ASTRONOMIA Archives - MOUSE OU MENOS 
Publicidade

MOUSE OU MENOS

por Nonato Albuquerque

ASTRONOMIA

Olha pro céu, meu amor. Vênus e Júpiter estão radiantes

Por Nonato Albuquerque em ASTRONOMIA

25 de junho de 2015

Para quem olha o céu, à noite, é bom atentar para duas manchas brilhantes que chamamnossa atenção. Falo de Vênus e Júpiter que estão em conjunção. Apesar de menor, Vênus é o mais brilhante, por estar mais perto do Sol e de nós. 

O ponto mais próximo de aproximação com o nosso Planeta acontecerá na noite de 30 junho - madrugada de 1o. de julho. 

leia tudo sobre

Publicidade

O cometa que vai reinar quando setembro vier

Por Nonato Albuquerque em ASTRONOMIA

31 de Maio de 2014

cometa

Quem é estudioso ou admirador de Astronomia vai ter entre agosto e setembro um espetáculo para admirar nos céus. Trata-se do cometa C/2012 Panstarrs K1, que por volta de 27 de agosto e dias posteriores se fará visível à luz do Sol, reaparecendo no início de setembro quando poderá ser visto nas madrugadas.

Ele será visto a uma magnitude mínima para o olho humano, por trás da linha do Equador celeste alcançando um brilho maior entre 19 de setembro e 23 de outubro

FONTE: Wikipedia

leia tudo sobre

Publicidade

Até a próxima semana, a Terra está alinhada com Marte e o Sol

Por Nonato Albuquerque em ASTRONOMIA

09 de Abril de 2014

earth-mars-orbit01_th200Se o tempo melhorar e permitir será possível ver o Planeta Marte em seu brilho mais intenso por esses dias. É que desde ontem, o planeta está em oposição ao Sol, quando a Terra encontra-se exatamente no meio, entre ele o astro rei.

Em poucos dias, Marte se aproximará ainda mais da Terra, sucedendo um eclipse lunar que deve ocorrer na próxima terça feira, dia 15, entre o entardecer e a meia noite. Então será possível vê-lo brilhando intensamente na cor alaranjada. Informes de astrônomos confirmam que ele estará 10(dez)  vezes mais brilhante do que uma estrela de primeira magnitude.

Hoje, dia 9, Terra e Marte alcançam o ponto principal em sua órbita no qual traçam uma linha perfeita em conjunção com o sol. O alinhamento dos três corpos celestes fará com que se veja o planeta vermelho na abóboda do céu, no lado contrário ao da estrela solar, o que explica porque esse acontecimento recebe o nome de “oposição à Marte”.

A posição de um planeta exterior tem lugar quando o Sol, a Terra e o dito planeta se alinham. No caso de Marte, isso se reproduz a cada 778 dias ou 2 anos, 1 mês e 18 dias. O ápice do fenômeno ocorrerá entre os dias 14 e 15 de abril, quando ocorrerá um eclipse total da Lua, visível até mesmo nas cidades muito iluminadas.

leia tudo sobre

Publicidade

Um cometa que se desintegra

Por Nonato Albuquerque em ASTRONOMIA

28 de novembro de 2013

COMETAISON

Amante dos assuntos ligados a Astronomia, dou de cara com imagem de satélite divulgada no início desta noite na web revelndoa que o cometa ISON, alvo da atenção de muitos brasileiros durante sua passagem há cerca de duas semanas, está se desintegrando. Em algumas imagens das sondas espaciais já não há nenhum sinal dele, porém há quem sustente a possibilidade de que algo tenha sobrevivivdo.

leia tudo sobre

Publicidade

PASSAGEM DO ASTERÓIDE PODERÁ SER VISTA COM BINÓCULOS

Por Nonato Albuquerque em ASTRONOMIA

07 de Fevereiro de 2013

De amanhã, 8 de fevereiro, a uma semana, um asteróide  ‘esfregará’ a Terra, viajando a uma velocidade de 28.100 quilômetros por hora. É o asteróide 2012 DA14, descoberto pelo observatório espanhol de La Sagra (Granada) e que poderá ser visto com binóculos. Como já tem gente anunciando que a passagem dele poderá provocar danos sensíveis ao planeta – tipo tsunamis, alteração no centro gravitacional da Terra, mudanças nos sistemas de comunicação -, é bom informar do que, realmente, é lenda e o que é verdade.

Ele tem cerca de 45 metros de diâmetro. Sua maior aproximação ao planeta está prevista para 20:24 horas (horário de Brasília), quando a rocha passa a 27.700 km acima da superfície da Terra.

DA14

A NASA descartou qualquer possibilidade de impacto no planeta e contra um satélite artificial.Neste sentido, explicou que quase não há satélites orbitando na distância que o asteróide vai passar.

É bom lembrar que se houvesse um impacto com a Terra, ele poderia cerca de 2,5 megatons de energia na atmosfera o que causaria devastação regional. Assim, recordou o impacto de um objeto próximo, 30-40 metros de diâmetro, realizada em 1908 em Tuguska (Sibéria) que destruiu cerca de 1.200 quilômetros quadrados de floresta, perto do rio Tunguska Podkamennaya.

(Com informações de Juan Manuel – Astroyciencia.com)

leia tudo sobre

Publicidade

EM 2013 UM COMETA BRILHANTE VAI PASSAR NO NATAL

Por Nonato Albuquerque em ASTRONOMIA

29 de dezembro de 2012

Quem é ligado em Astronomia, vai ficar satisfeito com a notícia. O ano novo de 2013 promete um grande evento: a passagem do ISON, um dos mais brilhantes cometas da história, que poderá ser visto a olho nu. O cometa recém-descoberto, C/2012 S1 (ISON) está em um caminho que o levaria para produzir um dos eventos no céu noturno mais espetaculares recentemente.

a-kite-c2012-s1-sobre-o-sol-dar-a-especial-L-9e1Tb1

Fonte: NASA-JPL

O cometa atingirá o pico nas semanas próximas ao Natal de 2013. ele atingirá o brilho equivalente ao Lua Cheia. 

leia tudo sobre

Publicidade

HOJE É A 13ª E ÚLTIMA LUA CHEIA DE 2012

Por Nonato Albuquerque em ASTRONOMIA

29 de dezembro de 2012

 

Hoje é a última lua cheia de 2012. E tem um dado muito raro: é a lua de número 13 do ano 2012. Curioso porque o ano tem doze meses e poderíamos dizer que, se ela aparece a cada mês, então deviam ser doze também as luas cheias. Mas a contagem se baseia no ciclo lunar.

Como a Lua Cheia leva em torno de 29,5 dias entre uma e outra, significa que há 12,37 ciclos lunares a cada ano. Com isso, de vez em quando tem a ocorrência de duas luas cheias em um só mês – fato conhecido como “lua azul’ (o ‘Blue Moon’ da famosa canção de Richard Rodgers e Lorenz Hart). A deste ano aconteceu em agosto e só vai se repetir agora em 2015.

leia tudo sobre

Publicidade

TERRA REGISTRARÁ FENÔNEMO QUE SÓ ACONTECE A CADA 2.737 ANOS

Por Nonato Albuquerque em ASTRONOMIA

01 de dezembro de 2012

Mais uma curiosidade do MOUSE OU MENOS, agora da área de Astronomia. Na próxima segunda-feira, dia 3 de dezembro, três planetas – Mercúrio, Vênus e Saturno – estarão aliados exatamente da mesma maneira como foram construídas as pirâmides de Gizé, no Egito.

O que tem de curioso nesse fato: é que um evento desse tipo só ocorre a cada 2.737 anos e acontecerá 18 dias antes do 21 de dezembro de 2012, data bastante citada em nossos dias por conta da previsão do calendário maia.

Na verdade, nada que se relacione ao fim do mundo material, mas provavelmente, a uma alteração na cosmogonia energética do Planeta. Quem sabe alterando o padrão vibracional da Terra, como costumam referir-se espíritos superiores, anunciando uma era nova onde vão prevalecer valores maiores do ponto de vista ético.

Em relação às três estruturas antigas do Egito, elas não formam uma linha perfeita, como observam os astrônomos, mas estão aliadas exatamente da mesma maneira que os planetas estarão na segunda-feira.  O que não deixa de ser um daqueles mistérios que cercam essas construções milenares.

Pirâmides de Gizé, Alinhamento, Planetas

FONTE:  LUIS VARGAS

leia tudo sobre

Publicidade

O FENÔMENO DOS DOIS SÓIS NOS CÉUS DE FORTALEZA

Por Nonato Albuquerque em ASTRONOMIA

08 de novembro de 2012

Estou sendo informado que voltou a ocorrer nos céus de Fortaleza o fenômeno de um segundo sol. Astronomicamente identificado como Parhelia, ele já teria ocorrido no último dia 18 de outubro quando chegou a ser captado por vídeo.

Na verdade, não é uma coisa rara, mas um fenônemo ótico que ocorre devido a formação das nuvens cirrus, constituídas em grande parte por numerosos cristais de gelo que se distribuem em longas tiras pelo céu. Essas nuvens refratam e refletem a luz solar em halos – aquela espécie de coroa que se forma em volta do sol. Visto da Terra dá a impressão de que existem realmente dois sóis.

IWY0UWA7mco

leia tudo sobre

Publicidade

COMETA VAI BRILHAR MAIS QUE A LUA EM 2013

Por Nonato Albuquerque em ASTRONOMIA

27 de setembro de 2012

Novidade para quem adora astronomia: ano que vem, o cometa denominado C/2012S1 passará pela Terra, atingindo uma magnitude aparente capaz de brilhar mais do que a Lua.

Descoberto pelos astrônomos Vitali Nevski e Artyom Novichonok, o cometa alcançará seu periélio (o ponto mais próximo do Sol) no dia 28 de novembro. Os observadores russos sugerem que já no dia 26 de dezembro, ele passará a a 60 milhões de quilômetros da Terra.

Caso sejam cumpridas as estimativas, esse cometa poderia alcançar uma magnitude de -16. Isso quer dizer, seria o bastante para brilhar mais que a Lua cheia, cuja magnitude aparente é de -12,6, bem menos que o Sol que chega aos -26,8.

leia tudo sobre

Publicidade

COMETA VAI BRILHAR MAIS QUE A LUA EM 2013

Por Nonato Albuquerque em ASTRONOMIA

27 de setembro de 2012

Novidade para quem adora astronomia: ano que vem, o cometa denominado C/2012S1 passará pela Terra, atingindo uma magnitude aparente capaz de brilhar mais do que a Lua.

Descoberto pelos astrônomos Vitali Nevski e Artyom Novichonok, o cometa alcançará seu periélio (o ponto mais próximo do Sol) no dia 28 de novembro. Os observadores russos sugerem que já no dia 26 de dezembro, ele passará a a 60 milhões de quilômetros da Terra.

Caso sejam cumpridas as estimativas, esse cometa poderia alcançar uma magnitude de -16. Isso quer dizer, seria o bastante para brilhar mais que a Lua cheia, cuja magnitude aparente é de -12,6, bem menos que o Sol que chega aos -26,8.