Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Sinpol-CE lança em Aracati piloto de projeto para unificar carreiras de inspetores e escrivães  

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

19 de junho de 2018

 
O Sindicato dos Policiais Civis de Carreira do Ceará (Sinpol-CE) lança, na próxima quinta-feira (21/06), às 19h, o piloto do projeto Oficial de Polícia Judiciária (OPJ), na Delegacia Regional de Aracati (Rua Coronel Pompeu, 1496, bairro Cacimba do Povo). A iniciativa visa a unificação dos cargos de inspetores e escrivães de polícia.
 
O OPJ é um projeto criado pelo Sinpol-CE para dar mais efetividade à atividade policial. Atualmente, por exemplo, em uma delegacia plantonisa há um delegado, um escrivão e três inspetores. Com o OPJ, haverá um delegado e quatro oficiais de polícia judiciária, ou seja, a unificação das funções.
 
“Esta é uma luta de muito tempo do Sindicato, um projeto visionário, de vanguarda. O piloto irá jogar holofotes do país ao município de Aracati, pois a ideia da fusão dos cargos da base da Polícia Civil está sendo discutida em pelo menos dez estados”, disse a presidente do Sinpol Ceará, Ana Paula Cavalcante.
 
DADOS
– A cada 100 crimes (somente homicídios), apenas 8 são elucidados, ou seja, resultam em indiciamento da PC;
– Se colocar crimes em geral (roubos, ameaças, entre outros), talvez não chega a 1%;
– Dos BOs registrados, apenas 2% são instaurados inquéritos;
– Dados obsoletos se devem em razão do modelo arcaico da PC, e também por causa do baixo efetivo e salário.
 
ATRIBUIÇÕES
 
Os atuais cargos de escrivão e inspetor possuem os mesmos requisitos de investidura, nível de escolaridade, salário e possuem grande parte das atribuições em comum. Atualmente, o Ceará possui 616 escrivães de polícia e 1.846 inspetores. Com o OPJ serão ao todo 2.462 servidores com atribuições para investigação cartorária e de rua, registro de ocorrências, apreensão de objetos, lavratura de termos, autos e boletins de ocorrências, trabalhos de inteligência, entre outros.
 
Atualmente, para ser escrivão ou inspetor de polícia civil é preciso ter nível superior em qualquer área na modalidade licenciatura ou bacharelado e curso de formação profissional realizado pela Academia Estadual de Segurança Pública, além de carteira nacional de habilitação categoria B.
SERVIÇO:
Lançamento projeto piloto Oficial de Polícia Judiciária
Data: 21 de junho
Horário: 19h
Local: Delegacia Regional de Aracati (Rua Coronel Pompeu, 1496, bairro Cacimba do Povo).
Publicidade aqui

Sinpol-CE lança em Aracati piloto de projeto para unificar carreiras de inspetores e escrivães  

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

19 de junho de 2018

 
O Sindicato dos Policiais Civis de Carreira do Ceará (Sinpol-CE) lança, na próxima quinta-feira (21/06), às 19h, o piloto do projeto Oficial de Polícia Judiciária (OPJ), na Delegacia Regional de Aracati (Rua Coronel Pompeu, 1496, bairro Cacimba do Povo). A iniciativa visa a unificação dos cargos de inspetores e escrivães de polícia.
 
O OPJ é um projeto criado pelo Sinpol-CE para dar mais efetividade à atividade policial. Atualmente, por exemplo, em uma delegacia plantonisa há um delegado, um escrivão e três inspetores. Com o OPJ, haverá um delegado e quatro oficiais de polícia judiciária, ou seja, a unificação das funções.
 
“Esta é uma luta de muito tempo do Sindicato, um projeto visionário, de vanguarda. O piloto irá jogar holofotes do país ao município de Aracati, pois a ideia da fusão dos cargos da base da Polícia Civil está sendo discutida em pelo menos dez estados”, disse a presidente do Sinpol Ceará, Ana Paula Cavalcante.
 
DADOS
– A cada 100 crimes (somente homicídios), apenas 8 são elucidados, ou seja, resultam em indiciamento da PC;
– Se colocar crimes em geral (roubos, ameaças, entre outros), talvez não chega a 1%;
– Dos BOs registrados, apenas 2% são instaurados inquéritos;
– Dados obsoletos se devem em razão do modelo arcaico da PC, e também por causa do baixo efetivo e salário.
 
ATRIBUIÇÕES
 
Os atuais cargos de escrivão e inspetor possuem os mesmos requisitos de investidura, nível de escolaridade, salário e possuem grande parte das atribuições em comum. Atualmente, o Ceará possui 616 escrivães de polícia e 1.846 inspetores. Com o OPJ serão ao todo 2.462 servidores com atribuições para investigação cartorária e de rua, registro de ocorrências, apreensão de objetos, lavratura de termos, autos e boletins de ocorrências, trabalhos de inteligência, entre outros.
 
Atualmente, para ser escrivão ou inspetor de polícia civil é preciso ter nível superior em qualquer área na modalidade licenciatura ou bacharelado e curso de formação profissional realizado pela Academia Estadual de Segurança Pública, além de carteira nacional de habilitação categoria B.
SERVIÇO:
Lançamento projeto piloto Oficial de Polícia Judiciária
Data: 21 de junho
Horário: 19h
Local: Delegacia Regional de Aracati (Rua Coronel Pompeu, 1496, bairro Cacimba do Povo).