Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Oi

Oi amplia seu time de atletas e traz os skatistas Pedro Barros e Letícia Bufoni

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

22 de Janeiro de 2018

  • Companhia renova contratos com surfistas Gabriel Medina, Ítalo Ferreira, Filipe Toledo, Silvana Lima, Adriano de Souza e Davizinho

  • Calendário esportivo da companhia traz eventos e torneios em diversas regiões do país e dá mais visibilidade para a marca da Oi

  

A Oi amplia seu time de atletas e traz para sua equipe dois ícones do skate mundial: Pedro Barros e Letícia Bufoni. A dupla vem se juntar aos surfistas Gabriel Medina, Ítalo Ferreira, Filipe Toledo, Silvana Lima e Adriano de Souza, o Mineirinho, além do surfista Davizinho, de 11 anos, atual vice-campeão mundial de surfe adaptado, todos com patrocínio renovado. Com a chegada dos novos atletas, a Oi ratifica sua estratégia de patrocinar grandes eventos esportivos, equipes e atletas de esportes de ação e que promovem a ocupação da cidade. O patrocínio ao esporte é uma das ferramentas que garantem visibilidade para a marca Oi, gerando conteúdo relevante, experiência positiva com a marca e uma relação emocional com o consumidor.

“O patrocínio ao esporte é um pilar fundamental dentro da estratégia de marketing que traçamos para a companhia. Com este patrocínio esportivo, acreditamos que a marca Oi ganha visibilidade e fica mais valorizada e reconhecida”, afirma o presidente da companhia, Eurico Telles.

 Em 2018, a Oi apoiará várias iniciativas esportivas espalhadas pelo país. O calendário será aberto nesta quarta-feira (24/01) com o Oi Park Jam. Durante cinco dias, o Édem Skatepark, na Praia Brava, Itajaí (SC), recebe as feras do skate nacional e internacional na modalidadePark. Será a primeira vez que a pista, inaugurada há pouco mais de um ano, terá uma competição internacional.

“A Oi sempre teve o esporte no seu DNA e as novidades que estamos apresentando não são apenas para 2018, mas também para os três próximos anos, o que comprova o quanto essa estratégia tem sido bem sucedida”, explica Bruno Cremona, gerente de Patrocínios e Eventos da Oi.

A companhia está reforçando sua estratégia de fomento aos esportes, como surfe e skate, e iniciativas que promovem a cultura urbana por reconhecer a importância dessas áreas como ferramenta de interação entre as pessoas – e destas com a cidade -, seja por meio da prática do esporte ou por meio de suas manifestações culturais, como o grafite e a música. Além dos atletas e eventos patrocinados, a Oi, por meio do Oi Futuro, instituto de responsabilidade social, apoiará nove projetos sócio-educativos esportivos.

Entre as iniciativas previstas, a Oi aposta no apoio ao skate, modalidade esportiva que terá sua popularidade ampliada nos próximos anos, culminando com a estreia do esporte nos Jogos Olímpicos de Tóquio. “Acreditamos no potencial de evolução do Pedro Barros e Letícia Bufoni, atletas relevantes no cenário do skate mundial. Além disso, estamos muito satisfeitos em renovar o apoio aos nossos surfistas e poder associá-los à Oi”, completa Bruno.

  

Esporte na inclusão social

 

A empresa também patrocina eventos ligados à cultura urbana, por acreditar que eles potencializam conexões, aproximando pessoas de diferentes tribos, exercendo um importante papel no processo de desenvolvimento individual e social. A ideia da empresa é cada vez mais dar novos significados a espaços públicos, permitindo que a comunidade interaja com eles e entre si através de ações colaborativas, da arte coletiva e da economia local.

 

Novos Atletas

 

A paulista Letícia Bufoni é o grande nome do skate feminino na atualidade. Já ganhou três medalhas de ouro nos X Games e foi a primeira campeã do Street League. Aos 24 anos e especialista na modalidade Park, é o grande nome para representar o Brasil nas Olimpíadas de 2020.

 

Pedro Barros é um dos maiores nomes do skate brasileiro. O skatista catarinense é dono de seis medalhas de ouro no X Games, principal campeonato de esportes radicais do mundo. Em 2016, ele concorreu ao prêmio Laureus, o Oscar do Esporte, na categoria “Esportes de Ação”.

 Principais projetos patrocinados pela Oi

Oi Park Jam

O evento vai invadir o Édem Skatepark com as feras do skate nacional e internacional, na modalidade Park. Será a primeira vez que a pista, inaugurada há pouco mais de um ano, receberá uma competição internacional. O campeonato contará com a participação do hexa campeão mundial Pedro Barros e outros grandes nomes da categoria. A modalidade Park fará parte dos Jogos Olímpicos 2020, em Tóquio. Além da competição, o evento contará com uma programação de entretenimento. De 24 a 28 de janeiro, na Praia Brava, Itajaí, em Santa Catarina.

Oi Rio Pro

Etapa brasileira do circuito mundial de surf, que reúne os principais atletas da modalidade. Em Saquarema, no Rio de Janeiro, de 10 a 19 de maio.

 

Oi Skate Total Urbe Open

É a maior competição mundial de Street Skate da América Latina, válida como etapa do circuito mundial da WCS e para o ranking brasileiro de Street Skate profissional da CBSK e da FASERJ. Em 2018, as disputas acontecerão em novembro, na Praça do Ó, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro,

Jogos Cariocas de Verão

Evento do calendário oficial da Cidade do Rio reúne competições esportivas de 15 modalidades, disputadas por atletas amadores e profissionais. De 01 a 11/03 – Praça do Ó e Praia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

 

Oi Digital Surf

. Maior Campeonato digital de surfe que acontece nas redes sociais e engaja não somente novos talentos do surfe, mas também todo o grande público de fãs do esporte. Nossos juízes e influenciadores serão o Gabriel Medina, Adriano de Souza, Filipe Toledo, Ítalo Ferreira e Silvana Lima.

Principais projetos apoiados pelo Oi Futuro

O Oi Futuro completa a atuação da Oi no Esporte, apostando no ecossistema esportivo como caminho para a cidadania e a educação. O instituto apoia projetos de diversas partes do país que conectam pessoas e promovem a inclusão, potencializando o desenvolvimento pessoal e coletivo. Desde a criação do Programa Oi de Patrocínio Esportivo Incentivado, em 2007, mais de 110 projetos receberam apoio do Oi Futuro, resultando em mais de 25 mil beneficiados.

Para 2018, o Oi Futuro anuncia apoio a sete projetos sócio-esportivos, que vêm integrar a rede de iniciativas do instituto:

Casa Rio Surf Social – CADES (RJ)

Oferece treinos de surfe e atividades de skate para 80 crianças e adolescentes de escolas públicas, promovendo a conscientização corporal, ecológica e cidadã.

+ Esporte – Associação de Cultura Esporte e Lazer Movimenta Brasil (MG)

Oferece oficinas esportivas nas modalidades skate, basquete, vôlei, handball e futsal para 245 adolescentes alunos de escolas públicas de turno integral.

Escola do Coral de Bodyboarding – Instituto Viva Vida (ES)

Promove de bodyboarding para 80 crianças e adolescentes moradores da quinta região do município de Vila Velha (Grande Terra Vermelha), promovendo saúde mental, física, emocional e integração social através da prática esportiva.

Esporte + Educação = Cidadania V – Instituto Brasil Igualdade Social IBIS (MG)

Promove a inclusão social por meio de prática do Judô, para 120 crianças e adolescentes alunos de escolas de Santana do Paraíso.

Ídolo Social III – Instituto Anderson Varejão (ES)

Oferece atividade esportiva na modalidade basquetebol para 160 crianças e adolescentes da rede básica de ensino, em Vitória, utilizando a metodologia do Instituto Anderson Varejão.

Xis Game – Manobra para o Futuro – Associação de Cultura Esporte e Lazer Movimenta Brasil (MG)

Oferece aulas de skate em espaços públicos para 120 adolescentes e jovens no contraturno escolar, criando uma estratégia de promoção do esporte e transformação social. O projeto intercâmbio de experiências entre jovens de diferentes pistas da região metropolitana.

Skate: Inclusão e Transformação Social – Instituto André Franco Vive (SP).

Dá acesso à prática esportiva a 240 crianças e adolescentes por meio da modalidade skate, como ferramenta educativa, de lazer e de socialização.

