Publicidade

Ceará Viaja

por Rosana Romão

Cinco municípios cearenses recebem certificação Praia Limpa

Por rosanaromao em Destinos

29 de novembro de 2016

(Foto: Cleilson Silva/ Instagram: @csphotografia)

(Foto: Cleilson Silva/ Instagram: @csphotografia)

As praias de Morro Branco, Barra Nova, Iracema, Jericoacoara e Lagoinha, respectivamente nos municípios de Beberibe, Cascavel, Fortaleza, Jijoca e Paraipaba receberão a certificação Praia Limpa no próximo dia 13 de dezembro, às 15h, no auditório Murilo Aguiar, na Assembleia Legislativa. Todas receberam a pontuação de três estrelas do mar, ou seja, ficaram entre 50 e 75 pontos.

A certificação (Lei nº 13.892/07) é um programa de governo coordenado pela Secretaria do Meio Ambiente, que consiste na concessão de um selo de Certificação Ambiental, aos municípios que aderirem voluntariamente ao programa inscrevendo suas praias, para que sejam avaliadas. O selo de qualidade atesta as condições de higiene / limpeza, segurança e conservação exigidas pelo programa dentro de critérios estabelecidos, conforme a legislação.

(Foto: Cleilson Silva/ Instagram: @csphotografia)

(Foto: Cleilson Silva/ Instagram: @csphotografia)

Os municípios foram avaliados por meio do Questionário de Gestão da Praia (preenchido pelo município) e do Questionário de Avaliação da Praia, (de responsabilidade da Comissão de Avaliação). A nota final da Certificação Praia Limpa é a soma simples das notas alcançadas. É obrigatório que o município preencha e envie a documentação do Questionário de Gestão da Praia. Caso contrário, o município é desclassificado. A nota mínima que o município precisa atingir é 50 pontos. São três categorias. Desde a criação, nenhum município conquistou a categoria de cinco estrelas do mar.

Categorias
Maior ou igual a 50 pontos e menor que 75 pontos – TRÊS ESTRELAS DO MAR
Maior ou igual a 75 pontos e menor que 100 pontos – QUATRO ESTRELAS DO MAR
Igual a 100 pontos – CINCO ESTRELAS DO MAR

Confira a lista das praias:

1 – Beberibe – Praia do Morro Branco – 3 estrelas do mar

(Foto: Associação dos Moradores de Beberibe)

(Foto: Associação dos Moradores de Beberibe)

2 – Cascavel – Praia da Barra Nova – 3 estrelas do mar

(Foto: divulgação)

(Foto: divulgação)

3 – Fortaleza – Praia de Iracema – 3 estrelas do mar

(Foto: Instagram/mochileiru)

(Foto: Instagram/mochileiru)

4 – Jijoca de Jericoacoara – Praia de Jericoacoara – 3 estrelas do mar

(FOTO: Impressões de Viagens/ Fábio Arruda)

(FOTO: Impressões de Viagens/ Fábio Arruda)

5 – Paraipaba – Praia de Lagoinha – 3 estrelas do mar

(Foto: Viagens cinematográficas)

(Foto: Viagens cinematográficas)

leia tudo sobre

Publicidade

Descubra Beberibe: moradores levam cores e criatividade para espaços públicos

Por rosanaromao em Destinos

11 de novembro de 2016

Intervenções devem seguir após o lançamento do projeto. (FOTO: divulgação)

Intervenções devem seguir após o lançamento do projeto. (FOTO: divulgação)

A Associação Movimento Beberibe – AMO Beberibe se reúne desde agosto em prol de mudar a paisagem da cidade e região. Com lixeiras sustentáveis e frases espalhadas pelas ruas, o grupo deu um colorido ao ambiente. As ações fazem parte do projeto Descubra Beberibe, que será lançado neste sábado (12). O objetivo é modificar a paisagem local e, por conseguinte, o cotidiano de moradores e turistas durante o ano inteiro.

O lançamento contará com uma ação de limpeza da praia e a apresentação dos produtos desenvolvidos em colaboração, entre eles um site alimentado pela Associação. A ação já mobilizou cerca de 500 moradores e voluntários dispostos a cobrir os pontos mais críticos de quatro das 11 praias que compõem Beberibe – Morro Branco, Praia das Fontes, Praia do Diogo e Tabuba do Morro Branco. O projeto se propõe a cobrir todo o território da cidade gradativamente, à medida que o projeto avança.

A ação já mobilizou cerca de 500 moradores e voluntários dispostos a cobrir os pontos mais críticos das praias. (FOTO: divulgação)

A ação já mobilizou cerca de 500 moradores e voluntários dispostos a cobrir os pontos mais críticos das praias. (FOTO: divulgação)

Metade dos sacos de lixo foram doados, outra metade comprada, a preço de custo, pela AMO. As lixeiras foram feitas de pneus velhos por voluntários da Associação (espalhada pelas áreas urbanas, litorâneas e sertão). As placas também foram desenvolvidas voluntariamente, com mensagens positivas por um melhor aproveitamento das localidades, e oito bibliotecas de rua – uma delas na porção sertaneja do distrito.

As bibliotecas reaproveitaram estruturas já descartadas, como geladeiras sem uso. Com isso elas não só se mostram como novo recurso como são ideais para a proteção das publicações. Os livros podem ser retirados a qualquer momento – quem retira que se responsabiliza pelo retorno. A localização delas também está disponibilizada no site do projeto – onde está indicada, ainda, a forma de doação de mais livros.

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

O Descubra Beberibe atua também numa dimensão virtual. O projeto é construído coletivamente através da plataforma Trello, pelas redes sociais e pelo aplicativo Whats app, que tem sido uma ferramenta facilitadora na conquista de doações e ajuda mútua entre os entes do grupo.

O projeto se amplia, ainda, pela web, em ações estendidas, pois entende o turismo não está restrito às datas comemorativas ou períodos de alta estação. Uma melhor cidade para seus moradores é também uma cidade melhor para os visitantes. Assim, para divulgação do local e como meio de estreitar o relacionamento de moradores e turistas, a AMO Beberibe vem desenvolvendo um plano de atuação também pelo marketing digital, com a geração de conteúdo sobre a cidade, google ads, SEO, redes sociais, e-mail marketing e outros materiais digitais.

Serviço
Lançamento do projeto Descubra Beberibe com mutirão de limpeza das praias da localidade
Data: 12 de novembro
Horário: a partir das 8h nas praias (7h concentração na Praça da Igreja na sede/centro).
Site

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

 

 

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

Publicidade

Correndo pelas praias do Brasil: 4 eventos para unir esporte e diversão

Por rosanaromao em Lazer

07 de novembro de 2016

Tendência de corridas em praia cresce em todo o Brasil. (FOTO: Tavares Júnior Photography)

Tendência de corridas em praia cresce em todo o Brasil. (FOTO: Tavares Júnior Photography)

Pés na areia. Essa frase já costuma dar uma sensação de bem estar. Associada ao barulho mar, o vento no rosto, com vista para as belezas naturais então, é o cenário perfeito. Mas, por incrível que pareça, ele pode ficar melhor. A endofirna liberada no corpo após praticar um esporte deixa o momento inesquecível. Se você gostou da ideia só em ler e imaginar, precisa conhecer mais sobre a Beach Run Brasil.

O projeto, que une corrida e natureza, surgiu para oferecer uma nova experiência aos corredores. O Ceará, que possui praias belíssimas foi quem deu início a esse projeto, que agora vai percorrer o litoral de todo o Brasil. Idealizado pelo corredor e empresário Ricardo Ramalho, o circuito já possui quatro destinos: Canoa Quebrada (CE), Pipa (RN), Jericoacoara (CE) e Mundaú (CE). Para quem já deseja marcar no calendário, confira as próximas edições.

