Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

prêmio do instituto Great Place to Work

Mercadinhos São Luiz está entre as 20 Melhores Empresas para a Mulher Trabalhar em 2016

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

10 de Março de 2016

DSC_6893

Os Mercadinhos São Luiz recebeu, em São Paulo, no último dia 08 de março, Dia Internacional da Mulher, mais um prêmio do instituto Great Place to Work, o título de uma das 20 Melhores Empresas para a Mulher Trabalhar em 2016 devido às políticas e atenção especial ao quadro de colaboradores do sexo feminino. Atualmente, Os Mercadinhos São Luiz empregam 578 mulheres, 35% do quadro de colaboradores. Entre os colaboradores do sexo feminino, 44 ocupam cargos de liderança, o que significa que 30% dos líderes da empresa são mulheres. Nos cargos de liderança estratégica, o percentual é ainda maior, 50% são ocupados por profissionais do sexo feminino.

Segundo a revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios, as mulheres correspondem a 43,2% da força de trabalho no Brasil e contribuem significativamente para que as empresas alcancem melhores resultados financeiros. Por essa razão, o instituto Great Place to Work realizou uma pesquisa que resultou numa lista com as melhores empresas para elas trabalharem. A premiação avaliou o índice de confiança nas mulheres, percentual delas na média e alta liderança e as práticas voltadas para essas profissionais.

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Mercadinhos São Luiz está entre as 20 Melhores Empresas para a Mulher Trabalhar em 2016

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

10 de Março de 2016

DSC_6893

Os Mercadinhos São Luiz recebeu, em São Paulo, no último dia 08 de março, Dia Internacional da Mulher, mais um prêmio do instituto Great Place to Work, o título de uma das 20 Melhores Empresas para a Mulher Trabalhar em 2016 devido às políticas e atenção especial ao quadro de colaboradores do sexo feminino. Atualmente, Os Mercadinhos São Luiz empregam 578 mulheres, 35% do quadro de colaboradores. Entre os colaboradores do sexo feminino, 44 ocupam cargos de liderança, o que significa que 30% dos líderes da empresa são mulheres. Nos cargos de liderança estratégica, o percentual é ainda maior, 50% são ocupados por profissionais do sexo feminino.

Segundo a revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios, as mulheres correspondem a 43,2% da força de trabalho no Brasil e contribuem significativamente para que as empresas alcancem melhores resultados financeiros. Por essa razão, o instituto Great Place to Work realizou uma pesquisa que resultou numa lista com as melhores empresas para elas trabalharem. A premiação avaliou o índice de confiança nas mulheres, percentual delas na média e alta liderança e as práticas voltadas para essas profissionais.

  • postado por Oswaldo Scaliotti