Confira 12 praias do Ceará para fugir da folia no Carnaval


Confira 12 praias do Ceará para fugir da folia no Carnaval

Tribuna do Ceará elaborou uma lista alternativa com 12 praias lindas, mas menos procuradas

Por Hayanne Narlla em Turismo

23 de janeiro de 2016 às 06:00

Há 3 anos

Carnaval é período de muita festa e folia. E em 2016, o período momino começa logo no início do mês de fevereiro (entre o dia 6 e o dia 10, quarta-feira de cinzas). Mas nem todo mundo tira o feriadão para ter esse tipo de disposição. Na verdade, muita gente prefere descansar e fugir do agito.

Tribuna do Ceará elaborou uma lista alternativa com 12 praias lindas, mas menos badaladas, mas não menos belas.

Águas Belas, Cascavel
1/12

Águas Belas, Cascavel

Localizada entre Fortaleza e Aracati, a praia fica no município de Cascavel, logo após a praia da Caponga. Além do mar, uma opção de diversão e turismo bem interessante é o rio, que pode ser cruzado de balsa para se visitar outros lugares. Ao redor, está cheio de praias desertas. O passeio também pode ser feito pela estrada com bugue ou carro de tração 4×4 (FOTO: TripAdvisor)

Falésias do Morro Branco, Beberibe
2/12

Falésias do Morro Branco, Beberibe

Sabe aquelas garrafinhas de artesanato feitas de areia colorida? Muitos vão ao vilarejo de Morro Branco em busca dessas lembrancinhas para presentear amigos. Perca-se no labirinto das falésias, com areias de diversas tonalidades. (FOTO: Blog Mochileiros)

Flecheiras, Trairi
3/12

Flecheiras, Trairi

Passeios de bugue ou esportes como o sandboard. A praia de Flecheiras, em Trairi, é super indicada para quem gosta vento, mar e aventuras. Além disso, os turistas pode ter contato com a cultura local por meio da pesca artesanal feita nos currais de peixes. Esta modalidade pesqueira consiste em capturar os peixes em redes com a variação das marés. Na localidade, existem lagos azuis por entre as dunas e outros atrativos naturais que merecem ser contemplados (FOTO: Casa do Alemão/ Divulgação)

Guajiru, Trairi
4/12

Guajiru, Trairi

A praia de Guajiru é bem menos movimentada que as demais; a vilinha preserva a tranquilidade e é ideal para quem quer fugir da badalação das praias centrais. A pacata praia tem poucas pousadas, coqueiros e dunas brancas (FOTO: TripAdvisor)

Icaraí de Amontada
5/12

Icaraí de Amontada

Praia quase deserta, Icaraí de Amontada ou Icaraizinho, como é chamada, é o novo xodó dos cearenses. Comparado à praia de Jericoacoara de 20 anos atrás, o local é para quem gosta de natureza e de se desconectar do resto do mundo, já que até sinal telefônico é difícil. Mesmo assim, possui pousadas estruturadas para receber os visitantes. (Foto: Blog Turismo Cultura Mix)

Lagoinha, Paraipaba
6/12

Lagoinha, Paraipaba

Formada por falésias, dunas e coqueiros, Lagoinha é uma das praias mais belas do Ceará. Os principais bares, restaurantes e pousadas ficam num centrinho e, apesar de não ser tão preservado quanto era há alguns anos, o lugar é paradisíaco. Tudo isso sem a muvuca das praias mais centrais (FOTO: Wikipedia)

Mundaú, Trairi
7/12

Mundaú, Trairi

Situada no município de Trairi, a praia de Mundaú foi habitada pelos índios Tapuias dos Potiguaras e, atualmente, é considerada um dos principais destinos de refúgio do Ceará. No local, é possível visualizar a divisão entre o rio Mundaú e o mar feita pelas faixas de areia. (FOTO: Site Mochileiros)

Praia da Baleia, Itapipoca
8/12

Praia da Baleia, Itapipoca

A praia da Baleia, localizada em Itapipoca, é tranquila e quase inabitada. Ao seu lado, ainda há outras praias semelhantes, como Praia do Maceió e das Pedrinhas. Coqueiros e algas dão a predominância da cor verde ao local, quebrada pelo colorido das canoas (FOTO: Wikipedia)