Canoa Beach Run – 18 e 19 de novembro

Além de correr, atletas poderão desfrutar de todas as belezas naturais. (FOTO: Rosana Romão)

Além de correr, atletas poderão desfrutar de todas as belezas naturais. (FOTO: Rosana Romão)

Uma das praias mais belas e procuradas do Ceará, Canoa Quebrada fica no município de Aracati, com 163 quilômetros de distância de Fortaleza.  A antiga vila de pescadores encanta os turistas devido às suas riquezas naturais, com dunas, falésias avermelhadas com até 30 metros de altura acima do nível do mar. Além disso, possui vida noturna ativa, o que dá destaque ao lugar.

O famoso símbolo de Canoa Quebrada nas falésias e a Broadway são alguns dos pontos turísticos por onde a Canoa Beach Run irá passar. Os atletas terão as opções de 5km e 10 km, além de uma vista privilegiada do mar e das dunas, além de um belíssimo pôr-do-Sol para marcar a chegada com chave de ouro. Tudo isso registrado com os cliques do fotógrafo Tavares Júnior.

Após a prova, o evento também preparou um momento especial de confraternização para realizar a premiação e, em seguida, show com banda local. Tudo isso no conforto da Chega Mais Beach, barraca onde também haverá a entrega de kits. A programação conta ainda com aula de zumba, palestra técnica sobre Qualidade de Vida, ofertada pelo Sebrae e um congresso técnico.

Corrida passará pelos principais pontos turísticos de Canoa Quebrada. (FOTO: Rosana Romão)

Corrida passará pelos principais pontos turísticos de Canoa Quebrada. (FOTO: Rosana Romão)

A camisa vem com o tradicional símbolo com lua e estrela que representam a praia de Canoa Quebrada. São quatro modelos: camisa e regata masculina, e baby look básica ou com recortes. Além disso, o kit tem alguns itens, incluindo um pós-prova que vai finalizar o percurso com uma bela surpresa.

As inscrições ainda estão disponíveis pelo site, com percursos de 5 e 10 quilômetros. É importante ressaltar que a prova será realizada em terreno variado, onde há predominância de areia batida e com trechos íngremes como calçamento, pedras, praia e trilhas. Portanto, é necessário que o atleta siga com bastante atenção à sinalização do balizamento, e às instruções dos staffs.

Jeri Beach Run – 17 a 19 de março de 2017

A terceira edição do evento vem com novidades. (FOTO: Tavares Júnior)

A terceira edição do evento vem com novidades. (FOTO: Tavares Júnior)

Um dos lugares mais paradisíacos do Ceará vai receber a 3ª edição de sua corrida de praia em março de 2017. A prova que começou com 100 inscritos na primeira edição, subiu para 400 em 2016 e terá duas novidades na 3ª edição, que será realizada do dia 17 a 19 de março de 2017. Além das modalidades de 7 e 12 quilômetros, haverá também a de 21 quilômetros e o Desafio do Jacaré.

Nesta edição a prova será realizada em dois dias. No sábado (18) às 16h para os atletas de 7 e 12 quilômetros, em Jericoacora, e para os aventureiros que correrão 21 quilômetros, a prova será no domingo (18) pela manhã, de Jijoca até Jeri. Já o Desafio do Jacaré contempla os atletas que participarão das provas no sábado e no domingo, recebendo uma medalha diferenciada.

O percurso é composto por terrenos variados, como areia batida, pedras, praias e trilhas. (FOTO: Tavares Júnior)

O percurso é composto por terrenos variados, como areia batida, pedras, praias e trilhas. (FOTO: Tavares Júnior)

O diferencial da prova é a integração dos atletas durante a programação do evento. Cinema, Happy Hour, atividades esportivas e outras atividades são realizadas para confraternizar os participantes. É também uma forma de aproveitar o fim de semana em um lugar paradisíaco praticando um esporte.

Assim como na edição passada, será possível comprar apenas a corrida, e arcar com transporte e hospedagem por conta própria ou adquirir um pacote com tudo incluso e com desconto, conforme o regulamento. As inscrições serão disponibilizadas em breve no site do evento. 

Pipa Beach Run – Maio de 2017

Local é conhecido pelas falésias e vida noturna. (FOTO: Creative Commons/ Rafael Vianna Croffi)

Local é conhecido pelas falésias e vida noturna. (FOTO: Creative Commons/ Rafael Vianna Croffi)

O projeto Brasil Beach Run conquistou dois destinos no Ceará e foi além, decidiu realizar uma edição em uma das praias mais bonitas e famosas do Rio Grande do Norte: PipaLocalizada no município de Tibau do Sul, fica a 85 quilômetros de distância da capital Natal. É o principal balneário do litoral sul do estado, com as conhecidas Praia do Amor e Praia do Madeiro. Pipa era um pequeno vilarejo de pescadores, com vida tranquila, até ser frequentada por surfistas, e em seguida por turistas de várias regiões do Brasil e até do mundo.

Com noite agitada, semelhante à Jericoacoara e Canoa Quebrada, o lugar conta com uma diversidade de hotéis, pousadas e albergues, restaurantes e bares, discotecas e centros de artesanato. Pipa é frequentada por esportistas de todo o mundo, praticantes de surfe, kitesurfe, e agora será a vez dos corredores. As belezas naturais prometem tornar o percurso de tirar o fôlego. A corrida será realizada em maio de 2017 e terá as inscrições disponibilizadas em breve.

Mundaú Beach Run – Agosto de 2017

As águas verde-esmeralda, os coqueirais e as dunas brancas encantam o lugar. (FOTO: Ernanitur)

As águas verde-esmeralda, os coqueirais e as dunas brancas encantam o lugar. (FOTO: Ernanitur)

Trairi é a prova de que ainda existem muitos lugares a serem conhecidos pelos cearenses. Com quatro praias, o município não tem a badalação dos grandes points turísticos do estado, mas reserva aventuras e uma experiência com a natureza e o passado. O litoral com águas verde-esmeralda, os coqueirais, as dunas brancas e as histórias do lugar fazem qualquer turista ficar admirado. Não foi à toa escolhido como cenário para a Mundaú Beach Run.

A praia de Mundaú se contra com o rio de mesmo nome e é composta pelo ambiente rústico da vila de pescadores, misturado às charmosas pousadas e hotel luxuoso à beira-mar. Entre os atrativos para os corredores e turistas, o lugar tem o pôr-do-sol como uma das grandes atrações, visto do passeio de catamarã. Já a noite tem o seu charme devido a iluminação de tochas, ou até natural em dias de lua cheia. A natureza também caprichou no lugar com as piscinas naturais que divertem as famílias da região.

Com data prevista para agosto de 2017 e poucas informações, a Mundaú Beach Run está sendo estruturada para oferecer uma nova experiência aos corredores do estado. E assim, o projeto Beach Run Brasil vai ganhando novos destinos, para conquistar o litoral cearense e brasileiro.

A grande atração das famílias são as piscinas naturais. (FOTO: divulgação)

A grande atração das famílias são as piscinas naturais. (FOTO: divulgação)

O Rio Mundaú convida a um passeio de catamarã. (FOTO: divulgação)

O Rio Mundaú convida a um passeio de catamarã. (FOTO: divulgação)

Pôr-do-sol no rio Mundaú. (FOTO: Fábio Arruda)

Pôr-do-sol no rio Mundaú. (FOTO: Fábio Arruda)

Serviço
Beach Run Brasil
Canoa Beach Run

 

Publicidade

Companhia aérea brasileira oferta internet a bordo gratuitamente

Por rosanaromao em Pelo mundo

18 de outubro de 2016

Além de sistema de conectividade e entretenimento,frota receberá tomadas de recarga e USB. (FOTO: divulgação)

Além de sistema de conectividade e entretenimento,frota receberá tomadas de recarga e USB. (FOTO: divulgação)

Portas em automático. A aeromoça pede para que os passageiros desliguem os aparelhos eletrônicos e coloque os smatphones em modo avião. E as alternativas para tornar a viagem menos tediosa nem sempre agradavam os tripulantes.

Até o mês passado essa era a rotina dos voos domésticos brasileiros. Mas desde outubro essa realidade mudou. A Gol Linhas Aéreas Inteligentes iniciou as operações com internet a bordo, tornando-se a primeira companhia aérea da América Latina a oferecer esta facilidade aos clientes.

