Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

América Latina

Empreender com Impacto: Mercado Livre e Mayma lançam formação online para desenvolver empreendedores sustentáveis na América Latina

Por Oswaldo Scaliotti em Qualificação

24 de Abril de 2019

Inscrições para o programa ficam abertas até 22 de maio; objetivo é impulsionar empreendedores com ideias, produtos e soluções com potencial de gerar impacto socioambiental

 

O Mercado Livre, empresa líder na oferta de tecnologia para o e-commerce na América Latina, uniu-se ao Programa de aceleração Mayma Humanidade Empreendedora  para lançar o “Empreender com Impacto”, iniciativa de formação online para empreendedores com ideias e negócios capazes de gerar impacto econômico, social e/ou ambiental. O Programa busca apoiar o desenvolvimento de negócios sustentáveis no Brasil,  Argentina, Chile, Colômbia, México e Uruguai por meio de uma comunidade que reúne ferramentas, conteúdos e especialistas do ecossistema de impacto da região.

As inscrições são limitadas e podem ser feitas pelo site  http://tiny.cc/Emprender até o dia 22 de maio. Para lançar o programa serão realizadas três aulas online abertas, gratuitas, com a participação de empreendedores e especialistas dos campos de sustentabilidade e empreendedorismo de impacto: Denise Alves, Fernando Assad e Célia Cruz. (veja mais detalhes abaixo).

O programa de formação é composto por 15 aulas online (webinars), acompanhamento de especialistas e uma plataforma de aprendizagem com materiais de apoio para aprofundar o conhecimento. Além disso, os participantes terão acesso a mentorias, seminários internacionais relevantes, à comunidade empreendedora latino-americana e concorrerão a prêmios para impulsionar seus negócios: US$ 5 mil mais benefícios significativos para a utilização do ecossistema de soluções do Mercado Livre.

“Acreditamos nos empreendedores como verdadeiros agentes de mudança e sabemos que a transição para uma nova economia exige o engajamento de todos. Nesse sentido, articulamos organizações latinoamericanas buscando fomentar o desenvolvimento de produtos e serviços mais sustentáveis na região”, afirma Laura Motta, especialista de Sustentabilidade do Mercado Livre no Brasil.

Mateus Mendonça, fundador da Giral Viveiro de Projetos, parceira da Mayma no Brasil, acrescenta: “Ao participar da execução desse programa no Brasil, estamos gerando valor compartilhado e contribuindo para a  articulação de uma comunidade latinoamericana de impacto”.

A programação completa, critérios de participação, custos de inscrição e informações sobre bolsas também estão disponíveis no site.

 

Aulas online abertas e gratuitas

Para marcar o lançamento do “Empreender com Impacto”, o Mercado Livre vai promover três webinars gratuitos nos dias 9, 13 e 16 de maio, Para participar, basta se inscrever no site do programa e, no horário marcado, conectar-se aos vídeos. Veja a agenda:

09/05 – Denise Alves, da Touch Green, fala sobre Negócios Conscientes. Desde 2017, Denise vem liderando projetos para clientes que desejam posicionar suas marcas de um ponto de vista social ou ambiental.

13/05 – Fernando Assad fala sobre sua experiência na Vivenda, negócio social brasileiro que busca revolucionar o mercado de reformas habitacionais para a população de baixa renda.

16/05 – Célia Cruz, do ICE (Instituto de Cidadania Empresarial), aborda os desafios e oportunidades no ecossistema dos negócios de impacto.

 

Sobre o Mercado Livre

Fundado em 1999, o Mercado Livre é a companhia líder na oferta de tecnologia para o comércio eletrônico na América Latina e oferece soluções para que pessoas e empresas possam comprar, vender, pagar, anunciar e enviar produtos e serviços por meio da internet. Para oferecer a melhor experiência a compradores e vendedores, a empresa conta com as seguintes áreas de negócios: o Marketplace mercadolivre.com, Mercado Pago, Mercado Envios, Mercado Livre Classificados, Mercado Livre Publicidade e Mercado Shops.

 

O mercadolivre.com é o maior e mais completo marketplace da América Latina, com 247 milhões de usuários e mais de 12 milhões de vendedores, incluindo grandes marcas. A cada segundo, 10 vendas são realizadas na plataforma. Ao todo, são mais de 150 milhões de ofertas em tempo real, distribuídas em 1.460 categorias e subcategorias de produtos. Vencedor da categoria Site de Compras no “Prêmio Top of Mind da Folha 2018”, o Mercado Livre no Brasil é líder em tráfego entre os sites de varejo com 74 milhões de visitantes únicos/mês, segundo a Similar Web, ferramenta referência para o mercado de tecnologia e inovação.

 

Sobre o Mayma

Mayma é um programa de desenvolvimento empreendedor com impacto social e ambiental que atua na Argentina há 13 anos, buscando acelerar a transformação para uma economia mais humana. Originalmente chamado Bid Challenge, graças ao impulso da ONG Bid Network, tornou-se “independente” há 7 anos e passou a chamar Mayma (“Todos” em Guarani). Em suas 13 edições, foram mais de 1.000 empreendedores que participaram de diversas atividades de treinamento, orientação, vinculação comercial, vinculação financeira e investimento, gerando uma grande comunidade de empreendedores. Nesta edição de 2019, o Mayma está organizado pela associação civil Contribuir para o desenvolvimento local em parceria com as empresas de impacto Emprediem e Giral e em aliança com vários atores e movimentos que impulsionam uma nova economia. Mais informações: Mayma. Humanidad Emprendedorhttp://mayma.org.ar/

 

Sobre a Giral

A Giral apoia empresas e organizações não governamentais no planejamento e implementação de iniciativas de geração e compartilhamento de valor. Atuamos em três frentes principais: Inteligência de Recursos; Governança Intersetorial; e Negócios de Impacto. Há mais de 15 anos desenvolvemos estratégias e projetos customizados para cada contexto buscando impacto positivo nos âmbitos social, ambiental, cultural e econômico.

Publicidade

DFB Festival promove Rodadas de Pensamento sobre moda, criatividade e empreendedorismo

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

10 de setembro de 2018

Cláudio Silveira, realizador do maior evento de moda autoral da América Latina, o DFB Festival, que acontece anualmente em Fortaleza, promove o ciclo de encontros Ceará | Terra da Criação, composto por uma série de rodadas de conversa para discutir os novos rumos da indústria da moda cearense, do ponto de vista da inovação, da criatividade e do empreendedorismo. As reuniões com representantes de diversos setores da sociedade (profissionais, empresários, professores e estudantes da área da moda), acontecem de 11 a 14 de setembro, na sede da Equipe de Produção (R. Dr. Francisco Gadelha, 626). As rodadas são abertas a todos os interessados. Informações: (85) 3261.3656.

Confira programação completa:

Tema: Formação | Terça – 11/Set – 19h

Convidados: Coordenadores de todas as instituições de ensino de moda no Ceará, Alunos e Designers convidados

Tema: Empreendedorismo | Quarta – 12/Set – 19h

Convidados: Empresários, Sindicatos e Designers

Tema: Trends | Quinta – 13/Set – 19h

Convidados: Empresários, Designers e Influencers

Tema: Gestão | Sexta – 14/Set – 19h

Convidados: Lojistas, Designers e Influencers

Sobre o DFB Festival

Com 19 anos de uma história fortemente ligada à tradição da indústria cearense de têxteis e confeccionados, o DFB Festival é considerado uma das principais fashion weeks do País, provando que a moda não gira somente em torno do eixo Rio-São Paulo e que o Ceará e o Nordeste também produzem e exportam moda com qualidade e identidade própria. Desde 2018, o evento ganhou ainda mais corpo e se transformou em multicultural, unindo a moda à cultura, à música, à gastronomia, à formação e ao empreendedorismo e a todos os princípios da economia circular e criativa, defendendo a importância de transformar e manifestar a pluralidade envolvida na moda e na cultura, assegurando a máxima participação de todos os indivíduos, sem discriminação, censura ou limitação.

Publicidade

‘OS REALISTAS’ ENTRA EM CIRCULAÇÃO. COM DIREÇÃO DE GUILHERME WEBER E  DEBORA BLOCH, EMÍLIO DE MELLO, GUILHERME WEBER E ISABEL TEIXEIRA NO ELENCO

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

16 de agosto de 2018

Primeira montagem realizada na América Latina, texto marcou a estreia de Will Eno na Broadway e estará em Fortaleza somente dias 1 e 2 de setembro, no Cineteatro São Luiz

‘Quarteto de atores em interpretação vigorosa e refinada. Debora Bloch em atuação irretocável’.
( O Globo / Macksen Luiz)

‘As admiráveis interpretações sob a direção de Guilherme Weber realçam a humanidade tocante do espetáculo’.
(Jefferson Lessa / Veja Rio)

‘No palco, quatro atores que honram o teatro com T maiúsculo’.
(Martha Medeiros)

Este projeto foi selecionado pelo Programa Petrobras Distribuidora de Cultura 2017/2018.

A estreia de ‘The RealisticJoneses’ marcou a estreia de Will Eno na Broadway em 2014, após vários êxitos no teatro americano. Debora Bloch – que já acompanhava e estudava a trajetória do autor – assistiu à montagem e decidiu que iria produzir o texto no Brasil. Com os direitos cedidos, firmou parceria com Guilherme Weber, que assina a direção da empreitada e tem total intimidade com o universo do dramaturgo: ele ostenta o título de ator que mais encenou Will Eno em todo o mundo.

O espetáculo, que estreou em janeiro de 2016 no Teatro Poeira (RJ), cumpriu 3 meses de temporada na cidade carioca e, em abril deste mesmo ano, estreou no Teatro Porto Seguro, na capital de São Paulo, ficando por mais 2 meses em cartaz. Duas bem-sucedidas temporadas, marcadas pelo encontro inédito nos palcos de Debora com Emílio de Mello, Fernando Eiras e Mariana Lima. No segundo semestre de 2016, a peça circulou por sete cidades brasileiras, percorrendo Sul, Centro Oeste e Nordeste.

Em cena, dois casais de vizinhos se encontram e descobrem ter mais em comum do que as casas idênticas e sobrenomes iguais. Com este ponto de partida, a peça flagra a convivência do quarteto e os relacionamentos que começam a se entrelaçar. Em um hábil jogo de cena, o autor mostra também que nem tudo é o que parece ser, fazendo ainda que as situações reflitam sobre os diferentes estágios do casamento.

Para o diretor, ‘Os Realistas’ é um exercício do autor sobre o gênero realista. ‘É um gênero em que os heróis dão lugar a pessoas comuns. Nesta história, Eno desloca seus personagens para uma pequena cidade interiorana e campestre, em um movimento de alguma maneira também reverente ao teatro de Tchekhov. Este confronto com a natureza, o vasto e o desconhecido faz com que estes personagens se cruzem em uma comédia existencialista sobre vida, morte, amor e vizinhos’, analisa Guilherme Weber, cuja relação com a obra de Will Eno começou em 2003, quando estrelou e assinou a criação com Felipe Hirsch da montagem brasileira de ‘Temporada de Gripe’ (‘The FluSeason’). Depois, seguiu com ‘ThomPain – Baseado em Nada’ (2006) e ‘Lady Grey – Em Luz Cada Vez Mais Baixa’ (2006), nas quais também atuou e dividiu a criação com Hirsch, e ‘Ah, a Humanidade e Outras Boas Intenções’, reunião de cinco peças curtas do autor, em que atuou e assinou o projeto junto com Murilo Hauser.

‘Os Realistas’ marcou ainda o retorno de Debora Bloch à produção teatral, tarefa que abraçou em meados dos anos 80. De lá para cá, ela foi responsável por espetáculos que marcaram a história recente do teatro brasileiro, como ‘Fica Comigo Esta Noite’ (1990), que lhe rendeu o Prêmio Shell de Melhor Atriz em 1990, ‘Duas Mulheres e Um Cadáver’ (2000), estrelado e produzido ao lado de Fernanda Torres, ‘Tio Vânia’ (2003), em montagem dirigida por Aderbal Freire-Filho que ocupou o Parque Lage. Seu último espetáculo foi o monólogo ‘Brincando Em Cima Daquilo’ (2007/2008), com direção de Otávio Muller.

Will Eno por Guilherme Weber

Will Eno já foi chamado pela crítica nova iorquina de ‘O Samuel Beckett da geração Jon Stewart’, em referência ao apresentador e comediante que esteve à frente do programa Daily News por dezesseis anos. Aluno de Edward Albee, em sua famosa oficina de dramaturgia, foi apontado pelo mestre como o melhor dramaturgo de sua década. Criando códigos originais a partir de suas consagradas referências, como Harold Pinter, além de Beckett e o próprio Albee, Eno foi indicado ao prêmio Pulitzer pelo monólogo ‘ThomPain – Baseado em nada’.

Em sua primeira experiência como espectador, junto ao seu pai em uma pequena plateia, é que o dramaturgo passa a criar seus códigos de criação, lembrando da  delicada situação pela qual passaram os atores daquela montagem quando, ao tentar realizar um truque cênico, foram revelados em sua tentativa de ilusão. Uma cadeira, presa a um fio de nylon, deveria sair do palco em um movimento mágico, conduzida pelo fio invisível. No meio do movimento, a cadeira cai e sai do palco arrastada, como um peixe morto. O truque falhado, a cadeira arrastada, os atores fragilizados e as entranhas do teatro reveladas aos espectadores provocou tal impacto no jovem Eno que a ativação desta memória passou a pautar sua sofisticada escrita, que busca, de diferentes maneiras, recriar esta sensação de perigo e exposição, que em sua obra às vezes acomete os personagens, às vezes os atores e quase sempre os espectadores.

‘Os Realistas’ (‘The RealisticJoneses’, no original) marca a estreia do autor na Broadway. O que faz uma peça como esta, no mais tradicional circuito de teatro americano, é a pergunta que a maioria dos críticos e espectadores se fez ao longo da temporada. Will Eno não é conhecido por suas tramas urdidas para o espectador médio. Mas, ao longo dos meses, os personagens complexos e os diálogos profundos, engraçados e cheios de jogos de linguagem, que são uma das mais fortes características do autor, conquistaram o público através das performances de ourivesaria dos quatro atores. A estreia de Will Eno na Broadway terminou com pleno êxito.

Este projeto foi selecionado pelo Programa Petrobras Distribuidora de Cultura 2017/2018, uma seleção pública que tem como objetivo contemplar projetos de circulação de espetáculos teatrais não inéditos, em parceria com o Ministério da Cultura. No último edital foram investidos R$15 milhões. Ao todo, foram escolhidos 57 espetáculos representantes de todas as regiões do país, com apresentações em todos os Estados brasileiros. Os Realistas circulará por quatro importantes cidades, abrangendo Nordeste e Sudeste.

Natal (RN) – 11 e 12 de agosto de 2018

Fortaleza (CE) – 01 e 02 de setembro de 2018

Campinas (SP) – 14, 15 e 16 de setembro de 2018

Niterói (RJ) – 22 e 23 de setembro de 2018

 

HISTÓRICO OS REALISTAS

 

PRÊMIOS E INDICAÇÕES em 2016

Prêmio APTR 2016

Atriz – Debora Bloch

Cenografia – Daniela Thomas e Camila Schmidt _ PREMIADAS

Iluminação – Beto Bruel

Produção – Alessandra Reis, Cristina Leite e Paula Valente

Prêmio SHELL 2016 / 1º semestre

Atriz – Debora Bloch

 

Prêmio CESGRANRIO 2016

Atriz – Debora Bloch _ PREMIADA

Ator – Emílio de Mello

Diretor – Guilherme Weber

Cenografia – Daniela Thomas e Camila Schmidt

 

Prêmio Aplauso Brasil

Elenco – Os Realistas

 

Prêmio Questão de Crítica

Ator – Emílio de Mello _ PREMIADO

FICHA TÉCNICA

 

Texto 

Will Eno

Tradução

Ursula de Almeida Rego Migon e Erica de Almeida Rego Migon

Direção Geral, Adaptação e Trilha Sonora

Guilherme Weber

Elenco

Debora Bloch, Emílio de Mello, Guilherme Weber e Isabel Teixeira

Cenografia

Daniela Thomas e Camila Schmidt

Figurinos

Ticiana Passos

Iluminação

Beto Bruel

Direção de Produção

Alessandra Reis

Produção local:

FreeLancer Producções

SERVIÇO:

Cineteatro São Luiz (Rua Major Facundo, 500 – Centro)

Dias: 01 (sábado) e 02 (domingo) de setembro de 2018

Sábado 18h e 21h | Domingo 18h

Acessibilidade: apresentações em Libras dia 01 (sábado) nas duas sessões e audiodescrição na apresentação do dia 02 (domingo).

Duração 100 minutos

Gênero comédia dramática

Classificação 12 anos

Valores: R$25,00  inteira| R$12,50 meia

Ingressos no local ou www.tudus.com.br

Publicidade

EDP e BMW Group Brasil inauguram maior corredor elétrico da América Latina

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

19 de julho de 2018

Iniciativa, que liga São Paulo ao Rio de Janeiro, oferece acesso à infraestrutura para o início da transformação do modelo de transporte no Brasil

O maior corredor com postos de carregamento para carros elétricos da América Latina entra em funcionamento nesta segunda-feira (23), na Rodovia Presidente Dutra. Uma iniciativa da EDP, empresa que atua em todos os segmentos do setor elétrico, e do BMW Group Brasil, com apoio da Ipiranga, as estações de recarga vão permitir, pela primeira vez, realizar uma viagem completa em veículo elétrico entre as capitais de São Paulo e Rio de Janeiro, as duas cidades mais populosas do Brasil. A iniciativa beneficia também os proprietários de veículos híbridos que optarem por rodar apenas no modo elétrico.

O projeto recebeu cerca de R$ 1 milhão em investimentos totais para a instalação de seis equipamentos de carregamento rápido localizados em postos de combustível Ipiranga, num trecho de aproximadamente 430 quilômetros entre as duas capitais. Com o objetivo de assegurar total autonomia aos veículos eletrificados, as estações de recarga rápida foram posicionadas a uma distância máxima de 122 quilômetros entre si. O tempo estimado para o abastecimento de um veículo com bateria de 22kWh é de 25 minutos para 80% da carga. O abastecimento poderá ser feito por até dois veículos ao mesmo tempo em cada estação. Para carregar, basta conectar o automóvel ou motocicleta, seja elétrico ou híbrido, e iniciar as operações no painel do carregador.

Os carregadores estão localizados nos seguintes postos:

Razão Social Endereço Cidade
SAO JORGE DO PARATEI A P E SERV LTDA Rod Pres Dutra S/N Km 179 Guararema (SP)
AUTO POSTO GAP SAO JOSE LTDA Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 9500 São José dos Campos (SP)
POSTO CLUBE DOS 500 LTDA Rod. Presidente Dutra, Km 60, S/N Guaratinguetá (SP)
POSTO ESTRELA DA DUTRA LTDA Rod. Pres. Dutra, Km 06, S/N Queluz (SP)
COMERCIAL H KARL ALLERS LTDA (MAMAO) Rod. Presidente Dutra, Km 74, S/N Piraí (RJ)
P ABAST ALLERS LTDA (NACIONAL) Rod. Pres. Dutra, Km 237 Piraí (RJ)

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou recentemente uma regulação específica para o segmento, que prevê a possibilidade de livre negociação de preços de recarga. No caso do corredor instalado pela EDP e BMW Group Brasil, em parceria com a Ipiranga, o uso será gratuito nos primeiros meses de funcionamento. Custos e procedimentos ainda serão decididos entre as empresas participantes e aplicados somente a partir de 2019.

Como referência, na comparação com um automóvel abastecido com gasolina e consumo aproximado de 10 quilômetros por litro, em média, o custo de reabastecimento dos carros elétricos corresponde a aproximadamente um quinto do valor gasto com combustível para percorrer o mesmo trajeto.

Líder em inovação no setor energético, a EDP foi pioneira do mercado brasileiro na criação de projetos nas áreas de redes inteligentes, robotização do trabalho e gestão da geração solar distribuída por meio da tecnologia blockchain, além de ter desenvolvido o primeiro laboratório de Smart Grids da América Latina.

“Ligar as duas maiores metrópoles brasileiras com este corredor elétrico constitui um marco significativo na adoção de uma tecnologia que marcará o futuro da mobilidade. A EDP, eleita recentemente como uma das empresas mais inovadoras do setor elétrico brasileiro, interpreta esta parceria com a BMW como um movimento de liderança na transição para uma economia de baixo carbono”, afirma Miguel Setas, presidente da EDP Brasil.

A BMW é pioneira na comercialização de veículos eletrificados no País, com o modelo elétrico BMW i3 e o híbrido BMW i8, disponíveis no mercado nacional desde 2014. A empresa também esteve à frente na instalação de infraestrutura para carregamento, sendo responsável, junto a parceiros estratégicos, por instalar 100 pontos de recarga no território nacional.

“O futuro da mobilidade premium é eletrificado, conectado, compartilhado e autônomo. Trazemos para o Brasil a realidade de tecnologia global em produtos e serviços para seguir na liderança do desenvolvimento de novas tecnologias. Esta ação, antecipa futuros produtos eletrificados do BMW Group, a serem lançados em breve, no Brasil”, diz Helder Boavida, Presidente e CEO do BMW Group Brasil.

A Ipiranga, uma das maiores distribuidoras de combustível do Brasil, incorpora a expansão dos pontos de recarga com o objetivo de reforçar o conceito da sua rede. “Os Postos Ipiranga são conhecidos por serem convenientes e práticos, com toda oferta de serviço que nossos clientes precisam ao se deslocar entre um ponto e outro. Esse novo serviço mostra que estamos evoluindo junto com a indústria de energia e reforça a completude de soluções que queremos proporcionar aos nossos clientes”, disse Jeronimo Santos, Diretor de Varejo da Ipiranga.

Links para download do álbum de fotos: https://www.flickr.com/photos/121617195@N06/albums/72157671246876108

Link para fotos da viagem dos presidentes:

https://we.tl/AoladW1rgL

Link para download das imagens em vídeo:

https://drive.google.com/open?id=1krmwPMMnXwjXfIEiBBJEt37pt_H7PgGu

Sobre a EDP

Com mais de 20 anos de atuação, a EDP é uma das maiores empresas privadas do setor elétrico a operar em toda a cadeia de valor. A Companhia, que tem mais de 10 mil colaboradores diretos e terceirizados, atua em Transmissão, Comercialização e Soluções em Energia, e possui 15 unidades de geração hidrelétrica e uma termelétrica. Em Distribuição, atende cerca de 3,4 milhões de clientes em São Paulo e no Espírito Santo. Recentemente, adquiriu participação na CELESC, em Santa Catarina.

No Brasil, é referência em áreas como Inovação, Governança e Sustentabilidade, estando há 12 anos consecutivos no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3. Em nível global, a EDP está presente em 14 países de quatro continentes e é uma líder mundial no mercado de energias renováveis. A mobilidade elétrica é um eixo da estratégia do Grupo que, recentemente, assumiu importantes compromissos nesta área: a eletrificação de 100% da sua frota até 2030 e o desenvolvimento de novas ofertas e soluções comerciais que promovam a transição energética nas várias geografias onde está presente.

Sobre o BMW Group

Com suas quatro marcas BMW, MINI, Rolls-Royce e BMW Motorrad, o BMW Group é o fabricante líder mundial de automóveis e motocicletas e também fornece serviços financeiros e de mobilidade premium. Como uma empresa global, o BMW Group opera 31 instalações de produção e montagem em 14 países e possui uma rede global de vendas em mais de 140 países.

Em 2017, o BMW Group vendeu cerca de 2.463.500 milhões de automóveis e 164.000 motocicletas em todo o mundo. O lucro antes de impostos em 2017 foi de aproximadamente 10,65 bilhões de euros em receitas de 98,678 bilhões de euros. Desde 31 de dezembro de 2017, o BMW Group tinha uma força de trabalho de 129.932 colaboradores.

