cobrança Archives - MOUSE OU MENOS 
Publicidade

MOUSE OU MENOS

por Nonato Albuquerque

cobrança

Cobrança do IPTU até para quem é isento

Por Nonato Albuquerque em LEIS

13 de Fevereiro de 2014

A polêmica do IPTU em Fortaleza não dá trégua. Do plenário da Câmara Municipal, casa que representa os direitos do cidadão comum, ao sofisticado ambiente que reúne a elite empresarial na FIEC, todo mundo anda chiando. Reclama-se do aumento considerado abusivo na alíquota do imposto de 2014, fazendo com que alguns imóveis tenham sido reajustados em até 200 por cento. Pois agora, toma-se conhecimento de um dado novo em toda essa discussão: a Prefeitura está cobrando o Imposto Predial até de quem tem uma casa com valor venal bem abaixo dos R$ 52 mil reais.

IPTU1A

Alguns proprietários de imóveis estão recebendo o boleto e, por desinformação, estão efetuando o pagamento quando, na verdade, eles poderiam reivindicar o direito a isenção.  Interpelado porquê não aproveitou a oportunidade, o proprietário diz temer que, futuramente, ocorra algum problema envolvendo o seu bem – no que não pode ser levado em conta, já que o valor do seu imóvel está aquém do que é exigido ao contribuinte.

leia tudo sobre

Publicidade

Cobrança do IPTU até para quem é isento

Por Nonato Albuquerque em LEIS

13 de Fevereiro de 2014

A polêmica do IPTU em Fortaleza não dá trégua. Do plenário da Câmara Municipal, casa que representa os direitos do cidadão comum, ao sofisticado ambiente que reúne a elite empresarial na FIEC, todo mundo anda chiando. Reclama-se do aumento considerado abusivo na alíquota do imposto de 2014, fazendo com que alguns imóveis tenham sido reajustados em até 200 por cento. Pois agora, toma-se conhecimento de um dado novo em toda essa discussão: a Prefeitura está cobrando o Imposto Predial até de quem tem uma casa com valor venal bem abaixo dos R$ 52 mil reais.

IPTU1A

Alguns proprietários de imóveis estão recebendo o boleto e, por desinformação, estão efetuando o pagamento quando, na verdade, eles poderiam reivindicar o direito a isenção.  Interpelado porquê não aproveitou a oportunidade, o proprietário diz temer que, futuramente, ocorra algum problema envolvendo o seu bem – no que não pode ser levado em conta, já que o valor do seu imóvel está aquém do que é exigido ao contribuinte.