Publicidade

Mapas da Oi fornecem dados para gigantes de tecnologia e serviços públicos

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

03 de Janeiro de 2018

 

A Oi passou a oferecer no início de 2017, o Mapas, um novo produto para governos e empresas que precisam de dados detalhados sobre as cidades. A iniciativa faz parte da estratégia de Big Data da companhia de monetização dos seus arquivos gerando insights para decisões de negócios dos clientes.

O produto traz endereços de todos os logradouros, acompanhando as mudanças provocadas pela evolução das cidades, com o surgimento de novas ruas, bairros, prédios e condomínios, e o esvaziamento de outras áreas. Os dados são atualizados a partir de uma combinação de imagens feitas por satélite com  atualizações de equipes de campo da Oi que percorrem a cidade para realizar a manutenção da rede da operadora. Grandes players globais e nacionais de geotecnologias já são clientes deste serviço. Estas empresas usam os mapas para ter o máximo de precisão em informações que influenciam em serviços como o Uber, por exemplo, que necessita de uma base de endereços detalhada para calcular viagens, localizar clientes e endereços em que eles querem ir. A Oi já obteve uma receita de R$ 30 milhões com o novo serviço, que, pelo aproveitamento das empresas que o utilizam, auxiliam a mobilidade dos moradores das grandes cidades no dia a dia.

Publicidade

Oi reforça sua rede para atender a demanda de clientes no Réveillon 2018 no Ceará e em Alagoas

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

27 de dezembro de 2017

Para atender ao crescimento do tráfego de voz e de dados nas linhas móveis durante as comemorações do Réveillon 2018, a Oi vai aumentar a capacidade das antenas de celular já instaladas na orla de Fortaleza, no Ceará, e de São Miguel dos Milagres, em Alagoas, com a instalação  temporária de estações de telefonia móvel. As pessoas que comemorarão a chegada do Ano Novo na orla de Fortaleza serão beneficiadas com o reforço da rede telefônica móvel 3G da Oi na orla e com a cobertura do Aterro da Praia de Iracema. Em São Miguel dos Milagres (AL),  será instalada uma estação móvel de telefonia móvel (COW, na sigla em inglês). Com isso, a companhia aumentará a capacidade de todas as antenas móveis da região nas tecnologias 4G, 3G e 2G.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Credores aprovam plano de recuperação judicial da Oi

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

20 de dezembro de 2017

 

 A Assembleia Geral de Credores da Oi aprovou na madrugada desta quarta-feira (20/12) o plano de recuperação judicial apresentado pela companhia. A aprovação, anunciada às 2h22 desta quarta pelo advogado Arnold Wald Filho, do escritório nomeado como administrador judicial, que presidiu a assembleia, ocorre exatamente 18 meses após a Oi protocolar na Justiça o pedido de recuperação judicial, em 20 de junho de 2016. Para o presidente da Oi, Eurico Teles, a aprovação significa que a empresa “virou uma página e começará a escrever uma nova história”. “Esse é um momento histórico para a Oi e para as telecomunicações no Brasil. Ele marca o momento em que a Oi voltará a ocupar lugar de destaque no mercado e a ser reconhecida pela importância que ela tem para o país”, afirmou.

Depois de quase 15 horas de assembleia, o plano obteve os seguintes percentuais de aprovação nas diferentes classes de credores:

– Classe 1 (trabalhista): 100% dos credores

– Classe 2 (garantia real): 100% dos credores e 100% dos créditos

– Classe 3 (quirografários): 99,56% dos credores e 72,17% dos créditos

– Classe 4 (microempresas): 99,80% dos credores

A Oi, que ao longo de todo o processo de recuperação judicial esteve aberta a negociações e manteve conversas com todas as partes envolvidas, manteve a mesma postura durante a assembleia. Quando credores solicitaram ajustes ao plano, Eurico Teles ressaltou que a companhia continuava disposta a discutir. “O melhor caminho para este plano é o negociado”, enfatizou, lembrando que só poderiam ser aceitas sugestões que fossem pertinentes e não afetassem o fluxo de caixa futuro da companhia.

A Oi cumpriu todos os ritos legais ao longo do processo de recuperação judicial e protocolou o plano na Justiça no dia 12 de dezembro, conforme determinação do juiz Fernando Vianna, da 7ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro, que nomeou Eurico Teles como “responsável pessoal para conduzir e concluir as negociações” referentes ao plano.

