Preço do camarão eleva e chega a quase R$ 100 o kg na Praia do Futuro
AUMENTO

Preço do camarão eleva e chega a quase R$ 100 o kg na Praia do Futuro

O custo do lazer nas barracas de praia e os preços dos frutos do mar elevaram em Fortaleza. O camarão foi o item com maior aumento devido às perdas com a doença chamada “mancha branca”

Por Tribuna Bandnews FM em Turismo

28 de janeiro de 2017 às 07:00

Há 4 meses

Os preços variam de acordo com a praia (FOTO: Reprodução)

Quando o domingo é de sol, o destino de muitos turistas e fortalezenses é a praia. Mas esse lazer tem ficado mais caro, principalmente para quem é fã de caranguejo, camarão e peixe frito, por exemplo.

De acordo com o vice-presidente da Associação dos Empresários da Praia do Futuro, Ivan Assunção, o item do cardápio que ficou mais caro foi o camarão, o preço do quilo praticamente dobrou.

“Nosso estado sofreu com a produção por conta de um vírus que está atacando os viveiros, que é uma doença chamada ‘mancha branca’, isso fez com que, praticamente, 50% da produção de camarão local, que nosso estado hoje é o maior produtor de camarão do país, tivesse essa perda enorme. Isso fez com que o custo do camarão se elevasse e, consequentemente, foi repassado para todos os clientes e consumidores desse produto”, justifica Ivan.

O preço varia de acordo com a praia. Por exemplo, na Praia do Futuro, a porção de 500 gramas de camarão custa R$ 45,90. Já o peixe frito completo custa R$ 94,90. Para enfrentar esse aumento, procurar alternativas na hora de consumir é a melhor solução.

Saiba os detalhes na reportagem de Allana Alves, da TV Jangadeiro, veiculada na Tribuna Band News FM, por Igor Silveira:

Publicidade

Dê sua opinião

AUMENTO

Preço do camarão eleva e chega a quase R$ 100 o kg na Praia do Futuro

O custo do lazer nas barracas de praia e os preços dos frutos do mar elevaram em Fortaleza. O camarão foi o item com maior aumento devido às perdas com a doença chamada “mancha branca”

Por Tribuna Bandnews FM em Turismo

28 de janeiro de 2017 às 07:00

Há 4 meses

Os preços variam de acordo com a praia (FOTO: Reprodução)

Quando o domingo é de sol, o destino de muitos turistas e fortalezenses é a praia. Mas esse lazer tem ficado mais caro, principalmente para quem é fã de caranguejo, camarão e peixe frito, por exemplo.

De acordo com o vice-presidente da Associação dos Empresários da Praia do Futuro, Ivan Assunção, o item do cardápio que ficou mais caro foi o camarão, o preço do quilo praticamente dobrou.

“Nosso estado sofreu com a produção por conta de um vírus que está atacando os viveiros, que é uma doença chamada ‘mancha branca’, isso fez com que, praticamente, 50% da produção de camarão local, que nosso estado hoje é o maior produtor de camarão do país, tivesse essa perda enorme. Isso fez com que o custo do camarão se elevasse e, consequentemente, foi repassado para todos os clientes e consumidores desse produto”, justifica Ivan.

O preço varia de acordo com a praia. Por exemplo, na Praia do Futuro, a porção de 500 gramas de camarão custa R$ 45,90. Já o peixe frito completo custa R$ 94,90. Para enfrentar esse aumento, procurar alternativas na hora de consumir é a melhor solução.

Saiba os detalhes na reportagem de Allana Alves, da TV Jangadeiro, veiculada na Tribuna Band News FM, por Igor Silveira: