Publicidade

O Psicólogo

por André Flávio Nepomuceno Barbosa

outubro 2018

Botox: para além da estética

Por andreflavionb em botox

15 de outubro de 2018

Botox: para além da estética
Essa semana entrevistei o dentista, Dr. Samuel Cavalcante, sobre o uso do Botox para outras modalidades, para além da estética.
Além de ser conhecido por oferecer aos seus pacientes uma tecnologia de ponta que une psicologia e odontologia, o DSD (Digital Smile Design), onde se analisa a personalidade do paciente e a melhor estética para seu sorriso (que seja coerente com sua personalidade), o Dr. Samuel vem utilizando o botox para aliviar dores de cabeça tensionais  , bruxismo e  tratamento do sorriso gengival (antes somente possível com cirurgias).

Botox para o fim do sorriso gengival

André: De uma maneira bem clara e objetiva, para que a gente possa entender, quais as demais finalidade do botox na odontologia? 
Dr. Samuel: Olha, a toxina botulínica , mais conhecida pelo nome comercial , Botox, hoje é muito utilizada pelos dentistas para fins estéticos pelos pacientes que desejam uma suavização das rugas e prevenção  desses sinais da idade e também para o sorriso gengival.
Contudo seu uso na odontologia não se limita somente à estética, em alguns casos é utilizada  para resolver ou atenuar alguns problemas bucais e orofaciais. O mais comum deles é o bruxismo que são aqueles pacientes que sofrem em apertar ou ranger os dentes durante o dia ou à noite, problema que afeta 30 % dos brasileiros. Em casos mais avançados os pacientes desgastam tanto o dente rangendo que são necessários procedimentos mais complexos no tratamento desses dentes desgastados. A toxina botulínica nesses casos é injetada no músculo da mastigação, em pequenas proporções, para diminuir a sua potência e estímulo, assim o músculo não tem força para desgastar o dente, mas continua com sua força mastigatória.
 Outro uso é associado ao tratamento das dores orofaciais de origem muscular. A toxina bloqueia a liberação da acetilcolina que é um neurotransmissor que transporta mensagens do cérebro para as fibras musculares , sem ordens o músculo pára de movimentar e relaxa, consequentemente as dores vão embora. A toxina começa a atuar quatro dias depois da aplicação  e pode durar até 6 meses, quando está indicada outra aplicação.A vantagem desse recurso terapêutico é apresentar um resultado eficaz e rápido, sem quase nenhuma contraindicação.O intervalo mínimo é de 90 dias. Se esse prazo for desrespeitado, há o risco de o tratamento não surtir o efeito esperado.
Fale um pouco  sobre o  bruxismo?

Bruxismo um problema que afeta 30% dos brasileiros

Bruxismo um problema que afeta 30% dos brasileiros

O bruxismo e o apertamento dental também podem levar à hipertrofia dos músculos da mastigação, entre eles o Masseter e o Temporal. Esse aumento volumétrico dos músculos mastigatórios pode acometer ou não a função, mas geralmente, afeta a estética, ficando com a face com um aspecto mais quadrado. A utilização da toxina em pontos estratégicos ao longo do músculo proporciona um visível afinamento da face devido ao relaxamento do mesmo alcançando assim um aspecto facial mais delicado.
E ajuda a aliviar até dores de cabeça tensionais, aquelas que ocorrem devido ao apertamento e ao ranger dos dentes?
Sim.  O botox pode ser usado para ajudar no alívios dos sintomas , especialmente dos casos onde o bruxismo é tão intenso  e a contração muscular é excessiva da região da que pode causar essas dores de cabeça. Os sintomas das disfunções na ATM atingem cerca de 30% da população no mundo, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (ONU). O Botox relaxa a musculatura e faz com que as dores de cabeça, nuca, pescoço e face tenham um alívio mais rápido.A toxina começa a atuar quatro dias depois da

Botox ajuda aliviar a enxaqueca crônica

aplicação  e pode durar até 6 meses, quando está indicada outra aplicação.A vantagem desse recurso terapêutico é apresentar um resultado eficaz e rápido, sem quase nenhuma contraindicação.

Mudando um pouco de assunto, conversamos já sobre essa junção entre psicologia + odontologia, como funciona a odontologia Comportamental?
Vou começar com uma pergunta. O que é beleza? Difícil entrar num consenso, mas podemos dizer que beleza é, por definição, simetria, equilíbrio, harmonia e proporção. Quando fiz o curso de DSD (Digital Smile Design – Planejamento digital do sorriso), que é um planejamento digital do sorriso, vi que não somente os dentes teriam que ser proporcionais como teriam que combinar com a personalidade ou com a imagem que o paciente quer passar. Vou ser mais claro, imagine uma pessoa que exerce um cargo de chefia em uma empresa, mas quando sorri os dentes são pequenos e infantis, não combina nem um pouco. Hipócrates em seus estudos, identificou quatro tipos de personalidades diferentes: Colérico, Melancólico, Sanguíneo e Fleumático.
E consequentemente possui características da forma do dente diferentes. E esse é o segredo! É buscar adequar o visual da pessoa para que a sua personalidade seja refletida na sua imagem da melhor maneira possível! Claro que todo esse processo é discutido e revisado com o paciente de acordo com seus desejos e objetivos.
Muitíssimo obrigado mais uma vez por compartilhar um pouco de seu conhecimento conosco! 
Samuel: Eu que agradeço e estou sempre a disposição!
Contatos e dúvidas: Samuel Cavalcante: (85) 40112774 ou WhatsApp (85) 9 86762774.
Publicidade

Botox: para além da estética

Por andreflavionb em botox

15 de outubro de 2018

Botox: para além da estética
Essa semana entrevistei o dentista, Dr. Samuel Cavalcante, sobre o uso do Botox para outras modalidades, para além da estética.
Além de ser conhecido por oferecer aos seus pacientes uma tecnologia de ponta que une psicologia e odontologia, o DSD (Digital Smile Design), onde se analisa a personalidade do paciente e a melhor estética para seu sorriso (que seja coerente com sua personalidade), o Dr. Samuel vem utilizando o botox para aliviar dores de cabeça tensionais  , bruxismo e  tratamento do sorriso gengival (antes somente possível com cirurgias).

