the rock Archives - Cinema Sinergia 
Publicidade

Cinema Sinergia

por Thiago Sampaio

the rock

Crítica: “Velozes e Furiosos 8” é exagerado e repetitivo

Por Thiago Sampaio em Crítica

17 de Abril de 2017

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Já citei aqui em resenhas de episódios anteriores de “Velozes & Furiosos” que não importa o que aconteça, a franquia já conquistou o seu público alvo e, por isso, é garantia de dinheiro no caixa. Não interessa se não tem história a ser contada, ela é a menina dos olhos da Universal Studios e, tendo carros tunados garantindo cenas de ação grandiosas, teremos quantos filmes derem na telha. Mantendo a “ideologia” de entregar situações cada vez mais exageradas, “Velozes & Furiosos 8” (The Fate of the Furious, 2017) cumpre o dever e garante a diversão aos que vão às salas de cinema já sabendo o que está por vir.

Na trama, Dom (Vin Diesel) e Letty (Michelle Rodriguez) estão curtindo a lua de mel em Havana, mas a súbita aparição de Cipher (Charlize Theron) atrapalha os planos do casal. Ela logo arma um plano para chantagear Dom, de forma que ele traia seus amigos e passe a ajudá-la a obter ogivas nucleares. Tal situação faz com Letty reúna os velhos amigos, que agora precisam enfrentar o antigo companheiro.

Leia mais

Publicidade

Crítica: ‘Velozes e Furiosos 6’ corrige erros do anterior e garante boa diversão

Por Thiago Sampaio em Crítica

29 de Maio de 2013

Pôster de 'Velozes e Furiosos 6'

Foto: Divulgação

A franquia “Velozes & Furiosos” (2001-2014) já adquiriu uma fórmula e um número de fãs suficiente para ter quantas continuações os produtores bem entenderem. Não importa a história, mas tendo carros potentes e boas cenas de ação, está tudo certo. Após ridicularizar a imagem do Brasil no mediano quinto filme, de subtítulo Operação Rio (Fast Five, 2011), a série chega a Velozes e Furiosos 6 (Fast & Furious 6, 2013) corrigindo alguns defeitos do episódio anterior e com todos os ingredientes para o bom entretenimento do público alvo.

Antes de tudo, vale um breve contexto: depois de a série começar como uma despretensiosa obra de apreciação dos fãs de carros tunados no primeiro Velozes & Furiosos (The Fast and the Furious, 2001) – uma espécie de remake de Caçadores de Emoção (1991), a série focou mais no gênero policial a partir do quarto – Velozes & Furiosos 4 (Fast & Furious, 2009), quando os protagonistas originais (Vin Diesel, Paul Walker, Jordana Brewster e Michelle Rodriguez) se reúnem novamente. Os “rachas” deram vez às tramas de assalto, numa mistura de 11 Homens e Um Segredo (2001) com a ação exagerada de Missão Impossível (1996). E com resultados positivos na bilheteria cada vez maiores!

Leia mais

Publicidade

Crítica: ‘Velozes e Furiosos 6’ corrige erros do anterior e garante boa diversão

Por Thiago Sampaio em Crítica

29 de Maio de 2013

Pôster de 'Velozes e Furiosos 6'

Foto: Divulgação

A franquia “Velozes & Furiosos” (2001-2014) já adquiriu uma fórmula e um número de fãs suficiente para ter quantas continuações os produtores bem entenderem. Não importa a história, mas tendo carros potentes e boas cenas de ação, está tudo certo. Após ridicularizar a imagem do Brasil no mediano quinto filme, de subtítulo Operação Rio (Fast Five, 2011), a série chega a Velozes e Furiosos 6 (Fast & Furious 6, 2013) corrigindo alguns defeitos do episódio anterior e com todos os ingredientes para o bom entretenimento do público alvo.

Antes de tudo, vale um breve contexto: depois de a série começar como uma despretensiosa obra de apreciação dos fãs de carros tunados no primeiro Velozes & Furiosos (The Fast and the Furious, 2001) – uma espécie de remake de Caçadores de Emoção (1991), a série focou mais no gênero policial a partir do quarto – Velozes & Furiosos 4 (Fast & Furious, 2009), quando os protagonistas originais (Vin Diesel, Paul Walker, Jordana Brewster e Michelle Rodriguez) se reúnem novamente. Os “rachas” deram vez às tramas de assalto, numa mistura de 11 Homens e Um Segredo (2001) com a ação exagerada de Missão Impossível (1996). E com resultados positivos na bilheteria cada vez maiores!

(mais…)