Alunos e professores já podem se inscrever na Olimpíada de História

ESTUDANTES DO BRASIL

Alunos e professores já podem se inscrever na Olimpíada de História

A Olimpíada Nacional em História do Brasil, projeto do Departamento de História da Unicamp, chega a sua 10ª edição

Por jangadeiro em Carreira

19 de Março de 2018 às 07:15

Há 8 meses
Alunos em sala da Olimpíada Brasileira de Historia do Brasil

O projeto está comemorando dez anos em 2018 (FOTO: Divulgação)

A Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB), projeto desenvolvido pelo Departamento de História da Unicamp e que neste ano chega a sua 10ª edição, já está com inscrições abertas. A primeira etapa da inscrição segue até esta terça-feira (20), com desconto, e a segunda termina em 24 de abril, ou até atingir o limite de interessados.

A ONHB é um projeto com formato totalmente original e voltado para professores de história dos ensinos fundamental e médio de escolas públicas e particulares. Em 2017, a Olimpíada atingiu um número recorde e reuniu 48 mil alunos de cidades de todos os estados brasileiros, com participação expressiva da região Nordeste.

A expectativa da organização é que o número de inscritos seja ainda maior, com a comemoração de dez anos do projeto. Essa edição contará com o acréscimo de mais uma fase na competição, passando de seis para sete. As provas são feitas online durante seis fases e por equipes formadas por um professor de história e três alunos. Cada fase dura uma semana. Após as seis fases online, as equipes finalistas da grande final presencial em Campinas- SP, nos dias 18 e 19 de agosto.

“A ONHB foi pensada para incentivar o desenvolvimento da análise crítica e discussões sobre os mais variados assuntos. Para isso, oferecemos informações, textos, imagens e mapas para serem analisados e pesquisados para a elaboração das respostas”, explica a coordenadora da ONHB, Cristina Meneguello.

A participação também permite o envolvimento com os colegas e com o professor, contribui com o ensino de história em sala de aula, trabalho em equipe e faz com que os participantes aprendam a desenvolver pesquisas e análises assim como fazem historiadores.

A primeira fase terá início dia 7 de maio, finalizando a sexta etapa em 16 de junho. Após as seis etapas, no mínimo 200 equipes, 800 participantes, serão classificados para a final presencial. O projeto tem apoio do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) e é desenvolvido pelo departamento de história por meio da participação de docentes, alunos de pós-graduação.

Publicidade

Dê sua opinião

ESTUDANTES DO BRASIL

Alunos e professores já podem se inscrever na Olimpíada de História

A Olimpíada Nacional em História do Brasil, projeto do Departamento de História da Unicamp, chega a sua 10ª edição

Por jangadeiro em Carreira

19 de Março de 2018 às 07:15

Há 8 meses
Alunos em sala da Olimpíada Brasileira de Historia do Brasil

O projeto está comemorando dez anos em 2018 (FOTO: Divulgação)

A Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB), projeto desenvolvido pelo Departamento de História da Unicamp e que neste ano chega a sua 10ª edição, já está com inscrições abertas. A primeira etapa da inscrição segue até esta terça-feira (20), com desconto, e a segunda termina em 24 de abril, ou até atingir o limite de interessados.

A ONHB é um projeto com formato totalmente original e voltado para professores de história dos ensinos fundamental e médio de escolas públicas e particulares. Em 2017, a Olimpíada atingiu um número recorde e reuniu 48 mil alunos de cidades de todos os estados brasileiros, com participação expressiva da região Nordeste.

A expectativa da organização é que o número de inscritos seja ainda maior, com a comemoração de dez anos do projeto. Essa edição contará com o acréscimo de mais uma fase na competição, passando de seis para sete. As provas são feitas online durante seis fases e por equipes formadas por um professor de história e três alunos. Cada fase dura uma semana. Após as seis fases online, as equipes finalistas da grande final presencial em Campinas- SP, nos dias 18 e 19 de agosto.

“A ONHB foi pensada para incentivar o desenvolvimento da análise crítica e discussões sobre os mais variados assuntos. Para isso, oferecemos informações, textos, imagens e mapas para serem analisados e pesquisados para a elaboração das respostas”, explica a coordenadora da ONHB, Cristina Meneguello.

A participação também permite o envolvimento com os colegas e com o professor, contribui com o ensino de história em sala de aula, trabalho em equipe e faz com que os participantes aprendam a desenvolver pesquisas e análises assim como fazem historiadores.

A primeira fase terá início dia 7 de maio, finalizando a sexta etapa em 16 de junho. Após as seis etapas, no mínimo 200 equipes, 800 participantes, serão classificados para a final presencial. O projeto tem apoio do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) e é desenvolvido pelo departamento de história por meio da participação de docentes, alunos de pós-graduação.