Publicidade

Le Chef Coxinha

por Ariane Cajazeiras

[DIA DAS QUIANÇA] Sorvete que brilha no escuro

Por Ariane Cajazeiras em Novidades

11 de outubro de 2018

Dificilmente eu falo de coisas que nunca provei, mas achei isso tão curioso que vim compartilhar com vocês. A recém-inaugurada sorveteria Iceland, no Lago Jacarey, além de seus já conhecidos sabores inusitados que misturam chocolate e laranja e cookies com caramelo inflado (honeycomb) traz uma novidade a nível nacional para esse final de semana do dia das crianças: o primeiro sorvete do Brasil que brilha no escuro.

A empresa não se define como gelateria, sorveteria ou iogurteria (já que oferece também em seu cardápio o Iogurte Grego Artesanal) e “pretende trazer as delícias geladas dos quatro cantos do mundo para nossa cidade”. Para se perceber o efeito será necessário entrar em uma sala especial equipada com luz negra. Lá dentro você vai ver o efeito de fluorescência. O produto, já vendido em países como Inglaterra e Austrália, será oferecido em uma edição limitada durante o final de semana que vai do dia 12 ao 14 desse mês (ou até quando durar o estoque).

Sorvete que brilha no escuro (Foto: Divulgação)

O efeito luminoso é causado pela adição de vitamina B2. Também conhecida como riboflavina, a substância é um composto orgânico da classe das vitaminas que já é utilizada como corante alimentar, sob a designação E101 ou E101a quando em sua forma fosfatada. Além de não apresentar prejuízos ao corpo humano, a vitamina também favorece o metabolismo das gorduras, açúcares e proteínas e é importante para a saúde dos olhos, pele, boca e cabelos. Já quero conhecer. Uma novidade pros pequenos e pros curiosos!

Serviço:
ICELAND
Endereço: Av. Viena Weyne, 500. Em frente ao Lago Jacarey.
Funcionamento: Terça a Quinta das 17h às 22h30; sextas, sábados e domingos das 17h às 00h.
Instagram: @icelandbrasil

Publicidade

Restaurante Madero chega a Fortaleza

Por Ariane Cajazeiras em Experiências Gastronômicas, Hamburguer

13 de setembro de 2018

O restaurante paranaense é famoso pelo cheeseburger, que pode chegar a 59 reais! Será que vale a pena? 

Começa a funcionar nesta quinta-feira um restaurante aguardadíssimo por muitos cearenses. Até porque nós AMAMOS novidade, né? Quando abre qualquer coisa nova, haja fila e disposição porque todo mundo quer conhecer, é o nosso jeitinho hahaha! Para você que nunca ouviu falar do Madero, o restaurante foi fundado em 2005, pelo chef Junior Durski. O primeiro Madero Prime Steak House funciona ainda no centro histórico de Curitiba. Mas hoje, o restaurante já está presente em 15 estados, incluindo o Ceará, cuja loja abre as portas a partir das 18h deste dia 13 de setembro.

No Nordeste são duas unidades em Salvador, duas em Recife, essa de Fortaleza e em breve em Aracaju, Sergipe. O Madero trabalha com dois modelos de negócio: steak house (como no Riomar Fortaleza) e container, que tem um cardápio mais reduzido. Aqui teremos o cardápio completo que é oferecido em todo o Brasil. A nova loja tem 549 metros e capacidade para comportar até 166 clientes.

E qual é, afinal, o diferencial do produto do Madero?

Algumas pessoas já me disseram ter sido o melhor hambúrguer que já provaram. Os cheeseburgers da casa, que tem um cardápio de saladas, sanduíches fit, entradas, carta de vinhos, bebidas alcoólicas e não alcoólicas, são realmente o carro-chefe, aqueles que dão nome ao restaurante.

Segundo o restaurante, o diferencial está no “pão crocante assado na hora, alface e tomate frescos, cebola assada, queijo cheddar, maionese artesanal, carne pura e grelhada em fogo forte e batatas fritas crocantes por fora e macias por dentro“. Todos os ingredientes são artesanais e a maior parte do que é servido nos restaurantes da rede vem da Fábrica Central em Ponta Grossa (cidade próxima de Curitiba), que tem capacidade para produzir 2 milhões de hambúrgueres por mês.

O Madero já teve até a pretensão de se autointitular “o melhor hambúrguer do mundo”, mas mudou o slogan para “o hamburger do Madero faz o mundo melhor”. Eu estive em um pré-lançamento a convite do restaurante, no último dia 11 de setembro, e experimentei alguns dos produtos do cardápio. Devo dizer que gostei bastante do que comi, mas tenho algumas considerações  a fazer.

A experiência valeu a pena?

A comida estava muito boa, realmente. Pedi como entrada o Schnitzel (R$26), uma carne de porco que se come muito na Alemanha, bem fininha e empanada. Deliciosa, quentinha, crocante, com toque de limão. A porção serve 2 pessoas.

Schnitzel (Foto: Ariane Cajazeiras)

O meu sanduíche foi o Madero Bacon (R$44): Pão crocante, 180 gramas de carne com um tempero delicioso, fatias de bacon crocante e cheddar especial.  Gosto de frisar o cheddar porque é um queijo super caro e a maior parte das hamburguerias da cidade usa creme de cheddar, queijo processado (muitas vezes bem ruinzinho). No Madero o cheddar é do bom (mas também reforço que o preço é alto, então eles têm o dever mesmo de entregar o melhor produto).

Madero Bacon (Foto: Ariane Cajazeiras)

O hambúrguer é realmente muito bom, suculento, não inunda o pão de água, tempero no ponto certo. Mas foi o melhor que já provei? Acho que não. Preciso repetir pra avaliar, mas não guardei esse sabor tão marcante que algumas pessoas me disseram. Vale a pena provar? Na minha opinião, sim. É importante dizer que a casa tem outros tipos de sanduíche, mas especificamente os cheeseburgers não têm muita variação de ingredientes: o pão é sempre o mesmo (tipo carioquinha, mas artesanal) e varia só o tamanho (número de carnes e fatias de bacon).

O cardápio também tem costelinha, carnes, sanduíches vegetarianos, veganos, saladas e outros sanduíches quentes. Provei o Choripán (R$36), que é na verdade um sanduíche típico argentino, com linguiça artesanal enroladinha, com sabor pronunciado, mas não apimentado, vinagrete e maionese espacial. Gostoso.

A batata é canoa, realmente veio crocante por fora e macia por dentro. Acho que se paga um valor a mais pela batatinha, mas não lembro bem quanto é.

De sobremesa, tomei o sorvete de Vanilla (baunilha, né) com frutas Vermelhas. Não repetiria. Sorvete é bem simples, sabor não é marcante. Preferi a panelinha de brigadeiro de colher da minha vizinha de mesa. Porém a panelinha custa R$19, ou seja, prefiro fazer lá em casa porque sou boa nisso hahaha. Mas o brigadeiro estava realmente caseiro, quentinho e delicioso. Se você não conta moedas como eu, vale comprar.

Sorvete de Vanilla e calda de frutas Vermelhas (Foto: Ariane Cajazeiras)

No mais, a casa está linda, decoração rústica e elegante, funcionários são dedicados e pareciam felizes em estarem ali. Conversei, por exemplo, com o garçom Joel e ele veio de Itapipoca, foi treinado em São Paulo e está tendo a primeira oportunidade de emprego no restaurante. Achei isso bem interessante!

O que assusta? O valor, né? Os cheeseburgers têm um valor beeem acima do que estamos acostumados a ver por aqui. De 33 a 59 reais. Se quiser visitar, prepare-se para pagar mais que o comum para uma hamburgueria.

Quer visitar? A loja abre as portas nesta quinta a partir das 18h (o horário da inauguração é diferenciado). Quero voltar um dia comum para avaliar serviço, sabor e rapidez e finalmente conseguir responder à pergunta: O Madero vale mesmo o valor que se cobra?

Serviço

Madero Riomar
Endereço: Rua Desembargador Lauro Nogueira, 1500, Papicu. Piso L3, perto da Pizza Ht.
Horário de funcionamento:
De segunda a quinta, das 11h45min às 23 horas.
Sexta e sábado, das 11h45min à 0 hora.
Domingo e feriado, das 11h45min às 22h30min

Publicidade

Testamos o cardápio novo do Havanna Café

Por Ariane Cajazeiras em Café, Experiências Gastronômicas

17 de agosto de 2018

Não é a primeira vez que somos convidados a experimentar novidades no Café Havanna Fortaleza. Uma coisa legal que enxergo na gestão da franquia é essa vontade de sempre trazer algo novo e o entusiasmo pela marca Havanna. Fomos mais uma vez ao restaurante do Riomar Fortaleza, acompanhar as mudanças do cardápio e, claro, provar algumas das  novidades. Devo dizer que tem muita coisa nova, incluindo também mudanças nos tamanhos das bebidas, que agora também estão disponíveis em versões menores.