O anúncio foi feito pelo presidente da companhia, Paulo Kakinoff, em pleno voo e transmitido ao vivo pela página da GOL no Facebook. “Nessa primeira fase, será possível acessar todas as redes sociais, e-mail, sites diversos e Whatsapp. A partir de 20 de outubro a plataforma será expandida com a inclusão de entretenimento e programação por streaming, com filmes, desenhos, séries e mapa de voo”, disse.  Kakinoff destacou, também, que em breve a companhia oferecerá TV ao vivo.

Presidente da GOL Paulo Kakinoff anuncia a novidade aos tripulantes. (FOTO: divulgação)

Presidente da GOL Paulo Kakinoff anuncia a novidade aos tripulantes. (FOTO: divulgação)

Até o momento, a companhia possui duas aeronaves com antena de última geração 2ku de comunicação via satélite, modelo Boing 737-800, que serão utilizadas em toda a malha aérea nacional e internacional. Toda a frota da companhia estará equipada até outubro de 2018.

O serviço será gratuito por seis meses. Os clientes serão avisados quando seus voos estiverem programados para serem operados por uma das aeronaves com internet a bordo. A previsão é de que em até dois anos toda a frota esteja equipada com sistema de conectividade e entretenimento, assim como tomadas de recarga ou tomadas USB.

Tecnologia

Esse trabalho está sendo feito pela equipe do Centro de Manutenção da GOL, em Confins, responsável pela instalação do sistema, já homologado pelo FAA (Federal Aviation Administration – entidade governamental dos Estados Unidos de regulamentação da aviação civil) e pela ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil).

Acompanhada dos engenheiros e técnicos da GOL, apenas a instalação da antena na primeira aeronave foi feita em Miami, nos Estados Unidos, pela equipe da Gogo, líder mundial em soluções de banda larga durante o voo.

Presidente da GOL Paulo Kakinoff, comandante da GOL, Leonardo Constant, e o diretor de Produtos e Experiência do Cliente, Paulo Miranda. (FOTO: divulgação)

Presidente da GOL Paulo Kakinoff, comandante da GOL, Leonardo Constant, e o diretor de Produtos e Experiência do Cliente, Paulo Miranda. (FOTO: divulgação)

GOL Linhas Aéreas Inteligentes

A empresa teve um importante papel na democratização do transporte aéreo no Brasil, contribuindo para que cerca de 17 milhões de pessoas voassem pela primeira vez, tornando-se a maior companhia aérea de baixo custo e melhor tarifa da América Latina. De acordo com a Infraero, a empresa é líder no número de passageiros transportados no mercado doméstico, tanto no segmento de lazer quanto no corporativo, e em pontualidade.

A companhia mantém alianças estratégicas com três grandes parceiros mundiais: Delta Air Lines, Air France e KLM, além de disponibilizar aos clientes doze acordos de codeshare (compartilhamento de voos) e mais de 70 de interline, que trazem mais conveniência e facilitam as conexões para qualquer lugar destas alianças.

Com o seu programa de relacionamento SMILES, é possível acumular milhas e resgatar bilhetes para mais de 160 países e 800 destinos em todo o mundo. Além disso, a Gollog capta e distribui cargas e encomendas em aproximadamente 2.500 municípios brasileiros e dez internacionais.

leia tudo sobre

Publicidade

10 coisas que você precisa saber sobre Tambaba, a praia de nudismo mais conhecida do Brasil

Por rosanaromao em Destinos

11 de outubro de 2016

(FOTO: arquivo pessoal)

(FOTO: arquivo pessoal)

Desde que fiz o check-in em Tambaba, na Paraíba, e publiquei em uma rede social, recebi várias mensagens de amigos e conhecidos impressionados com a minha “coragem”, além de inúmeros questionamentos de curiosos sobre a praia de nudismo mais conhecida do Brasil.

Devido a essa procura resolvi fazer um post sobre esse lugar lindo, que causa tanta polêmica. Apesar de ter algumas restrições, a entrada é gratuita e requer apenas coragem e respeito. Você não precisa ler todo o texto para chegar à conclusão que eu quero passar. De início já quero lhe dizer: você precisa ter essa experiência.  E vou te contar o porquê nessa listinha que preparei.

1 – Tambaba nua e Tambaba vestida

Muitas pessoas pensam que ao chegar a Tambaba já serão recepcionadas por pessoas peladas. Na verdade você vai encontrar o guarda do estacionamento com um sorriso no rosto dando as boas vindas. Até então as pessoas estão chegando na praia vestidas. Isso porque a praia se divide em duas, uma reservada para os naturistas e a outra para quem não quer tirar a roupa, além de outras praias próximas.

Na praia de Marcelia, as pedras formam uma pequena enseada que convida ao repouso. Na praia da Arapuca, é possível surfar e desfrutar do visual das falésias, que são as mais famosas da Costa do Conde. A área é servida com restaurante, piscinas naturais e uma beleza de ficar babando. Não é à toa que possui um mirante, é um lugar para ser admirado. Portanto, se você não tem coragem de ficar totalmente sem roupa poderá explorar essa área, e com certeza irá gostar.

Já para os mais aventureiros, surpresas o aguardam depois do portal. A área dos naturistas fica isolada, separada por um portal. 

Mirante de Tambaba, de onde podem ser vistas as falésias, a vegetação e o mar. (FOTO: Rosana Romão)

Mirante de Tambaba, de onde podem ser vistas as falésias, a vegetação e o mar. (FOTO: Rosana Romão)

2 – É um ambiente familiar

Isso mesmo que você leu. Encontrei várias famílias com crianças na praia de nudismo. E por momento algum vi as crianças assustadas ou tendo alguma reação de espanto. O ambiente é tão natural (literalmente), que até as crianças não veem maldade em nada. Você também irá encontrar vários casais, gays, héteros e grupos de amigos. Mas as pessoas costumam ficar bem afastadas umas das outras, respeitando a privacidade.

3 – Tem lei regulamentando o naturismo e impõe regras

Não é só chegar e tirar a roupa não. É preciso respeitar a lei. A praia de Tambaba pertence ao município de Conde, na Paraíba, e a lei  309/2004 estabelece normas para o ingresso de banhistas. Primeiramente, é proibido o uso de qualquer peça de roupa ou vestimentas incompatíveis com o naturismo. Não é permitido fotografar ou filmar pessoas nuas sem o devido consentimento. Não pode levar animais ou poluir a praia.

Homem desacompanhado de mulher não pode ingressar na área. Constrangimentos aos naturistas com atitudes ativas ou passivas não são permitidos, assim como a prática de gestos, ações e propostas que tenham conotações sexuais. É vetado o trânsito de qualquer tipo de veículo. Tudo isso é fiscalizado por agentes que rondam a praia. 

Portal que separa a área de nudismo. (FOTO: Rosana Romão)

Portal que separa a área de nudismo. (FOTO: Rosana Romão)

4 – É terapêutico

Inicialmente tem-se a ideia de que o erotismo vem a partir da nudez, mas com poucos minutos no local você muda o pensamento. Até já li que a maldade está no tecido. Eu, quando saí da praia, fiquei com a impressão de que nossa mente é suja ao ponto de não conseguir imaginar a nudez como algo natural, que o é, desde o nosso nascimento, desde o início do mundo.

Compreendi um pouco da cultura indígena. Eles conseguem viver harmoniosamente sem roupa, nós é que complicamos tudo. Estar em Tambaba é perceber que existe uma outra forma de vida, e embora você não concorde ou não queira para você, respeita.

5 – Use protetor solar

Como já diria aquele filósofo Pedro Bial, use filtro solar. E se for em Tambaba, use mesmo! Primeiramente, porque o clima é quente e exige uma proteção maior. Depois, porque como você não costuma expor o corpo 100% ao sol, precisará passar o filtro solar nos órgãos genitais e nádegas.

As mulheres devem passar principalmente nos mamilos, que são sensíveis e merecem cuidado. Essa foi uma das coisas mais estranhas que senti, porque nunca havia passado protetor nas partes íntimas. É divertido. Para quem gosta de ir à praia e ficar sem marquinhas, Tambaba é o melhor lugar.

