Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Casa da Indústria

FIEC sedia Roadshow Investimento e Desenvolvimento do Nordeste

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

29 de agosto de 2017

A Casa da Indústria sedia no próximo dia 5 de setembro o Roadshow Investimento e Desenvolvimento do Nordeste, uma realização da Sudene, Associação Nordeste Forte e Sistema FIEC, com apoio da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) e da Confederação Nacional da Indústria (CNI). O evento tem como objetivo discutir projetos, recursos e desafios, visando promover o desenvolvimento e incrementar a economia do setor industrial do Nordeste na área de atuação da Sudene. O encontro está marcado para 8h30 e será realizado durante toda a manhã com palestras e debates.

O Roadshow em Fortaleza faz parte de uma série de encontros regionais que estão sendo promovidos nos nove estados do Nordeste reunindo atores estratégicos e  visa viabilizar um modelo de atração de empresas para a região. A ideia é levar informações aos empresários sobre a atuação da Sudene e outros organismos, focando nos instrumentos e políticas capazes de atrair projetos que impulsionem o desenvolvimento, ampliando a geração de emprego e renda na Região.

O evento vai contar com apresentações da Federação das Indústrias do Estado do Ceará(FIEC), Sudene, Confederação Nacional das Indústrias (CNI), Banco do Nordeste (BNB), Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)e Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). Secretários de estado, presidentes de Federações da Indústria de todos os Estados da Região Nordeste, dirigentes sindicais e empresários foram convidados para o Roadshow.

Associação Nordeste Forte
O Roadshow Investimento e Desenvolvimento do Nordeste é uma das ações oriundas de um acordo de cooperação entre a Sudene e a CNI, assinado em maio deste ano, na reunião da Associação Nordeste Forte, que reúne os presidentes das Federações de Indústrias dos estados da área de atuação da autarquia.

A parceria é voltada para promover o acesso das empresas, especialmente as micro, pequenas e médias, aos instrumentos disponibilizados pela Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste. A ideia é fazer com que a aproximação entre as duas instituições proporcione a formatação de novos produtos ou programas e ajude a construir as diretrizes e prioridades de aplicação do FDNE.

Fundada há um ano, a Nordeste Forte é formada pelas nove Federações das Indústrias da Região Nordeste. É presidida pelo presidente da Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte, Amaro Sales (FIERN); e tem como vice-presidentes os presidentes das Federações dos Estados de Pernambuco, Ricardo Essinger (FIEPE); Ceará, Beto Studart (FIEC); Alagoas, José Carlos Lyra de Andrada (FIEA); Paraíba, Francisco Gadelha (PB); Maranhão, Edilson Baldez das Neves (FIEMA); Bahia, Antonio Ricardo Alvarez Alban (FIEBA); Piauí, Antônio José de Moraes Souza Filho (FIEPI); e Sergipe, Eduardo Prado de Oliveira (SE).

Serviço:
Roadshow Investimento e Desenvolvimento do Nordeste
Data: 05/09/2017 (Terça-feira)
Horário: a partir de 8h30
Local: Auditório Luis Esteves Neto, na Casa da Indústria (5º andar)
Endereço: Avenida Barão de Studart, nº 1980 – Bairro Aldeota – Fortaleza/Ceará
Os interessados podem confirmar presença no evento pelos telefones (85) – 3421.5424/ 4202 ou pelo e-mail gecom_agendamento@sfiec.org.br

Programação/palestrantes

* Momentos iniciais
8h30: Credenciamento
9h: Abertura com o presidente da FIEC, Beto Studart
8h40: – Marcelo Neves (Superintendente da Sudene)
9h20: Suzana Peixoto( Confederação Nacional da Indústria – CNi)
Instrumentos de Ação da Sudene

* Apresentações Sudene
9h30: Fundo Constitucional de Desenvolvimento do Nordeste(FDNE)
10h: Incentivos e benefícios Fiscais
Apresentação do Banco do Nordeste do Brasil (BNB)
10h30:  – Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste(FNE)

* Parceiros
11h10: Apresentação do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)
11h40: Apresentação da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil)

*Debates
12h10min: Perguntas

 

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Palestra do IEL orienta como manter-se no mercado e crescer profissionalmente

