Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Oi TV

Oi TV estreia na tecnologia 4K com a transmissão dos jogos da Rússia pelo canal SporTV

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

12 de junho de 2018

A partir de agora, combos Oi Total Solução Completa Top e Oi Total Residencial Top disponibilizam decodificador compatível com a tecnologia de altíssima definição

 

Iniciativa reforça no mercado destaque da Oi TV, que registra crescimento há mais de dois anos

A Oi TV estreia na tecnologia 4K com a transmissão, pelo canal SporTV, dos jogos da Rússia, de 14 de junho a 15 de julho. A partir de agora, os clientes dos combos Oi Total Solução Completa Top e Oi Total Residencial Top poderão assistir os jogos em altíssima definição, no canal 400, desde que possuam o decodificador compatível com a tecnologia.

“A Oi TV tem sua estratégia comercial norteada pelos desejos do consumidor e identificamos que ele aprecia novidades como a tecnologia 4K, que já é uma realidade de mercado. Sendo assim, a Oi TV se antecipa mais uma vez e proporciona uma melhor experiência para seus clientes”, afirma Bernardo Winik, diretor Comercial da Oi. Essa é mais uma iniciativa da Oi TV para manter sua posição de destaque no mercado. Na contramão do segmento de TV por assinatura, que fechou com retração os anos de 2016 e 2017, a Oi TV vem registrando crescimento mensal há mais de dois anos, resultado que nenhuma outra operadora conquistou no período.

Ofertas com conteúdo em 4K

A partir de agora, os planos Top dos combos Oi Total Solução Completa e Oi Total Residencial disponibilizarão o novo decodificador da fabricante Sagem, compatível com tecnologia Ultra HD (4K), com gravador interno (DVR) de 500 GB, acesso ao portal de conteúdo Oi Play e conexão à internet por cabo. Além disso, o aparelho permite gravação de conteúdo em todos os pontos da Oi TV e a função de Live Pause, o que garante maior flexibilidade e interatividade aos usuários.

  • Oi Total Residencial Top – 195 canais (73 em HD + SporTV 4K durante a competição da Rússia), acesso ao portal de conteúdo Oi Play, gravador digital 4K no ponto principal,  1º ponto adicional grátis, possibilidade de gravação de conteúdo via pen drive em todos os pontos adicionais + Banda Larga de 15 MB + Fixo ilimitado, por R$ 269,90/mês.

  • Oi Total Solução Completa Top – 195 canais (73 em HD + SporTV 4K durante a competição da Rússia), acesso ao portal de conteúdo Oi Play, gravador digital 4K no ponto principal, 1º ponto adicional grátis, possibilidade de gravação de conteúdo via pen drive em todos os pontos adicionais + móvel com minutos ilimitados para qualquer operadora do Brasil e 50 GB de internet + Banda Larga de 15 MB + fixo ilimitado, por R$ 379,90/mês.

Degustação de 4K em lojas próprias

A Oi está promovendo ação de degustação da transmissão em Ultra HD (4K) em 20 lojas próprias da operadora em todas as regiões do país para clientes e visitantes.

leia tudo sobre

Publicidade

Oi Total chega a um milhão de clientes e reforça posicionamento convergente da companhia

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

23 de Fevereiro de 2017

 

  • Plano oferece o melhor conteúdo do cinema e da TV disponível a qualquer hora e em qualquer lugar, atendendo à necessidade dos clientes de estarem conectados a diversos devices simultaneamente

 

  • Combo, que integra móvel, banda larga, TV por assinatura e fixo, é estratégico para a companhia aumentar a sua rentabilidade e fidelizar a base de clientes;

 

A Oi acaba de alcançar a marca de 1 milhão de clientes do Oi Total, que integra móvel, banda larga com velocidades de até 35 Mega, TV por assinatura e fixo. No Ceará, a companhia conquistou 29,406 mil clientes. O plano reúne o melhor conteúdo do cinema e da TV, podendo ser acessado a qualquer hora e em qualquer lugar. Lançado em abril de 2016, o Oi Total apresentou o novo posicionamento da companhia no mercado, junto à evolução de sua marca.

“Esse resultado do Oi Total mostra que a empresa vem sendo bem-sucedida em sua estratégia de focar na convergência, que beneficia o cliente por trazer mais comodidade com produtos que atendem a todas as suas necessidades. Também é positivo para a companhia, pois aumenta a rentabilidade e ajuda a fidelizar sua base de clientes. Dependendo do perfil do consumidor, ele pode conseguir economizar até 30% ao optar por um combo”, afirma Bernardo Winik, diretor de Varejo da Oi.

