Cearense desembolsa R$ 90 mil ao longo de 20 anos com coleção gigante de Star Wars

SABE TUDO DO FILME

Cearense desembolsa R$ 90 mil ao longo de 20 anos com coleção gigante de Star Wars

Vinícius Negreiros, apaixonado pela trilogia desde os 8 anos, mantém um canal de Youtube que virou referência

Por Daniel Rocha em Geek

27 de Fevereiro de 2018 às 07:15

Há 9 meses

Desde os 8 anos, Vinícius coleciona itens de Star Wars em sua casa (Foto: Iago Monteiro/Tribuna do Ceará)

Desde quando foi lançado há 40 anos, Star Wars tem conquistado uma legião de fãs. Os sabres de luz, as naves, o enredo, a trilha sonora, entre outros elementos cinematográficos marcaram a história do cinema e a infância de quem os conferiu seja nos cinemas ou em casa. Com Vinícius Negreiros não foi diferente. O cearense e administrador de 28 anos é um desses fãs aficionados por Guerra nas Estrelas.

Em um quarto do seu apartamento, no bairro Cocó, o administrador de uma rede de restaurantes de Fortaleza reúne todos os itens da franquia que colecionou por 20 anos. São pôsteres autografados e fotos com mais de 20 atores, cerca de 280 bonecos da Hasbro, 100 bonecos de Lego, 8 hot toys, revistas, HQs entre outros artigos.

O fascínio pelos filmes iniciou ainda pequeno, quando tinha 8 anos. Quem o apresentou com a primeira trilogia foi o seu tio e, ao assistir pela primeira vez, se encantou pela história de ficção científica e pela superprodução. “O que sempre mais me chamou atenção é o duelo entre o bem e o mal. E nem sempre o bem vence. Eu gosto da temática de ficção científica e Star Wars tem uma magia que não sei dimensionar. Já tentei”, afirma.

Apesar de não conseguir defini-la, para Vinícius, a trilha sonora instrumental dá um “toque” mágico para a história. “Eu gosto muito da trilha sonora. Toda instrumental. Mexe muito comigo, principalmente, a do tema da força de Luke Skywalker”, ressalta.

Devido a esse detalhe, ele acredita que Star Wars consegue se destacar diante das produções de ficção científicas, como Star Trek e Interestelar.  No mesmo ano em que conheceu a história de Luke Skywalker, Leia Organa e Darth Vader, Vinícius viajou pela primeira vez aos Estados Unidos, onde comprou os primeiros bonecos de sua coleção.

Logo no ano seguinte, já aficionado pela história, o cearense pôde conferir o primeiro filme da franquia nos cinemas. Em 1999, havia lançado o primeiro filme da segunda trilogia “Star Wars: Episódio I – A ameaça fantasma”. “Assisti umas três vezes”, relembra.

Devido ao sucesso, a franquia investia em brinquedos, jogos, livros entre outros artigos. Na época, a coleção de 100 bonecos de “Guerra nas Estrelas: A ameaça fantasma” já estava disponível.

Ao todo, são mais de 300 bonecos de personagens de Star Wars (Foto: Iago Monteiro/Tribuna do Ceará)

“Comecei a comprar e continuei colecionando. Logo nos anos 2000, consegui o livro original de 1977 quando fazia curso de inglês. A galera viu que eu era tão fã que decidiu me dar”, comenta.

A coleção não se restringiu apenas aos bonecos e aos livros. Vinícius passou a comparecer às edições de Star Wars Celebration. Por meio desses eventos, teve a oportunidade de tirar fotos e pedir autógrafos de grandes nomes da produção, como Mark Hamill (Luke Skywalker), Carrie Fisher (Leia Organa) e Billy Dee Williams (Lando Calrissian).

Ao olhar para a sua coleção, ele estima ter gastado durante esses anos cerca de R$ 90 mil. Segundo Vinícius, as fotos com o elenco e autógrafos destinados a ele, por exemplo, lhe custaram cerca de R$ 40 mil.

