Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

IBC

IBC inicia intercâmbio com Ohio University

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

27 de agosto de 2015

Tito_Coaching1

O Diretor do Instituto Brasileiro de Coaching (IBC), Marcos Tito, viaja para a Ohio University, nos Estados Unidos, dia 29 de agosto, para usufruir do intercâmbio entre as duas Instituições. A viajem marca mais um momento de crescimento do IBC, que atua trazendo para o Brasil, novidades e inovações do mundo do Coaching.

Com essa iniciativa, os alunos do IBC terão acesso a conhecimentos de coaching de alto nível, com foco em liderança avançada e performance para resultados elevados, em padrões internacionais.

A Ohio University, considerada a terceira mais antiga universidade dos Estados Unidos, fundada pelos dissidentes de Harvard em 1804, tem o objetivo, juntamente com o IBC, de dar início a um processo de fortalecimento da cultura de Coaching no Brasil, através dos mais modernos conceitos, teorias e práticas de Liderança e Coaching, que uma universidade de ponta no mundo tem a oferecer.

Para isso, será utilizado o Coaching and Leadership Certification Seminar, um Programa de Educação Executiva de altíssima qualidade e experiência internacional, que une a excelência de ensino em Coaching do IBC à qualidade e tradição da Ohio. 

De acordo com Tito, essa parceria do IBC com a Ohio University, traz respaldo acadêmico, e embasamento cientifico, para as práticas de Coaching usadas hoje no Brasil, além de alinhar ainda mais os trabalhos Corporativos nas grandes empresas do nosso País, alavancando a performance empresarial, a produtividade e os resultados, em um momento que o Brasil precisa muito de engajamento e foco em soluções.

* postado por Oswaldo Scaliotti

Publicidade

Não tenha medo da crise

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

26 de agosto de 2015

Foto_Tito

por Marcos Tito – Master Coach Sênior, diretor do Instituto Brasileiro de Coaching – IBC

e-mail: marcos.tito@ibccoaching.com.br

 

Diante de uma forte crise que abala o país, é cada vez mais comum ver profissionais da área de gestão e economia fornecendo informações, dicas e até cursos sobre como fazer para que seu negócio saia ileso dessa atual situação econômica. Mas não há uma receita de bolo, muito menos uma mágica capaz de realizar tal feito. Por isso, além de conhecer bem seu produto/ serviço, é necessário que as pessoas conheçam, principalmente, a si mesmo.

Se partirmos do princípio de que uma crise financeira pode realmente levar à falência uma empresa, é preciso que seus profissionais estejam preparados para enfrentá-la.  Para isso, o mais importante é manter-se emocionalmente equilibrado, sem fazer alarmes ou adiantar preocupações que podem ser evitadas.

Portanto, opte por menos discurso e foque na ação. Busque consultorias especializadas quando achar que não domina o assunto e siga em frente. Sua equipe precisa de discursos e não de títulos, eles necessitam de um dirigente otimista e que atue com responsabilidade e foco.

A partir daí, é necessário agir de forma inteligente criando assim, uma plataforma sólida com muita positividade, mais trabalho e atenção redobrada aos detalhes e aos sinais de alerta da sua empresa. Aliado a isso, é primordial também ter informações que possam nortear seu planejamento, bem como, observar o mercado e principalmente a concorrência. Enfim, ter sempre o pé no chão e pensar como um empresário-colaborador, que seguirá firme as estratégias traçadas, mantendo a equipe comprometida com os propósitos da empresa.

Uma das ferramentas que podem ajudar a superar este momento com sucesso é o coaching, que em momentos como esses, leva o empresário e a equipe, a questionar paradigmas negativos de atuação e entraves mentais, sobre estratégias de solução, ampliação de visão de futuro e até identificação e aproveitamento de oportunidade. O processo de coaching leva as pessoas a enxergarem a situação por ângulos diferentes, o que possibilita se ter maior repertório de ações para se atingir objetivos.

Com as ações e estratégias corretas novos caminhos, oportunidades e ações irão surgir e com isso, consequentemente serão gerados resultados positivos para o seu negócio. E aí, você está prepara para enfrentar a crise?

Publicidade

Não tenha medo da crise

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

26 de agosto de 2015

Foto_Tito

por Marcos Tito – Master Coach Sênior, diretor do Instituto Brasileiro de Coaching – IBC

e-mail: marcos.tito@ibccoaching.com.br

 

Diante de uma forte crise que abala o país, é cada vez mais comum ver profissionais da área de gestão e economia fornecendo informações, dicas e até cursos sobre como fazer para que seu negócio saia ileso dessa atual situação econômica. Mas não há uma receita de bolo, muito menos uma mágica capaz de realizar tal feito. Por isso, além de conhecer bem seu produto/ serviço, é necessário que as pessoas conheçam, principalmente, a si mesmo.

Se partirmos do princípio de que uma crise financeira pode realmente levar à falência uma empresa, é preciso que seus profissionais estejam preparados para enfrentá-la.  Para isso, o mais importante é manter-se emocionalmente equilibrado, sem fazer alarmes ou adiantar preocupações que podem ser evitadas.

Portanto, opte por menos discurso e foque na ação. Busque consultorias especializadas quando achar que não domina o assunto e siga em frente. Sua equipe precisa de discursos e não de títulos, eles necessitam de um dirigente otimista e que atue com responsabilidade e foco.

A partir daí, é necessário agir de forma inteligente criando assim, uma plataforma sólida com muita positividade, mais trabalho e atenção redobrada aos detalhes e aos sinais de alerta da sua empresa. Aliado a isso, é primordial também ter informações que possam nortear seu planejamento, bem como, observar o mercado e principalmente a concorrência. Enfim, ter sempre o pé no chão e pensar como um empresário-colaborador, que seguirá firme as estratégias traçadas, mantendo a equipe comprometida com os propósitos da empresa.

Uma das ferramentas que podem ajudar a superar este momento com sucesso é o coaching, que em momentos como esses, leva o empresário e a equipe, a questionar paradigmas negativos de atuação e entraves mentais, sobre estratégias de solução, ampliação de visão de futuro e até identificação e aproveitamento de oportunidade. O processo de coaching leva as pessoas a enxergarem a situação por ângulos diferentes, o que possibilita se ter maior repertório de ações para se atingir objetivos.

Com as ações e estratégias corretas novos caminhos, oportunidades e ações irão surgir e com isso, consequentemente serão gerados resultados positivos para o seu negócio. E aí, você está prepara para enfrentar a crise?