hugh jackman Archives - Cinema Sinergia 
Publicidade

Cinema Sinergia

por Thiago Sampaio

hugh jackman

Crítica: “Logan” é um filme definitivo para fãs e amantes da sétima arte em geral

Por Thiago Sampaio em Crítica

02 de Março de 2017

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Eu poderia começar o texto afirmando que a cronologia dos X-Men nos cinemas anda tão confusa que já perdeu sentido a continuidade. Ou então, dizendo o quanto os fãs lamentam o fato de o personagem mais famoso da franquia, Wolverine, nunca ter sido retratado nas telas como esperavam, inclusive nos dois filmes solo, o terrível “X-Men Origens: Wolverine” (X-Men Origins: Wolverine, 2009) e o razoável/fraco “Wolverine: Imortal” (The Wolverine, 2013). Mas não seria correto. “Logan” (idem, 2017) não se trata de mais um longa dos mutantes, tampouco tem ligação com aquelas duas produções esquecíveis.

Aqui não há a necessidade da aparições de personagens surpresas ou gancho para continuações. Para os fãs, há referências discretas, como a citação da Estátua da Liberdade no longa de 2000, ou uma coreografia semelhante à da cena da salvação das crianças na escola em “X-Men 2” (X2, 2003), mas só. Trata-se de um episódio à parte. Diferente de tudo o que foi visto nesse universo até então, é acima de tudo uma honrosa despedida de Hugh Jackman do papel que impulsionou a sua carreira há 17 anos, numa produção dramática, violenta e muito corajosa.

Leia mais

Publicidade

Divulgado o novo trailer de ‘X-Men – Dias de um Futuro Esquecido’

Por Thiago Sampaio em Trailer

24 de Março de 2014

Novo pôster de 'X-Men - Dias de um Futuro Esquecido'

Novo pôster de ‘X-Men – Dias de um Futuro Esquecido’ – Foto: Divulgação

Foi divulgado nesta segunda-feira (24) o novo trailer de “X-Men – Dias de um Futuro Esquecido”, que estreia no dia 22 de maio. A prévia é bem maior do que a divulgada anteriormente, com 2:35 de duração, mostrando muita ação e quase todos os personagens. E uma coisa fica clara: será sem dúvidas a produção mais grandiosa da franquia “X-Men” e talvez de todos os filmes de super-heróis.

O longa mistura a geração de mutantes da trilogia original com a geração apresentada em “X-Men – Primeira Classe” (2011). No futuro, mutantes são mantidos em campos de concentração e Wolverine (Hugh Jackman), um dos poucos remanescentes, se conecta com sua versão do passado para alertá-la do perigo e tentar alterar o curso dos eventos apocalípticos.

Leia mais

Publicidade

Crítica: ‘Wolverine: Imortal’ é brutal, eficiente e passageiro

Por Thiago Sampaio em Crítica

31 de julho de 2013

Pôster de 'Wolverine: Imortal'

Foto: Divulgação

Considerado o mutante mais popular dos X-Men, Wolverine tem em si o brilho nos olhos dos produtores para lucrarem alto com filmes paralelos. Apesar do relativo sucesso de bilheteria de X-Men Origens: Wolverine (2009), as críticas não foram positivas, forçando partirem para um novo rumo. Em Wolverine: Imortal (The Wolverine, 2013), os investidores foram menos ambiciosos, se mantiveram mais fiéis ao personagem e, com isso, garantiram uma aventura eficiente.

A trama acontece após os eventos de X-Men: O Confronto Final (2006), mostrando Logan (Hugh Jackman) deprimido após se ver obrigado a matar Jean Grey (Famke Janssen). Ele decide viver como um eremita, até que é encontrado pela jovem Yukio (Rila Fukushima). Ela foi enviada a mando de seu pai adotivo, Yashida (Hal Yamanouchi), que foi salvo por ele no passado. O ex-militar está doente e quer fazer uma proposta ao mutante: ir até o Japão e transferir seu fator de cura.

Leia mais

Publicidade

Crítica: ‘Wolverine: Imortal’ é brutal, eficiente e passageiro

Por Thiago Sampaio em Crítica

31 de julho de 2013

Pôster de 'Wolverine: Imortal'

Foto: Divulgação

Considerado o mutante mais popular dos X-Men, Wolverine tem em si o brilho nos olhos dos produtores para lucrarem alto com filmes paralelos. Apesar do relativo sucesso de bilheteria de X-Men Origens: Wolverine (2009), as críticas não foram positivas, forçando partirem para um novo rumo. Em Wolverine: Imortal (The Wolverine, 2013), os investidores foram menos ambiciosos, se mantiveram mais fiéis ao personagem e, com isso, garantiram uma aventura eficiente.

A trama acontece após os eventos de X-Men: O Confronto Final (2006), mostrando Logan (Hugh Jackman) deprimido após se ver obrigado a matar Jean Grey (Famke Janssen). Ele decide viver como um eremita, até que é encontrado pela jovem Yukio (Rila Fukushima). Ela foi enviada a mando de seu pai adotivo, Yashida (Hal Yamanouchi), que foi salvo por ele no passado. O ex-militar está doente e quer fazer uma proposta ao mutante: ir até o Japão e transferir seu fator de cura.

(mais…)