A estratégia de convergência da companhia vem trazendo resultados relevantes na conquista de consumidores, na fidelização de clientes e aumento no volume de URGs (Unidades Geradoras de Receitas). Desde o lançamento, 30% das ativações de Oi Total são de clientes que nunca tiveram um produto Oi.  “Ao alcançar 1 milhão de clientes  Oi Total, estamos falando em cerca de 3 milhões de produtos ativados. Além disso, percebemos uma diminuição de até 50% do churn quando o cliente opta em ter três ou mais  serviços Oi no pacote.  Quando  se consegue alinhar uma boa oferta, maior opção de canais Oi TV, novas velocidades de banda larga e possibilidade de mobilidade de conteúdo, você mantém o seu cliente fidelizado”, explica Bernardo.

O Oi Total inovou ao trazer conteúdo relevante por meio de parcerias inéditas e ao lançar o Oi Play, o portal de conteúdos da Oi, totalmente gratuito para os clientes. A Oi vem reforçando seu foco em convergência, buscando traduzir em serviços os desejos do consumidor, principalmente com o crescimento da demanda por conteúdo. A companhia acompanha a tendência de aumento no tráfego de conteúdo de vídeo em sua rede, que já passa de 60%, com perspectivas de crescer nos próximos anos. A estratégia de atuar com foco na convergência de serviços é um dos principais pilares de transformação operacional em curso na companhia.

Oi TV é única a crescer em 2016

A Oi TV foi a única operadora de TV por assinatura a registrar crescimento no comparativo entre os grandes grupo econômicos do mercado, em 2016, segundo relatório da Anatel. O serviço de TV por assinatura da Oi ampliou sua base de clientes cerca de 12%, devido ao aumento de 17% nas vendas em relação a 2015.

A Oi TV fechou o período com 1,3 milhão de assinantes, um recorde, desde o seu lançamento em 2008. Outro destaque da Oi TV foi o número de adição líquida de clientes, que ampliou em mais de 10 vezes, na comparação dez/15 x dez/16. De todas as adições líquidas de clientes do mercado de TV por assinatura no mês de dezembro, 78,2% integraram à base da Oi TV.

A Oi TV oferece um conteúdo completo, com canais HD (incluindo canais abertos) em todos os planos, com ofertas que oferecem até 184 canais e mais de 60 em HD. A Companhia lançou recentemente serviços como o PenVR (serviço de gravação de conteúdos e live/pause via pen drive disponível para contratação em qualquer plano) e iPPV (compra de eventos Pay Per View pelo controle remoto). Além disso, pela plataforma Oi Play os clientes podem assistir ao conteúdo de 45 canais, sendo 25 com conteúdo ao vivo e mais de 22 mil títulos ondemand, por meio de qualquer dispositivo (smartphone, tablet ou PC) com conexão à internet, sem custo adicional para o consumidor.

 

COMBOS Oi TOTAL

 

Os combos Oi Total que oferecem a solução completa para o cliente são compostos da seguinte forma:

 

Oi Total Solução Completa: TV + Pós + Banda Larga + Fixo – a partir de R$219,90

Oi Total Conectado: Pós + Banda Larga + Fixo – a partir de R$ 169,90

Oi Total Residencial: TV + Banda Larga + Fixo. – a partir de R$ 169,90

 

Os Combos Oi Total possibilitam a customização do plano:

 

– Upgrade de Banda Larga: os clientes Oi Total podem ainda aumentar a velocidade da Banda Larga para 25 Mega (R$ 10/mês) e 35 Mega (R$ 20/mês). Esse benefício está disponível em mais de 550 municípios em todo o país (exceto no estado de São Paulo). E em 75% destes, a Oi é a única operadora a oferecer o serviço, o que demonstra a robustez e capilaridade da rede da companhia.

 

– Incluir dependentes no Pós-pago: os clientes também podem incluir seus dependentes no serviço de telefonia móvel no seu combo Oi Total (R$ 29,90/mês), adicionar dados à franquia de internet do titular (500 MB por R$ 24,90/mês)

 

– Adicionar a TV por Assinatura: contratação de Pacotes Adicionais de Filmes (até R$ 45/mês), Futebol (Première – R$ 84,90/mês) e Luta (Combate – R$ 70/mês), além de Pontos Adicionais na TV (R$ 24,90/mês) e Gravador Digital (R$ 20/mês).

 

* As ofertas acima são válidas para todo o Brasil, exceto no estado de São Paulo.