Esse valor não conta com os outros artigos de alto valor, como os bonecos Hot Toys. Ao todo, são 8 do tipo, com uma média de preço de R$ 1,5 mil cada. As coleções de action figures da Hasbro custaram em média R$ 60. Vinícius possui cerca de 300 de coleções de vários anos. “Eu tenho das coleções de 1995, 1997, 1999, 2003. O que os tornam relativamente mais raros, um pouco mais caros”, afirma.

Além desses artigos, Vinícius também adquiriu os sete Legos com mais de 600 peças. Segundo ele, há 9 montados e mais de 20 fechados. Cada um tem um preço médio de R$ 500. A coleção também é formada por outros bonecos colecionáveis. Em seu acervo, há os personagens de Guerra nas Estrelas da Iron Studios que custaram cerca de R$ 400 e os da linha Funko Pop, com valor médio de R$ 90.

Aliado a sua coleção, há um ano criou o canal no YouTube Galaxiando, que hoje tem 38 mil inscritos, para falar sobre curiosidades dos filmes, personagens, dos novos lançamentos e mostrar para outros fãs a sua coleção. Esta foi uma das formas de compartilhar o seu fascínio por Star Wars que surgiu na infância. “Star Wars foi feita inicialmente para jovens e crianças. Hoje, os fãs que já estão adultos continuam apaixonados por Star Wars”, conclui Vinícius.

Foto: (Iago Monteiro)
1/5

Foto: (Iago Monteiro)

Desde os 8 anos que Vinícius coleciona artigos de StarWars

(Foto: Iago Monteiro)
2/5

(Foto: Iago Monteiro)

Na coleção, há livros, HQs, bonecos e fotos dos filmes

(Foto: Iago Monteiro)
3/5

(Foto: Iago Monteiro)

O cearense desembolsou cerca de R$ 40 mil para tirar fotos com os atores

(Foto: Iago Monteiro)
4/5

(Foto: Iago Monteiro)

Ao todo, Vinícius tem 280 bonecos da coleção de hasbro

(Foto: Iago Monteiro)
5/5

(Foto: Iago Monteiro)

O cearense tem 8 Hot Toys de custo médio de R$ 1.500

Publicidade

Dê sua opinião

SABE TUDO DO FILME

Cearense desembolsa R$ 90 mil ao longo de 20 anos com coleção gigante de Star Wars

Vinícius Negreiros, apaixonado pela trilogia desde os 8 anos, mantém um canal de Youtube que virou referência

Por Daniel Rocha em Geek

27 de Fevereiro de 2018 às 07:15

Há 9 meses

Desde os 8 anos, Vinícius coleciona itens de Star Wars em sua casa (Foto: Iago Monteiro/Tribuna do Ceará)

Desde quando foi lançado há 40 anos, Star Wars tem conquistado uma legião de fãs. Os sabres de luz, as naves, o enredo, a trilha sonora, entre outros elementos cinematográficos marcaram a história do cinema e a infância de quem os conferiu seja nos cinemas ou em casa. Com Vinícius Negreiros não foi diferente. O cearense e administrador de 28 anos é um desses fãs aficionados por Guerra nas Estrelas.

Em um quarto do seu apartamento, no bairro Cocó, o administrador de uma rede de restaurantes de Fortaleza reúne todos os itens da franquia que colecionou por 20 anos. São pôsteres autografados e fotos com mais de 20 atores, cerca de 280 bonecos da Hasbro, 100 bonecos de Lego, 8 hot toys, revistas, HQs entre outros artigos.

O fascínio pelos filmes iniciou ainda pequeno, quando tinha 8 anos. Quem o apresentou com a primeira trilogia foi o seu tio e, ao assistir pela primeira vez, se encantou pela história de ficção científica e pela superprodução. “O que sempre mais me chamou atenção é o duelo entre o bem e o mal. E nem sempre o bem vence. Eu gosto da temática de ficção científica e Star Wars tem uma magia que não sei dimensionar. Já tentei”, afirma.

Apesar de não conseguir defini-la, para Vinícius, a trilha sonora instrumental dá um “toque” mágico para a história. “Eu gosto muito da trilha sonora. Toda instrumental. Mexe muito comigo, principalmente, a do tema da força de Luke Skywalker”, ressalta.

