23/08/2016 - Blog do Wanfil 
Publicidade

Blog do Wanfil

por Wanderley Filho

23/08/2016

Ibope confirma disputa acirrada em Fortaleza

Por Wanfil em Pesquisa

23 de agosto de 2016

De cada dez eleitores em Fortaleza, três querem a reeleição de Roberto Cláudio e cinco preferem ver Capitão Wagner, Luizianne Lins ou Heitor Férrer na Prefeitura. É o que mostra a pesquisa Ibope divulgada ontem pela TV Verdes Mares.

Roberto Cláudio (PDT) – 29%
Capitão Wagner (PR) – 21%
Luizianne Lins (PT) – 18%
Heitor Férrer (PSB) – 9%
Ronaldo Martins (PRB) – 4%
João Alfredo (Psol) – 2%
Francisco Gonzaga – 1%
Tin Gomes (PHS) – 1%
Branco/nulo – 10%
Indecisos – 5%

No começo do ano, o próprio Ibope divulgou pesquisa nacional mostrando que 40% dos brasileiros votariam em um prefeito de oposição, contra 22% que votariam no atual prefeito. A pesquisa em Fortaleza confirma essa predisposição, muito provavelmente efeito da crise econômica e do descontentamento geral com a política.

Não significa que opositores sejam favoritos, nada disso. Fatores como a influência de padrinhos ou aliados políticos, a empatia e a capacidade de articulação dos candidatos, a propaganda eleitoral e os debates, são elementos que podem alterar essa perspectiva.

É provável que todos comecem a campanha mirando no atual prefeito. À medida que os ânimos forem se acirrando, os opositores terão que entrar em disputa direta. Isso, claro, beneficia a candidatura de situação. Assim, para os candidatos de oposição, o desafio será capitalizar a insatisfação do eleitor sem parecer radical e sem agredir uns aos outros, para não afugentar seus eleitores no segundo turno. Já para o prefeito o desafio será convencer esse mesmo eleitor ressentido com os governos de que entre a volta ao passado com Luizianne e a inexperiência administrativa dos demais, melhor ficar com ele.

leia tudo sobre

Publicidade

Ibope confirma disputa acirrada em Fortaleza

Por Wanfil em Pesquisa

23 de agosto de 2016

De cada dez eleitores em Fortaleza, três querem a reeleição de Roberto Cláudio e cinco preferem ver Capitão Wagner, Luizianne Lins ou Heitor Férrer na Prefeitura. É o que mostra a pesquisa Ibope divulgada ontem pela TV Verdes Mares.

Roberto Cláudio (PDT) – 29%
Capitão Wagner (PR) – 21%
Luizianne Lins (PT) – 18%
Heitor Férrer (PSB) – 9%
Ronaldo Martins (PRB) – 4%
João Alfredo (Psol) – 2%
Francisco Gonzaga – 1%
Tin Gomes (PHS) – 1%
Branco/nulo – 10%
Indecisos – 5%

No começo do ano, o próprio Ibope divulgou pesquisa nacional mostrando que 40% dos brasileiros votariam em um prefeito de oposição, contra 22% que votariam no atual prefeito. A pesquisa em Fortaleza confirma essa predisposição, muito provavelmente efeito da crise econômica e do descontentamento geral com a política.

Não significa que opositores sejam favoritos, nada disso. Fatores como a influência de padrinhos ou aliados políticos, a empatia e a capacidade de articulação dos candidatos, a propaganda eleitoral e os debates, são elementos que podem alterar essa perspectiva.

É provável que todos comecem a campanha mirando no atual prefeito. À medida que os ânimos forem se acirrando, os opositores terão que entrar em disputa direta. Isso, claro, beneficia a candidatura de situação. Assim, para os candidatos de oposição, o desafio será capitalizar a insatisfação do eleitor sem parecer radical e sem agredir uns aos outros, para não afugentar seus eleitores no segundo turno. Já para o prefeito o desafio será convencer esse mesmo eleitor ressentido com os governos de que entre a volta ao passado com Luizianne e a inexperiência administrativa dos demais, melhor ficar com ele.