 

Para contratação dos planos Oi Total acesse www.oi.com.br . Se preferir, ligue 0800 031 0001 ou visite uma loja Oi.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Oi TV foi o único serviço de TV por assinatura que cresceu em 2016

Por Oswaldo Scaliotti em Sem categoria

30 de Janeiro de 2017

 

A Oi TV foi a única operadora de TV por assinatura a registrar crescimento no comparativo entre os grandes grupo econômicos do mercado, em 2016, segundo relatório da Anatel. O serviço de TV por assinatura da Oi ampliou sua base de clientes cerca de 12%. No Ceará, o crescimento foi de 25,7%. A Oi TV fechou o período com 1,3 milhão de assinantes, um recorde, desde o seu lançamento em 2008. Outro destaque da Oi TV foi o número de adição líquida de clientes, que ampliou em mais de 10 vezes, na comparação dez/15 x dez/16. De todas as adições líquidas de clientes do mercado de TV por assinatura no mês de dezembro, 78,2% integraram à base da Oi TV. No Ceará, foi de 52,8%. “A Oi tem realizado constantes estudos de hábitos dos consumidores. A partir daí, a companhia elaborou uma nova maneira de atuar no mercado, de forma a atender à vontade dos clientes, com serviços mais completos e de alta qualidade. O sucesso do serviço de TV por assinatura da companhia se deve principalmente ao lançamento do Oi Total, produto convergente que agrega móvel, banda larga, TV por assinatura e fixo que foi responsável por 83% das vendas da Oi TV nesse período, e ao Oi Play, serviço de TV everywhere que reforça os atributos de inovação da Oi TV e oferece a flexibilidade e a mobilidade compatíveis com as demandas dos clientes contemporâneos”, afirma Bernardo Winik, diretor de Varejo da Oi.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Oi inicia operação especial para garantir a melhor experiência a todos os clientes durante os Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

22 de julho de 2016

Sala especial CGR

A Oi iniciou nesta semana uma ampla operação especial para garantir a melhor experiência a todos os clientes durante os Jogos Olimpícos do Rio de Janeiro. Foi ativada a sala de monitoramento dedicado que vai operar 24 horas por dia durante Olimpíadas e Paralimpíadas para garantir o bom funcionamento da infraestrutura de suporte a telefonia móvel, rede Oi WiFi, banda larga, Oi TV e telefonia fixa da companhia. A Oi também instalou novas antenas e aumentou a capacidade de estações já existentes para atender ao aumento da demanda por cobertura móvel e garantir que o cliente possa fazer chamadas e usar as redes 3G e 4G em todos os locais de competição.

A Oi acumula vasta experiência de atuação em eventos de grande porte, como Copa do Mundo 2014, Copa das Confederações 2013, Rock in Rio, Jornada mundial da Juventude, Conferência Rio+20 e Jogos Panamericanos de 2007. “Essa experiência que acumulamos nos grandes eventos garante à Oi um diferencial no atendimento que será feito a todas as localidades de competição nas Olimpíadas. Estamos preparados para garantir qualidade a todos os clientes, incluindo os visitantes que vierem para os jogos, os clientes que moram na cidade e os clientes corporativos”, afirma José Claudio Moreira Gonçalves, diretor de Operações da Oi. “A Copa do Mundo de 2014, que teve patrocínio e fornecimento de serviços de telecom da Oi, foi a mais conectada da História, com recorde de dados trafegados pela rede do evento. Agora vamos repetir o sucesso da nossa operação”, acrescenta José Claudio.

Do total de estações que vão atender a demanda das Olimpíadas, quase metade recebeu sites novos. Sites são os locais onde estão instaladas as antenas que retransmitem o sinal da telefonia móvel. A ampliação da cobertura móvel, com sites definitivos e outros provisórios, foi realizada em todos os quatro clusters das Olimpíadas e em áreas como aeroportos e rodoviária. Além desse reforço e da instalação da sala de monitoramento especial de rede (que tem interface direta com as diretorias B2B, TI e Relacionamento com Cliente), a Oi adotou outras iniciativas considerando as restrições de circulação na cidade durante os jogos.

Entre as ações realizadas estão vistorias prévias na infraestrutura, com ações preventivas e implantação de planos de contingência; paralisação de intervenções programadas (“freezing” de rede) ao longo de todo o evento para prevenir falhas; e planejamento de distribuição de equipes exclusivas nas regiões onde haverá competições, com material e profissionais capacitados para realizar eventuais reparos emergenciais. O plano desenvolvido pela Oi atende ao planejamento do Comitê Olímpico e foi aprovado pela Anatel como atendimento da companhia ao evento.