 

Dívida equacionada e novo patamar de investimento

O plano aprovado viabiliza um fluxo de caixa adequado para a Oi, permitindo os pagamentos da dívida remanescente e assegurando um novo patamar de investimentos. Os créditos listados na recuperação judicial da Oi totalizavam R$ 64 bilhões, que incluíam R$ 49,4 bilhões de dívida financeira – o restante englobava passivos trabalhista, de fornecedores, regulatórios e cíveis. Pelo plano, os R$ 49,4 bilhões caem para R$ 23,9 bilhões, permitindo redução de alavancagem financeira líquida, considerando valor de face da dívida, para menos de 3 vezes o Ebitda. Considerando valor de mercado da dívida, a alavancagem financeira líquida cairia para menos de 2 vezes o Ebitda. O restante dos créditos será equacionado com desconto ou alongamento de prazo na forma do plano e de acordo com a capacidade de geração de caixa da companhia – o prazo médio da dívida, por exemplo, ficará acima de 10 anos.

Com o plano, o investimento da companhia aumentará de uma média anual de R$ 5 bilhões para R$ 7 bilhões no próximo triênio. Os novos recursos serão destinados a projetos estratégicos, como expansão da fibra ótica, aumento da cobertura 4G e projetos de digitalização. O plano prevê que os recursos adicionais para investimentos virão de capitalização de R$ 4 bilhões de recursos novos e outros R$ 2,5 bilhões de recursos adicionais que podem ser buscados no mercado de capitais.

Além de garantir o fortalecimento futuro da Oi e de estar em conformidade com os mais altos padrões de governança, o plano mantém a equidade entre as partes envolvidas, sendo positivo para todos. No caso dos credores, há previsão de recuperação de crédito mesmo com o corte na dívida; no caso dos acionistas, seu valor patrimonial será preservado mesmo com a diluição de sua participação, tendo a possibilidade inclusive de aumentar o valor de seu patrimônio na companhia.

Após a aprovação do plano na Assembleia Geral de Credores, o plano agora seguirá para homologação pela Justiça. Em seguida, terá início uma série de procedimentos nos órgãos reguladores aos quais este tipo de operação está sujeito, como Anatel, Cade e CVM. A companhia avalia que se todos os trâmites seguirem conforme esperado, incluindo o aumento de capital, as diversas etapas serão concluídas no decorrer de 2018.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Oi lança Oi Conexus, blog voltado para o universo do empreendedor

Por Oswaldo Scaliotti em Novos negócios

14 de dezembro de 2017

A Oi anuncia hoje (14/12) o lançamento do Oi Conexus (http://oiconexus.oi.com.br). Voltado para empreendedores de diferentes segmentos de mercado, o blog tem como objetivo prover informações relevantes para o dia a dia do empreendedor, visando facilitar as decisões de negócios. Com atualização semanal, o espaço traz temas nas frentes de Empreendedorismo, Gestão e Tecnologia, sendo o teor dos posts essencial para aqueles que buscam informações atuais, redigidas de forma clara e simples para um fácil entendimento, desmitificando assuntos como: coworking, computação em nuvem, inteligência artificial, entre outros. O Oi Conexus também fornece dicas de gestão fazendo uso de listas, formato atualmente bastante utilizado na web.

A Oi está focada em gerar mais valor para seus clientes e para os seus negócios. O Blog Oi Conexus foi criado para facilitar a vida do empreendedor, trazendo informações valiosas para o sucesso de uma empresa. Nossa intenção com esse projeto é fazer com que as empresas de todos os portes tenham a oportunidade de crescer numa nova conjuntura do mercado, mais concorrido e que constantemente se modifica pela velocidade das novas tecnologias. Mais do que nunca, grandes, médios e pequenos empresários devem ficar atentos e se atualizar diariamente”, afirma Ariel Dascal, diretor de Digital da Oi.

A Oi tem em sua carteira cerca de 1 milhão de clientes micro e pequenas empresas, segmento estratégico para a companhia. A principal oferta direcionada às PME’s é o Oi Mais Empresas, que oferece planos de telefonia móvel incluindo dados 4G, minutos ilimitados e de telefonia fixa por um valor fixo mensal. Os clientes têm à sua disposição atendimento totalmente digital, seja pelo portal ou pelo app Oi Mais Empresas, onde é possível acessar a fatura, realizar pagamentos, verificar contas pendentes, solicitar visitas técnicas, entre outros. Atualmente, mais de 150 mil clientes se beneficiam da plataforma digital, que tem mais de 87% de satisfação entre os usuários.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti

Publicidade

Pedido de falência no Brasil cai 17% e cenário apresenta expectativa de lucros

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

09 de dezembro de 2017

Especialistas alertam que os empresários só devem se submeter ao recurso da recuperação, nos casos em que não seja possível resolver com uma organização financeira

O número de pedidos de falência, se comparado ao mesmo período do ano passado – de janeiro a novembro, caíram em 17,1%. Os dados foram divulgados pela Boa Vista – Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC), na última segunda-feira (04/12). A queda nas falências representa uma expectativa de lucros, após um período de intensa redução da atividade econômica, acompanhada de queda no consumo.

Já as falências decretadas, por meio da intervenção judicial, subiram 3,1%. “Os pedidos de recuperação judicial, requeridas por um fornecedor ou credor, tiveram retração de 23,3% no período, apesar da alta de 41,5% registrada em novembro na comparação com outubro”, comenta o consultor Marcos Sá.

Recuperação judicial

O processo de falência de uma empresa pode durar uma média de 60 dias, a contar da entrada do pedido judicial. O juiz, com base na Lei Federal 11.101, de 09 de fevereiro de 2005, após estudar o plano de recuperação judicial e analisar o cumprimento, pode decreta a falência em um conjunto de medidas e procedimentos jurídicos, econômicos e administrativos.

Quando um empresário se encontra nessa situação, ele apresenta aos credores um novo cálculo do seu débito, que é votado pela aceitação ou não, com base no plano de recuperação. “Caso aceito, um plano de pagamento é apresentado a estes credores, com uma condição passível de pagamento pela própria empresa, que possibilitaria a esta manter seu funcionamento enquanto quitasse a dívida em longo prazo e a um custo menor”, orienta o contador Marcos Sá.

Segundo o advogado especialista Gladson Mota, muitas das vezes os empresários são induzidos, por agentes financeiros e jurídicos, a recorrer a esse recurso, devido a qualquer ameaça financeira. “É importante que o empresário só utilize o instituto da recuperação judicial quando ele efetivamente estiver diante de uma crise, em que ele não consiga resolver com uma simples organização financeira. Pois assim, não compromete o mercado, nem muito menos as condições financeiras e credíveis do empresário e da empresa, que gera mão de obra e renda, formal e informal, para milhões de brasileiros”, alertou.

Caso OI

O maior caso de recuperação judicial da história no Brasil é o da empresa Oi. A empresa de telefonia fixa entrou com o pedido de recuperação judicial em junho do ano passado, listando 55 mil credores e dívidas de mais de R$ 64 bilhões. O caso segue na justiça e deve ser apresentada aos credores uma proposta de pagamento das dívidas. Se nada for aceito, caberá à justiça decretar a falência.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

OI ANUNCIA A PRÉ-VENDA DO IPHONE X

Por Oswaldo Scaliotti em Novos Produtos

05 de dezembro de 2017

A Oi anuncia a pré-venda do Iphone X, chamado pela Apple de smartphone do futuro, que tem um design revolucionário. Os clientes podem comprar o Iphone X  no site da Oi (www.oi.com.br), com entrega em todo Brasil. O aparelho estará disponível nas lojas Oi da Barra Shopping, no Rio de Janeiro, Morumbi Shopping, em São Paulo e Flamboyant Shopping Center, em Goiânia a partir do dia 8 de dezembro. A Oi oferece os produtos mais recentes da Apple, incluindo a nova geração do Iphone 8 e o Iphone 8 Plus. Para mais detalhes acesse www.oi.com.br.

O iPhone X possui um design de vidro e aço inoxidável com tela de 5.8 polegadas,  experiências de jogo 3D imersivas, carregamento sem fio e novo Face ID, fornecendo uma inovadora maneira de desbloqueio, autenticação e pagamento. A câmera dupla de 12 MP traz efeito de profundidade de campo e permite Animoji, que captura e analisa e dá vida a mais de 50 movimentos musculares faciais diferentes.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Oi lança atendimento digital no Twitter

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

29 de novembro de 2017

Solução desenvolvida via Twitter Business Solutions permite tirar dúvidas de clientes e dar orientações no ambiente privado das Mensagens Diretas (DMs)

 

A Oi lança um assistente virtual no Twitter que permite aos clientes da operadora atendimento privado via Mensagens Diretas. O serviço, desenvolvido a partir da Twitter Business Solutions – plataforma do Twitter para facilitar a comunicação entre marcas e consumidores – está disponível no perfil @DigaOi 24 horas, durante a semana toda, para tirar dúvidas ou orientar os clientes sobre como acessar sua conta.

“A Oi é a primeira operadora da América Latina a adotar uma solução da TBS, entregando, assim, uma experiência de atendimento ao consumidor mais rápida. O serviço foi criado para que os clientes possam resolver questões do dia a dia de uma forma muito mais rápida e eficiente”, afirma Daniel Carvalho, diretor de desenvolvimento de negócios do Twitter para América Latina.

Com o assistente virtual da Oi no Twitter, os consumidores podem iniciar uma conversa com o perfil @DigaOi, que passa a oferecer, de maneira automatizada e rápida, botões com opções de mensagem e respostas de acordo com os objetivos de cada um. É possível encontrar, por exemplo, informações sobre como pagar e ter acesso aos detalhes de uma conta, como acessar a Minha Oi e solicitar alterações no cadastro e em serviços – como débito automático, conta por email e data de vencimento da conta. O serviço também entrega links rápidos para que as pessoas possam baixar o aplicativo Minha Oi e caso ainda permaneçam com dúvidas, é possível chamar um atendente a qualquer momento.

“A ferramenta visa disponibilizar novos canais e melhorar ainda mais a experiência dos clientes Oi. O atendimento em ambiente privado faz parte da estratégia digital da operadora e a parceria com o Twitter é mais uma iniciativa de aproximação do cliente em seus canais digitais”, diz Ariel Dascal, diretor de Transformação Digital da Oi.

Sobre o Twitter
O Twitter mostra o que está acontecendo no mundo agora e o que as pessoas estão falando neste exato momento. De últimas notícias e entretenimento a esportes e interesses cotidianos, incluindo conteúdos ao vivo, é possível encontrar todos os lados de uma mesma história nas conversas em que todos estão convidados a participar. Disponível em mais de 40 idiomas em todo o mundo, o serviço pode ser acessado via twitter.com e dispositivos móveis. Para mais informações, visiteabout.twitter.com, siga @Twitter e baixe os aplicativos do Twitter e do Periscope via twitter.com/download e periscope.tv.

Sobre a Oi
A Oi, empresa pioneira na prestação de serviços convergentes no país, oferece telefonia móvel, banda larga, TV por assinatura, transmissão de voz local e de longa distância e tem, atualmente,  a maior rede wi-fi do Brasil. A companhia está presente em todo o território nacional e é a empresa que tem a maior capilaridade de rede do Brasil, chegando às áreas remotas do país e promovendo a inclusão digital da população. Além de serviços de telecomunicações para os mercados varejo e corporativo, a Oi oferece soluções de TI inovadoras, hospedadas em plataforma de computação em nuvem, para empresas de todos os portes.

Em setembro de 2017, a companhia possuía, no Brasil, cerca de 63 milhões de Unidades Geradoras de Receitas (UGRs), das quais cerca de 40 milhões estavam no segmento Móvel Pessoal, 16,1 milhões no segmento Residencial e 6,5 milhões no segmento B2B (grandes corporações e PMEs). Atualmente, a Oi conta com de 2 milhões de hotspots da rede Oi WiFi em todo o Brasil.

A companhia é signatária do Pacto Global, elabora e publica o seu Relatório Anual de Sustentabilidade, reporta ao CDP (Carbon Disclosure Project) e está no Nível 1 de Governança Corporativa da BM&FBOVESPA.

Sobre o Oi Futuro 

Por meio do Oi Futuro, instituto de responsabilidade social da Oi, a companhia desenvolve e apoia ações inovadoras e colaborativas para melhorar a vida das pessoas e da sociedade. Com atuação nas frentes de Educação, Cultura, Inovação Social e Esporte, o instituto acelera iniciativas que, através da tecnologia, potencializam o desenvolvimento pessoal e coletivo. A Oi é uma das maiores patrocinadoras da cultura no país, e o Oi Futuro atua como um catalisador criativo e um laboratório de projetos que promovam a transformação por meio da arte, da educação, do empreendedorismo e do esporte.

Publicidade

Oi e Oi Futuro abrem inscrições para Programa Oi de Patrocínios Culturais Incentivados 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Sem categoria

24 de novembro de 2017

  • Edital público busca projetos em todo o Brasil e para a programação dos espaços culturais;
  • Programa vai receber ideias para Museu de Telecomunicações e de ocupação do LabSonica
  • Produtores culturais podem se inscrever até 12 de janeiro no site www.oifuturo.org.br

 

A Oi abre dia 24 de novembro as inscrições da 15ª edição do Programa Oi de Patrocínios Culturais Incentivados. Produtores culturais podem se inscrever até o dia 12 de janeiro, às 17h (horário de Brasília), através do site do Oi Futuro (www.oifuturo.org.br). O programa destina recursos para financiamento total ou parcial de projetos aprovados em leis estaduais de incentivo à cultura seguindo duas linhas de seleção: uma para iniciativas de todo o país e outra voltada para a programação dos espaços culturais do Oi Futuro no Rio de Janeiro.

A edição deste ano traz o convite para proposição de ideias que contemplem a integração original do Museu das Telecomunicações com seus públicos, incluindo geração de conteúdo pelos visitantes. Outra novidade é a abertura a propostas de ocupação criativa do mais novo programa do Oi Futuro, o LabSonica, laboratório de pesquisa e experimentação no campo do som e suas combinações com a imagem.

O Programa Oi de Patrocínios Culturais Incentivados investe e apoia projetos de diversas naturezas que já atraíram mais de 7 milhões de pessoas de todo o país, desde 2003. Nos 12 anos de atuação, o Oi Futuro se tornou o espaço onde as muitas formas de arte convergem e as tecnologias do nosso tempo são um campo infinito para experimentação e para a investigação artística.

O edital foi lançado durante a segunda edição do #ColaborAmerica, realizado no Hub Rio, em Santo Cristo, entre os dias 23 e 25 de novembro, no Rio de Janeiro. “O Colaboramerica discute um modelo econômico mais consciente e mais colaborativo para a América Latina, e nesta edição foi ressaltado o papel da cultura neste processo”, lembra o gestor de Cultura do Oi Futuro, Roberto Guimarães. “Ao fazer o lançamento do edital neste evento, queremos proclamar a crença do Oi Futuro no papel das ações inovadoras na cultura para melhorar a vida das pessoas”.

O Programa Oi de Patrocínios Culturais Incentivados investe e apoia projetos artísticos inovadores que envolvam propostas originais dentro de dois eixos: o da Cultura Digital, com a disseminação de novas formas de expressão, dando às pessoas meios de remixar diferentes manifestações artísticas com o uso inventivo das tecnologias digitais; e o das Cidades Colaborativas, que prevê a ocupação e ressignificação de espaços urbanos utilizando linguagens artísticas e processos coletivos de trabalho, apoiando a interação entre as pessoas e o aperfeiçoamento da dinâmica das cidades.

Na apresentação de propostas para o edital, não há divisão por categorias ou compartimentações entre as áreas culturais, valorizando a convergência de linguagens, a cocriação e a conexão entre pessoas e ideias. A mudança tem como objetivo estabelecer uma rede efetiva com os realizadores, para a promoção de trocas artísticas e de visões estéticas, abrindo espaço para novos modelos de produção.

Através do programa, a Oi quer fomentar a produção artística inovadora, especialmente no campo da convergência entre arte, ciência e tecnologia, potencializando conexões e experiências que impulsionem novas ideias e experiências coletivas singulares; promover oportunidades de cocriação, gerando interações que se caracterizem na participação ativa do público; estimular a circulação da produção cultural brasileira por meio do fomento à geração de conteúdo digital multiplataforma, além de trabalhar acessibilidades para a ampliação de um público diverso e irrestrito.

A escolha dos projetos conta com a participação de uma comissão de seleção independente, composta por especialistas de distintos campos do conhecimento e de origem regional diversa, e envolve também a participação de profissionais do Oi Futuro e da Oi. O resultado será divulgado no site do Oi Futuro, em data a ser definida.

Sobre O Oi Futuro

 

O Oi Futuro promove, apoia e desenvolve ações inovadoras e colaborativas para melhorar a vida das pessoas e da sociedade. Com a atuação nas frentes de Educação, Cultura, Inovação Social e Esporte, o instituto acelera iniciativas que potencializam o desenvolvimento pessoal e coletivo, fomentam experimentações de inovação e estimulam conexões.

Na Educação, o Oi Futuro investe em modelos inovadores para inspirar novas formas de aprender e ensinar com o NAVE (Núcleo Avançado em Educação), que forma jovens para as economias digital e criativa, com foco na produção de games, aplicativos e produtos audiovisuais. O programa, desenvolvido em parceria com as Secretarias de Estado de Educação do Rio de Janeiro e Pernambuco, oferece ensino médio integrado. Além de obter formação voltada para a indústria criativa e digital, os estudantes do NAVE são incentivados a desenvolver o espírito empreendedor e a estabelecer suas primeiras conexões profissionais, por meio de projetos e eventos de integração com o mercado de inovação.

Na área Cultural, o instituto atua como um catalisador criativo, impulsionando pessoas através das artes, estimulando a produção colaborativa e promovendo o acesso à cultura na era digital. O Oi Futuro mantém um centro cultural no Rio de Janeiro, com uma programação que valoriza a produção de vanguarda e a convergência entre arte contemporânea e tecnologia, e realiza o Programa Oi de Patrocínios Culturais Incentivados, que seleciona projetos em todas as regiões do país por meio de edital público. O Instituto também faz a gestão do Museu das Telecomunicações e sua Reserva Técnica, pioneiro no uso da interatividade no Brasil, e do LabSonica, laboratório de experimentação sonora. Também no Rio, o Oi Futuro mantém a Oi Kabum!, escola de arte e tecnologia onde está abrigado o Lab.IU, Laboratório de Intervenção Urbana.

Na Inovação Social, o Oi Futuro mantém o Labora, laboratório voltado para soluções inovadoras e de impacto para as cidades e a gestão cultural. O Labora é um ambiente de conexão, aprendizagem e criação para organizações e empreendedores comprometidos com a transformação de impacto e oferece programas de incubação e aceleração para projetos e negócios sociais em diferentes fases de maturação e perfil empreendedor. O Oi Futuro também aposta em projetos esportivos que conectem pessoas e promovam a inclusão e a cidadania.

SERVIÇO:

15º Programa Oi de Patrocínios Culturais Incentivados

Inscrições: de 24 de novembro a 12 de janeiro de 2018 às 17h (horário de Brasília)

www.oifuturo.org.br

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

VII Mostra Dragão do Mar de Arte e Cultura de Canoa Quebrada tem apoio da Oi Futuro

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

22 de novembro de 2017

VII Mostra Dragão do Mar de Arte e Cultura de Canoa Quebrada promovida pela Associação Cultural Canoa Criança e o Conselho Comunitário de Canoa Quebrada vai movimentar intensamente a cidade de Canoa Quebrada, no período de 22 a 26 de novembro. A sétima edição da Mostra Dragão do Mar que conta com o apoio cultural do Oi Futuro, se propõe estimular a integração das comunidades que formam  a macrorregião do litoral leste do Ceará para que participem efetivamente das atividades como Roda de Fazeres e Saberes com os Mestres da Cultura, oficinas e práticas artísticas, espetáculos de circo, dança e teatro que acontecerão  no Anfiteatro Dragão do Mar e no Circo Escola.   O evento tem a produção executiva da Ideais Produções e parceria da Secretaria de Cultura do Estado do Ceará – SECULT.

 

 

 

Publicidade

VII Mostra Dragão do Mar de Arte e Cultura de Canoa Quebrada tem apoio da Oi Futuro

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

22 de novembro de 2017

VII Mostra Dragão do Mar de Arte e Cultura de Canoa Quebrada promovida pela Associação Cultural Canoa Criança e o Conselho Comunitário de Canoa Quebrada vai movimentar intensamente a cidade de Canoa Quebrada, no período de 22 a 26 de novembro. A sétima edição da Mostra Dragão do Mar que conta com o apoio cultural do Oi Futuro, se propõe estimular a integração das comunidades que formam  a macrorregião do litoral leste do Ceará para que participem efetivamente das atividades como Roda de Fazeres e Saberes com os Mestres da Cultura, oficinas e práticas artísticas, espetáculos de circo, dança e teatro que acontecerão  no Anfiteatro Dragão do Mar e no Circo Escola.   O evento tem a produção executiva da Ideais Produções e parceria da Secretaria de Cultura do Estado do Ceará – SECULT.