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

26 de julho de 2017

Em um período de crise econômica como o Brasil se encontra, profissionais devem buscar capacitações e formas de permanecerem fortes no mercado. Nessa perspectiva, o IEL/CE promove a palestra “Como manter-se no mercado e crescer profissionalmente”, voltada para trabalhadores e estudantes que desejam crescer em sua carreira. A capacitação acontecerá no dia 08/08, das 19h às 21h, na Casa da Indústria. As inscrições podem ser feitas no site do IEL, pelo valor de R$ 90,00, que podem ser pagos à vista no boleto bancário ou em cartões de crédito.
A palestra, ministrada pela coach e consultora comportamental DISC, Márcia Fernanda Moreno, tem como objetivo despertar para ações necessárias para manter a empregabilidade e a realização na vida profissional. Na programação, ela falará sobre emprego, empregabilidade, planejamento de carreira e armadilhas na trajetória profissional.
 
SERVIÇO:
Palestra “Como manter-se no mercado e crescer profissionalmente”
Data: 08/08, das 19h às 21h
Local: Casa da Indústria (Av. Barão de Studart, 1980, Aldeota)
Mais informações: (85) 4009.6300
Inscrições aqui
* postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Abertas as inscrições para o Fórum Industrial Ideias em Debate com Deltan Dallagnol

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

12 de julho de 2017

O próximo Fórum Industrial Ideias em Debate será no dia 20 de julho, às 18h30, e o convidado é o procurador do Ministério Público Federal, Deltan Dallagnol. Ele ganhou notoriedade por integrar e coordenar a força-tarefa da Operação Lava-jato que investiga crimes de corrupção na Petrobras. Graduado em Direito pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e mestre em Direito pela Harvard, Dallagnol é especialista em crimes contra o sistema financeiro nacional e lavagem de dinheiro.

O evento é gratuito e será realizado na Casa da Indústria (Av. Barão de Studart, 1980 – Aldeota). As inscrições podem ser realizadas através da internet neste LINK: https://docs.google.com/a/sfiec.org.br/forms/d/e/1FAIpQLSdmoTv6aJDhxOB7NnFFJg3OfMt_KtVKqU0EfeSC7RChLUCIGA/viewform

O Fórum Ideias em Debate é uma iniciativa do Sistema FIEC e do Centro Industrial do Ceará (CIC) e tem o objetivo de fomentar reflexões acerca de temas relevantes e ampliar o conhecimento e mobilização de industriais de todos os setores. A iniciativa conta com uma série de palestras com personalidades de diversas áreas para trazer informações atualizadas visando o fortalecimento do setor produtivo e desenvolvimento de toda a sociedade.

Participaram de edições anteriores do fórum nomes como Maílson da Nóbrega, Marco Antonio Villa, Augusto Cury, Miriam Leitão, Mário Sérgio Cortella, Mauro Benevides Filho, Clóvis de Barros Filho, Ricardo Boechat, Bráulio Bessa, Dráuzio Varela e Ricardo Amorim entre outros.

 

Serviço:

Fórum industrial Ideias em Debate

Data: 20/7

Horário: 18h30

Local: Casa da Indústria (Av. Barão de Studart, 1980 – Aldeota) – Auditório Waldyr Diogo

Inscrições:

https://docs.google.com/a/sfiec.org.br/forms/d/e/1FAIpQLSdmoTv6aJDhxOB7NnFFJg3OfMt_KtVKqU0EfeSC7RChLUCIGA/viewform

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Palestra do IEL mostra o jeito Disney de atender

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

16 de junho de 2017

A Walt Disney Company é considerada, por muitos empresários, um exemplo em questão de atendimento, comprovado por meio de seu sucesso desde 1923. Visando mostrar a profissionais que trabalham direta ou indiretamente com atendimento ao público os segredos e fundamentos que fazem da Disney um grande case, o Instituto Euvaldo Lodi (IEL/CE), ligado à Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC) promove a palestra “O jeito Disney de atender”, ministrada pela coach e consultora comportamental Fernanda Moreno. O evento acontece dia 21/6 (quarta-feira), das 19h às 21h, na Casa da Indústria. As inscrições podem ser feitas a partir deste link, com investimento de R$ 90,00.