O sucesso do BMW Group sempre foi baseado no pensamento de longo prazo e em uma ação responsável. Portanto, a empresa estabeleceu a sustentabilidade ecológica e social em toda a cadeia de valor, a responsabilidade abrangente de produtos e um claro compromisso com a conservação dos recursos como parte integrante da sua estratégia.

Sobre a Ipiranga

A Ipiranga está entre as maiores distribuidoras no Brasil, com mais de 8 mil postos voltados a atender às necessidades de seus clientes, desde combustíveis e lubrificantes a serviços de conveniência. Destes, 1.200 são Postos Ecoeficientes.

A rede emprega, aproximadamente, 3 mil funcionários diretos; é líder no segmento de lojas de conveniência, com 2.400 lojas am/pm; possui produtos de marca própria e uma linha diversificada de produtos lubrificantes para uso automotivo, industrial e marítimo; é detentora da rede de serviços automotivos do Brasil, o Jet Oil, com mais de 1.700 unidades; tem a maior rede de padarias do país, a Padaria am/pm, com 870 unidades e o maior programa de fidelidade do Brasil, o Km de Vantagens, com 27 milhões de participantes.

 A Ipiranga integra o Ultra, companhia multinegócios que atua no setor de varejo e distribuição especializada, por meio da Ipiranga, Ultragaz e Extrafarma, na indústria de especialidades químicas com a Oxiteno e no segmento de armazenagem para granéis líquidos, por meio da Ultracargo.

Publicidade

Eno Cultura traz ao Brasil o primeiro curso WSET Nível 1 em Saquê da América Latina

Por Oswaldo Scaliotti em Qualificação

13 de junho de 2018

 

Escola de vinhos eleita pelo WSET Awards a “Educadora do Ano 2017” irá realizar
este ano as 5 primeiras turmas Nível 1 em Saquê em 5 capitais diferentes.

 

 

A Eno Cultura, escola de vinhos eleita “Educadora do Ano 2017” pela WSET (Wine & Spirit Education Trust), irá ministrar as primeiras turmas da certificação WSET Nível 1 em Saquê pelo Brasil. Os primeiros cursos serão ministrados por nosso educador Zeh Lima Filho, único Certified WSET Sake Educator na América do Sul, Certified Sake Professional pelo Sake Education Council, além de Nível 4 WSET Diploma em Vinhos e Destilados e Certified Sommelier pela Court of Master Sommeliers. A primeira cidade a receber o curso será Fortaleza (30/06), seguido de Salvador (11/08), Rio de Janeiro (01/09), São Paulo (27/10) e Goiânia (10/11).

A qualificação WSET Nível 1 em Saquê é um curso introdutório destinado a quem pretende começar uma carreira no setor, tenha interesse em saber sobre o saquê e consumidores entusiastas.

Este módulo oferece uma introdução prática ao mundo do saquê, termos de rotulagem, serviço e armazenamento, processos de produção e principais tipos e estilos através da visão, do olfato e do paladar, adquirindo também as competências básicas para descrever a bebida profissionalmente com precisão e harmonizá-los com comida.

Durante o curso será realizada a degustação de mais de 10 diferentes rótulos de saquês e ao final do curso é aplicado um exame compreendendo 30 questões de múltipla escolha das quais o mínimo para aprovação é de 70%. Após a aprovação, o aluno receberá um certificado internacional e o pin de lapela WSET Nível 1 em Saquê. O material de estudo é produzido pela WSET e as provas são aplicadas pela Eno Cultura e enviadas para correção na sede global da entidade, em Londres. A Wine & Spirit Education Trust foi fundada em 1969 na Inglaterra e, atualmente, é a principal organização internacional na área de educação em vinhos, destilados e demais bebidas e hoje está presente em mais de 70 países.

Um ótimo ano para a Eno Cultura

Liderada por Paulo Brammer e Thiago Mendes, ambos com mais de uma década de experiência no mercado internacional de vinhos, a Eno Cultura prepara-se para atender um número de alunos 30% maior este ano. Dos 850 alunos registrados em 2017, a escola espera chegar aos mais de 1,1 mil alunos este ano, apenas nas certificações da Wine & Spirit Education Trust (WSET), aclamada entidade britânica responsável pelo material e metodologia aplicados nos cursos.

“Planejamos muito a oferta dos nossos cursos e escalamos o melhor time de professores, sommerliers e especialistas do País, para certificar e capacitar nossos alunos com o melhor do ensino etílico do Brasil. Não à toa, por causa de nosso trabalho fomos escolhidos como “Educadores do Ano 2017”, em disputa com players globais no WSET Awards, um dos maiores prêmios internacionais do mercado de vinhos”, afirma Paulo Brammer, um dos fundadores da Eno Cultura.

Sobre a Eno Cultura

A Eno Cultura (www.enocultura.com.br) é uma das principais escolas de vinhos e certificadora oficial das qualificações WSET (Wine & Spirit Education Trust) na América Latina. Sediada em São Paulo, a companhia ministra cursos para profissionais, acadêmicos e apreciadores de vinhos em mais de 20 cidades brasileiras, além de países com tradicional cultura do vinho, como o Uruguai e, em breve, Argentina e Peru.

SERVIÇO

 

Cursos com inscrições abertas em Fortaleza (CE)

 

QUALIFICAÇÃO WSET NÍVEL 1 EM SAQUÊ

DATA: 30/06/18

HORÁRIO: De 9h às 17h30

LOCAL: Cabaña del Primo Riomar – R. Des. Lauro Nogueira, 1500 – Papicu, Shopping RioMar.

INSCRIÇÕES: http://www.enocultura.com.br/wset/

VALOR: R$ 1.350,00

 

QUALIFICAÇÃO WSET NÍVEL 1 EM VINHOS

DATA: 18/08/18

INSCRIÇÕES: http://www.enocultura.com.br/wset/

VALOR: R$ 1.080,00

 

Publicidade

Fortaleza recebe a maior exposição de cães da América Latina

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

01 de junho de 2018

Mais de 1.200 cães estão inscritos na Exposição Américas Y El Caribe, que acontece de 31 de maio a 3 de junho 

Realizada pela primeira vez no Nordeste do Brasil, a exposição Américas y El Caribe 2018 acontece de 31 de maio a 3 de junho, no Centro de Eventos do Ceará. Nesta edição, o evento registrou o número de 1.235 cães inscritos. Trata-se do maior número de inscrições em eventos do gênero no estado desde 2014, quando um evento do Kennel Clube do Ceará reuniu 430 cães (número quase três vezes menor que a Expo Américas y El Caribe).

Na Américas y El Caribe, estão confirmadas cerca de 120 raças, divididas em 11 categorias: cães pastores, cães de guarda, cães terriers, dachshunds, primitivos, farejadores, cães apontadores, retrievers, cães de companhia, lebreis e raças não reconhecidas pela FCI (Federação Cinológica Internacional). Os cães competem em provas de conformação e beleza, onde são avaliadas sua estrutura física e a movimentação.

Programação

Ao todo, serão oito pistas para as exposiçõesDurante a manhã, haverá julgamento de todas as rações (grupo filhote e grupo jovem); seguido de apresentações no show do intervalo às 15h; e, a partir das 16h, julgamento do grupo adulto e finais.

Contexto nacional

O Brasil está em ascensão em eventos de tipo, com o crescente número de cães com Pedigree.  De acordo com o balanço 2017 da Féderation Cinelogique Internacionale (FCI), a CBKC, que representa o país no sistema, ficou em terceiro lugar no ranking mundial de registros de canis. Com um total de 1500 canis registrados no ano, o Brasil ficou atrás apenas da China e da França, primeiro e segundo lugares, respectivamente.             

Apoiadores

A Exposição Américas Y El Caribe 2018 tem como parceiros a Royal Canin, Prefeitura de Fortaleza, Honda Nova Luz, Gestart Condomínios, Hiseg Soluções Tecnológicas, Mundo Pet, Dra. Mirza Melo Oftalmologia Veterinária, Fametro e Latam Cargo.