Região é muito procurada por surfistas. (FOTO: arquivo pessoal)

Região é muito procurada por surfistas. (FOTO: arquivo pessoal)

6 – Processo psicológico de aceitação do próprio corpo

Desde a hora em que você passa pelo portal e desce a escada, se depara com a nova experiência ao ler a placa: “a partir deste ponto, a nudez é obrigatória”. É mais complicado para algumas pessoas, mas em geral, despir-se e seguir o passeio é um processo psicológico de aceitação do próprio corpo.

Você caminha e só sente o peso de si mesmo, o vento tocando sua pele, o sol aquecendo o corpo, é um conjunto de sensações que faz você perceber que tudo isso te pertence. Aos poucos começa a orgulhar de si, independente do que sempre te disseram sobre beleza. Tambaba não é um desfile de corpos sarados, e sim a natureza humana exercendo sua democracia. Garanto que após algumas caminhadas e mergulhos, você vai amar o seu corpo como nunca antes.

7 – Conselhos de amiga

Mulheres que pretendem ir sozinhas, sugiro que se reúnam em duplas ou até grupos para evitar engraçadinhos. Em geral, as pessoas se respeitam, mas sempre tem aquele carinha sem noção que vai reagir de forma infantil. Estar acompanhada vai ser mais confortável para despistar esses gaiatos.

Aconselho também ficar no local até, no máximo, 17h30, pois quando anoitece não há iluminação suficiente e a fiscalização diminui, não acho tão seguro quanto de dia. E, enquanto permanecer na praia, procure ficar na área cercada pelas pedras. Você pode até caminhar pela praia um pouco depois das pedras, mas o local é totalmente deserto e não oferece segurança.

Normalmente há mais movimentação nos finais de semana. (FOTO: divulgação)

Normalmente há mais movimentação nos finais de semana. (FOTO: divulgação)

8 – Festival de Surf e Tambaba Fest

Não é só de naturismo que vive a região, há também eventos que movimentam o turismo local. O Tambaba Open Surf e o Tambaba Fest movimentam a praia no segundo semestre do ano. O Open Surf foi idealizado por Carlos Santiago, dirigente do Movimento NU (Naturistas Unidos). O objetivo é difundir a filosofia naturista por meio do esporte.

Já o Tambaba Fest trata-se de um festival musical com duração de quatro dias na praia naturista. É a época mais movimentada do turismo local. A edição de 2016 acontece nos dias 20 a 23 de outubro. 

9 – Prepare-se para as reações de amigos e familiares

Eu nunca recebi tantas mensagens quanto no dia em que fiz o check-in na praia. Acho que até mais do que no meu aniversário, e de pessoas que eu nem esperava. É um misto de repressão com curiosidade. Uns te julgam, outros fazem mil perguntas ao mesmo tempo, e alguns não acreditam que você foi mesmo e vão te perguntar várias vezes a mesma coisa. Mas sempre no final da conversa vão terminar com essa frase: gostaria de ter essa coragem.

Serviços de bares, restaurantes e pousadas são oferecidos aos naturistas. (FOTO: divulgação)

Serviços de bares, restaurantes e pousadas são oferecidos aos naturistas. (FOTO: divulgação)

10 – Você vai querer voltar

Tambaba é uma experiência que todas as pessoas devem ter. Mesmo os mais tímidos, pois são os que mais precisam viver o naturismo. Se preferir não tirar a roupa, vá para a Tambaba vestida, que também é belíssima e vale o registro. Se estiver com tempo livre, aproveite para conhecer outras praias, como Coqueirinho e Tabatinga. Mas garanto que se você for em Tambaba nua verá que não é um bicho de sete cabeças, como muitas pessoas pensam.

Para ter uma noção, quando conheci Tambaba meu intuito era só passar por lá, tirar uma foto e seguir para outras praias de João Pessoa. Mas me dei a oportunidade de conhecer Tambaba nua e fiquei lá o dia inteiro. Nem fui para as outras praias pois quis aproveitar o máximo. Certamente você vai querer voltar.

Coqueiro entre pedras é ponto turístico de Tambaba. (FOTO: Rosana Romão)

Coqueiro entre pedras é ponto turístico de Tambaba. (FOTO: Rosana Romão)

Bônus – O que fazer quando chegar lá?

Para quem acha que vai chegar lá e não saber o que fazer, vou dar algumas opções que funcionaram comigo. Primeiramente, entregue seus pertences para alguém que esteja te acompanhando e experimente caminhar pela praia. Depois tome um banho de mar. Você já sai da água se sentindo parte da natureza.

Em seguida, vá ao bar sozinho. Os funcionários usam roupa devido à vigilância sanitária, então causa um estranhamento e por um instante você pode pensar que o garçom vai ficar olhando pro seu corpo, mas eles são acostumados e profissionais.
Outra dica é interagir, seja para conversar ou pedir uma informação para alguém que esteja na mesma condição. Isso ajuda a quebrar o gelo e você se sente mais “normal”. E, por último, tire uma foto artística para mostrar aos netos. No futuro você vai olhar para a foto e se orgulhar, não só do corpo como de toda a experiência.

O mirante possui um quadro para você levar uma foto de recordação. (FOTO: arquivo pessoal)

O mirante possui um quadro para você levar uma foto de recordação. (FOTO: arquivo pessoal)

leia tudo sobre

Publicidade

Agência de viagens cria pacotes personalizados para corredores

Por rosanaromao em Lazer

12 de julho de 2016

Corridas fora da capital cearense têm atraído atletas. (FOTO: Tavares Junior Photography)

Corridas fora da capital cearense têm atraído atletas. (FOTO: Tavares Junior Photography)

Viajar já é bom, quando se consegue conciliar o turismo com uma atividade esportiva, então, é o casamento perfeito para quem gosta de adrenalina. As corridas de rua, por exemplo, são atrativos para que os atletas conheçam ou viagem para outras cidades, como aconteceu na 2ª Jeri Beach Run, evento que levou 400 atletas para Jericoacoara. Destes, 184 foram através da agência de viagens cearense Happy Travel, que ofertou pacotes incluindo hospedagem, transporte e passeios.

Eu fui uma delas, e recomendo pois as sócias Sâmia e Aurilene são muito atenciosas e empenhadas em tornar a sua viagem o mais agradável possível. A experiência deu tão certo, que a empresa está trabalhando com outros eventos esportivos, como a 9ª Corrida de Guaramiranga, a Corrida São Silvestre e a Meia Maratona de Buenos Aires.

Agência tem pacotes para corridas de outros estados e até do exterior. (FOTO: arquivo pessoal)

Agência tem pacotes para corridas de outros estados e até do exterior. (FOTO: arquivo pessoal)

A empresa existe desde 2015, após realizar uma excursão informal para aproximadamente 120 pessoas. A especialidade da Happy Travel é trabalhar com grupos. Religiosos, corporativos, melhor idade, familiares e esportivos. Desde então, a empresa organiza grupos para outras corridas, como a de Florianópolis e os Circuitos Asics. A Happy Travel é a agência oficial da 9ª corrida de Guaramiranga, recebendo competidores até de outros estados, como o Piauí.

As próximas excursões esportivas serão para a Canoa Run, em Canoa Quebrada, Meia do Sol, em Natal, Asics Golden Run de Brasília, Meia Maratona de Buenos Aires, Corrida São Silvestre, em São Paulo e já há programação para a Meia Marona do Rio de Janeiro de 2017. A agência também recebe demandas para maratonas e ultramaratonas fora do país

As formas de pagamento podem: parcelo em até seis vezes, sem entrada; 20% de entrada e saldo em até 9 vezes no cartão de crédito, cheque pré-datado ou boleto bancário. “Enxergamos uma oportunidade muito promissora devido não termos em nosso estado, uma agência de viagens, voltada para atender as necessidades específicas desse público”, explica a sócia da agência Happy Travel Sâmia Almeida.