No conteúdo programático, a capacitação abordará como a empresa Disney escolhe as pessoas certas, identificação da concorrência e como ouvir clientes.

 

SERVIÇO:

Palestra O Jeito Disney de Atender

Data: 21/06, quarta-feira, das 19h às 21h

Local: Casa da Indústria (Av. Barão de Studart, 1980, Aldeota)

Mais informações: (85) 4009.6300

inscrições neste link

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Seminário discute mediação e arbitragem

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

13 de junho de 2017

Visando o público alvo de empresários, membros do Poder Judiciário, advogados, gestores de recursos humanos, entre outros, a Câmara Nacional de Mediação e Arbitragem realiza o “Seminário de Mediação e Arbitragem Nacional e Internacional”, dos dias 26 a 29 de junho, das 18h às 22h, na Casa da Indústria. As inscrições estão abertas neste link. A FIEC patrocina e apoia o evento.
O objetivo geral do seminário é proporcionar conhecimento para a tomada de decisões na realização de negócios com clientes, parceiros e fornecedores, com foco na adoção de mecanismos mais eficazes para a solução de controvérsias. Os palestrantes serão o presidente da Câmara Nacional de Mediação e Arbitragem, Heli Bravo Mendes; o mestre em Ciências Jurídico-Internacionais e especialista em Direito Empresarial, Laerte Castro; o diretor de mediação e arbitragem da Câmara Nacional de Mediação e Arbitragem, José Frenkiel; o doutor e mestre em direito, Antônio Jorge Pereira e o professor de direito do trabalho, Alberto Fernandes.
Serviço:
Seminário de Mediação e Arbitragem Nacional e Internacional
Data: 26 a 29 de junho, das 18h às 22h
Local: Casa da Indústria, Auditório Luis Esteves (Av. Barão de Studart, 1980, Aldeota)
Inscrições no link: www.camaranacional.org.br
Mais informações: (85) 3458-1400 / (85) 98888-5594 / (85) 99694-5162
* postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Câmara Brasil-Portugal no Ceará e Fiec apresentam Workshop de Mediação e Arbitragem na próxima quinta-feira (13)

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

12 de outubro de 2016

A Câmara Brasil Portugal no Ceará (CBP-CE), com o apoio da Federação de Indústrias do Estado do Ceará (FIEC) e em cooperação com a Câmara Nacional de Mediação e Arbitragem dos Profissionais Liberais (CNA), promove o workshop “Mediação e Arbitragem Internacional”. O evento ocorre na Casa da Indústria, nesta quinta-feira (13), às 18 horas, e é destinado a empresários e advogados. No Ceará, seguindo o exemplo de outras câmaras de comércio internacional, o Centro de Mediação e Arbitragem da Câmara Brasil-Portugal estabelece um centro de referência para toda a região Nordeste. Serviços de excelência estão à disposição do público, aliando-se à tradição da Câmara no fomento e geração de negócios e no estímulo ao diálogo em seus 15 anos de existência.

No Brasil, a Mediação e Arbitragem foi instituída pela Lei Federal nº 9307 de 23 de setembro de 1996. O sistema de arbitragem é largamente aplicado em outros países, tais como Estados Unidos, Inglaterra, França, Alemanha, Itália, Espanha, entre outros, com sucesso absoluto e consequente desafogo do Poder Judiciário. “Através da Mediação e Arbitragem, as empresas em geral, especialmente para as de pequena e média dimensão e para os sócios pessoa física, podem resolver inúmeras causas por uma via alternativa ao Poder Judiciário. Além disso, a resolução acontece forma voluntária, célere, especializada, eficaz, confidencial e mais econômica, o que é de grande interesse para as empresas”, explica um dos mediadores do Zanocchi.

Esse workshop tem uma função esclarecedora para nossos associados, empresas e agentes econômicos. A CBP-CE tem um centro totalmente preparado para atender e resolver de forma célere causas de Mediação e Arbitragem porque entendemos ser um tema relevante e que ganhou corpo nos últimos anos”, explica o presidente da CBP-CE, Armando Abreu.