Os clássicos alfajores, cafés e empanadas permanecem no cardápio, é claro, mas agora há um toque inclusive de regionalização, com tapiocas e até carne seca (não é carne de sol ainda, mas quem sabe, né?) e queijo coalho. Outra coisa que quero provar são as medialunas, uma espécie de croissant argentino, que vem no cardápio em sabores doces ou salgados. As novidades já chegaram em todas as lojas do Brasil.

Tapiocas:

Não provamos as tapiocas, mas não é difícil saber que a tapioca já é paixão nacional e aqui no Ceará é meio que indispensável em uma cafeteria! Assim como o pão na chapa, outro item básico, as novidades já estão nos cardápios para os cearenses-raiz. Os recheios vão da manteiga ao doce de leite Havanna.

Sanduíches:

Vou apresentar os que eu provei!

Nordestino (R$21,90): Pão italiano, carne seca, queijo coalho, tomates assados e cebola com ervas. O sabor é bem suave, nada de sal demais. O pão vem crocante e quentinho no topo, embora um pouco molinho na base. Os sanduíches vêm prontos do fornecedor da marca e são assados em forno especial.

Nordestino (Foto: Ariane Cajazeiras)

Puerto Madero (R$21,90): Pão de mandioquinha, frango com ervas, queijo prato, creme de mostarda dijon e tomate assado com ervas. Eu adoro mostarda e achei que o sabor dela se perde. Alô, Havanna, carrega mais nessa mostarda, faz favor! Apesar disso, o sanduíche é saboroso.

Puerto Madero (Foto: Ariane Cajazeiras)

Recoleta (R$21,90): Com selinho vegetariano, essa sanduíche não leva carne (claro hahaha). Pão rústico, cream cheese com molho pesto e tomate assado com ervas. Eu acho fundamental ter um cardápio inclusivo.

Recoleta (Foto: Ariane Cajazeiras)

Bebidas:

Achei ótimo a novidade de muitas das bebidas doces agora virem em dois tamanhos: 200 e 380 ml. Dá para comer sanduíche, bebida e sobremesa de boa agora. Tem Havanna Shake (leite expresso, doce de leite e cappuccino – R$11 ou R$19) e o delicioso Frappé de Avelã (creme de avelã, sorvete de creme, espresso e leite – R$11 ou R$19). Permanecem as bebidas clássicas, como o Capuccino Havanna, com borda de doce de leite. Uma novidade legal é que entre as bebidas, agora existem sucos naturais e chás gelados.

Dividindo o mini Frappé com as amigas (Foto: Daniel Herculano)

Tortas:

Pra finalizar, experimentamos os bolos e tortas. Confesso que amo doces, mas sempre que vou na Havanna, acabo comendo o crepe com doce de leite, que é meu preferido. Masquem vai com aquele fome de doce, pode optar pela torta La Chocolina (R$ 12,90), com camadas de biscoito de chocolate e doce de leite, atende as formigas de plantão. A campeã de pedidos é a Torta Havanna (R$ 17,50), que ganhou agora uma versão com creme de chocolate,
intercalando camadas de massa folheada e cobertura de marshmallow de chocolate. Menos doce que a tradicional, vale experimentar!

Camadaaaas <3 (Foto: Ariane Cajazeiras)

Formigas curtiram isso <3 (Foto: Ariane Cajazeiras)

E aí? Hora de dar uma passadinha na Argentina do Café Havanna? As lojas estão no shopping Iguatemi e Riomar Fortaleza.

 

Publicidade

Mercearia ou Restaurante? Um lugar de encontros

Por Ariane Cajazeiras em Experiências Gastronômicas

14 de agosto de 2018

No finzinho de Julho o Le Chef Coxinha foi convidado a conhecer o 2707 Mercearia & Encontro, um espaço para comer e interagir no bairro Dionísio Torres. Quem nos representou por lá foi o chef Gui Branco, gastrônomo com especialização na UniFanor Wyden.

Gui Branco (Foto: Arquivo Pessoal)

E você confere as impressões dele por aqui:

“O 2707 e o seu proprietário, Bernardo Gadelha, são uma entidade só. A começar pelo nome do local, que é a data do aniversário do Bernardo (e da reinauguração que fui cobrir), mas não só nisso. Tudo tem a sua impressão digital.
O local por si só não é definido como restaurante, sequer leva esse nome no título, é uma mercearia e ponto de encontro. Esse lado do acolhimento é que faz a maior diferença do local.

