Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

No Ceará, UNINASSAU oferta bolsas pelo Prouni

Por Oswaldo Scaliotti em Qualificação

02 de Fevereiro de 2019

Bolsas estão disponíveis nas sedes de Fortaleza, Maracanaú e Juazeiro do Norte; Fortaleza concentra maior quantitativo de vagas

A Faculdade UNINASSAU, no Ceará, oferta 136 bolsas no 1º processo seletivo de 2019 do Programa Universidade para Todos (Prouni). As inscrições iniciaram nesta quinta-feira (31) e prosseguem até o dia 03 de fevereiro. Para concorrer às bolsas, os estudantes precisam ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio 2018, ter obtido no mínimo 450 pontos e não ter zerado a redação. Para consultar as vagas, os interessados devem acessar o site do Prouni.

Na UNINASSAU, as bolsas estão disponíveis nas sedes de Fortaleza, Maracanaú e Juazeiro do Norte. A capital concentra o maior número de vagas. Ao todo, 117 vagas na modalidade presencial, nos cursos de Administração, Direito, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Gastronomia, Nutrição, Pedagogia, Psicologia e Engenharia Civil e também na modalidade de Educação à Distância, com os cursos de Engenharia, Gastronomia, Nutrição e Pedagogia.

No município de Maracanaú, 15 bolsas são ofertadas nos cursos de Gestão Comercial, Logística, Odontologia e Administração. Já em Juazeiro, três bolsas estão disponíveis, nos cursos de Administração e Gestão Comercial. No caso da UNINASSAU, todas as bolsas são integrais, e disponibilizadas nos turnos manhã ou noite.

Segundo o diretor geral da Instituição de Ensino, Marcus Ponte, o Prouni é essencial como fonte de inclusão e responsabilidade social. “Para nós, é motivo de muita honra colaborar com o acesso ao ensino superior, bem como ampliar as oportunidades de qualificação profissional, valorizando a educação de qualidade”, disse.

Sobre o Prouni

O Programa, criado pelo Governo Federal em 2004, acontece em todo o país e oferece bolsas parciais e/ou integrais em instituições privadas de ensino superior. Podem participar do processo seletivo estudantes egressos do ensino médio da rede pública ou da rede particular (na condição de bolsistas integrais da própria escola) e estudantes com deficiência. Para concorrer às bolsas integrais, o candidato deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até um salário mínimo e meio. Para as bolsas parciais, a renda familiar deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Todas as informações sobre bolsas, cursos, modalidades e prazos podem ser encontradas no site do Prouni.

Publicidade aqui

No Ceará, UNINASSAU oferta bolsas pelo Prouni

Por Oswaldo Scaliotti em Qualificação

02 de Fevereiro de 2019

Bolsas estão disponíveis nas sedes de Fortaleza, Maracanaú e Juazeiro do Norte; Fortaleza concentra maior quantitativo de vagas

A Faculdade UNINASSAU, no Ceará, oferta 136 bolsas no 1º processo seletivo de 2019 do Programa Universidade para Todos (Prouni). As inscrições iniciaram nesta quinta-feira (31) e prosseguem até o dia 03 de fevereiro. Para concorrer às bolsas, os estudantes precisam ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio 2018, ter obtido no mínimo 450 pontos e não ter zerado a redação. Para consultar as vagas, os interessados devem acessar o site do Prouni.

Na UNINASSAU, as bolsas estão disponíveis nas sedes de Fortaleza, Maracanaú e Juazeiro do Norte. A capital concentra o maior número de vagas. Ao todo, 117 vagas na modalidade presencial, nos cursos de Administração, Direito, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Gastronomia, Nutrição, Pedagogia, Psicologia e Engenharia Civil e também na modalidade de Educação à Distância, com os cursos de Engenharia, Gastronomia, Nutrição e Pedagogia.

No município de Maracanaú, 15 bolsas são ofertadas nos cursos de Gestão Comercial, Logística, Odontologia e Administração. Já em Juazeiro, três bolsas estão disponíveis, nos cursos de Administração e Gestão Comercial. No caso da UNINASSAU, todas as bolsas são integrais, e disponibilizadas nos turnos manhã ou noite.

Segundo o diretor geral da Instituição de Ensino, Marcus Ponte, o Prouni é essencial como fonte de inclusão e responsabilidade social. “Para nós, é motivo de muita honra colaborar com o acesso ao ensino superior, bem como ampliar as oportunidades de qualificação profissional, valorizando a educação de qualidade”, disse.

Sobre o Prouni

O Programa, criado pelo Governo Federal em 2004, acontece em todo o país e oferece bolsas parciais e/ou integrais em instituições privadas de ensino superior. Podem participar do processo seletivo estudantes egressos do ensino médio da rede pública ou da rede particular (na condição de bolsistas integrais da própria escola) e estudantes com deficiência. Para concorrer às bolsas integrais, o candidato deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até um salário mínimo e meio. Para as bolsas parciais, a renda familiar deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Todas as informações sobre bolsas, cursos, modalidades e prazos podem ser encontradas no site do Prouni.