixo de graduação, trabalhar, estagiar ou emigrar em um país de língua inglesa.

A prova do IELTS tem duração de 2h45 e é estruturada em 4 etapas: listening, com 30 minutos + 10 minutos para transferência das respostas (sem uso de fones de ouvido); reading, com 60 minutos, sem tempo adicional para transferência das respostas; 60 minutos de writing; e de 11 a 15 minutos de speaking. Sendo que as sessões de listening, reading e writing do IELTS são feitas em um único dia, sem intervalos. Já o speaking pode ser feito uma semana antes ou uma semana depois das demais sessões.

No Test of English as a Foreign Language (TOEFL), são duas modalidades, com destaque para o IBT (Interned Based Test), que dura aproximadamente 4 horas e avalia o listening, reading, speaking e writing. Por ser um teste bem completo, costuma ser bem aceito por universidades estrangeiras tanto para cursos de curta duração, quanto de longa duração.

A outra modalidade é o ITP (Institutional Testing Program), com prova é realizada em papel e que abrange apenas as sessões de listening e reading e uma pequena sessão de estrutura da língua, com questões de múltipla escolha.

Publicidade

Dê sua opinião

COMUNICAÇÃO

TOEFL e IELTS: entenda a diferença entre os testes de proficiência em língua inglesa

As duas categorias de exames de proficiência mais populares em língua inglesa são o TOEFL e o IELTS, requisitados para estudos acadêmicos e para migração global

Por Rafael Luis Azevedo em Intercâmbio

11 de Março de 2018 às 07:15

Há 3 meses
A diferença mais evidente é que o IELTS é desenvolvido para o inglês britânico e o TOEFL para o inglês americano (FOTO: Divulgação)

A diferença mais evidente é que o IELTS é desenvolvido para o inglês britânico e o TOEFL para o inglês americano (FOTO: Divulgação)

O primeiro passo para quem almeja uma vaga de trabalho ou bolsa de estudos em países de língua inglesa é comprovar a capacidade de conversação e escrita no idioma. Para isso, diversas universidades e empresas norte-americanas e europeias utilizam testes de proficiência para medir as habilidades de comunicação.

As duas categorias de exames de proficiência mais populares em língua inglesa são o TOEFL e o IELTS, requisitados tanto para estudos acadêmicos quanto para migração global. Os dois testes têm objetivos muito parecidos, mas para quem pretende comprovar a proficiência em inglês, seja voltado ao estudo ou ao trabalho, é essencial entender a diferença entre eles.

A diferença mais evidente entre os dois exames é que o IELTS é desenvolvido para o inglês britânico e o TOEFL para o inglês americano. O International English Language Testing System (IELTS) é desenvolvido pelo IDP Austrália e Canadá, British Council e Cambridge Language Assessments e abrange as quatro habilidades de comunicação: listening (interpretação oral), reading (interpretação escrita), writing (redação) e speaking (conversação).

Ele possui duas modalidades: o Academic, ideal para quem nível de graduação ou pós-graduação, ou juntar-se a uma organização profissional em um país de língua inglesa; e o General Testing, para quem pretende treinar ou estudar em um nível abaixo de graduação, trabalhar, estagiar ou emigrar em um país de língua inglesa.

A prova do IELTS tem duração de 2h45 e é estruturada em 4 etapas: listening, com 30 minutos + 10 minutos para transferência das respostas (sem uso de fones de ouvido); reading, com 60 minutos, sem tempo adicional para transferência das respostas; 60 minutos de writing; e de 11 a 15 minutos de speaking. Sendo que as sessões de listening, reading e writing do IELTS são feitas em um único dia, sem intervalos. Já o speaking pode ser feito uma semana antes ou uma semana depois das demais sessões.

No Test of English as a Foreign Language (TOEFL), são duas modalidades, com destaque para o IBT (Interned Based Test), que dura aproximadamente 4 horas e avalia o listening, reading, speaking e writing. Por ser um teste bem completo, costuma ser bem aceito por universidades estrangeiras tanto para cursos de curta duração, quanto de longa duração.

A outra modalidade é o ITP (Institutional Testing Program), com prova é realizada em papel e que abrange apenas as sessões de listening e reading e uma pequena sessão de estrutura da língua, com questões de múltipla escolha.