 

Funções do Centro de Mediação e Arbitragem

O Centro de Mediação e Arbitragem da Câmara Brasil Portugal no Ceará surgiu da necessidade deste tipo de serviço na região Nordeste, em consonância com as diretrizes de disseminação e prestígio dos meios alternativos e extrajudiciais de solução de controvérsias no ambiente jurídico nacional. “Com a recente reforma da Lei de Arbitragem, a instituição da Lei de Mediação e o advento do Novo Código de Processo Civil, tem se consolidado uma jurisprudência que confere respaldo e segurança jurídica quanto à utilização da mediação e arbitragem para a resolução de conflitos, que se apresentam como uma alternativa válida para a realização da justiça de forma célere e eficaz”, esclarece o vice-presidente da CBP-CE, José Maria Zanocchi.

A mediação pode exercer um papel valioso na mudança da dinâmica do relacionamento das partes passando de uma postura contenciosa para uma postura colaborativa, incentivando soluções criativas que visem preservar o relacionamento e buscar resoluções de benefício mútuo e sustentáveis ao longo do tempo.

Entre as suas principais vantagens, pode-se destacar:

– evita gastos de recursos,  tempo e perda de oportunidade;

– permite o controle do processo e do resultado pelas partes, evitando que a solução seja determinada por um terceiro, alheio e estranho a elas;

– permite a manutenção de um clima favorável à continuação do relacionamento das partes, quando necessário ou mesmo inevitável;

– possibilita soluções mais criativas, desenvolvidas e empreendidas pelas próprias partes, o que gera maior grau de aceitação, implementação e cumprimento voluntário, afastando a chamada “litigiosidade contida”.

 

Workshop Mediação e Arbitragem Internacional

Data: 13 de outubro (quinta-feira)

Local: Casa da Indústria, Auditório Waldyr Diogo (Térreo) – Fiec (Avenida Barão de Studart, 1980_

Horário: 18 horas

Inscrição (vagas limitadas): masousa@fiec.org.br

Informações: (85) 3421-5418

 

  • postado por Oswaldo Scaliottti
Publicidade

FIEC inicia hoje debates com a sociedade sobre o tema reforma política

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

23 de agosto de 2016

A Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC) inicia hoje às 18h, no 5º andar da Casa da Indústria, uma série de encontros para ouvir a sociedade sobre o tema Reforma Política. O primeiro encontro reunirá representantes de entidades de classe. Os encontros serão setoriais e a ideia é que nos próximos dias sejam ouvidos representantes da academia, religiosos, entre outros. O debate sobre reforma política tem sido conduzido na FIEC pelo recém criado “Núcleo de Estudos Políticos”, com o objetivo de promover a discussão e produzir elementos que possibilitem a construção de propostas consistentes para uma ampla reforma. A intenção do Núcleo é diversificar e enriquecer o debate, e consolidar o posicionamento da indústria no Ceará e no Brasil sobre tema da maior relevância na atual conjuntura.⁠⁠
Publicidade

FIEC sedia II Encontro Econômico Baden-Württemberg – Ceará

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

07 de Março de 2016

A Federação das Indústrias do Estado Ceará (FIEC), através do seu Centro Internacional de Negócios, e a Câmara de Comércio e Indústria Brasil – Alemanha recebem​ hoje (7/3), na Casa da Indústria, o II Encontro Econômico Baden-Württemberg – Ceará​: Soluções Inovadoras para Infraestrutura. Pela manhã, está acontecendo encontro com a delegação alemã, e, ainda, realização de palestras com oportunidades e soluções inovadoras nos setores de desenvolvimento urbano, meio ambiente, energias renováveis, infraestrutura industrial e construção civil.

A programação prossegue das 14 às 17h, com a realização da Rodada de Negócios, com objetivo de ​promover a troca de informações e experiências entre o Ceará e o estado a​lemão de Baden- Württemberg.

Clique aqui para acessar o link das inscrições para a rodada de negócios.