CBKC: UM TRABALHO A SERVIÇO DA CINOFILIA NACIONAL

A Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC) é a entidade mater da cinofilia nacional. Foi criada como sucessora dos convênios nacionais e internacionais do Brasil Kennel Clube, e tem sede própria no bairro de São Cristóvão, no Rio de Janeiro. É membro federado da Fédération Cynologique Internationale (FCI).

Entre as suas principais atribuições, estão as de dirigir a cinofilia nacional, através das federações e entidades assemelhadas; instalar e manter o serviço de registro genealógico de cães de raça pura, fornecendo os respectivos certificados; manter relações com as entidades cinófilas estrangeiras; estimular e orientar a cinofilia nacional, por meio de convênios e intercâmbios; entre outros.

Atualmente, são mais de 80 clubes afiliados, em todos os estados da Federação, além de conselhos especializados de raças. Estes contam com total apoio da Confederação na realização de seus eventos, tais como: exposições gerais e especializadas de raças; cursos técnicos, simpósios, cursos de formação de juízes, formação de handlers, manejo e temperamento, entre outros.

Serviço
Exposição das Américas y El Caribe 2018
Local: 
Centro de Evento do Ceará
Data: 31 de maio a 3 de junho
Horário de início: 8h
Entrada gratuita
Site: 
http://americasyelcaribe2018.com.br/index.php  

Publicidade

Morphus participa do ROADSEC São Paulo – maior festival Hacker da América Latina

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

09 de novembro de 2017

A Morphus participa neste sábado, 11, do ROADSEC São Paulo – a etapa final em 2017 do maior festival Hacker da América Latina. Serão 24 horas de programação contendo batalhas de robôs, shows, competições hacker, workshops e palestras – uma delas com o pesquisador do Morphus Labs Victor Pasknel.

O evento já passou esse ano por 17 estados e conta, desde 2016, com o programa Morphus RoadAcess, alusivo à acessibilidade, por meio do qual todo a programação é traduzida simultaneamente em libras. “Por respeito às pessoas esse é o segundo ano que patrocinamos esse programa”, explica Rawlison Brito, CEO da Morphus.

O evento contará com as finais do Hackaflag, um campeonato no estilo Capture de Flag, cujo objetivo é testar conhecimentos de invasão de sistemas, em ambientes controlados. Vale grupo e individuais. Na categoria “grupo”, a Morphus patrocina dois times na intenção de descobrir novos talentos. Já entre os “individuais” quem vai pra final é Jordy Ferreira, um dos integrante do Red Team (time de ataque) da Morphus

Jordy será testado em aplicações web, redes, criptografia, engenharia reversa, perícia forense, entre outros. Competição tão acirrada quanto a edição de 2015, vencida também pela Morphus, daquela vez com a vitória do colaborador Saulo Hacher.

Sobre a palestra de Pasknel, ela acontecerá às 19h e ele mesmo explica o conteúdo, “A apresentação tem o nome de ‘IOT Apocalypse: MQTT protocol’. No tópico de internet das coisas eu vou falar sobre quesitos de segurança, além de como pode ser utilizado para fazer alguns ataques”.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Governo do Ceará participa do Brazil Windpower, maior evento de energia eólica da América Latina

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

28 de agosto de 2017

Detentor de potencial excepcional para a geração de energia eólica, com ventos constantes, alto índice de aproveitamento e boa distribuição geográfica, o Estado do Ceará participará do maior evento do setor da América Latina. O Brazil Windpower – Conferência e Exposição acontece nos dias 29 a 31 de agosto, no Rio de Janeiro, e contará com um estande da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece), além de uma palestra ministrada pela Secretaria do Desenvolvimento Econômico do Estado do Ceará (SDE), em parceria com Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC).
Uma estrutura de 36 metros quadrados (m²) da Adece, vinculada à SDE, estará disponível no evento com o objetivo de receber empresas do setor e prefeituras cearenses para encontros produtivos e geração de negócios. O espaço contará ainda com uma comitiva do Governo formada por técnicos do Sistema de Desenvolvimento Econômico do Estado trabalhando na atração de investimentos para o Estado. Também estarão presentes o titular da SDE, Cesar Ribeiro, a presidente da Adece, Nicolle Barbosa, e a diretora da Cearáportos, Rebeca Oliveira.
O ambiente de atração de investimentos, os diferenciais competitivos, assim como o potencial eólico atualizado do Estado do Ceará serão explanados para os presentes no evento durante o workshop “Novos Ventos do Ceará”, proferido pelo secretário Cesar Ribeiro e pelo coordenador do Núcleo de Energia da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), Joaquim Rolim. A palestra acontecerá no primeiro dia do evento, às 13 horas.
O secretário do Desenvolvimento Econômico do Estado, Cesar Ribeiro, destacou que o Ceará, pioneiro no desenvolvimento da energia eólica no País, não poderia ficar de fora do maior evento da modalidade na América Latina. “Nesse workshop no Brazil Windpower, o Governo do Ceará e o Núcleo de Energia da FIEC vão mostrar todo o potencial do Estado para as grandes empresas e investidores da área de energia eólica.  Além de uma cadeia produtiva organizada que pode fornecer todo o suporte à vinda de novos empreendimentos, o Ceará possui, desde 2005, um programa chamado Proeólica, que estabelece uma política de incentivos fiscais para fazer atração de investimentos na área da energia eólica”, afirma.
O Proeólica está desde novembro passado em processo de ampliação para contemplar empreendimentos na área de energias renováveis de uma forma geral. O programa promove a desoneração do ICMS incidente nas importações e produção no Estado de máquinas, equipamentos, partes e peças utilizados na indústria de fabricação de equipamentos de energia eólicos e fotovoltaicos.
A presidente da Adece, Nicolle Barbosa, destaca o apoio empenhado pelo governador Camilo Santana para a retomada da liderança na geração de energias renováveis no País. “Esse é o terceiro ano que participamos como Governo do Ceará no Windpower. Somos pioneiros no setor de energia eólica e, por muitos anos, ocupamos a liderança. Não estamos medindo esforços para retomar o topo do ranking. Para isso, desde que cheguei, apoiamos o trabalho da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Energias Renováveis do Estado do Ceará (CS Renováveis), que funciona no âmbito da Adece. A pedido do setor, estamos em processo de licitação para a elaboração de dois estudos importantes para a atração de investimentos no setor. Um será o balanço energético do Ceará e o outro fará o levantamento da infraestrutura elétrica do Estado. Esse setor é uma prioridade para o governador Camilo que aprovou recursos na última reunião do Monitoramento de Ações e Projetos Prioritários (MAPP) para o Atlas Híbrido Eólico e Solar, pioneiro no País. Um convênio será firmado com a FIEC”, adianta Nicolle.
 
Potencial no CE
O Ceará descobriu a vocação para gerar energia através dos ventos no final da década de 90 e se tornou pioneiro no estímulo a geração de energia eólica no Brasil. Com a implantação dos primeiros parques comerciais, foi líder em capacidade instalada e em produção desse tipo de energia.
O potencial de eficiência do vento para geração de energia no Ceará supera a média mundial e a do próprio País. O Estado possui um fator de capacidade médio de 47,6%, segundo dados da Associação Brasileira de Energia Eólica (ABEEólica), enquanto o Brasil fica com 40,7% e o mundo com 25%. Esse indicador demonstra a capacidade de geração de energia em função da potência instalada e do período de operação.
Hoje, a energia eólica é a segunda principal fonte energética do Ceará, com potência instalada de 1.652 MW, perdendo apenas para a geração termelétrica, que é de 2.152 MW. São 61 parques eólicos em funcionamento e 22 em construção. Os empreendimentos estão localizados no litoral e na região serrana. No Brasil, o Ceará está entre os cinco principais geradores de energia a partir do vento, segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).
Brazil Windpower
Oportunidade de networking e negócios no segmento de energia solar, o evento promete debater o crescimento da matriz energética brasileira, enquanto os principais players nacionais e internacionais estarão presentes na feira de negócios, que reunirá fornecedores de toda a cadeia. Na última edição, mais de 2.800 participantes presenciaram o evento.
Publicidade

DFB chega aos 18 anos com festival multicultural que une moda, arte, música, gastronomia e formação

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

16 de Maio de 2017

O maior e mais relevante encontro da moda autoral da América Latina chega à maioridade. Celebrando 18 anos de trajetória, o Dragão Fashion Brasil (DFB) 2017 acontece de 24 a 27 de maio, ocupando, pelo terceiro ano consecutivo, o Terminal Marítimo de Passageiros de Fortaleza, estrutura à beira-mar, que oferece visão privilegiada da cidade.