Praia de Ponta Grossa, Icapuí
9/12

Praia de Ponta Grossa, Icapuí

A pequena vila de pescadores é parada dos passeios de bugue – este é o melhor jeito de chegar ali. Em forma de meia-lua, com falésias de areia colorida, Ponta Grossa também tem dunas que compõem a paisagem. O mar é de tombo, com água verdinha, cheio de recifes e rochas submersas. O caminho de Canoa Quebrada até esta praia é lindo. (FOTO: TripAdvisor)

Praia de Tatajuba, Camocim
10/12

Praia de Tatajuba, Camocim

A vila original foi soterrada pelas dunas da margem direita. Do outro lado do rio Tatajuba, ergueu-se a vila de pescadores atual. Chega-se de bugue ou veículos com tração nas 4 rodas, pois depois de pegar a balsa do rio Coreaú, é necessário superar 22 km de estrada de areia e dunas. A praia é o retrato do sossego, pouquíssimo movimentada, é o lugar ideal para quem quer curtir sem muita badalação. (FOTO: Camocim/ Divulgação)

Praia Redonda, Icapuí
11/12

Praia Redonda, Icapuí

Com outras praias ao redor, a Praia Redonda, em Icapuí, chama atenção por ter poucos habitantes, em sua maioria pescadores. A vila sobrevive de pesca artesanal. Já a praia tem falésias avermelhadas, recifes e belíssimas paisagens no trecho mais deserto. Mesmo sendo menos procurada, o local tem pousadas estruturadas com bares para os turistas. (FOTO: Peixe Gordo)

Uruaú, Beberibe
12/12

Uruaú, Beberibe

Localizada no município de Beberibe, a Lagoa do Uruaú é uma região conhecida pelo ecossistema, além das atividades náuticas e caminhadas nas trilhas ecológicas. Inseridas nos limites de uma Área de Proteção Ambiental (APA), existem seis comunidades que sobrevivem diretamente da utilização de seus recursos naturais, basicamente da pesca e da agricultura de subsistência, quais sejam: Ponta D’água I, Ponta D’água II, Ponta D’água III, Cumbe, Caetanos e Carrapicho. Existem, também, cinco comunidades situadas em suas adjacências: Córrego da Cotia, Uberaba, Praia do Uruaú, Praia da Barra da Sucatinga e Sucatinga. (FOTO: Beberibe/ Divulgação)

Publicidade

Dê sua opinião

Confira 12 praias do Ceará para fugir da folia no Carnaval

Tribuna do Ceará elaborou uma lista alternativa com 12 praias lindas, mas menos procuradas

Por Hayanne Narlla em Turismo

23 de janeiro de 2016 às 06:00

Há 3 anos

Carnaval é período de muita festa e folia. E em 2016, o período momino começa logo no início do mês de fevereiro (entre o dia 6 e o dia 10, quarta-feira de cinzas). Mas nem todo mundo tira o feriadão para ter esse tipo de disposição. Na verdade, muita gente prefere descansar e fugir do agito.

Tribuna do Ceará elaborou uma lista alternativa com 12 praias lindas, mas menos badaladas, mas não menos belas.

Águas Belas, Cascavel
1/12

Águas Belas, Cascavel

Localizada entre Fortaleza e Aracati, a praia fica no município de Cascavel, logo após a praia da Caponga. Além do mar, uma opção de diversão e turismo bem interessante é o rio, que pode ser cruzado de balsa para se visitar outros lugares. Ao redor, está cheio de praias desertas. O passeio também pode ser feito pela estrada com bugue ou carro de tração 4×4 (FOTO: TripAdvisor)

Falésias do Morro Branco, Beberibe
2/12

Falésias do Morro Branco, Beberibe

Sabe aquelas garrafinhas de artesanato feitas de areia colorida? Muitos vão ao vilarejo de Morro Branco em busca dessas lembrancinhas para presentear amigos. Perca-se no labirinto das falésias, com areias de diversas tonalidades. (FOTO: Blog Mochileiros)

Flecheiras, Trairi
3/12

Flecheiras, Trairi

Passeios de bugue ou esportes como o sandboard. A praia de Flecheiras, em Trairi, é super indicada para quem gosta vento, mar e aventuras. Além disso, os turistas pode ter contato com a cultura local por meio da pesca artesanal feita nos currais de peixes. Esta modalidade pesqueira consiste em capturar os peixes em redes com a variação das marés. Na localidade, existem lagos azuis por entre as dunas e outros atrativos naturais que merecem ser contemplados (FOTO: Casa do Alemão/ Divulgação)