Na noite do dia 27.07.2018, todos fomos recepcionados pessoalmente pelo Bernardo e por taças de vinho rosé Alta Vista, harmonizando com o primeiro prato: arroz de coco, farofa de castanha e camarão.

Arroz de Coco (Foto: Gui Branco)

Na sequência, fomos puxados pra dentro pela voz (e presença) maravilhosa da cantora Nara Hope. Mais algumas taças de vinho e veio o segundo prato, um medalhão suíno de cocção perfeita acompanhado de tubérculos grelhados e beterraba glaceada, seguido por um delicioso risoto de funghi com lascas de mignon.

Porco com tubérculos (Foto: Gui Branco)

Risoto de funghi (Foto: Gui Branco)

Coroando um menu que já estava fantástico, veio um filet de peixe com arroz de pimenta de cheiro sensacional e de sobremesa um cheesecake de chocolate e laranja, acompanhado de um discurso emocionado do Bernardo, fechando uma noite repleta de boa comida, musica e risadas.

Filé de Peixe (Foto: Gui Branco)

Todos os pratos servidos fazem parte do menu fixo da casa”.

O Le Chef Coxinha agradece a colaboração do Chef Gui Branco e já aproveitamos para deixar uma dica. Nesta quinta-feira, 16 de agosto, o 2707 oferece o III Jantar Harmonizado BÖRN, conduzido pelo beer sommelier Alexandre Teixeira. Serão quatro rótulos da cervejaria Heilige, premiados com medalhas de ouro, prata e bronze em campeonatos nacionais e internacionais.

2707 Mercearia & Encontro
Endereço: R. Nunes Valente, 3035 – Dionísio Torres, Fortaleza – CE
Telefone: (85) 3077-2707
Instagram: @2707merceariaeencontro

 

Publicidade

Suspiros recheados de amor

Por Ariane Cajazeiras em Chefs do mundo

07 de agosto de 2018

Eu tenho um amor declarado por suspiros, pavlovas e tudo que envolva aquela massa leve, quebradiça e feita basicamente de claras de ovos e açúcar. Segundo minhas pesquisas aqui mesmo pelo mundo virtual, a receita foi inventada por um suíço no início do século 18 e acabou ganhando uma versão francesa e outra italiana. A data de 1881 está atribuída a uma receita feita por freiras italianas. Independentemente da real origem, o doce é querido por muitas formiguinhas como eu!

A pavlova é um suspirão recheado com creme e frutas frescas (Foto: Divulgação)

O suspiro é um doce muito leve com poucos ingredientes e assado em forno brando. Mas engana-se quem pensa que esse doce não possa ser versátil. Especialista em confeitaria, a Chef Priscila Cantinho dá forma e sabores a seus suspiros. Aos 21 anos ela abandonou a faculdade de Direito, tentou o ramo da moda, mas foi só depois de virar mãe que ela descobriu a verdadeira vocação: a gastronomia. O que despertou a paixão por doces refinados foi quando preparava o aniversário de um ano da filha. Ao buscar os doces para a festa, surgiu o interesse em se dedicar à área. Após algum tempo se especializando na área da confeitaria, Priscila montou sua marca.

Rosetas recheadas são carro-chefe (Foto: Divulgação)

A Priscila começou a carreira dando forma a suspiros artesanais em diversos formatos. O de maior sucesso é a rosa de suspiro recheado com brigadeiro! A criação é patenteada. E a imaginação é o carro chefe para os doces que fazem suspirar: eles podem vir em forma de flamingos, árvores, abacaxis, unicórnios e até torres de suspiros. O importante é manter sempre o sabor e a delicadeza.

Delicados abacaxis de suspiro (Foto: Divulgação)

 

Unicórniooooos (Foto: Divulgação)

Hoje, Priscila tornou-se especialista em artes com suspiros e transfere seus conhecimentos através de cursos e palestras por todo o Brasil. Além de Chef, ela é autora de dois livros: O Livro do Suspiro que ensina algumas técnicas de como fazer um delicioso merengue, recheios para suspiros e suspiros artesanais. E no livro “Suspiros e Mais”, ela conta segredinhos especiais, dos suspiros cookie, cúpula de morangos e muitos outros.

