14/04/2016 - Blog do Wanfil 
Publicidade

Blog do Wanfil

por Wanderley Filho

14/04/2016

E o Eunício?

Por Wanfil em Política

14 de Abril de 2016

Senadores do Ceará no Estadão: falta cor entre o azul e o vermelho

Senadores do Ceará no Estadão: falta cor entre o azul e o vermelho

O “placar do impeachment” publicado pelo jornal O Estado de São Paulo mostra que a maioria dos senadores (42 de um total de 81) é favorável ao afastamento da presidente Dilma Rousseff.

Na bancada cearense, o senador petista José Pimentel, como era de se esperar, naturalmente assume que é contra o impeachment. Já o senador Tasso Jereissati (PSDB) é a favor, assim como o restante da oposição. A grande dúvida é saber o que pensa Eunício Oliveira (PMDB). No placar do ‘Estadão’ ele aparece entre os treze que não quiserem revelar posição. Nove dizem ainda estar em dúvida.

Um dos motivos especulados na imprensa para o silêncio do líder do PMDB no Senado seria o desejo dele de evitar atritos com o presidente da casa, Renan Calheiros (resistente ao impeachment), e com o vice-presidente da República, Michel Temer, que pode assumir o lugar de Dilma no Palácio do Planalto. Faz sentido, mas fica no ar uma pergunta: não teriam os cearenses representados por Eunício o direito de saber, desde já, como ele se posicionará? Ademais, deixar para revelar somente em cima da hora pode dar a impressão, no mínimo, de medo ou de falta de convicção.

Outra linha de análise observa que Eunício passa a ser o nome forte do governo federal no Ceará caso o PMDB assuma o poder, empurrando para a oposição seus desafetos Cid e Ciro Gomes, além do governador Camilo Santana (PT). Ocorre que não é por causa disso que os cearenses estão contra ou a favor do impeachment. As questões locais não apareceriam como causa, mas como efeito do cenário nacional, este sim, a exigir definição.

O certo é que na falta de maiores explicações , só o que resta de concreto é a dúvida: Afinal, Eunício não diz aos brasileiros e aos cearense o que pensa por qual razão mesmo?

Publicidade

E o Eunício?

Por Wanfil em Política

14 de Abril de 2016

Senadores do Ceará no Estadão: falta cor entre o azul e o vermelho

Senadores do Ceará no Estadão: falta cor entre o azul e o vermelho

O “placar do impeachment” publicado pelo jornal O Estado de São Paulo mostra que a maioria dos senadores (42 de um total de 81) é favorável ao afastamento da presidente Dilma Rousseff.

Na bancada cearense, o senador petista José Pimentel, como era de se esperar, naturalmente assume que é contra o impeachment. Já o senador Tasso Jereissati (PSDB) é a favor, assim como o restante da oposição. A grande dúvida é saber o que pensa Eunício Oliveira (PMDB). No placar do ‘Estadão’ ele aparece entre os treze que não quiserem revelar posição. Nove dizem ainda estar em dúvida.

Um dos motivos especulados na imprensa para o silêncio do líder do PMDB no Senado seria o desejo dele de evitar atritos com o presidente da casa, Renan Calheiros (resistente ao impeachment), e com o vice-presidente da República, Michel Temer, que pode assumir o lugar de Dilma no Palácio do Planalto. Faz sentido, mas fica no ar uma pergunta: não teriam os cearenses representados por Eunício o direito de saber, desde já, como ele se posicionará? Ademais, deixar para revelar somente em cima da hora pode dar a impressão, no mínimo, de medo ou de falta de convicção.

Outra linha de análise observa que Eunício passa a ser o nome forte do governo federal no Ceará caso o PMDB assuma o poder, empurrando para a oposição seus desafetos Cid e Ciro Gomes, além do governador Camilo Santana (PT). Ocorre que não é por causa disso que os cearenses estão contra ou a favor do impeachment. As questões locais não apareceriam como causa, mas como efeito do cenário nacional, este sim, a exigir definição.

O certo é que na falta de maiores explicações , só o que resta de concreto é a dúvida: Afinal, Eunício não diz aos brasileiros e aos cearense o que pensa por qual razão mesmo?