SERVIÇO: Rodada de Negócios do II Encontro Econômico Baden-Württemberg – Ceará
Data: 7 de março
Horário: 14h às 17h
Local: Sala VIP – Cobertura da Casa da Indústria (Av. Barão de Studart, 1980 – Aldeota)
Inscrições: clique aqui

Publicidade

Coordenação da AJE Fortaleza toma posse nesta terça (16)

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

13 de Fevereiro de 2016

Thiagopinho.aje
Posse ] Thiago Nogueira Pinho assume como novo coordenador geral da AJE Fortaleza. A nova presidente do Conselho Consultivo será Emília Buarque
A Gestão 2016 da Coordenação Executiva da Associação dos Jovens Empresários de Fortaleza (AJE Fortaleza) toma posse nesta terça-feira (16), às 19h30, no auditório Waldyr Diogo da Casa da Indústria (Av. Barão de Studart, 1980 – Aldeota).
Na ocasião, tomarão posse Thiago Nogueira Pinho, como coordenador geral da AJE Fortaleza, cargo até então desempenhado por Ricardo Dreher de Palhano, e a nova presidente do Conselho Consultivo empossada será Emília Buarque. Junto aos mesmos, serão empossados os coordenadores adjuntos que estão à frente das oito pastas que norteiam a entidade.
Na solenidade, ainda serão entregues as comendas de Jovem Mentalidade Empreendedora para Ricardo Cavalcante (EMGI e diretor da FIEC) e de Jovem Mentalidade Empreendedora Social para Sérgio Márcio de Freitas Leite, presidente da Companhia Siderúrgica do Pecém – CSP.
Sobre o novo coordenador
Thiago Nogueira Pinho tem 25 anos e é Advogado e empresário. Graduado no curso de Direito pela Faculdade 7 de Setembro. Pós-graduando no MBA em Gestão Portuária e Negócios Internacionais pela Universidade Cidade de São Paulo. Membro da Comissão de Direito Marítimo da OAB/CE. Membro do Conselho Estadual do Trabalho (CET). Membro do Conselho Estadual de Políticas Públicas da Juventude (CONJUCE). Atual Coordenador de Comunicação da Associação de Jovens Empresários de Fortaleza (AJE) e atual Coordenador Executivo da Federação das Associações de Jovens Empresários do Ceará (FAJECE).
Sobre a AJE
Fundada em 1989, a AJE Fortaleza foi precursora do movimento jovem empresarial nacional, influenciando a criação de associações semelhantes em todo o País. A organização reúne jovens entre 18 e 35 anos, representantes de todos os setores da economia cearense.
O principal objetivo é contribuir com a formação de novas lideranças no meio empresarial, através de eventos voltados ao desenvolvimento dos associados, e disseminar a cultura empreendedora ao público em geral, estimulando os jovens a ingressar no mercado de trabalho e a permanecer nele com sucesso.
.: Serviço
Posse da Gestão 2016 da AJE Fortaleza
Data: 16/02 (terça-feira).
Horário: 19h30.
Local: Casa da Indústria, Auditório Waldyr Diogo (Av. Barão de Studart, 1980 – Aldeota).
Assessoria de Imprensa da AJE Fortaleza – Contato: (85) 3246.2297 – Camila Cacau.
* postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Câmara Brasil-Portugal no Ceará e Fiec lançam Centro de Mediação e Arbitragem na segunda-feira (23)

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

19 de novembro de 2015

A Câmara Brasil Portugal no Ceará (CBP-CE), com o apoio da Federação de Indústrias do Estado do Ceará (FIEC) e em cooperação com a Câmara Nacional de Mediação e Arbitragem dos Profissionais Liberais (CNA), promove o lançamento oficial do seu Centro de Mediação e Arbitragem (CMA). A solenidade será realizada na segunda-feira, dia 23 de novembro, às 19 horas, no auditório Waldyr Diogo da Fiec, e contará com a presença do Ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Sidnei Agostinho Beneti, e do presidente da Fiec, Beto Studart. Na ocasião, serão também empossados os membros do Comitê Gestor do Centro, constituído por representantes da FIEC, CBP-CE e CNA.

No Brasil, a Mediação e Arbitragem foi instituída pela Lei Federal nº 9307 de 23 de setembro de 1996. O sistema de arbitragem é largamente aplicado em outros países, tais como Estados Unidos, Inglaterra, França, Alemanha, Itália, Espanha, entre outros, com sucesso absoluto e consequente desafogo do Poder Judiciário. No Ceará, seguindo o exemplo de outras câmaras de comércio internacional, a criação do Centro de Mediação e Arbitragem da Câmara Brasil-Portugal irá estabelecer um centro de referência para toda a região Nordeste. Serviços de excelência serão postos à disposição do público, aliando-se à tradição da Câmara no fomento e geração de negócios e no estímulo ao diálogo em seus quase 15 anos de existência.