Devido a esse detalhe, ele acredita que Star Wars consegue se destacar diante das produções de ficção científicas, como Star Trek e Interestelar.  No mesmo ano em que conheceu a história de Luke Skywalker, Leia Organa e Darth Vader, Vinícius viajou pela primeira vez aos Estados Unidos, onde comprou os primeiros bonecos de sua coleção.

Logo no ano seguinte, já aficionado pela história, o cearense pôde conferir o primeiro filme da franquia nos cinemas. Em 1999, havia lançado o primeiro filme da segunda trilogia “Star Wars: Episódio I – A ameaça fantasma”. “Assisti umas três vezes”, relembra.

Devido ao sucesso, a franquia investia em brinquedos, jogos, livros entre outros artigos. Na época, a coleção de 100 bonecos de “Guerra nas Estrelas: A ameaça fantasma” já estava disponível.

Ao todo, são mais de 300 bonecos de personagens de Star Wars (Foto: Iago Monteiro/Tribuna do Ceará)

“Comecei a comprar e continuei colecionando. Logo nos anos 2000, consegui o livro original de 1977 quando fazia curso de inglês. A galera viu que eu era tão fã que decidiu me dar”, comenta.

A coleção não se restringiu apenas aos bonecos e aos livros. Vinícius passou a comparecer às edições de Star Wars Celebration. Por meio desses eventos, teve a oportunidade de tirar fotos e pedir autógrafos de grandes nomes da produção, como Mark Hamill (Luke Skywalker), Carrie Fisher (Leia Organa) e Billy Dee Williams (Lando Calrissian).

Ao olhar para a sua coleção, ele estima ter gastado durante esses anos cerca de R$ 90 mil. Segundo Vinícius, as fotos com o elenco e autógrafos destinados a ele, por exemplo, lhe custaram cerca de R$ 40 mil.

Esse valor não conta com os outros artigos de alto valor, como os bonecos Hot Toys. Ao todo, são 8 do tipo, com uma média de preço de R$ 1,5 mil cada. As coleções de action figures da Hasbro custaram em média R$ 60. Vinícius possui cerca de 300 de coleções de vários anos. “Eu tenho das coleções de 1995, 1997, 1999, 2003. O que os tornam relativamente mais raros, um pouco mais caros”, afirma.

Além desses artigos, Vinícius também adquiriu os sete Legos com mais de 600 peças. Segundo ele, há 9 montados e mais de 20 fechados. Cada um tem um preço médio de R$ 500. A coleção também é formada por outros bonecos colecionáveis. Em seu acervo, há os personagens de Guerra nas Estrelas da Iron Studios que custaram cerca de R$ 400 e os da linha Funko Pop, com valor médio de R$ 90.

Aliado a sua coleção, há um ano criou o canal no YouTube Galaxiando, que hoje tem 38 mil inscritos, para falar sobre curiosidades dos filmes, personagens, dos novos lançamentos e mostrar para outros fãs a sua coleção. Esta foi uma das formas de compartilhar o seu fascínio por Star Wars que surgiu na infância. “Star Wars foi feita inicialmente para jovens e crianças. Hoje, os fãs que já estão adultos continuam apaixonados por Star Wars”, conclui Vinícius.

Foto: (Iago Monteiro)
1/5

Foto: (Iago Monteiro)

Desde os 8 anos que Vinícius coleciona artigos de StarWars

(Foto: Iago Monteiro)
2/5

(Foto: Iago Monteiro)

Na coleção, há livros, HQs, bonecos e fotos dos filmes

(Foto: Iago Monteiro)
3/5

(Foto: Iago Monteiro)

O cearense desembolsou cerca de R$ 40 mil para tirar fotos com os atores

(Foto: Iago Monteiro)
4/5

(Foto: Iago Monteiro)

Ao todo, Vinícius tem 280 bonecos da coleção de hasbro

(Foto: Iago Monteiro)
5/5

(Foto: Iago Monteiro)

O cearense tem 8 Hot Toys de custo médio de R$ 1.500