Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Ebep

SESI inaugura salas de aula de projetos especiais na Escola EBEP

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

30 de setembro de 2016

O Serviço Social da Indústria (SESI/CE) iniciará na próxima terça-feira, dia 4, um novo momento da Escola de Educação Básica e Educação Profissional (EBEP). Na ocasião, serão inauguradas oficialmente as salas de aula dos projetos especiais da instituição: SESI Matemática, Google for Education e Lego Zoom Education. A escola conta também com laboratório de informática, biblioteca e ampla área de convivência a partir de agora. Com isso, os estudantes poderão usufruir de modernas ferramentas de aprendizagem, tendo a tecnologia como aliada no cotidiano escolar.

Inaugurada em janeiro de 2015, a escola gratuita oferta o ensino médio tradicional articulado com cursos técnicos do SENAI, com o objetivo de preparar os alunos para o exercício da cidadania e para o mundo do trabalho. Até o final de outubro, estão abertas as inscrições para o processo seletivo do ano letivo de 2017. 

Saiba mais sobre os programas
Desde o início do ano, as aulas de robótica da LEGO ZOOM fazem parte das oficinas tecnológicas da escola EBEP, mas contarão agora com uma estrutura exclusiva. Ao utilizar kits com motores, sensores e bloco programável voltados para atividades educativas, as aulas de robótica estão explorando os benefícios de proporcionar exercícios práticos e divertidos aos alunos, enquanto eles aprendem conceitos complexos de física e matemática.

O SESI Matemática, criado pela Firjan, consiste em uma sala de aula especialmente equipada para o ensino de matemática, com jogos interativos e ferramentas tecnológicas. Já o Google For Education traz as ferramentas do Google para dentro da escola, como Google Earth, Google Maps e Google Talk.

Com a implantação definitiva dos programas, os ganhos vão além do conteúdo tradicional das disciplinas, pois a metodologia das aulas oportuniza a reflexão sobre valores humanos, como o trabalho em equipe, a liderança e o respeito.

Publicidade

SESI/CE inaugura escola de ensino médio e profissionalizante gratuita

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

18 de Janeiro de 2016

DSC_3405

Hoje, 18/01, será inaugurada a 1ª escola de Educação Básica e Profissional (Ebep) do Serviço Social da Indústria (SESI/CE). O evento acontece às 9 horas, no SESI Parangaba, Av. João Pessoa, 6754, com a presença de alunos, professores e autoridades. Após a solenidade de inauguração, os alunos permanecem na escola para o primeiro dia de aula.

O curso Ebep tem duração de três anos, compreendendo todo o ensino médio, ofertado pelo Sesi, e ainda a formação técnica, ofertada pelo SENAInas áreas de Têxtil e Vestuário, Construção Civil e Metalmecânico. Neste primeiro ano, os 240 alunos selecionados serão divididos em seis turmas, sendo trêspela manhã e três pela tarde. Os filhos dos trabalhadores da indústria são maioria no grupo, cerca de 80%. A previsão é que as inscrições para a turma de 2017 iniciem ainda neste semestre.

A metodologia das aulas visa propiciar um ambiente de aprendizado proveitoso para os estudantes, através da utilização de material didático específico para a proposta pedagógica da escola (em meio físico e eletrônico), além de recursos tecnológicos como o Projeto SESI Matemática e as oficinas de robótica da LEGO Education.

Segundo estudos da Confederação Nacional da Indústria, a má qualidade da educação básica é uma das principais dificuldades para o crescimento das indústrias brasileiras, e no Ceará, infelizmente, não é diferente. Então, o Sesi e o Senai Ceará resolveram aderir a esse programa nacional por acreditar que o ensino médio articulado com o profissionalizante pode preparar os jovens para o êxito acadêmico, mas sem deixar de lado a capacitação para o mercado de trabalho”, explica a gerente do Núcleo de Educação e Cultura do SESI/CE, Sônia Parente.

O desafio de ministrar os conteúdos dos ensinos médio e técnico simultaneamente exige uma grade de aulas estratégica e bem organizada. Assim, o volume de horas/aula vai aumentando a cada ano, à medida que os jovens vão se envolvendo e se engajando na própria formação, o que melhora o desempenho da turma e reduz os índices de evasão.