Priscila Cantinho (Foto: Divulgação)

Hoje a chef não faz mais doces para festas e se dedica aos cursos. Mas você se inspirar no trabalho dela atarvés das redes sociais: facebook.com/chefpriscilacantinho e o instagram @chefpriscilacantinho . Tem como um doce ser mais delicadinho e cheio de memórias do que esse? É de suspirar <3

Publicidade

Tradição no servir bem: Restaurante Renascença

Por Iury Costa em Experiências Gastronômicas

29 de junho de 2018

Quem trabalha o dia todo sabe a complicação de encontrar um bom restaurante para almoçar. Como o intervalo é pequeno, não dá tempo de desbravar outros lugares próximos, e você acaba sempre indo no mesmo restaurante de comida mediana. É o jeito. Mas o Blog Le Chef Coxinha traz uma dica para você não perder o pouco tempo do horário de almoço procurando um bom lugar. O restaurante Renascença funciona há pouco mais de sete meses, mas a propaganda de boca-a-boca já garante casa cheia.

O prédio fica na calma esquina das ruas General Tertuliano Potiguara e Jornalista Olavo Araújo, bem no coração da Aldeota. Na entrada do prédio avarandado, as boas-vindas dos funcionários. O tom de terracota do chão e das paredes dá sensação de tradicionalismo, um espaço separado para as reuniões em volta da mesa. A iluminação do interior, mais escura (que, mesmo assim, dá para ver a comida), além das cadeiras e mesas de madeira, completam a ideia de que a pressa ficou do lado de fora, e que você pode aproveitar seu almoço com calma. O interior é climatizado, mas se o cliente preferir, pode sentar na varanda coberta, e aproveitar o vento. Durante a construção, mantiveram uma árvore que já estava antes de tudo, e que hoje também faz parte da decoração.

Um balcão separa o ambiente das comidas. As opções do self-service, pensadas pelo chef Eduardo Melo também se destacam na casa, pois não são facilmente encontradas em um self-service. É, na verdade, uma comida de bistrô. Pela qualidade, é comida de jantar na hora do almoço. Durante a semana, pelo preço convidativo de R$59,90 o quilo, o cliente encontra o salmão grelhado, filé de atum, costelinha suína, além das massas artesanais e das variadas saladas. De sobremesa, você encontra a torta de limão, o tradicional bolo “red velvet”, dentre outras. O destaque, no entanto, é para o firme, porém cremoso pudim de leite condensado.

 

Serviço – Restaurante Renascença

Endereço: rua General Tertuliano Potiguara, 570, Aldeota / Estacionamento no local

Funcionamento: segunda a sábado, das 11h às 15h

Telefone: (85) 3879.3938

Preços: R$55,90 de segunda a sexta-feira, e R$65,90 aos sábados e feriados

Instagram: @restauranterenascenca

 

Restaurante Renascença
1/5

Restaurante Renascença

Foto: reprodução

Foto de Iury Costa
2/5

Foto de Iury Costa

Foto: reprodução

Restaurante Renascença
3/5

Restaurante Renascença

Foto: reprodução

Foto de Iury Costa (1)
4/5

Foto de Iury Costa (1)

Foto: reprodução

Restaurante Renascença
5/5

Restaurante Renascença

Foto: reprodução

Publicidade

O sabor das Trufas

Por Ariane Cajazeiras em Experiências Gastronômicas, Le Chef Coxinha Descobre

22 de junho de 2018

Um sabor único, exótico e marcante que vem da Europa e chega ao Ceará em 4 pratos distintos. Se quando você ouve a palavra “trufa” lembra de um bombom de chocolate, está na hora de ampliar seus horizontes e conhecer o sabor da verdadeira trufa: um fungo subterrâneo coletado por animais treinados e que é um dos ingredientes mais nobres da cozinha mediterrânea! Fomos ao primeiro restaurante do Ceará que oferece a iguaria em 4 pratos! Quer saber mais? Assiste aqui 

Particularmente eu nunca tinha experimentado um menu com trufas (apenas o azeite trufado que tempera uma entrada de batatas rústicas que têm no cardápio do restaurante Coco Bambu em Fortaleza). Achei o sabor indescritível, tem que provar mesmo para saber! É bem marcante e se você comer todos os pratos do menu, o sabor pode até ficar enjoativo. A entrada é bastante perfumada e vale muito a pena! O prato com carne bovina e trufas brancas tem um sabor mais sutil. Já no tagliatelle, a estrela do prato é a trufa, sem dúvidas. A sobremesa é simples e surpreendente. Os pratos custam entre R$28 e R$64 e ficam disponíveis como menu sugestão do chef durante o mês de junho. Pode ser que algum deles ou todos eles entrem de maneira definitiva no menu. Resta aguardar ou correr para provar antes que junho acabe 🙂

Serviço:
La Bella Italia
Endereço: Avenida Almirante Barroso, 812, Praia de Iracema
Horário Funcionamento: Segunda-feira a sábado, das 18h à 00h, e domingo, das 12h às 16h, das 18h à 00h.
Telefone: (85) 3219.2166

*Fomos ao La Bella Itália à convite da casa!