Guajiru, Trairi
4/12

Guajiru, Trairi

A praia de Guajiru é bem menos movimentada que as demais; a vilinha preserva a tranquilidade e é ideal para quem quer fugir da badalação das praias centrais. A pacata praia tem poucas pousadas, coqueiros e dunas brancas (FOTO: TripAdvisor)

Icaraí de Amontada
5/12

Icaraí de Amontada

Praia quase deserta, Icaraí de Amontada ou Icaraizinho, como é chamada, é o novo xodó dos cearenses. Comparado à praia de Jericoacoara de 20 anos atrás, o local é para quem gosta de natureza e de se desconectar do resto do mundo, já que até sinal telefônico é difícil. Mesmo assim, possui pousadas estruturadas para receber os visitantes. (Foto: Blog Turismo Cultura Mix)

Lagoinha, Paraipaba
6/12

Lagoinha, Paraipaba

Formada por falésias, dunas e coqueiros, Lagoinha é uma das praias mais belas do Ceará. Os principais bares, restaurantes e pousadas ficam num centrinho e, apesar de não ser tão preservado quanto era há alguns anos, o lugar é paradisíaco. Tudo isso sem a muvuca das praias mais centrais (FOTO: Wikipedia)

Mundaú, Trairi
7/12

Mundaú, Trairi

Situada no município de Trairi, a praia de Mundaú foi habitada pelos índios Tapuias dos Potiguaras e, atualmente, é considerada um dos principais destinos de refúgio do Ceará. No local, é possível visualizar a divisão entre o rio Mundaú e o mar feita pelas faixas de areia. (FOTO: Site Mochileiros)

Praia da Baleia, Itapipoca
8/12

Praia da Baleia, Itapipoca

A praia da Baleia, localizada em Itapipoca, é tranquila e quase inabitada. Ao seu lado, ainda há outras praias semelhantes, como Praia do Maceió e das Pedrinhas. Coqueiros e algas dão a predominância da cor verde ao local, quebrada pelo colorido das canoas (FOTO: Wikipedia)

Praia de Ponta Grossa, Icapuí
9/12

Praia de Ponta Grossa, Icapuí

A pequena vila de pescadores é parada dos passeios de bugue – este é o melhor jeito de chegar ali. Em forma de meia-lua, com falésias de areia colorida, Ponta Grossa também tem dunas que compõem a paisagem. O mar é de tombo, com água verdinha, cheio de recifes e rochas submersas. O caminho de Canoa Quebrada até esta praia é lindo. (FOTO: TripAdvisor)

Praia de Tatajuba, Camocim
10/12

Praia de Tatajuba, Camocim

A vila original foi soterrada pelas dunas da margem direita. Do outro lado do rio Tatajuba, ergueu-se a vila de pescadores atual. Chega-se de bugue ou veículos com tração nas 4 rodas, pois depois de pegar a balsa do rio Coreaú, é necessário superar 22 km de estrada de areia e dunas. A praia é o retrato do sossego, pouquíssimo movimentada, é o lugar ideal para quem quer curtir sem muita badalação. (FOTO: Camocim/ Divulgação)

Praia Redonda, Icapuí
11/12

Praia Redonda, Icapuí

Com outras praias ao redor, a Praia Redonda, em Icapuí, chama atenção por ter poucos habitantes, em sua maioria pescadores. A vila sobrevive de pesca artesanal. Já a praia tem falésias avermelhadas, recifes e belíssimas paisagens no trecho mais deserto. Mesmo sendo menos procurada, o local tem pousadas estruturadas com bares para os turistas. (FOTO: Peixe Gordo)

Uruaú, Beberibe
12/12

Uruaú, Beberibe

Localizada no município de Beberibe, a Lagoa do Uruaú é uma região conhecida pelo ecossistema, além das atividades náuticas e caminhadas nas trilhas ecológicas. Inseridas nos limites de uma Área de Proteção Ambiental (APA), existem seis comunidades que sobrevivem diretamente da utilização de seus recursos naturais, basicamente da pesca e da agricultura de subsistência, quais sejam: Ponta D’água I, Ponta D’água II, Ponta D’água III, Cumbe, Caetanos e Carrapicho. Existem, também, cinco comunidades situadas em suas adjacências: Córrego da Cotia, Uberaba, Praia do Uruaú, Praia da Barra da Sucatinga e Sucatinga. (FOTO: Beberibe/ Divulgação)