Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

inflação

Preços dos calçados e acessórios para o Dia das Mães subiram menos que a inflação, segundo FGV IBRE

Por Oswaldo Scaliotti em Sem categoria

09 de Maio de 2018

O Dia das Mães este ano pode ser ainda mais especial se depender dos preços de serviços e presentes. Segundo cálculos do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV IBRE), a variação média dos 27 itens mais consumidos na data festiva foi de 2,55%, de maio de 2017 a abril deste ano, menor que a inflação acumulada no mesmo período pelo IPC/FGV (2,98%). O índice também é mais baixo que a variação média de produtos e serviços do ano passado, que ficou em 4,76%, entre maio de 2016 a abril de 2017.

Entre os serviços, vale destacar a queda do preço de ingressos de teatro (-15,68%). No entanto, show musical (9,63%), academia de ginástica (5,09%), cinema (4,95%) e restaurantes (2,92%) apresentaram elevação. O levantamento é do economista André Braz, coordenador do IPC do FGV IBRE.

Presentes mais baratos

Os itens preferidos como presentes apresentaram decréscimo nos preços em nove dos 13 itens pesquisados e podem dar um alívio no bolso dos filhos. As quedas mais expressivas foram registradas para celular (-7,91%), aparelho de TV (-6,72%) e formo elétrico e de micro-ondas (-5,27%). Os preços dos calçados femininos variaram em 0,67%, abaixo da inflação, assim como os de cintos e bolsas, que subiram 2,12%. Já as bijuterias em geral variaram 2,67%.

Itens selecionados

Var. acumulada (%)

de mai/16 a abr/17

Var. acumulada (%) de mai/17 a abr/18

IPC/FGV

4,17

2,98

Var. média (%) dos serviços e dos presentes para o Dia das Mães

4,76

2,55

Var. média (%) dos serviços para o Dia das Mães

6,41

3,39

RESTAURANTES

5,99

2,92

CINEMA

6,91

4,95

SHOW MUSICAL

9,79

9,63

TEATRO

36,66

-15,68

ACADEMIA DE GINÁSTICA

5,54

5,09

EXCURSÃO E TOUR

5,09

1,26

Var. média (%) dos presentes para o Dia das Mães

2,4

1,32

GELADEIRA E FREEZER

-0,03

4,01

MÁQUINA DE LAVAR ROUPAS

2,25

-0,28

LIQUIDIFICADOR

7,28

-3,60

VENTILADOR E CIRCULADOR DE AR

7,45

-2,92

FOGÃO

4,98

0,89

FORNO ELÉTRICO E DE MICRO-ONDAS

2,29

-5,27

APARELHO DE SOM

0,64

-3,12

APARELHO DE TV

6,01

-6,72

COMPUTADOR E PERIFÉRICOS

1,46

-0,37

APARELHO CELULAR

-4,05

-7,91

APARELHO DE DVD E BLU-RAY

0,18

5,25

MÁQUINA DE FOTOGRAFAR E FILMADORA

-0,12

-2,43

ROUPAS FEMININAS

-1,27

3,43

CALÇADOS FEMININOS

2,81

0,67

BIJUTERIAS EM GERAL

1,95

2,67

RELÓGIO

3,42

5,89

CINTOS E BOLSAS

3,84

2,12

PERFUME

7,92

3,44

LIVROS NÃO DIDÁTICOS

4,64

-3,49

BICICLETA

3,39

-2,48

DVD/CD

2,1

3,30

Publicidade

Reajuste de energia elétrica para o Ceará supera a inflação

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

17 de Abril de 2018

O reajuste da tarifa de energia elétrica para o Ceará ficou muito acima da inflação (0,2% nos últimos 12 meses pelo IGPM), principalmente para os consumidores industriais, predominantemente de alta tensão. A avaliação é do Núcleo de Energia da FIEC. O anúncio do reajuste anual aconteceu hoje (17/4), durante reunião de diretoria da Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica, e passa a vigorar a partir de 22/4. De acordo com os índices definidos pela Aneel, as novas tarifas serão:
Alta Tensão = 7,96%
Baixa Tensão = 3,80%
Reajuste médio = 4,96%
Para o Núcleo de Energia da FIEC, os índices agravam as dificuldades atuais, devido à crise que o país atravessa, o que deverá causar elevação de custos dos insumos pela classe produtiva. Nesse sentido, reforça o Núcleo de Energia da FIEC, confirma-se a necessidade de se verificar, de forma sistêmica, as diversas causas para a elevação continuada dos custos de energia elétrica no Brasil, para que com isso, sejam intensificadas as medidas para impedir que tal situação atinja um patamar insustentável.

leia tudo sobre

Publicidade

Nutricionista dá dicas para substituir alimentos em época de preços altos

Por Oswaldo Scaliotti em Economia

28 de julho de 2015

Quem vai ao supermercado já percebeu que os alimentos estão mais caros. Conforme dados divulgados pelo IPCA – Índice de Preços ao Consumidor Amplo – a inflação acelerou e atingiu 8,9% no acumulado nos últimos 12 meses. Com essa realidade, as compras mensais impactam mais no bolso das famílias e para continuar se alimentando com saúde, a saída é substituir os alimentos nas refeições.