No primeiro ano, os alunos cursarão a carga horária normal da matriz curricular do Ensino Médio, somado a oficinas de aprendizagem, atualidades, oficinas tecnológicas, artes e dança. No segundo ano, seguem as aulas do Ensino Médio, mas com foco direcionado para as ciências aplicadas, começa o curso de Iniciação Profissional do Senainas áreas de Construção Civil, Metalmecânica e Têxtil e Vestuário. No terceiro ano, por fim, os alunos concluem a carga horária do Ensino Médio e fazem o curso Técnico do Senai nas áreas já citadas.

A equipe pedagógica é composta por assessores técnicos em educação, diretor escolar, coordenação pedagógica, psicóloga e professores.

inauguração da escola Ebep faz parte do programa “Pacto por um Ceará Pacífico”, do Governo do Estado do Ceará, do qual o SESI/CE é parceiro. O programa foi lançado em 2015, pelo governador Camilo Santana, com o objetivo de reduzir os índices de criminalidade no estado, com 11 linhas de ações intersetoriais, em áreas como Justiça, emprego e renda, saúde, entre outros.


Informações à imprensa pelos telefones 
(85) 3421.5431 e 3421.5435.

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

SESI/CE inaugura escola de ensino médio e profissionalizante gratuita

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

18 de Janeiro de 2016

DSC_3405

Hoje, 18/01, será inaugurada a 1ª escola de Educação Básica e Profissional (Ebep) do Serviço Social da Indústria (SESI/CE). O evento acontece às 9 horas, no SESI Parangaba, Av. João Pessoa, 6754, com a presença de alunos, professores e autoridades. Após a solenidade de inauguração, os alunos permanecem na escola para o primeiro dia de aula.

O curso Ebep tem duração de três anos, compreendendo todo o ensino médio, ofertado pelo Sesi, e ainda a formação técnica, ofertada pelo SENAInas áreas de Têxtil e Vestuário, Construção Civil e Metalmecânico. Neste primeiro ano, os 240 alunos selecionados serão divididos em seis turmas, sendo trêspela manhã e três pela tarde. Os filhos dos trabalhadores da indústria são maioria no grupo, cerca de 80%. A previsão é que as inscrições para a turma de 2017 iniciem ainda neste semestre.

A metodologia das aulas visa propiciar um ambiente de aprendizado proveitoso para os estudantes, através da utilização de material didático específico para a proposta pedagógica da escola (em meio físico e eletrônico), além de recursos tecnológicos como o Projeto SESI Matemática e as oficinas de robótica da LEGO Education.

Segundo estudos da Confederação Nacional da Indústria, a má qualidade da educação básica é uma das principais dificuldades para o crescimento das indústrias brasileiras, e no Ceará, infelizmente, não é diferente. Então, o Sesi e o Senai Ceará resolveram aderir a esse programa nacional por acreditar que o ensino médio articulado com o profissionalizante pode preparar os jovens para o êxito acadêmico, mas sem deixar de lado a capacitação para o mercado de trabalho”, explica a gerente do Núcleo de Educação e Cultura do SESI/CE, Sônia Parente.

O desafio de ministrar os conteúdos dos ensinos médio e técnico simultaneamente exige uma grade de aulas estratégica e bem organizada. Assim, o volume de horas/aula vai aumentando a cada ano, à medida que os jovens vão se envolvendo e se engajando na própria formação, o que melhora o desempenho da turma e reduz os índices de evasão.

No primeiro ano, os alunos cursarão a carga horária normal da matriz curricular do Ensino Médio, somado a oficinas de aprendizagem, atualidades, oficinas tecnológicas, artes e dança. No segundo ano, seguem as aulas do Ensino Médio, mas com foco direcionado para as ciências aplicadas, começa o curso de Iniciação Profissional do Senainas áreas de Construção Civil, Metalmecânica e Têxtil e Vestuário. No terceiro ano, por fim, os alunos concluem a carga horária do Ensino Médio e fazem o curso Técnico do Senai nas áreas já citadas.

A equipe pedagógica é composta por assessores técnicos em educação, diretor escolar, coordenação pedagógica, psicóloga e professores.

inauguração da escola Ebep faz parte do programa “Pacto por um Ceará Pacífico”, do Governo do Estado do Ceará, do qual o SESI/CE é parceiro. O programa foi lançado em 2015, pelo governador Camilo Santana, com o objetivo de reduzir os índices de criminalidade no estado, com 11 linhas de ações intersetoriais, em áreas como Justiça, emprego e renda, saúde, entre outros.


Informações à imprensa pelos telefones 
(85) 3421.5431 e 3421.5435.

  • postado por Oswaldo Scaliotti