03/09/2015 - Blog do Wanfil 
Publicidade

Blog do Wanfil

por Wanderley Filho

03/09/2015

Governo do Ceará promove evento PT em Fortaleza: O sonho não acabou…

Por Wanfil em Partidos

03 de setembro de 2015

Leio no site do Governo do Ceará que o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura e a Fundação Perseu Abramo, órgão de pesquisa e estudo do Partido dos Trabalhadores, realizam, nesta quinta-feira, o “Fórum do Pensamento Crítico”, que terá como tema ‘O sonho não acabou – É possível uma sociedade mais justa?”.

Segundo o presidente do Instituto Dragão do Mar, Paulo Linhares, diante do “declínio dos partidos e dos sindicatos”, “é preciso claramente analisar as mudanças de paradigma e as verdadeiras raízes do desencantamento contemporâneo”.

O site da Fundação Perseu Abramo informa que “o objetivo é debater quais são as perspectivas da esquerda para o Brasil e para o mundo”. Se o futuro para a esquerda é incerto, o presente do encontro consiste na “parceria com o Instituto Dragão do Mar, o Centro Cultural Dragão do Mar, o Governo do Estado do Ceará e a tevê pública do Ceará”.

O sonho da gratuidade não acabou

O sonho da gratuidade não acabou!

Os organizadores do Fórum anunciam as participações de Eduardo Suplicy, secretário de Direitos Humanos da Prefeitura de São Paulo, e Ivana Bentes, secretária de Cidadania e Diversidade Cultural do Ministério da Cultura. Nada mais natural do que gestores ligados a governos do PT (Prefeitura de São Paulo e governo federal) participando de um evento do PT.

Por acaso, vejam só!, o governador do Ceará, Camilo Santana, também é do PT. É claro que se trata de uma coincidência, uma vez que o princípio da impessoalidade é básico para as gestões públicas.

Sendo assim, fica a dica para outros partidos, por meio de seus institutos, que desejarem promover encontros e debates como esse: basta procurar o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura para conseguir um espaço e a TVC para transmiti-los.

Tudo em nome da pluralidade democrática. Por fim, fica a minha sugestão para os idealizadores do Fórum do Pensamento Crítico: talvez o primeiro passo em busca de um novo caminho para a esquerda no Brasil seja a ter na separação entre partidos e o Estado, um valor inegociável.

Publicidade

Governo do Ceará promove evento PT em Fortaleza: O sonho não acabou…

Por Wanfil em Partidos

03 de setembro de 2015

Leio no site do Governo do Ceará que o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura e a Fundação Perseu Abramo, órgão de pesquisa e estudo do Partido dos Trabalhadores, realizam, nesta quinta-feira, o “Fórum do Pensamento Crítico”, que terá como tema ‘O sonho não acabou – É possível uma sociedade mais justa?”.

Segundo o presidente do Instituto Dragão do Mar, Paulo Linhares, diante do “declínio dos partidos e dos sindicatos”, “é preciso claramente analisar as mudanças de paradigma e as verdadeiras raízes do desencantamento contemporâneo”.

O site da Fundação Perseu Abramo informa que “o objetivo é debater quais são as perspectivas da esquerda para o Brasil e para o mundo”. Se o futuro para a esquerda é incerto, o presente do encontro consiste na “parceria com o Instituto Dragão do Mar, o Centro Cultural Dragão do Mar, o Governo do Estado do Ceará e a tevê pública do Ceará”.

O sonho da gratuidade não acabou

O sonho da gratuidade não acabou!

Os organizadores do Fórum anunciam as participações de Eduardo Suplicy, secretário de Direitos Humanos da Prefeitura de São Paulo, e Ivana Bentes, secretária de Cidadania e Diversidade Cultural do Ministério da Cultura. Nada mais natural do que gestores ligados a governos do PT (Prefeitura de São Paulo e governo federal) participando de um evento do PT.

Por acaso, vejam só!, o governador do Ceará, Camilo Santana, também é do PT. É claro que se trata de uma coincidência, uma vez que o princípio da impessoalidade é básico para as gestões públicas.

Sendo assim, fica a dica para outros partidos, por meio de seus institutos, que desejarem promover encontros e debates como esse: basta procurar o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura para conseguir um espaço e a TVC para transmiti-los.

Tudo em nome da pluralidade democrática. Por fim, fica a minha sugestão para os idealizadores do Fórum do Pensamento Crítico: talvez o primeiro passo em busca de um novo caminho para a esquerda no Brasil seja a ter na separação entre partidos e o Estado, um valor inegociável.