UFC oferta primeira turma do Mestrado em Antropologia em 2017

FORTALEZA E REDENÇÃO

UFC oferta primeira turma do Mestrado em Antropologia em 2017

Serão ofertadas cinco vagas para cada universidade e haverá um percentual, ainda a ser definido, de cotas para indígenas e afrodescendentes

Por Roberta Tavares em Guia do Concurseiro

24 de dezembro de 2016 às 06:25

Há 12 meses
Processo seletivo está previsto para ser realizado no primeiro semestre de 2017 (FOTO: Divulgação)

Processo seletivo está previsto para ser realizado no primeiro semestre de 2017 (FOTO: Divulgação)

O Programa Associado de Pós-Graduação em Antropologia da Universidade Federal do Ceará e da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), aprovado em abril deste ano pelos conselhos superiores da UFC, acaba de receber também o aval da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

O processo seletivo está previsto para ser realizado no primeiro semestre de 2017, com as atividades tendo início no segundo semestre. Serão ofertadas cinco vagas para cada universidade e haverá um percentual, ainda a ser definido, de cotas para indígenas e afrodescendentes. As linhas de pesquisa a serem ofertadas são: “Narrativas, simbolismos e emoções” e “Diferença, poder e epistemologias”.

Pelo projeto do curso, o Mestrado em Antropologia da UFC visa a formar pesquisadores e docentes de alto nível capazes de gerar conhecimento antropológico em sintonia com o debate contemporâneo nas Ciências Sociais e na Antropologia em particular. 

Pretende fornecer ao aluno formação profissional no campo da qualificação docente, além de formar pesquisadores e profissionais que atuem no âmbito das instituições públicas, organizações não governamentais, institutos de pesquisa e outras instituições afins.

O Mestrado tem o objetivo de produzir e sistematizar conhecimento antropológico que contribua para a reflexão e atuação em âmbito local, regional e internacional, potencializando conjuntamente os recursos e estruturas institucionais existentes no âmbito da UFC e da Unilab.

As aulas ocorrerão nos dois campi: Fortaleza (Benfica) e Redenção, município sede da Unilab, distante cerca de 60 quilômetros da Capital. De acordo com a UFC, como os alunos terão de se deslocar entre as duas universidades, serão buscadas formas de garantir o transporte para os selecionados.

Publicidade

Dê sua opinião

FORTALEZA E REDENÇÃO

UFC oferta primeira turma do Mestrado em Antropologia em 2017

Serão ofertadas cinco vagas para cada universidade e haverá um percentual, ainda a ser definido, de cotas para indígenas e afrodescendentes

Por Roberta Tavares em Guia do Concurseiro

24 de dezembro de 2016 às 06:25

Há 12 meses
Processo seletivo está previsto para ser realizado no primeiro semestre de 2017 (FOTO: Divulgação)

Processo seletivo está previsto para ser realizado no primeiro semestre de 2017 (FOTO: Divulgação)

O Programa Associado de Pós-Graduação em Antropologia da Universidade Federal do Ceará e da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), aprovado em abril deste ano pelos conselhos superiores da UFC, acaba de receber também o aval da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

O processo seletivo está previsto para ser realizado no primeiro semestre de 2017, com as atividades tendo início no segundo semestre. Serão ofertadas cinco vagas para cada universidade e haverá um percentual, ainda a ser definido, de cotas para indígenas e afrodescendentes. As linhas de pesquisa a serem ofertadas são: “Narrativas, simbolismos e emoções” e “Diferença, poder e epistemologias”.

Pelo projeto do curso, o Mestrado em Antropologia da UFC visa a formar pesquisadores e docentes de alto nível capazes de gerar conhecimento antropológico em sintonia com o debate contemporâneo nas Ciências Sociais e na Antropologia em particular. 

Pretende fornecer ao aluno formação profissional no campo da qualificação docente, além de formar pesquisadores e profissionais que atuem no âmbito das instituições públicas, organizações não governamentais, institutos de pesquisa e outras instituições afins.

O Mestrado tem o objetivo de produzir e sistematizar conhecimento antropológico que contribua para a reflexão e atuação em âmbito local, regional e internacional, potencializando conjuntamente os recursos e estruturas institucionais existentes no âmbito da UFC e da Unilab.

As aulas ocorrerão nos dois campi: Fortaleza (Benfica) e Redenção, município sede da Unilab, distante cerca de 60 quilômetros da Capital. De acordo com a UFC, como os alunos terão de se deslocar entre as duas universidades, serão buscadas formas de garantir o transporte para os selecionados.