“Com o Centro de Mediação e Arbitragem, a Câmara coloca à disposição dos seus associados, empresas e dos agentes econômicos em geral, uma estrutura de apoio à resolução célere e eficaz de litígios por meio dos meios alternativos como a Mediação, a Conciliação e a Arbitragem. Estamos cientes da crescente relevância deste instrumento alternativo ao Poder Judiciário para as empresas em geral, especialmente para as de pequena e média dimensão e para os sócios pessoa física, tendo em vista a resolução de conflitos de forma voluntária, célere, especializada, eficaz, confidencial e mais econômica”, explica o presidente da CBP-CE, Armando Abreu.

Responsável pela palestra magna durante o lançamento da CMA, o Ministro Sidnei Beneti abordará sua trajetória no Judiciário, com destaque para sua atuação como Árbitro dos Centros de Arbitragem e Mediação da Câmara de Comércio Brasil-Canadá em São Paulo e da Federação das Indústrias do Estado do Paraná, tendo Integrado a comissão de anteprojeto da Lei de Mediação Processual.

 

Funções do Centro de Mediação e Arbitragem

O novo Centro de Mediação e Arbitragem da Câmara Brasil Portugal no Ceará surge da necessidade deste tipo de serviço na região Nordeste, em consonância com as diretrizes de disseminação e prestígio dos meios alternativos e extrajudiciais de solução de controvérsias no ambiente jurídico nacional. “Com a recente reforma da Lei de Arbitragem, a instituição da Lei de Mediação e o advento do Novo Código de Processo Civil, tem se consolidado uma jurisprudência que confere respaldo e segurança jurídica quanto à utilização da mediação e arbitragem para a resolução de conflitos, que se apresentam como uma alternativa válida para a realização da justiça de forma célere e eficaz”, esclarece o vice-presidente da CBP-CE, José Maria Zanocchi.

A mediação pode exercer um papel valioso na mudança da dinâmica do relacionamento das partes passando de uma postura contenciosa para uma postura colaborativa, incentivando soluções criativas que visem preservar o relacionamento e buscar resoluções de benefício mútuo e sustentáveis ao longo do tempo.

 

Entre as suas principais vantagens, pode-se destacar:

– evita gastos de recursos,  tempo e perda de oportunidade;

– permite o controle do processo e do resultado pelas partes, evitando que a solução seja determinada por um terceiro, alheio e estranho a elas;

– permite a manutenção de um clima favorável à continuação do relacionamento das partes, quando necessário ou mesmo inevitável;

– possibilita soluções mais criativas, desenvolvidas e empreendidas pelas próprias partes, o que gera maior grau de aceitação, implementação e cumprimento voluntário, afastando a chamada “litigiosidade contida”.

 

Lançamento Centro de Mediação e Arbitragem (CMA) da Câmara Brasil-Portugal em parceria com a Fiec

Data: 23 de novembro (segunda-feira)

Local: Casa da Indústria, Auditório Waldyr Diogo (Térreo) – Fiec (Avenida Barão de Studart, 1980_

Horário: 19 horas

Inscrição (vagas limitadas): secretariace@brasilportugal.org.br

Informações: (85) 3261-7423

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Câmara Brasil-Portugal no Ceará e Fiec lançam Centro de Mediação e Arbitragem na segunda-feira (23)

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

19 de novembro de 2015

A Câmara Brasil Portugal no Ceará (CBP-CE), com o apoio da Federação de Indústrias do Estado do Ceará (FIEC) e em cooperação com a Câmara Nacional de Mediação e Arbitragem dos Profissionais Liberais (CNA), promove o lançamento oficial do seu Centro de Mediação e Arbitragem (CMA). A solenidade será realizada na segunda-feira, dia 23 de novembro, às 19 horas, no auditório Waldyr Diogo da Fiec, e contará com a presença do Ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Sidnei Agostinho Beneti, e do presidente da Fiec, Beto Studart. Na ocasião, serão também empossados os membros do Comitê Gestor do Centro, constituído por representantes da FIEC, CBP-CE e CNA.