Botox para o fim do sorriso gengival

André: De uma maneira bem clara e objetiva, para que a gente possa entender, quais as demais finalidade do botox na odontologia? 
Dr. Samuel: Olha, a toxina botulínica , mais conhecida pelo nome comercial , Botox, hoje é muito utilizada pelos dentistas para fins estéticos pelos pacientes que desejam uma suavização das rugas e prevenção  desses sinais da idade e também para o sorriso gengival.
Contudo seu uso na odontologia não se limita somente à estética, em alguns casos é utilizada  para resolver ou atenuar alguns problemas bucais e orofaciais. O mais comum deles é o bruxismo que são aqueles pacientes que sofrem em apertar ou ranger os dentes durante o dia ou à noite, problema que afeta 30 % dos brasileiros. Em casos mais avançados os pacientes desgastam tanto o dente rangendo que são necessários procedimentos mais complexos no tratamento desses dentes desgastados. A toxina botulínica nesses casos é injetada no músculo da mastigação, em pequenas proporções, para diminuir a sua potência e estímulo, assim o músculo não tem força para desgastar o dente, mas continua com sua força mastigatória.
 Outro uso é associado ao tratamento das dores orofaciais de origem muscular. A toxina bloqueia a liberação da acetilcolina que é um neurotransmissor que transporta mensagens do cérebro para as fibras musculares , sem ordens o músculo pára de movimentar e relaxa, consequentemente as dores vão embora. A toxina começa a atuar quatro dias depois da aplicação  e pode durar até 6 meses, quando está indicada outra aplicação.A vantagem desse recurso terapêutico é apresentar um resultado eficaz e rápido, sem quase nenhuma contraindicação.O intervalo mínimo é de 90 dias. Se esse prazo for desrespeitado, há o risco de o tratamento não surtir o efeito esperado.
Fale um pouco  sobre o  bruxismo?

Bruxismo um problema que afeta 30% dos brasileiros

Bruxismo um problema que afeta 30% dos brasileiros

O bruxismo e o apertamento dental também podem levar à hipertrofia dos músculos da mastigação, entre eles o Masseter e o Temporal. Esse aumento volumétrico dos músculos mastigatórios pode acometer ou não a função, mas geralmente, afeta a estética, ficando com a face com um aspecto mais quadrado. A utilização da toxina em pontos estratégicos ao longo do músculo proporciona um visível afinamento da face devido ao relaxamento do mesmo alcançando assim um aspecto facial mais delicado.
E ajuda a aliviar até dores de cabeça tensionais, aquelas que ocorrem devido ao apertamento e ao ranger dos dentes?
Sim.  O botox pode ser usado para ajudar no alívios dos sintomas , especialmente dos casos onde o bruxismo é tão intenso  e a contração muscular é excessiva da região da que pode causar essas dores de cabeça. Os sintomas das disfunções na ATM atingem cerca de 30% da população no mundo, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (ONU). O Botox relaxa a musculatura e faz com que as dores de cabeça, nuca, pescoço e face tenham um alívio mais rápido.A toxina começa a atuar quatro dias depois da

Botox ajuda aliviar a enxaqueca crônica

aplicação  e pode durar até 6 meses, quando está indicada outra aplicação.A vantagem desse recurso terapêutico é apresentar um resultado eficaz e rápido, sem quase nenhuma contraindicação.

Mudando um pouco de assunto, conversamos já sobre essa junção entre psicologia + odontologia, como funciona a odontologia Comportamental?
Vou começar com uma pergunta. O que é beleza? Difícil entrar num consenso, mas podemos dizer que beleza é, por definição, simetria, equilíbrio, harmonia e proporção. Quando fiz o curso de DSD (Digital Smile Design – Planejamento digital do sorriso), que é um planejamento digital do sorriso, vi que não somente os dentes teriam que ser proporcionais como teriam que combinar com a personalidade ou com a imagem que o paciente quer passar. Vou ser mais claro, imagine uma pessoa que exerce um cargo de chefia em uma empresa, mas quando sorri os dentes são pequenos e infantis, não combina nem um pouco. Hipócrates em seus estudos, identificou quatro tipos de personalidades diferentes: Colérico, Melancólico, Sanguíneo e Fleumático.
E consequentemente possui características da forma do dente diferentes. E esse é o segredo! É buscar adequar o visual da pessoa para que a sua personalidade seja refletida na sua imagem da melhor maneira possível! Claro que todo esse processo é discutido e revisado com o paciente de acordo com seus desejos e objetivos.
Muitíssimo obrigado mais uma vez por compartilhar um pouco de seu conhecimento conosco! 
Samuel: Eu que agradeço e estou sempre a disposição!
Contatos e dúvidas: Samuel Cavalcante: (85) 40112774 ou WhatsApp (85) 9 86762774.