A partir do conceito “Viva Essa Festa”, o evento acompanha o momento de profundas transformações pelo qual a indústria da moda tem passado e traz uma série de mudanças estruturais. A mais importante delas é a nova nomenclatura do DFB que passa a definir-se como “Festival”, assumindo uma vocação multidisciplinar abraçada na última década. A moda, agora, sai do centro das ações para integrar uma ciranda plural que faz girar uma programação que abrange diversos aspectos da cultura, gastronomia, música e formação.

O DFB Festival 2017 tem como patrocinadores Governo do Estado do Ceará, Secretaria de Turismo do Estado do Ceará, Secretaria de Cultura do Estado do Ceará, Enel, Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial do Ceará (Senac/CE).

DESFILES

Nos quatro dias de desfiles, o público vai poder conferir as criações de Aládio Marques, Almerinda Maria, André Sampaio, Bikiny Society, Caio Nascimento, Rendá por Camila Arraes, David Lee, Iury Costa, Ivanildo Nunes, Jeferson Ribeiro, João Paulo Guedes, Kallil Nepomuceno, Lindebergue Fernandes, Melk Z-Da, Ricciardo Gomes, Ronaldo Silvestre, VillÔ Ateliêr, Wagner Kallieno, Weider Silverio, Babado Coletivo e projeto Ceará Moda Contemporânea.

Sempre valorizando a formação e dando oportunidades a estudantes de graduação e de cursos técnicos, a programação terá ainda os desfiles Comunidade Moda, Mari Andrade, Lúcio Aureo, Saldanha, Centro Universitário Estácio do Ceará, Centro Universitário de João Pessoa,   ETEC Carlos de Campos, Faculdade Ateneu, Faculdade Santa Marcelina, Faculdade Técnica Senai Antoine Skaf, Universidade Federal de Minas Gerais, Unifor.

Confira breve descrição de estilista/projeto:

  • Babado Coletivo – Marca jovem e democrática para qualquer idade. Sempre cheia de cores, balanço e muito estilo em todas as criações, as peças prezam sempre pelo conforto para quem curte clima praiano ou urbano.
  • Almerinda Maria – A estilista cearense traz um novo conceito sobre a riqueza da Renda Renascença aliada à sofisticação da demi-couture.
  • André Sampaio – Revelação do Concurso Moda Contemporânea 2014, já é o terceiro ano que participa do DFB. Destaque na edição passada por seu desfile black & white, neste ano de comemoração do evento, André promete surpreender o público.
  • Bikini Society – A marca cria um novo conceito para o Beach Couture”, que equilibra o chic e o coolO objetivo é criar um movimento, uma cultura, um life style, uma sociedade de praia.
  • João Paulo Guedes – Residindo há mais de 9 anos no Canadá, o premiado estilista brasileiro apresenta no DFB Festival 2017 a “Tropicália – Culturally Vibrant Brasil”, sua nova coleção inspirado nos elementos selvagens do Brasil. Cores quentes, texturas exclusivas e estampas elaboradas pelo próprio estilista serão os elementos fortes na passarela.
  • Ricciardo Gomes – Fazendo sua estreia no DFB, o conceituado diretor de criação cearense apresenta o projeto artístico “Contos que não são de Fadas – Capítulo I“. A proposta é realizar desfile, exposição e intervenção, proporcionando ao público a experimentação visual por meio de diversos elementos visuais e sonoros.
  • Villô Atelliê – A marca baiana comandada pelas designers Emily Dias e Vivianne Pinto visa agregar luxo, autenticidade e conforto às peças de crochê. Tendo a essência da mulher como tema, a coleção “Entrelinhas” será apresentada nesta edição do DFB e vem com a proposta de brincar com texturas e bordados mostrando o que está implícito em cada mulher.
  • Aládio Marques – Lançada em Salvador há mais de três anos no mercado, a marca vem conquistando espaço com coleções de moda masculina e feminina que primam pelo design exclusivo. Ele traz ao DFB Festival 2017 a coleção “Explorer”, com peças de referências esportivas e caimento de alfaiataria.
  • Caio Nascimento – Ganhador do prêmio Ceará Moda Contemporânea 2016, Caio Nascimento imprime o DNA do sertão central em suas criações.
  • Rendá – Marca comandada pela estilista Camila Arrais. As peças em renascença com cores e designs diferenciados chamam atenção e se destacam na passarela.
  • David Lee – A expressão de identidade é uma constante no desenvolvimento da marca. Na coleção que vai apresentar no DFB 2017, o o estilista busca evidenciar os principais elementos que manifestam a personalidade e a singularidade.
  • Iury Costa – Grife fundada em 2009 pelo estilista Iury Costa, após seu primeiro desfile autoral com grande sucesso de público e mídia. Mixa história, urbanidade, sensualidade e procura traduzir seus ensaios estéticos a partir de modelagens informatizadas, usando tecidos e aviamentos de altíssima qualidade.
  • Ivanildo Nunes – Em 2006, Ivanildo participou do Concurso “Novos Talentos do Dragão Fashion”, que resultou em um convite para expor sua coleção no espaço Inspiration da FENIT 2007. Ele se destaca no universo da moda por criar vestidos exclusivos e captar o desejo de cada cliente para elaborar a peça dos sonhos de cada uma.
  • Jeferson Ribeiro – Um apaixonado pelas provocações contemporâneas, Jeferson Ribeiro pesquisa o comportamento humano e suas relações com as hibridizações culturais presentes na remasterização dos corpos. Assim, desenvolve suas coleções autorais e cheias de conceitos.
  • Kallil Nepomuceno – O cearense está no mundo da moda há mais de 20 anos e se conceitua por surpreender com o requinte e a ousadia dos vestidos de festa que elabora.
  • Lindebergue Fernandes – O estilista cearense Lindebergue Fernandes está trazendo muita personalidade para o DFB 2017. Após o desfile no ano anterior com viés político e crítico, nesta edição, ele apresenta uma coleção com temática transcendental, que propõe uma reflexão pela busca da paz interior por meio da releitura de ícones do clérigo e inspirada nas vestes de noviços e noviças.
  • Melk Z-Da – O experimentalismo sofisticado é a essência da marca Melk Z-Da. O designer pernambucano conhecido por seu trabalho artesanal e autoral busca referências nas artes, vivências e pessoas para criar.
  • Ronaldo Silvestre – Consagrado no sudeste, o estilista sempre é destaque nas passarelas do DFB. Com 15 anos de profissão, Ronaldo conta que seu trabalho hoje é uma forma de homenagear sua mãe, que era costureira e sustentou a família com a profissão.
  • Mary Andrade – Mary Andrade tem 24 anos e é uma jovem promessa do mundo da moda. Apaixonada pelo handmade (feito à mão), Mary gosta de inovar, mas sempre respeitando os clássicos. No DFB Festival 2017, Mary vai apresentar a coleção “Era Uma Vez”, que mostrará suas descobertas em um mundo dourado e reluzente.
  • Wagner Kallieno – Consagrou-se o queridinho das fashionistas que amam uma peça assimétrica, com fendas exuberantes e modelos marcantes.
  • Weider Silveiro – Com o propósito de preencher uma lacuna existente no mercado de moda nacional no segmento de feminino jovem, Weider Silveiro apresenta coleções sazonais que têm como principal característica a junção de design contemporâneo com matéria prima experimental, sempre privilegiando o artesanato.
  • Lúcio Áureo – Há 10 anos no mercado da moda, seu trabalho se destaca pelo estilo romântico e artesanal. Todas as peças são produzidas em seu próprio ateliê, em Fortaleza.
  • Saldanha – Em sua estreia no DFB, o estilista Even Saldanha traz a coleção fluida, inspirada em Clarice Lispector e em seu livro Água Viva. Listrados, bordados e jeans vão se destacar na passarela.

PROGRAMAÇÃO DOS DESFILES

Horário 24.MAIO – QUARTA 25.MAIO – QUINTA 26.MAIO – SEXTA 27.MAIO – SÁBADO
17:00 SALA DAS MARÉS SALA DAS MARÉS SALA DAS MARÉS SALA DAS MARÉS
Comunidade Moda & Mari Andrade Lúcio Aureo &  Saldanha Concurso dos Novos 1                  Concurso dos Novos 2     
1. Centro Univ. Estácio do Ceará 1. Fac. Santa Marcelina
2. Centro Univ. de João Pessoa 2. Fac. Tec. Senai Antoine Skaf
3. ETEC Carlos de Campos 3. UFMG
4. Faculdade Ateneu 4. Unifor
18:30 SALA DO BARRO SALA DO BARRO SALA DO BARRO SALA DO BARRO
Trendshow Jangadeiro Têxtil por Lindebergue Fernandes e Iury Costa Ceará Moda Contemporânea XXXXXXXXX XXXXXXXXX
19:00 SALA DO FOGO SALA DO FOGO SALA DO FOGO SALA DO FOGO
Babado Coletivo Caio Nascimento David Lee Ricciardo Gomes
19:30 SALA DO BARRO SALA DO BARRO SALA DO BARRO SALA DO BARRO
VillÔ Ateliê André Sampaio Melk Zda Atelier Jeferson Ribeiro
20:00 SALA DO FOGO SALA DO FOGO SALA DO FOGO SALA DO FOGO
Wagner Kallieno Iury Costa Lindebergue Fernandes Ronaldo Silvestre
20:30 SALA DO BARRO SALA DO BARRO SALA DO BARRO SALA DO BARRO
Aládio Marques Rendá por Camila Arraes João Paulo Guedes Weider Silveiro
21:00 SALA DO FOGO SALA DO FOGO SALA DO FOGO SALA DO FOGO
Almerinda Maria Kallil Nepomuceno Ivanildo Nunes Bikiny Society

DRAGÃO PENSANDO MODA

Fora das passarelas, personalidades importantes da moda também participam do evento, como Alexandre Herchcovitch, que estará na programação do Dragão Pensando Moda (DPM), espaço realizado em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial do Ceará (Senac/CE), que promove a troca de cultura e saberes a partir de workshops, palestras, mesas-redondas e talkshows. Também têm presença confirmada na programação do DPM Mário Queiroz, Marina de Luca, Gabriela Mazepa, Fernanda Yamamoto, Phaedra Brasil (BA), Luiz Clério (PE), Eduardo Motta. 

O DFB e o Senac/CE apresentam o maior ciclo de palestras, mesas-redondas e workshops do País. Em seu 10° ano consecutivo, o DPM ocupa o andar superior do Terminal Marítimo de Passageiros do Porto de Fortaleza. Com renomados profissionais do setor, os cursos do DPM acontecem entre 24 e 27/05, de 14h às 17h. Com total de 16 horas, os participantes recebem certificado ao final. Para cada curso, são disponibilizadas 25 vagas.

Com a proposta de festival, o DFB agrega novos segmentos culturais em sua programação especial de 18 anos e a gastronomia permeia algumas ações, desde o food park até palestras. Em parceria com o Governo do Estado do Ceará, o DPM recebe no sábado (27) o peruano José Luhan Vargas, chef e proprietário do grupo Mesa Perú, que reúne os restaurantes Chullpi, Taytafe e Ayasqa. O autor dos livros “Cusco cocina milenaria” e “Semana de arte e culinaria Peruana no Brasil” aborda o tema “Peru: a transformação de um país pela sua gastronomia”. A seguir, uma mesa de discussão levanta questionamentos e aponta caminhos sobre “Como transformar o Ceará como referência em comida de rua?”, com a participação chef João Luiz Lima, do Governo do Estado do Ceará, e mediação do chef e consultor do Senac/CE em gastronomia, Ivan Prado.

A palestra e as mesas-redondas são gratuitas. Já os workshops acontecem durante os quatro dias do evento, têm carga horária de 16h, e o valor é de R$ 60,00. As inscrições estão sujeitas ao número de vagas disponibilizadas e podem ser feitas pelo hotsite do DPM (http://cursos.ce.senac.br/dpm2017) e nas unidades do Senac no Ceará, mediante a apresentação dos documentos: RG, CPF e comprovante de endereço, a partir do dia 11/05.

Confira a programação completa:

WORKSHOPS

24 a 27.05.2017 – 14h às 17h

  • A formação da imagem do homem brasileiro – Mario Queiroz
  • Estratégia de Linguagem de Moda e Digital Influencer – Designer Phaedra Brasil (Senac/BA)
  • Workwear Style – Como construir uma imagem de moda adequada ao mercado de trabalho – Estilista Luiz Clério (Senac/PE)
  • A realidade do Upcycling – Estilista Gabriela Mazepa e convidados Senac

MESAS DE DISCUSSÕES E PALESTRAS

QUARTA (24/05)  QUINTA (25/05) SEXTA (26/05)  SÁBADO (27/05 )
14h – Talk show com Alexandre Herchcovitch  14h – Palestra –  Novos modelos de negócios com Juliana Ferreira Borges (Coordenadora Nacional da Carteira de Projetos de Moda do Sebrae Nacional) 14h – Talk Show com Fernanda Yamamoto 14h – Palestra | Peru: a transformação de um país pela sua gastronomia – Chef peruano José Luhan dos restaurantes Chullpi, Taytafe y Ayasqa (Cusco)
14h45 às 17h – Mesa 01 | Upcycling

  • Marina de Luca (Moda Limpa)
  • Gabriela Mazepa (Re-Roupa)
  • Mediador:  Eduardo Motta – Radar Consultoria e Senac Ceará

Apoio Senac Ceará

14h45 às 17h – Mesa 04 | Sucesso através da colaboração

  • Pacto – Negócio colaborativo
  • Babado Coletivo – Haji
  • Transforme – Daniella Millério
  • Mediador:  Diva Mercedes – Gerente da Unidade Comércio e Serviços do Sebrae Ceará
17h – Desfile Concurso dos Novos 14h45 – 17h Mesa 02 | Gastronomia cearense: desenvolvimento econômico e pertencimento cultural

  • Chef João Lima –Governo do Estado do Ceará
  • Chefs convidados
  • Mediador: Chef e consultor Ivan Prado – Senac/CE
17h –  Abertura oficial 17h – Desfile Tramas e Sonhos 17h – Desfile Concurso dos Novos
17h30 – Desfile Comunidade Moda 18h – Desfil Salldanha (Everson Saldanha)

*** Programação sujeita a alterações

PALESTRA COM DUDU BERTHOLINI

Já no primeiro dia de evento, às 18h, o Grupo Lunelli, que está com programação especial dentro do DFB Festival 2017, traz para o centro das mesas de discussões e palestras do evento, o consagrado estilista Dudu Bertholini, para abordar e debater o tema “Como usar a tendência na sua marca sem perder a identidade?”. Reconhecido nacionalmente pelas coleções e pelos desfiles icônicos, nos anos 2000, à frente da marca Neon, recentemente Dudu ganhou destaque após a participação na novela global Verdades Secretas e como jurado e figurinista do programa Amor e Sexo (TV Globo), vestindo a apresentadora Fernanda Lima com figurinos que chamavam a atenção pela personalidade, ousadia e contemporaneidade.

*** Palestra somente para convidados

NORDESTE EM DESTAQUE

Para festejar os 18 anos do evento, o realizador do DFB Festival 2017, Cláudio Silveira, decidiu celebrar a própria região Nordeste como usina criativa e multicultural, símbolo máximo de resistência e superação do próprio trade. “A indústria da moda brasileira deve muito à tradição têxtil nordestina. Mesmo com tantas adversidades, a criatividade mantém-se como base das nossas confecções, que investem cada vez mais em ações inovadoras e consistentes, como o próprio DFB”, explica Cláudio Silveira.