No Brasil, a Mediação e Arbitragem foi instituída pela Lei Federal nº 9307 de 23 de setembro de 1996. O sistema de arbitragem é largamente aplicado em outros países, tais como Estados Unidos, Inglaterra, França, Alemanha, Itália, Espanha, entre outros, com sucesso absoluto e consequente desafogo do Poder Judiciário. No Ceará, seguindo o exemplo de outras câmaras de comércio internacional, a criação do Centro de Mediação e Arbitragem da Câmara Brasil-Portugal irá estabelecer um centro de referência para toda a região Nordeste. Serviços de excelência serão postos à disposição do público, aliando-se à tradição da Câmara no fomento e geração de negócios e no estímulo ao diálogo em seus quase 15 anos de existência.

“Com o Centro de Mediação e Arbitragem, a Câmara coloca à disposição dos seus associados, empresas e dos agentes econômicos em geral, uma estrutura de apoio à resolução célere e eficaz de litígios por meio dos meios alternativos como a Mediação, a Conciliação e a Arbitragem. Estamos cientes da crescente relevância deste instrumento alternativo ao Poder Judiciário para as empresas em geral, especialmente para as de pequena e média dimensão e para os sócios pessoa física, tendo em vista a resolução de conflitos de forma voluntária, célere, especializada, eficaz, confidencial e mais econômica”, explica o presidente da CBP-CE, Armando Abreu.

Responsável pela palestra magna durante o lançamento da CMA, o Ministro Sidnei Beneti abordará sua trajetória no Judiciário, com destaque para sua atuação como Árbitro dos Centros de Arbitragem e Mediação da Câmara de Comércio Brasil-Canadá em São Paulo e da Federação das Indústrias do Estado do Paraná, tendo Integrado a comissão de anteprojeto da Lei de Mediação Processual.

 

Funções do Centro de Mediação e Arbitragem

O novo Centro de Mediação e Arbitragem da Câmara Brasil Portugal no Ceará surge da necessidade deste tipo de serviço na região Nordeste, em consonância com as diretrizes de disseminação e prestígio dos meios alternativos e extrajudiciais de solução de controvérsias no ambiente jurídico nacional. “Com a recente reforma da Lei de Arbitragem, a instituição da Lei de Mediação e o advento do Novo Código de Processo Civil, tem se consolidado uma jurisprudência que confere respaldo e segurança jurídica quanto à utilização da mediação e arbitragem para a resolução de conflitos, que se apresentam como uma alternativa válida para a realização da justiça de forma célere e eficaz”, esclarece o vice-presidente da CBP-CE, José Maria Zanocchi.

A mediação pode exercer um papel valioso na mudança da dinâmica do relacionamento das partes passando de uma postura contenciosa para uma postura colaborativa, incentivando soluções criativas que visem preservar o relacionamento e buscar resoluções de benefício mútuo e sustentáveis ao longo do tempo.

 

Entre as suas principais vantagens, pode-se destacar:

– evita gastos de recursos,  tempo e perda de oportunidade;

– permite o controle do processo e do resultado pelas partes, evitando que a solução seja determinada por um terceiro, alheio e estranho a elas;

– permite a manutenção de um clima favorável à continuação do relacionamento das partes, quando necessário ou mesmo inevitável;

– possibilita soluções mais criativas, desenvolvidas e empreendidas pelas próprias partes, o que gera maior grau de aceitação, implementação e cumprimento voluntário, afastando a chamada “litigiosidade contida”.

 

Lançamento Centro de Mediação e Arbitragem (CMA) da Câmara Brasil-Portugal em parceria com a Fiec

Data: 23 de novembro (segunda-feira)

Local: Casa da Indústria, Auditório Waldyr Diogo (Térreo) – Fiec (Avenida Barão de Studart, 1980_

Horário: 19 horas

Inscrição (vagas limitadas): secretariace@brasilportugal.org.br

Informações: (85) 3261-7423

  • postado por Oswaldo Scaliotti