A nutricionista do Hapvida, Dra. Tanara Ferreira, destaca que é possível trocar alguns itens por outros mais baratos sem abrir mão de uma alimentação saudável. “As pessoas variam pouco o cardápio do dia a dia e, muitas vezes, trocar significa economizar, além de ser uma atitude mais saudável, pois uma alimentação repetitiva deixa a refeição pobre em nutrientes”, ressalta.

Uma boa dica para facilitar as substituições é observar a cor dos alimentos. “Alimentos vermelhos e alaranjados, por exemplo, são ricos em betacaroteno, dessa forma podemos substituir o tomate pela beterraba, pois possuem propriedades nutricionais semelhantes. A batata inglesa é rica em glicídios e pode ser substituída pela macaxeira ou mesmo a batata doce, uma opção mais econômica e saudável”, destaca.

A especialista sugere, ainda, que o consumidor aposte na variedade. “Dar preferência aos alimentos da época ou produzidos no estado como a banana, o caju, o limão, entre outros, e até mesmo reinventar receitas com alimentos que podem ter baixo valor comercial, mas que contém alto valor nutricional, são algumas das dicas para driblar os preços.”, destaca.

 

Confira mais dicas de substituição de alimentos:

 

ALIMENTOS

NUTRIENTES

PROPRIEDADES

SUBSTITUIÇÕES

PREPARAÇÕES

Feijão Rico em ferro, proteínas e fibras. Combate anemia, reduz glicemia e colesterol. Ervilha, lentilha, grão de bico, folhosos verde escuros, feijão branco, fradinho. Sopas, saladas e caldos.
Cenoura Vitaminas A, C, potássio e fibra. Importante para a pele, cabelo e unhas, melhora o sistema imunológico e prisão de ventre. Gema de ovo, mamão, pimentão amarelo, abacate, caju, abóbora. Saladas, sucos, purês, sopas, sanduíches.
Banana Rica em potássio e carboidratos. Reduz pressão arterial, fornece energia, Melão, maçã, melancia, abacaxi, tangerina, laranja. Vitaminas, tortas, in natura

* postado por Oswaldo Scaliotti

Publicidade

Nutricionista dá dicas para substituir alimentos em época de preços altos

Por Oswaldo Scaliotti em Economia

28 de julho de 2015

Quem vai ao supermercado já percebeu que os alimentos estão mais caros. Conforme dados divulgados pelo IPCA – Índice de Preços ao Consumidor Amplo – a inflação acelerou e atingiu 8,9% no acumulado nos últimos 12 meses. Com essa realidade, as compras mensais impactam mais no bolso das famílias e para continuar se alimentando com saúde, a saída é substituir os alimentos nas refeições.

A nutricionista do Hapvida, Dra. Tanara Ferreira, destaca que é possível trocar alguns itens por outros mais baratos sem abrir mão de uma alimentação saudável. “As pessoas variam pouco o cardápio do dia a dia e, muitas vezes, trocar significa economizar, além de ser uma atitude mais saudável, pois uma alimentação repetitiva deixa a refeição pobre em nutrientes”, ressalta.

Uma boa dica para facilitar as substituições é observar a cor dos alimentos. “Alimentos vermelhos e alaranjados, por exemplo, são ricos em betacaroteno, dessa forma podemos substituir o tomate pela beterraba, pois possuem propriedades nutricionais semelhantes. A batata inglesa é rica em glicídios e pode ser substituída pela macaxeira ou mesmo a batata doce, uma opção mais econômica e saudável”, destaca.

A especialista sugere, ainda, que o consumidor aposte na variedade. “Dar preferência aos alimentos da época ou produzidos no estado como a banana, o caju, o limão, entre outros, e até mesmo reinventar receitas com alimentos que podem ter baixo valor comercial, mas que contém alto valor nutricional, são algumas das dicas para driblar os preços.”, destaca.

 

Confira mais dicas de substituição de alimentos:

 

ALIMENTOS

NUTRIENTES

PROPRIEDADES

SUBSTITUIÇÕES

PREPARAÇÕES

Feijão Rico em ferro, proteínas e fibras. Combate anemia, reduz glicemia e colesterol. Ervilha, lentilha, grão de bico, folhosos verde escuros, feijão branco, fradinho. Sopas, saladas e caldos.
Cenoura Vitaminas A, C, potássio e fibra. Importante para a pele, cabelo e unhas, melhora o sistema imunológico e prisão de ventre. Gema de ovo, mamão, pimentão amarelo, abacate, caju, abóbora. Saladas, sucos, purês, sopas, sanduíches.
Banana Rica em potássio e carboidratos. Reduz pressão arterial, fornece energia, Melão, maçã, melancia, abacaxi, tangerina, laranja. Vitaminas, tortas, in natura

* postado por Oswaldo Scaliotti