A reverência ao Nordeste ganha força com uma decisão inédita: pela primeira vez, o casting de modelos do DFB será de origem 100% nordestina, incluindo as principais top models brasileiras e internacionais nascidas na Região, que virão ao Ceará exclusivamente para o evento.

NOVIDADES NA ESTRUTURA

Além do novo nome, o DFB Festival 2017 apresenta como novidade uma terceira sala de desfiles, montada no piso superior do Terminal Marítimo, o Pavilhão do Conhecimento, integrando a moda à programação de palestras e mesas redondas do Dragão Pensando Moda, co-parceria com o Senac/Ce.

Com line-up oficial reunindo grandes criadores autorais, novos designers e faculdades de todo o Brasil, o DFB Festival 2017 resgata a tradição de nomear as salas de desfiles com títulos que remetem à primeira década do evento.

Sala do Fogo, com capacidade para 800 convidados, apresentará coleções dos grandes nomes da moda autoral do Nordeste. A Sala do Barro, também para 800 convidados, faz referência direta à riqueza do artesanato brasileiro e deve receber os desfiles com foco em tipologias e saberes do artesanato.

O terceiro e novo espaço de desfiles, com capacidade para 600 convidados, é a Sala das Marés, que apresenta a programação mais alternativa do Festival, composta pelos desfiles do reality show Comunidade: Moda (TV Cidade/Record TV); o Projeto Tramas & Sonhos (criado por artesãs do Litoral Oeste do Ceará, com destaque para a região de Jericoacoara); Saldanha (projeto autoral de upcycling e design); além dos desfiles do Concurso dos Novos, que apresentarão coleções cápsulas de oito instituições de ensino superior e técnico do Ceará, Paraíba, Minas Gerais e São Paulo.

CONCURSO CEARÁ MODA CONTEMPORÂNEA

Pela primeira vez, o DFB Festival 2017 apresenta o Concurso Ceará Moda Contemporânea, co-realizado com o Sinditêxtil, com prêmios em dinheiro para as categorias Design, Modelagem e Costura, apostando cada vez mais no poder da indústria.

Dessa maneira, o DFB torna-se o único evento do mundo a sediar três concursos de moda para novos talentos, entre amadores, estudantes e autodidatas.

GASTRONOMIA, ECONOMIA CRIATIVA E GRANDES SHOWS GARANTEM TEMPERO EXTRA À ANIMAÇÃO

Os percursos do DFB através da América Latina, iniciados em 2016 com a homenagem temática à Colômbia, agora fazem escala no Peru, produtor do melhor algodão do planeta – insumo que é uma das bases da economia do país. O DFB vai fazer uma homenagem com uma exposição “Alma Peruana”, na qual reunirá imagens e números que ilustram a força econômica e cultural dessa nação.

Saindo da esfera da moda, o Peru inspira parte da programação gastronômica do Festival, que terá pratos típicos recriados pelos mais célebres chefs do Ceará e disponibilizados a preços acessíveis, em formato de comida de rua.

Ao todo, o DFB Festival 2017 reunirá bar, 28 restaurantes e bistrôs, além de 10 foodtrucks. O bar oficial será o Órbita e, entre os principais restaurantes, estão Quintal, Le Park Bistrô, Lili Banquete, O Mar Menino, Sovaco de Cobra e Uhuu.

O objetivo é garantir energia para a maratona de 43 desfiles e 7 grandes shows com artistas locais e nacionais, com sets de abertura comandados por DJs convidados. Na programação paralela, haverá ainda diversos pocket shows.

PROGRAMAÇÃO MUSICAL – PALCO PRINCIPAL

QUARTA (24/05)  QUINTA (25/05) SEXTA (26/05)  SÁBADO (27/05 )
22h – Rafael Balboa – Rock e Blues 22h – Nayra Costa – Tributo a Beyonce 22h – The Dillas 22h – Heidi
17h –  Abertura oficial 23h – O Verbo 23h – In Beats 23h – Boss In Drama

PROGRAMAÇÃO MUSICAL – PALCOS 1 E 2

QUARTA (24/05)  QUINTA (25/05) SEXTA (26/05)  SÁBADO (27/05 )
Instituto Beatriz e Lauro Fiúza (IBLF) – Camerata de violões  Instituto Beatriz e Lauro Fiúza (IBLF) – Grupo de Teclas Instituto Beatriz e Lauro Fiúza (IBLF) – Coral Infanto-Juvenil Instituto Beatriz e Lauro Fiúza (IBLF) – OJK ou Sexteto
Maria Juliana em Pétalas Vocais Casa de Vovó Dedé (Grupo de Música Brasileira) Convidado – Acordes Mágicos  En Joy

BOULEVARD KZA DO DRAGÃO POR SEBRAE

Para quem deseja consumir moda e arte, o “Boulevard Kza do Dragão por Sebrae” é uma feira de 1.200m², reunindo 64 expositores, entre estilistas, designers de produto, microempreendedores e até carrinhos com típicas comidas de rua cearense, do quebra-queixo à chegadinha.

FOMENTANDO A ECONOMIA

Para mover a máquina do DFB Festival 2017, o evento gera cerca de 1000 empregos diretos e indiretos, traz ao Ceará mais de 100 profissionais da imprensa nacional e internacional, juntamente com a imprensa local, e reúne todas as 8 faculdades e cursos técnicos de Moda e Design do Estado, que participam com seus alunos em atividades de backstage e receptivo. O DFB é o único evento a receber e qualificar, há 18 anos, todos os alunos de Moda, Gastronomia, Design, Moda, Marketing e Comunicação do Estado do Ceará, durante os quatro dias do evento, sem nenhum custo para o participantes.

SERVIÇO DFB FESTIVAL 2017

Tema: Viva Essa Festa

Data: 24 a 27 de Maio

Local: Terminal Marítimo de Passageiros de Fortaleza

Site: http://dfhouse.com.br/

Facebook: https://www.facebook.com/DFHouse

Instagram: https://www.instagram.com/DFHouse/

Youtube: https://www.youtube.com/user/dragaofashionhouse

Evento Gratuito

*** O acesso aos desfiles é feito por meio de convites, pois a quantidade de público é limitada. Os convites serão disponibilizados no concierge do evento.

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

MRV Engenharia é a empresa mais valiosa da América Latina do setor, segundo dados da Economática

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

20 de Abril de 2017

 

A consultoria Economática divulgou levantamento realizado sobre o valor de mercado de 283 empresas no ano de 2017. A MRV Engenharia foi destacada como a empresa mais valiosa do setor de construção na América Latina, registrando em 17 de abril o valor de US$ 2,20 bilhões.

A pesquisa realizada pela Economática verificou 25 setores e destacou que o maior crescimento percentual de valor de mercado ocorreu no setor de construção com 19 empresas. O valor de mercado do conjunto das empresas de construção no dia 31 de dezembro de 2016 era de R$ 16,7 bilhões contra R$ 22,0 bilhões, verificado na segunda-feira (17), crescimento de R$ 5,33 bilhões ou 31,86% no período.

A MRV Engenharia é também a décima segunda maior empresa em valor de mercado da América Latina e USA. Entre as 25 maiores empresas do setor por valor de mercado há ainda outras nove empresas latinas.

 

Publicidade

MRV Engenharia é a empresa mais valiosa da América Latina do setor, segundo dados da Economática

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

20 de Abril de 2017

 

A consultoria Economática divulgou levantamento realizado sobre o valor de mercado de 283 empresas no ano de 2017. A MRV Engenharia foi destacada como a empresa mais valiosa do setor de construção na América Latina, registrando em 17 de abril o valor de US$ 2,20 bilhões.

A pesquisa realizada pela Economática verificou 25 setores e destacou que o maior crescimento percentual de valor de mercado ocorreu no setor de construção com 19 empresas. O valor de mercado do conjunto das empresas de construção no dia 31 de dezembro de 2016 era de R$ 16,7 bilhões contra R$ 22,0 bilhões, verificado na segunda-feira (17), crescimento de R$ 5,33 bilhões ou 31,86% no período.

A MRV Engenharia é também a décima segunda maior empresa em valor de mercado da América Latina e USA. Entre as 25 maiores empresas do setor por valor de mercado há ainda outras nove empresas latinas.