“A Oi tem sempre um papel relevante em grandes eventos no Brasil devido à sua atuação nacional e ao seu backbone, que suporta a transmissão de voz e dados de grandes clientes, incluindo bancos, empresas aéreas e operadoras de telecomunicações, entre outros. Como a Oi foi a patrocinadora e fornecedora de serviços dos Jogos Panamericanos de 2007 e da Copa do Mundo de 2014, já temos como legado presença em alguns locais que serão utilizados também nas Olimpíadas. Além dessa infraestrutura já existente, e do histórico de participação no atendimento de outros grandes eventos na cidade como o Réveillon de Copacabana, Carnaval e Rock in Rio, foram feitas ampliações de capacidade e instalação de novos sites, em todas as regiões envolvidas nos Jogos Olímpicos. Agora, mais uma vez, o investimento realizado pela companhia para os Jogos ficará como legado para a cidade”, explica André Ituassú, diretor de Investimento, Coordenação, Operação e Planejamento Móvel da Oi. “Foram instalados novos sites que permanecerão em atuação nas regiões do Parque Olímpico, Vila dos Atletas, Riocentro, Estádio de Remo da Lagoa, Engenhão, Maracanãzinho, Marina da Glória e Complexo de Deodoro”, destaca Ituassu.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Oi inicia operação especial para garantir a melhor experiência a todos os clientes durante os Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

22 de julho de 2016

Sala especial CGR

A Oi iniciou nesta semana uma ampla operação especial para garantir a melhor experiência a todos os clientes durante os Jogos Olimpícos do Rio de Janeiro. Foi ativada a sala de monitoramento dedicado que vai operar 24 horas por dia durante Olimpíadas e Paralimpíadas para garantir o bom funcionamento da infraestrutura de suporte a telefonia móvel, rede Oi WiFi, banda larga, Oi TV e telefonia fixa da companhia. A Oi também instalou novas antenas e aumentou a capacidade de estações já existentes para atender ao aumento da demanda por cobertura móvel e garantir que o cliente possa fazer chamadas e usar as redes 3G e 4G em todos os locais de competição.

A Oi acumula vasta experiência de atuação em eventos de grande porte, como Copa do Mundo 2014, Copa das Confederações 2013, Rock in Rio, Jornada mundial da Juventude, Conferência Rio+20 e Jogos Panamericanos de 2007. “Essa experiência que acumulamos nos grandes eventos garante à Oi um diferencial no atendimento que será feito a todas as localidades de competição nas Olimpíadas. Estamos preparados para garantir qualidade a todos os clientes, incluindo os visitantes que vierem para os jogos, os clientes que moram na cidade e os clientes corporativos”, afirma José Claudio Moreira Gonçalves, diretor de Operações da Oi. “A Copa do Mundo de 2014, que teve patrocínio e fornecimento de serviços de telecom da Oi, foi a mais conectada da História, com recorde de dados trafegados pela rede do evento. Agora vamos repetir o sucesso da nossa operação”, acrescenta José Claudio.

Do total de estações que vão atender a demanda das Olimpíadas, quase metade recebeu sites novos. Sites são os locais onde estão instaladas as antenas que retransmitem o sinal da telefonia móvel. A ampliação da cobertura móvel, com sites definitivos e outros provisórios, foi realizada em todos os quatro clusters das Olimpíadas e em áreas como aeroportos e rodoviária. Além desse reforço e da instalação da sala de monitoramento especial de rede (que tem interface direta com as diretorias B2B, TI e Relacionamento com Cliente), a Oi adotou outras iniciativas considerando as restrições de circulação na cidade durante os jogos.

Entre as ações realizadas estão vistorias prévias na infraestrutura, com ações preventivas e implantação de planos de contingência; paralisação de intervenções programadas (“freezing” de rede) ao longo de todo o evento para prevenir falhas; e planejamento de distribuição de equipes exclusivas nas regiões onde haverá competições, com material e profissionais capacitados para realizar eventuais reparos emergenciais. O plano desenvolvido pela Oi atende ao planejamento do Comitê Olímpico e foi aprovado pela Anatel como atendimento da companhia ao evento.

“A Oi tem sempre um papel relevante em grandes eventos no Brasil devido à sua atuação nacional e ao seu backbone, que suporta a transmissão de voz e dados de grandes clientes, incluindo bancos, empresas aéreas e operadoras de telecomunicações, entre outros. Como a Oi foi a patrocinadora e fornecedora de serviços dos Jogos Panamericanos de 2007 e da Copa do Mundo de 2014, já temos como legado presença em alguns locais que serão utilizados também nas Olimpíadas. Além dessa infraestrutura já existente, e do histórico de participação no atendimento de outros grandes eventos na cidade como o Réveillon de Copacabana, Carnaval e Rock in Rio, foram feitas ampliações de capacidade e instalação de novos sites, em todas as regiões envolvidas nos Jogos Olímpicos. Agora, mais uma vez, o investimento realizado pela companhia para os Jogos ficará como legado para a cidade”, explica André Ituassú, diretor de Investimento, Coordenação, Operação e Planejamento Móvel da Oi. “Foram instalados novos sites que permanecerão em atuação nas regiões do Parque Olímpico, Vila dos Atletas, Riocentro, Estádio de Remo da Lagoa, Engenhão, Maracanãzinho, Marina da Glória e Complexo de Deodoro”, destaca Ituassu.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti