Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Prêmio nacional reconhece eficiência e bom atendimento dos cartórios

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

14 de novembro de 2017

13ª edição do PQTA premiará cartórios brasileiros que aplicam boas práticas, como investimento em tecnologia e capital humano, em seus serviços

Para acompanhar a evolução ocasionada pela era digital, os serviços notariais e registrais precisam desempenhar um esforço diário, com alto nível de engajamento. O Prêmio de Qualidade Total Anoreg (PQTA 2017) está em sua 13ª edição com o intuito de reconhecer a dedicação e persistência dos cartórios extrajudiciais na busca pelo aperfeiçoamento. Com 130 inscrições em todo o Brasil, cartórios passaram por auditorias que identificaram práticas inovadoras adotadas por cada um deles e, no dia 17 de novembro, os melhores serviços serão premiados em Fortaleza (CE).

Apesar de muito importante, o investimento em tecnologia não é a única prática necessária para atualizar a atividade notarial e registral. Na opinião do presidente da Confederação Nacional de Notários e Registradores (CNR), Rogério Portugal Bacellar, também é preciso se preparar para receber os clientes da melhor maneira possível. “Com acomodações mais adequadas, com condições para receber portadores de necessidades especiais e até mesmo estacionamento, o cartório já conta com um grande diferencial”, complementa.

A cada edição do PQTA, é publicado um Manual de Boas Práticas, com um resumo das principais iniciativas realizadas pelo setor, contribuindo para a evolução dos cartórios brasileiros. “Os serviços prestados pelos premiados têm sido considerados exemplos a serem seguidos por toda a classe. As melhores ideias são originais e passíveis de serem implementadas, buscando tornar a gestão mais fácil, conveniente, econômica e, o mais importante de tudo, valiosa”, explica a coordenadora do PQTA, Maria Aparecida Bianchin Pacheco.

Os notários e registradores que aplicam boas práticas na atividade adquirem diversos benefícios, como o aumento da satisfação das expectativas e das necessidades dos usuários dos serviços extrajudiciais. “As boas práticas socioambientais, de complience e ações voltadas à saúde e à segurança ocupacional, desenvolvidas pelos cartórios premiados, são capazes de demonstrar aos usuários que os cartórios estão na vanguarda de um profundo compromisso social, o que é fundamental no combate a lamentável visão desvirtuada de alguns, no sentido de que somos uma instituição burocrata e ultrapassada”, relata a presidente da Associação dos Notários e Registradores do Estado do Ceará (Anoreg-CE), Helena Jacéa Crispino Leite Borges.

Na prática

Premiada na categoria máxima em 2016, pelo quarto ano consecutivo, a titular do Serviço Distrital do Portão do Foro Central da Comarca da Região Metropolitana de Curitiba (PR), Caroline Ferri, pontua que a principal preocupação para aprimorar a atividade é manter a qualidade sempre alinhando às necessidades do capital humano. “No cartório, possuímos um planejamento estratégico revisado periodicamente, no qual são listados objetivos institucionais vinculados à satisfação do usuário, tecnologia, clima organizacional, responsabilidade socioambiental entre outros. E o nosso foco é a melhoria contínua, com a premissa central de que o capital humano é o mais valioso”.

Serviço:

13º Prêmio de Qualidade Total Anoreg (PQTA 2017)

Data: 17/11

Local: Fortaleza (CE)

Publicidade

leia tudo sobre

Prêmio nacional reconhece eficiência e bom atendimento dos cartórios

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

14 de novembro de 2017

13ª edição do PQTA premiará cartórios brasileiros que aplicam boas práticas, como investimento em tecnologia e capital humano, em seus serviços

Para acompanhar a evolução ocasionada pela era digital, os serviços notariais e registrais precisam desempenhar um esforço diário, com alto nível de engajamento. O Prêmio de Qualidade Total Anoreg (PQTA 2017) está em sua 13ª edição com o intuito de reconhecer a dedicação e persistência dos cartórios extrajudiciais na busca pelo aperfeiçoamento. Com 130 inscrições em todo o Brasil, cartórios passaram por auditorias que identificaram práticas inovadoras adotadas por cada um deles e, no dia 17 de novembro, os melhores serviços serão premiados em Fortaleza (CE).

Apesar de muito importante, o investimento em tecnologia não é a única prática necessária para atualizar a atividade notarial e registral. Na opinião do presidente da Confederação Nacional de Notários e Registradores (CNR), Rogério Portugal Bacellar, também é preciso se preparar para receber os clientes da melhor maneira possível. “Com acomodações mais adequadas, com condições para receber portadores de necessidades especiais e até mesmo estacionamento, o cartório já conta com um grande diferencial”, complementa.

A cada edição do PQTA, é publicado um Manual de Boas Práticas, com um resumo das principais iniciativas realizadas pelo setor, contribuindo para a evolução dos cartórios brasileiros. “Os serviços prestados pelos premiados têm sido considerados exemplos a serem seguidos por toda a classe. As melhores ideias são originais e passíveis de serem implementadas, buscando tornar a gestão mais fácil, conveniente, econômica e, o mais importante de tudo, valiosa”, explica a coordenadora do PQTA, Maria Aparecida Bianchin Pacheco.

Os notários e registradores que aplicam boas práticas na atividade adquirem diversos benefícios, como o aumento da satisfação das expectativas e das necessidades dos usuários dos serviços extrajudiciais. “As boas práticas socioambientais, de complience e ações voltadas à saúde e à segurança ocupacional, desenvolvidas pelos cartórios premiados, são capazes de demonstrar aos usuários que os cartórios estão na vanguarda de um profundo compromisso social, o que é fundamental no combate a lamentável visão desvirtuada de alguns, no sentido de que somos uma instituição burocrata e ultrapassada”, relata a presidente da Associação dos Notários e Registradores do Estado do Ceará (Anoreg-CE), Helena Jacéa Crispino Leite Borges.

Na prática

Premiada na categoria máxima em 2016, pelo quarto ano consecutivo, a titular do Serviço Distrital do Portão do Foro Central da Comarca da Região Metropolitana de Curitiba (PR), Caroline Ferri, pontua que a principal preocupação para aprimorar a atividade é manter a qualidade sempre alinhando às necessidades do capital humano. “No cartório, possuímos um planejamento estratégico revisado periodicamente, no qual são listados objetivos institucionais vinculados à satisfação do usuário, tecnologia, clima organizacional, responsabilidade socioambiental entre outros. E o nosso foco é a melhoria contínua, com a premissa central de que o capital humano é o mais valioso”.

Serviço:

13º Prêmio de Qualidade Total Anoreg (PQTA 2017)

Data: 17/11

Local: Fortaleza (CE)