Publicidade

Fondue ou Baião de Dois?

Por Ariane Cajazeiras em Copa do Mundo 2018

15 de junho de 2018

O Brasil entra em campo no primeiro jogo pela Copa do Mundo da Rússia neste domingo contra a Suíça. Quando se trata de Futebol todo mundo arrisca um placar, mas e se a gente fosse disputar no quesito comida, o que é que ganharia, hein?

Raclette tpicamente suíça (Foto: Ariane Cajazeiras)

Um queijo derretido é de derreter também o coração das pessoas de qualquer nacionalidade. Alice Madeiro é uma das proprietárias da Chalé Suíça, um restaurante especializado na culinária do país europeu aqui em Fortaleza. Ela diz que os pratos famosos na Suíça fazem sucesso também na casa. Tem o queijo Emmental, o Gruyère e o tradicional queijo Raclette. Eles podem ser derretidos com vinho branco e transformados em fondue. Ou também podem vir derretidos e virem acompanhados de batatas, tomate e presunto.

Alguém resiste a queiijo derretido? (Foto: Ariane Cajazeiras)

Já a Van Régia, chef do restaurante regional Culinária da Van, diz que a versatilidade do queijo coalho coloca o queijo suíço no chinelo. Ela diz que usa o coalho em quase todos os pratos, que são maçaricados com o queijo ralado.

Maçaricando (Foto: Divulgação)

Ele também é consumido empanado com geleia de pimenta, no baião de dois ou na sobremesa mais pedida da casa: banana maçaricada, queijo coalho e mel de engenho.

Baião de Dois (Foto de Gabriel Gonçalves para o Vós)

E afinal, esse jogo vai dar fondue ou baião de dois? Confesso que fico dividida, hehehe. Deixa seu palpite nos nossos comentários e nas nossas redes sociais 🙂

Chalé Suíça
Endereço: Rua Pereira Filgueiras, 1645 – Aldeota
Funcionamento: terça à domingo, 19h à 0h
Telefone: (85) 3244.6563

Culinária da Van
Endereço: Rua Waldery Uchôa, 230
Funcionamento: Quarta a sex de 17 às 00h, Sábado de 12 às 22h e Domingo de 11 às 18hs
Telefone: (85) 98935-5735/ (85) 98674 98 16

Publicidade

Várias formas de celebrar o amor

Por Ariane Cajazeiras em Dia dos Namorados, Experiências Gastronômicas, Restaurantes

07 de junho de 2018

Dia dos namorados, aquela data essencialmente comercial que vira uma desculpa para ter momentos a sós com a pessoa que a gente ama tchururururuuu <3 E o Le Chef Coxinha tem algumas sugestões para os apaixonados. Tem gente que gosta de aproveitar o 12 de junho pra jantar fora, outros preferem cozinhar em casa e tem quem espere aquele presente.

E como boca foi feita pa cumê a gente tem sugestões que envolvem, claro, comida, que é nosso crush (amor verdadeiro, amor eterno)!

A) Pra comer fora:

Não caiam no conto do “na hora a gente decide”. O ideal é reservar lugar mesmo. Até porque ninguém quer perder a noite de terça-feira numa fila, não é? Tem vários restaurantes da cidade oferecendo programações especiais. Minha dica de hoje é o La Bella Italia. Um dos melhores da cidade para comer uma boa comida italiana (uma das minhas preferidas). Meu espaço preferido é o superior, que é climatizado e mais aconchegante.  A casa já oferece menu especial na segunda-feira, dia 11, para quem quer antecipar a data! Os casais recebem no dia 11 de junho uma taça de vinho Casa Valduga Leopoldina Rosé. O mimo harmoniza com os novos pratos do Menu Tartufo, recém adicionados ao cardápio da casa e que trazem a trufa como ingrediente principal.

Para o dia 12 de junho, terça-feira, o restaurante está desenvolvendo uma sobremesa exclusiva e irá contar com decoração e mise en place temáticos, além da música que ficará aos cuidados do violinista Daniel Barros. Entre as opções para data, destacam-se como entrada o Tartare di Salmone (tartar de salmão com creme mascarpone, mix de folhas e tomate cereja) e o Mare (lagosta, camarão, lula e polvo temperados com azeite extravirgem e limão siciliano, servidos mornos com torradas). Para o prato principal, a dica é o Agnolotti di Gamberi (massa recheada com camarão com molho de alcaparras, abobrinha e limão siciliano) ou Risotto alla Pescatora (feito com arroz canaroli, lagosta, camarão, lula e polvo).

Aqueles que adoram uma boa proteína podem optar pelo Filetto in Crosta (filé de peixe em crosta de ervas acompanhado por palmito pupunha assado, aspargos, tomates secos e molho de manjericão) ou Sorrentina (filé mignon grelhado com cogumelos frescos, tomate cereja e muçarela de búfala com batatas ao forno).

Sorrentina (Foto: Divulgação)

Serviço:

La Bella Italia:
Avenida Almirante Barroso, 812, Praia de Iracema
Horário Funcionamento: Segunda-feira a sábado, das 18h à 00h, e domingo, das 12h às 16h, das 18h à 00h.
Telefone: (85) 3219.2166
Instagram: @labellaitaliaFortaleza

Quem também oferece programação especial é o restaurante Jardim do Alchymist. O local oferece uma programação especial de música para os casais no dia 11 e 12 de junho, com apresentação do Thiago Rocha Duo Jazz, que vai tocar música brasileira, beatles, jazz e pop moderno em ritmo de bossa.

No dia dos namorados, a dica de entrada são as mini bruschettas de pão caseiro, feito no próprio restaurante, e que podem ser acompanhadas com molho especial. Para o prato principal, a sugestão para duas pessoas é o Grelhado Imperial, que vem acompanhado de lagosta, camarão, lula, polvo, vongole, mexilhão, filé de sirigado grelhado com um toque de manteiga de ervas servido com purê de batatas e arroz de brócolis. Para sobremesa, o chefe do Jardim, Adailton Magalhães, indica o Bolo de Ninho Gelado, que vem com bolo a base de leite ninho servido com sorvete de chocolate.

Serviço:

Jardim do Alchymist:
Rua Barão de Aracati, 801
Horário Funcionamento: Segunda e terça-feira a partir das 18h.
Telefone: (85) 3032-7208

B) Pra aprender:

Tem oficinas de gastronomia abertas ao público no Shopping Iguatemi em parceria com o curso de Gastronomia da Unifanor Wyden. Até domingo às 18h30 na praça em frente ao Outback. Olha só o calendário:

Quinta- feira 07/06
Uma noite de sabores exóticos da Tailândia
Chef Élcio Nagano
Chef Pâtissier Felipe Cicconato
Aula show com degustação:
Camarão Pancoco com molho de tamarindo
Pad Thai – talharim de arroz com lombo de porco
Esfera de coco recheado com manga e maracujá

Sexta-feira (08/06)
Uma noite de fondue
Fondue de queijo (com acompanhamentos para intolerantes a Glúten!)
Fondue de carne
Fondue de chocolate ( frutas, bolo, suspiros e biscoitos)
Chef Kersya Coêlho (coordenadora do Curso de Gastronomia da Unifanor)
Chef Pâtissier Anna Paula Rezende (chef Anna Paula Doceria)
Chef Pâtissier Felipe Cicconato (chef Sablé Diamant)
Chef Pâtissier Nabirra Acário (chef Nabirra Acário Brigaderia Gourmet)

Sábado (09/06)
“ Um brinde ao amor”: A magia da harmonização de espumantes com queijos , frutas e sobremesas.
Sommelière Marbênia Gonçalves
Chef Vivian Teixeira
Chef Kersya Coêlho

Domingo (10/06)
“ Itália, mesa pra dois” !
Bruschetta, risoto e tiramisù.
Chef Edil Costa
Chef Pâtissier Anna Paula Rezende

Boa ideia para quem quer preparar um jantarzinho legal em casa mesmo. Cozinhar para alguém que a gente ama é bom demais <3 Ou cozinhar juntos, que tal?

B) Pra presentear: 

Pesquei algumas opções das minhas confeitarias preferidas atualmente na capital. O legal é que tem opção pra todos os bolsos.

Sucré Patisserie – Coração de Torta Brownie (R$79,9): Chocolate belga 33% cacau, recheado com a clássica Torta Brownie da Sucré! E se você quiser uma sobremesa mais barata e bem classuda, a dica é a Caixa Colar de Brigadeiro Belga (R$ 36,00). São 7 brigadeiros belgas pintados de dourado, em formato de colar de ouro.

Colar de ouro delicioso! (Foto: Divulgação)

Sucré Patisserie:
R. Nunes Valente, 1310
Telefone: (85) 3268-2983
Av. Senador Virgílio Távora, 284
Telefone: (85) 3241-4275

Sablé Diamant Patisserie – Para quem quer investir um pouco mais no presente, a loja oferece cestas especias com itens diversos concebidos especialmente pra data! Para eles (R$329,00):

1 coração profiteroles 580g
1 caixa de madeira com queijos
1 caixa de madeira com pães de mel com doce de leite
1 cartão dedicatória
1 caixa de macarrons variados
2 cervejas artesanais ou 1 vinho tinto
1 caixa redonda
1 voucher de desconto Jef Calçados

Cesta de dia dos namorados (Foto: DIvulgação)

E para elas (R$ 379):
1 coração profiteroles 580 gramas
1 caixa de morangos com chocolate
1 caixa de bombons recheados de nutella
1 mini buquês de flores naturais
1 caixa redonda
1 cartão dedicatória
1 espumante rosé

Sablé Diamant Patisserie
Rua Dr. José Lourenço, 1414 – Aldeota
Telefone: (85) 3051-5074
Instagram: @sablediamant

E você, como comemora a data? Fala pra gente no comentários e nas nossas redes sociais 🙂

Publicidade

Cafeteria nova na área

Por Ariane Cajazeiras em Café

31 de Maio de 2018

Tem novidade na área para quem gosta de apreciar aquele cafezinho no fim da tarde. O restaurante Mediterrâneo, que já abre pra self-service no almoço diariamente, agora vai expandir também para cafeteria. A partir deste mês de junho, além de abrir entre 11h e 14h30 para almoço, o restaurante vai funcionar de segunda a sábado entre 15h e 21h para café!

Cappuccino é clássico! (Foto: Divulgação)

A Cafeteria vai trazer diversas opções de tapiocas, cuscuz, crepes, salgados. Para quem quer uma comidinha mais leve, tem ainda saladas e um menu fit especial. Entre as bebidas, uma boa variedade de cafés, capuccinos, frapês, affogatos e chocolate quente. No menu tem ainda um cardápio de sopas, algumas delas servidas no pão italiano.

Sopa no pão (Foto: Divulgação)

Além de poder pedir a la carte, vão estar disponíveis para self service sobremesas e bolos. É uma nova opção para quem trabalha ou mora na Aldeota. Eu já frequento restaurante e curto bastante o almoço, bem variado e com várias comidas saudáveis e fresquinhas, que é o que sempre busco em restaurantes desse tipo.
Mediterrâneo Café
Rua Osvaldo Cruz , 1769 – Aldeota
Funciona de segunda a sábado de 15h a 21h
Telefone: (85) 3224-2135
Publicidade

Cafeteria nova na área

Por Ariane Cajazeiras em Café

31 de Maio de 2018

Tem novidade na área para quem gosta de apreciar aquele cafezinho no fim da tarde. O restaurante Mediterrâneo, que já abre pra self-service no almoço diariamente, agora vai expandir também para cafeteria. A partir deste mês de junho, além de abrir entre 11h e 14h30 para almoço, o restaurante vai funcionar de segunda a sábado entre 15h e 21h para café!

Cappuccino é clássico! (Foto: Divulgação)

A Cafeteria vai trazer diversas opções de tapiocas, cuscuz, crepes, salgados. Para quem quer uma comidinha mais leve, tem ainda saladas e um menu fit especial. Entre as bebidas, uma boa variedade de cafés, capuccinos, frapês, affogatos e chocolate quente. No menu tem ainda um cardápio de sopas, algumas delas servidas no pão italiano.

Sopa no pão (Foto: Divulgação)

Além de poder pedir a la carte, vão estar disponíveis para self service sobremesas e bolos. É uma nova opção para quem trabalha ou mora na Aldeota. Eu já frequento restaurante e curto bastante o almoço, bem variado e com várias comidas saudáveis e fresquinhas, que é o que sempre busco em restaurantes desse tipo.
Mediterrâneo Café
Rua Osvaldo Cruz , 1769 – Aldeota
Funciona de segunda a sábado de 15h a 21h
Telefone: (85) 3224-2135