Para a corrida de Guaramiranga, agência dispõe de pacotes com hospedagem e transporte. (FOTO: divulgação)

Para a corrida de Guaramiranga, agência dispõe de pacotes com hospedagem e transporte. (FOTO: divulgação)

9ª Corrida de Guaramiranga

A próxima corrida em que a Happy Travel levará os atletas será a 9ª Corrida de Guaramiranga. O evento, que acontecerá dia 20 de agosto, conta com ampla infraestrutura para as equipes de assessoria esportiva e assistência médica aos atletas que disputarão nas categorias masculino e feminino e nas distâncias de 2,5 km, 5 km e 10 km. A prova terá a aferição oficial da Federação Brasileira de Atletismo e a apuração da Federação Cearense de Atletismo.

A arena será montada na praça principal de Guaramiranga, com sala de apuração, sala de juízes, tenda de massagem e podium de premiação. São mais de 100 profissionais envolvidos diretamente na organização da prova. A expectativa é de receber 1,5 mil corredores, com faixa etária entre 18 a 80 anos.

E para quem gosta de viagem e corrida, há mais um atrativo. Ao final do evento será feito o sorteio de uma viagem para a Meia-Maratona de Lisboa 2017. Para participar, basta procurar a sua assessoria esportiva ou realizar a inscrição diretamente na Master Academia Personalizada. A corrida será realizada no dia 20 de agosto com largada às 07h30.

Para esta corrida, a Happy Travel oferece hospedagem no Hotel Montenegro, Pousada da Josy, Pousada das Hortências, Pousada dos Capuchinos, Pousada Medeiros, Hotel Vale das nuvens e Pousada Zeus. Além disso, há opções de transporte com hospedagem e só transporte, sendo este em ônibus da empresa Guanambara. A opção de ida e volta, com seguro, custa R$ 40. Já ida e volta, com seguro, almoço e mimos custa R$ 100.

“A cada dia nos deparamos com o aumento do número de corridas, não só em nosso estado mas no mundo todo. Vemos que as pessoas estão buscando, através do esporte, saúde e qualidade de vida. E o mercado de corridas proporciona exatamente isso”, conclui Sâmia.

Serviço
9ª Corrida de Guaramiranga
Master Academia Personalizada – Rua Desembargador Leite Albuquerque, 1100, Aldeota.
Ponto de referência: próximo ao Detran da Avenida Santos Dumont.
Data da corrida: 20 de agosto, com largada às 7h30.
Inscrição: R$ 90 para assessorias e R$ 100 individual até o dia 31 de julho (2º lote).
Entrega de kits: dias 18 e 19 de agosto na Master Academia Personalizada.

Agência Happy Travel
Rua Teresa Cristina, 657 A, Centro. Site | Fanpage
Contato: 85 3226-8645 | (85) 9 9156.6497 | (85) 9 8808-5198 | (85) 99984-8280

leia tudo sobre

Publicidade

Ônibus estilo londrino inicia serviço gratuito em Fortaleza; a gente testou

Por rosanaromao em Lazer

06 de julho de 2016

O RioMar Bus está disponível aos turistas de Fortaleza durante o mês de julho. (FOTO: divulgação)

O RioMar Bus está disponível aos turistas de Fortaleza durante o mês de julho. (FOTO: divulgação)

O mês de julho é marcado por férias e pela chegada de turistas na capital cearense. Pensando nesse público, o Shopping Rio Mar lançou um transporte de dois andares, sendo um deles ao ar livre, permitindo ao turista ter uma vista panorâmica de Fortaleza. O RioMar Bus está funcionando desde o último sábado (1) e terá duração até o dia 31 de julho.

O serviço é gratuito e facilita o acesso dos turistas dos hotéis da orla ao shopping. Os turistas contam também com atendimento de bordo e guias bilíngues para tornar a experiência ainda mais interessante. Nas sextas-feiras, o passeio conta com a alegria de humoristas cearenses que animarão os passageiros.

O passeio inicia na Praia do Futuro, passando pela Beira Mar e Praia de Iracema. De segunda a sábado o ônibus tem partida. Às 9h30, 12h30 e 16h30 do Marina Park e retorno aos hotéis às 11h, 15h e 21h30. Já aos domingos, as partidas do Marina Park são às 11h, 14h e 17h, e o retorno aos hotéis às 13h, 16h e 21h.

Opinião do Ceará Viaja

O ônibus é grande e espaçoso. Possui o primeiro andar climatizado, o que pode servir de alívio para quem não aguentar o calor de Fortaleza no segundo andar, que é ao ar livre. Entretanto, temos bons ventos na cidade que servem de alívio e o passageiro acaba nem sentindo tanto calor na parte externa. Na verdade, a beleza do mar encanta tanto que você até esquece do calor!

O guia turístico que acompanha o grupo dá informações interessantes sobre a cidade e alguns pontos turísticos, como a Praia do Futuro e a estátua de Iracema. Algumas curiosidades também são esclarecidas, como o fato de alguns prédios históricos terem a entrada voltada para a Avenida Abolição, mesmo tendo vista para o mar. O guia turístico Sudário Neto, que trabalha na área há 25 anos, foi o responsável por tirar essa dúvida dos jornalistas que participaram do passeio.

Ele faz um breve resumo sobre a história do Ceará e enaltece os três personagens da terra: a mulher rendeira, o vaqueiro e o pescador. Como exemplo da programação do RioMar Bus às sextas-feiras, tivemos a surpresa de encontrar o humorista Denis Lacerda, vencedor do Prêmio Multishow de Humor de 2014. Ele arrancou boas risadas dos jornalistas convidados. Os turistas que utilizarem o serviço às sextas-feiras também terão a companhia de humoristas alegrando o percurso.

Em resumo, é uma experiência que mostra resumidamente o que existe em Fortaleza, com informações históricas, belezas naturais e bom humor. É interessante tanto para o turista quanto para o próprio fortalezense, que terá a oportunidade de ter uma nova visão da própria cidade.

Serviço RioMar Bus
Período: 01 a 31 de julho
Horários: segunda a sábado: 09h30,12h30 e 16h30 partindo do Marina Park e retorno saindo do Rio Mar às 11h, 15h e 21h30. Aos domingos, as partidas do Marina Park são às 11h, 14h e 17h, e o retorno aos hotéis às 13h, 16h e 21h.

Confira os cliques da fotógrafa Raíssa Caldas durante a viagem:

Vista do Hotel Marina Park, do navio Mara Hope. (FOTO: Raíssa Caldas)

Vista do Hotel Marina Park, do navio Mara Hope. (FOTO: Raíssa Caldas)

O humorista Denis Lacerda recebeu a imprensa. (FOTO: Raíssa Caldas)

O humorista Denis Lacerda recebeu a imprensa. (FOTO: Raíssa Caldas)

Vista da feirinha da Beira Mar. (FOTO: Raíssa Caldas)

Vista da feirinha da Beira Mar. (FOTO: Raíssa Caldas)

Vista da Beira Mar. (FOTO: Raíssa Caldas)

Vista da Beira Mar. (FOTO: Raíssa Caldas)

Vista do Dragão do Mar. (FOTO: Raíssa Caldas)

Vista do Dragão do Mar. (FOTO: Raíssa Caldas)

Vista do centro da cidade. (FOTO: Raíssa Caldas)

Vista do centro da cidade. (FOTO: Raíssa Caldas)

Lembrança da viagem. (FOTO: arquivo pessoal)

Lembrança da viagem. (FOTO: arquivo pessoal)

Publicidade

“Iron Macho” percorrerá 60 praias cearenses em apenas 5 dias

Por rosanaromao em Lazer

04 de julho de 2016

O atleta cearense Carlos Mário participou da primeira edição do evento. (FOTO: João Henrique)

O atleta cearense Carlos Mário participou da primeira edição do evento. (FOTO: João Henrique)

Imagine um campeonato em que o participante percorrerá 60 praias cearenses em apenas 5 dias. Detalhe: velejando. Isso mesmo, a proposta do Iron Macho é de fazer o kitesurfista velejar 440 quilômetros pelo litoral cearense, de Canoa Quebrada até Jericoacoara. O que parece loucura é real e já está em sua segunda edição. A ideia é do kitesurfista cearense Marques Filho, que já velejou pelo litoral nordestino, do Rio Grande do Norte até o Maranhão. Ele possui uma agência de viagem de kitesurf, promotora do evento.

A expressão Iron Macho tem um significado especial. “Eu estava velejando quando pensei no evento. No Ceará nós usamos muito o ‘má’, o ‘man’. Existe o IronMan, que é o homem de ferro, onde o participante precisa ter persistência e muita força de vontade pra conseguir completar a prova. E macho é o lampião, é o cabra macho, é a nomenclatura que ao mesmo tempo dá força, coragem e garra. Daí surgiu o Iron Macho”, explica.

Natural de Jericoacoara e conhecido como “peixe voador”, Marques Filho iniciou suas aventuras com distâncias curtas e acabou se apaixonando pelo esporte. “Eu fiz minha primeira viagem do Cumbuco a Jericoacoara pelo mar. Acompanhei uma pessoa, e dentro dessa viagem, eu gostei tanto que quis proporcionar isso para mais pessoas”, relembra.

Participantes da primeira edição do Iron Macho. (FOTO: arquivo pessoal)

Participantes da primeira edição do Iron Macho. (FOTO: arquivo pessoal)

O evento possui batedores, que são velejadores mais experientes, dispostos a dar todo o suporte necessário aos atletas. Um carro de apoio 4X4 também acompanha o grupo. Algumas paradas são obrigatórias, para alimentação e descanso, mas geralmente os atletas chegam a ficar até 6 horas seguidas velejando.

Apesar de ser chamado de campeonato, não há competição entre os participantes, pois trata-se de um desafio entre amigos, onde todos saem com o título de “Iron Macho” ao concluírem a prova. A participação não é restrita ao público masculino, mulheres também são bem-vindas. O nome “Iron Macho” foi escolhido para prestar uma homenagem ao povo cearense, conhecido por ser acostumado a lidar com situações de adversidade, sempre com bom humor.

O evento

A primeira edição teve seis participantes, sendo um de Portugal, um do Rio de Janeiro e quatro cearenses. O destaque foi o atleta Carlos Mário, que na época estava classificado como o 2º melhor kitsurfista no ranking mundial, o que deu ânimo aos participantes. O percurso foi do Cumbuco até Barra Grande, praia que fica no limite entre Ceará e Piauí, passando pela praia de Bitupitá.

Já para a segunda edição, a organização preparou o percurso de Canoa Quebrada a Jericoacoara. O roteiro terá também Uruaú, Morro Branco, Prainha, Porto das Dunas, Cofeco, Fortaleza, Cumbuco, Paracuru, Taíba, Flexeiras, Icaraí de Amontada, Ilha do Guajiru, Arpoeira e Praia do Preá. “Uma das coisas mais interessantes desse evento é que a gente também vê a questão da gastronomia local, a hotelaria e conversamos com os pescadores. A gente vai descobrindo o Ceará pela praia, é uma coisa fantástica”, conta Marques Filho.

O período escolhido para a prova, de 7 a 11 de setembro foi estratégico. O Ceará é considerado um dos melhores lugares do mundo para a prática do kitesurf pois o estado tem uma grande extensão de praia com ventos constantes, porém há épocas em que isso se acentua. “Os ventos vão de julho a dezembro. A partir de julho ele [vento] vai aumentando, setembro está perfeito, em outubro tem o pico mais alto e começa a cair em novembro e dezembro. Escolhemos o feriadão porque é um período em que o Ceará vai estar cheio de praticantes do mundo todo”, completa.

Marques Filho sendo entrevistado por uma TV italiana durante o Iron Macho 2015. (FOTO: arquivo pessoal)

Marques Filho sendo entrevistado por uma TV italiana durante o Iron Macho 2015. (FOTO: arquivo pessoal)

Para participar é necessário ter, pelo menos, 2 anos de experiência, além de possuir equipamentos novos, como o kite e a barra. O participante também deve usar equipamentos de segurança como o lixe – uma espécie de cinto de segurança –, colete, capacete e meia protetora, pois algumas praias têm pedras. A organização também possui um kit de primeiros socorros e integrantes do corpo de bombeiros e médicos.

“É legal que ele tenha um preparo físico para ficar de quatro a cinco horas dentro do mar. Quem vem fazer esse evento faz uma preparação antes, já veleja, já tem resistência, é chamado de casca grossa”, caracteriza.

O pacote, para quem deseja participar, custa R$ 2,3 mil. Porém, até julho o preço promocional é de R$ 1,9 mil. O pacote dá direito a hospedagem com café da manhã, equipe técnica dando suporte aos atletas, além de alimentação com água, sucos e frutas todos os dias. Ao concluir a prova, o participante recebe um certificado de “cabra macho”. A expressão é uma homenagem à Lampião, portanto se aplica às mulheres participantes também.

Intervalos

Além do café da manhã bem servido, com tapioca, e pratos regionais que atraem os turistas, o carro de apoio oferece hidratação com água e suco e frutas durante o percurso. A alimentação extra é de responsabilidade do participante. Para isso, durante os intervalos o grupo passa por pousadas e hotéis onde podem almoçar e tomar açaí. “Alguns hotéis tem redes e eles [turistas] se adaptam e gostam muito”, acrescenta.

“A gente vai com câmera, carro de apoio, lanche e camisetas. As empresas que entrarem no Iron Macho 2016 vão viajar 60 praias com a gente. Nós vamos usar elas dentro do mar, em todas as pousadas, hotéis e resorts em que a gente for passando”, conta. Quando um atleta ou participante estiver cansado ou por algum momento der problema na pipa dele ou na prancha, um carro de apoio leva os guias dentro do mar para dar suporte.

“A gente quer divulgar mesmo é o Ceará, a beleza, a tranquilidade de viajar de kitesurf. Fazendo o que você ama com tudo o que o Ceará tem de bonito. Vamos mostrar o melhor do Ceará nesse evento”, promete.

Marques Filho, cearense idealizador do evento. (FOTO: arquivo pessoal)

Peixe Voador

Cearense de cabeça chata, como se descreve, Marques Filho nasceu em Jericoacoara e há 22 anos mora em Fortaleza. Seu lugar preferido para velejar é o Cumbuco, onde chama de “Hawaí do Kitesurf”. Em 2015 participou de 12 eventos no mar. Com apenas três anos no esporte, ele já tem 1 mil quilômetros velejados e declara que o kitesurf é a sua paixão. Sua pesquisa para o Iron Macho contou com velejos em quatro estados: Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí e Maranhão.

“Levei 2 anos para mapear isso. Conhecer, fotografar, marcar no gps, ter a noção de onde tem um hotel bom pra dormir, onde tem uma comida bacana, onde é perigoso, onde tem as melhores ondas, onde é realmente bom pra velejar. Eu estudei,  fiz essa pesquisa e agora a gente tá oferecendo isso para mais pessoas, porque o kitesurf é uma qualidade de vida”, incentiva.

Largou a carreira na computação para dedicar-se ao esporte.  Atualmente possui uma empresa voltada para o velejo, a Big Kite Trip. No início era apenas um grupo de amigos, mas cresceu e se tornou em uma agência de viagem de kitesurf. Mais de 60 pessoas já viajaram com a empresa. “Fazemos a logística na terra e no mar. Velejamos de  praia em praia, e, ao chegar no destino, uma van leva as pessoas de volta para o mesmo lugar. Pode ser também um carro 4×4 ou bugue, depende do cliente”, explica.

“Pelo fato de a gente ter estudado e mapeado essas praias, hoje nós sabemos conduzir muito bem nossos clientes por esses percursos. Ano passado recebemos um grupo de canadenses que queria fazer o Delta de Parnaíba. São 94 km sem acesso a pessoas, a casa, carro, barco, não tem nada. Só tem a natureza. E nós fomos com um grupo no mar dando suporte”, destaca o velejador.

Marques também se declara apaixonado pelo estado. “Eu fui na Califórnia para velejar. Saí daqui pros Estados Unidos para fazer um velejo e não consegui, não tinha vento. E no meu estado todos os dias tem vento. Por isso que eu moro aqui, eu amo o Ceará. Sou apaixonado por esse estado, por esse sotaque, essa coisa que é ser cearense”, diz, orgulhoso.

Marques Filho, cearense idealizador do evento. (FOTO: arquivo pessoal)

Marques Filho, cearense idealizador do evento. (FOTO: arquivo pessoal)

Em seus velejos pelos mares cearenses, Marques Filho guarda muitas histórias para contar. Uma delas é de quando encontrou um tatu morrendo afogado. Ele parou e tentou resgatá-lo, mas o animal começou a tentar mordê-lo. “Devolvi ele pro seu habitat e ele quase me mordeu”, brinca. Outro fato aconteceu quando velejava próximo ao Porto do Pecém, onde as pessoas costumam afirmar que tem tubarão. Apesar de ser chamado de peixe voador, Marques tem medo do animal.

Em um velejo, sua prancha caiu e logo após viu uma sombra passando debaixo de seus pés.Teve que nadar contra o vento, junto com o kite, para recuperar o objeto que estava a uns 10 metros de distância. “Eu disse, meu Deus, morri. Vai ser aqui que esse bicho vai me pegar”, relembra. Mas depois percebeu que era apenas a sombra do kite, e não um tubarão.

“A gente come café com tapioca e peixe, e acha tudo uma delícia. A gente deita na rede, se balança e diz: o Ceará é bom demais. Aqui a gente tem um conjunto de praias, são as melhores, e o Iron Macho vai passar por todas elas. Então é um sonho que está sendo realizado”, finaliza Marques Filho.

Serviço
Iron Macho  – 2ª edição – 440 km de praias cearenses em 5 dias
Período: 7 a 11 de setembro de 2016
Inscrições: Big Kite Trip | Fanpage
Contato: bigkitetrip@gmail.com | (85) 9 8753-1049 | (85) 9 8788-4176 | (85) 9 9779-6340

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

leia tudo sobre

Publicidade

Após investimento, Paracuru se consolida como destino turístico

Por rosanaromao em Destinos

17 de junho de 2016

A cidade de Paracuru, localizada a 85 km de Fortaleza, cheia de encantos naturais, agora tem mais um motivo a comemorar. Após investimento da rede hoteleira, apoio da gestão pública municipal e parceria com a maior operadora de turismo do Brasil, o local é vendido como destino para todo o Brasil.

Paracuru tem dunas, lagoas e praia como atrativos naturais. (FOTO: Hotel Vento Brasil)

Paracuru tem dunas, lagoas e praia como atrativos naturais. (FOTO: Hotel Vento Brasil)

O lugar, que era mais conhecido pela população de Fortaleza e cidades próximas, com visitas em casas de veraneio em datas comemorativas, agora está de portas abertas para turistas de todo o Brasil. Para ampliar o número de visitantes, empresários de uniram para fortalecer a estrutura de hotelaria, gastronomia e lazer. Assim, a cidade está no mapa da CVC, maior operadora de turismo da América Latina, e preparada para receber viajantes de todo o Brasil.

“Se não tiver união, nada vai acontecer, o turismo não vai crescer. Nosso maior problema é fazer com que os filhos daqui também tenham essa visão, do que é investimento e do que é despesa”, afirma o prefeito de Paracuru, Sidney Gomes. Ele garante que a noite do município se fortaleceu nos últimos anos, atraindo moradores e turistas de cidades próximas, como São Gonçalo do Amarante, Paraipaba e Trairi.

Mudanças

Prefeito de Paracuru, Sydeny Gomes, discursando. (FOTO: Hotel Vento Brasil)

Prefeito de Paracuru, Sydeny Gomes, discursando. (FOTO: Hotel Vento Brasil)

De acordo com o gestor municipal, algumas mudanças foram necessárias para esse fortalecimento, como a extinção de um luau que acontecia nas dunas, onde as pessoas se reuniam para ouvir o som dos “paredões”. Por não ter estrutura, ele decidiu acabar com a festa e disponibilizou espaço e horário para que esse público continuasse se divertindo, dessa vez na praça principal da cidade.

Outras adequações acontecem paulatinamente, como a orientação de não explorar os turistas em datas de grande movimentação, como carnaval, semana santa e réveillon. “Uma cerveja que custa R$ 7, o cara colocar para R$ 13, R$ 14? Não pode, isso espanta”, alerta. E uma das maiores preocupação do prefeito é o cuidado com a limpeza da cidade. Para que funcione da forma correta, ele pede para que a população e turistas colaborem com educação, jogando o lixo no local certo e não poluindo a cidade e a natureza.

Passeio por dunas e lagoas é imperdível. (FOTO: Hotel Vento Brasil)

Passeio por dunas e lagoas é imperdível. (FOTO: Hotel Vento Brasil)

Turismo fortalecido

Quatro hotéis da cidade se reformularam e criam atrativos para os turistas. As belezas naturais podem ser exploradas e descobertas, como é o caso dos “lençóis paracuruenses”, forma como os nativos chamam as lagoas formadas após o período chuvoso entre as dunas. O mar é cartão-postal para banhistas e praticantes de esportes náuticos, como surf, windsurf e kitesurf. A praça continua sendo a atração da noite, com música e comida boa. O povo, sempre receptivo, comemora a chegada dos visitantes.

A última lembrança que eu tinha da cidade é de quando ainda era criança. Na época, via mais o público familiar que saía de Fortaleza para passar finais de semana e feriados na cidade litorânea. Voltei para conhecer toda essa estrutura que a prefeitura, rede hoteleira e a CVC prepararam e posso dizer que é sim uma ótima opção de destino para turistas. Longe da badalação de grandes cidades, Paracuru oferece calmaria e beleza, o que considero o melhor entretenimento.

Com a maré baixa, formam-se piscinas naturais na beira da praia. (FOTO: Hotel Vento Brasil)

Com a maré baixa, formam-se piscinas naturais na beira da praia. (FOTO: Hotel Vento Brasil)

Onde ficar

Entre as pousadas e hotéis visitados, há opções para todos os gostos e bolsos. Para família com crianças, o Hotel Dunas de Paracuru é o mais indicado, pois tem piscina e um parque aquático com 9 brinquedos temáticos, além de um salão de jogos. A Pousada Sol e Lua é aconchegante e confortável, ideal para quem vai em grupo. Com varandas nos quartos e piscina de hidromassagem, é possível descansar e colocar os papos em dia.

Para os esportistas, a sugestão é o Paracuru Kite Village. Como o nome já diz, há uma estrutura preparada para receber kitesurfistas. Para quem gosta de natureza e um bom vento no rosto, o hotel tem uma linda vista para as dunas e vegetação. Por último, o Hotel Vento Brasil tem mais de uma opção. Com ótima localização, perto do mar e da praça da cidade, ele é escolhido tanto por esportistas quanto por casais e solteiros. Também tem opções voltadas para o público corporativo, com dois salões para eventos e reuniões.

Litoral é o queridinho dos praticantes de kitesurf e windsurf. (FOTO: divulgação)

Litoral é o queridinho dos praticantes de kitesurf e windsurf. (FOTO: divulgação)

Pousada Sol e Lua

Comandada pelo suíço Rolland, a pousada tem 13 quartos. Há quartos que acomodam até quatro pessoas e dois quartos são adaptados para receber cadeirantes. O estacionamento é fechado e possui vigia. A pousada é bem arborizada e possui uma área de lazer com piscina, churrasqueira, restaurante e piscina de hidromassagem. Os quartos são equipados com ventilador de teto, ar-condicionado, frigobar, TV e varanda com rede.

Os praticantes de kitesurf podem alugar o equipamento diretamente na pousada. Na área do restaurante há um espaço reservado para quem deseja assistir filmes, além de ter TV por assinatura. O espaço Cyber café possui dois computadores para uso dos hóspedes e a internet wifi é disponibilizada em todo o espaço. As diárias custam de R$130 até R$ 150, se forem pagas à vistas. Caso o pagamento seja no cartão, as diárias custam de R$ 150 a R$ 190.

Serviço
Pousada Sol e Lua
Rua Izaura Moreira Lima, 203.
Contato: (85) 3344-2055  | Site
E-mail: info@pousadaparacuru.com

Todos os quartos possuem vista para a piscina e varanda privativa. (FOTO: divulgação)

Todos os quartos possuem vista para a piscina e varanda privativa. (FOTO: divulgação)

A piscina possui hidromassagem. (FOTO: divulgação)

A piscina possui hidromassagem. (FOTO: divulgação)

Hotel Dunas de Paracuru

O hotel tem características de três estrelas e está localizado em meio a dunas, mar e um coqueiral nativo. A brisa é constante nas varandas do local, que possui 33 suítes voltadas para a piscina. Todos os apartamentos possuem TV LCD, frigobar, ar-condicionado split, cofre, chuveiro elétrico e wifi. A área de lazer é formada por salão de jogos, com sinuca, totó e carteado, campo de futebol society, play-ground, churrasqueira, espaço para redes e parque aquático com nove brinquedos temáticos.

Há a opção de hospedagem com alimentação inclusa, no restaurante e bar, com refeições a la carte e self service. Há um auditório com 50 lugares, utilizado para eventos. O hotel também dispõe de guarderia de equipamentos para praticantes de kite e wind surf, além de transfers executivo ou em grupo para city-tour e aeroporto. A internet wi-fi é disponibilizada em todas as áreas. As diárias custam a partir de R$ 110.

Serviço
Hotel Dunas de Paracuru
Rua Gabriel Ferreira Neri, Paracuru.
Site | Fanpage

A grande atração do Hotel Dunas é o parque aquático. (FOTO: divulgação)

A grande atração do Hotel Dunas é o parque aquático. (FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

(FOTO: divulgação)

Hotel é cercado por dunas. (FOTO: divulgação)

Hotel é cercado por dunas. (FOTO: divulgação)

Paracuru Kite Village

A Pousada Paracuru Kite Village nasce aos pés das dunas de Paracuru, onde se encontra um parque natural protegido. Em volta de uma vegetação tropical e belas dunas, tem área de cerca de 2,5 mil metros quadrados. A pousada está inserida em parque natural, cortado por um rio, povoado por iguanas, pássaros e pequenos sagüis. Possui 6 suítes em chalés e 9 suítes standart. Os quartos possuem ar-condicionado, ventilador, TV, frigobar, chuveiro elétrico. Cada apartamento possui sua própria varanda, com rede, onde poderá ser servido o café-da-manhã, conforme pedidos.

A estrutura é compostas por uma extensa área verde, com piscina, deck e restaurante com churrasqueira e forno a lenha. O restaurante é aberto à noite, com pratos italianos e pratos com a culinária local, grelhados de carne, peixe fresco e também forno a lenha para pizzas e pães. É possível organizar pequenas festas com música ao vivo e DJ.

Na sala central, onde é servido o café da manhã,  há um projetor de vídeo para ver filmes e vídeos, à disposição dos hóspedes. Há também uma guarderia coberta e fechada para armazenas, lavar e secar equipamentos esportivos, como kite e windsurf. A diária na categoria standart custa R$ 130 na baixa temporada e R$ 160 na alta temporada. Já nos chalés a diária custa R$ 180 na baixa e R$ 200 na alta temporada.

Serviço
Paracuru Kite Village
Rua Capitão José Teles, 8, Paracuru.
Telefone: (85) 3344-1502 e (85) 9 8147- 0915
Site | Fanpage

Hotel é rodeado por extensa área verde. (FOTO: divulgação)

Hotel é rodeado por extensa área verde. (FOTO: divulgação)

A diária custa entre R$ 130 a R$ 200 para o casal. (FOTO: divulgação)

A diária custa entre R$ 130 a R$ 200 para o casal. (FOTO: divulgação)

Hotel possui restaurante próprio com cardápio refinado. (FOTO: divulgação)

Hotel possui restaurante próprio com cardápio refinado. (FOTO: divulgação)

Hotel é cercado por dunas, rio e vegetação. (FOTO: divulgação)

Hotel Vento Brasil

Pode-se afirmar que o hotel tem a melhor localização de Paracuru, pois está a 50 metros praia e a 100 metros da praça da cidade. Com serviços de três estrelas, o Vento Brasil tem suítes espaçosas, com 20 m², porteiro 24h, sala climatizada para reuniões e treinamentos corporativos, além de piscina com deck e churrasqueira.

O hotel possui 27 suítes, nas categorias Standart, Súíte Master Térreo, Suíte Master 1º andar e Suíte Executiva 1º andar. O restaurante para o café da manhã é climatizado e está localizado entre as suítes e a área verde do hotel. O estacionamento tem segurança 24h. Os passeios podem ser agendados diretamente com a recepção. As diárias vão de de R$ 180 na suíte standart a R$ 230 na suíte Master Térreo 1º andar.

Serviço
Hotel Vento Brasil
Rua Ormezinda Sampaio, n°240, Paracuru – CE
Telefone:  (85) 3344-2400 | Site | Fanpage
E-mail: contato@ventobrasil.com.br

Vista da suíte executiva. (FOTO: divulgação

Vista da suíte executiva. (FOTO: divulgação

Hotel fica a 50 metros da praia. (FOTO: divulgação)

Hotel fica a 50 metros da praia. (FOTO: divulgação)

Sobre Paracuru

A cidade de Paracuru fica a 85 quilômetros de Fortaleza e tem acesso duplicado pela rodovia CE-085 (Sol Poente). O tempo de condução é de 1h30m de carro e 2h de ônibus. O trajeto é feito pela empresa Fretcar e tem saída da Rodoviária Engenheiro João Tomé. A passagem custa  R$ 10,10. Há quatro saídas diárias, entre 7h e 17h.

Paracuru tem 20 quilômetros de litoral, com praia, dunas, lagoas, riachos e coqueirais como atrativos naturais. Quando a maré está baixa, foram-se piscinas naturais na beira da praia, onde podem ser vistas espécies de peixes, crustáceos e outros animais marinhos.

O município possui quatro hotéis e cerca de 20 pousadas, que têm funcionamento mais forte na alta temporada e férias. Para moradores e turistas, há dois bancos, farmácias, hospitais, cozinhas regionais e internacionais, lanchonetes, pizzarias, bares e quiosques de artesanato.

A cidade também possui uma constância de ventos, atraindo praticantes de kitesurf e windsurf. É um destino muito procurado por europeus no período de agosto a dezembro, devido ao inverno de seus países. Para atletas e simpatizantes de esportes náuticos, há uma área onde a barreira de corais protege parte da praia.

O lugar possui o mar “flat”, ideal para quem deseja aprender esportes náuticos ou mesmo para o treinamento de manobras radicais, para o praticante ter segura e posteriormente executar o treinamento em mar aberto. Stand-up Padle, mergulho e pescas são comuns na região. O local fica próximo à barraca de praia Quebra Mar, que possui duas escolas desportivas, de kite e windsurfe.

Perto de Fortaleza, com um custo-benefício excelente, Paracuru tem diversão de dia e de noite. Você já pode anotar na sua agenda como próximo destino! Caso more fora do Ceará, você pode procurar a loja CVC mais próxima de você para montar o seu pacote turístico. Paracuru recebe os visitantes de abraços abertos e com um sorriso no rosto.

A repórter viajou à convite da CVC, Prefeitura de Paracuru, Pousada Sol e Lua, Hotel Dunas de Paracuru, Hotel Vento Brasil e Paracuru Kite Village.

Como de costume, fiz alguns cliques da cidade:

Praia da Pedra Rachada ou Praia do Farol. (FOTO: Rosana Romão)

Praia da Pedra Rachada ou Praia do Farol. (FOTO: Rosana Romão)

Praia da Pedra Rachada ou Praia do Farol. (FOTO: Rosana Romão)

Praia da Pedra Rachada ou Praia do Farol. (FOTO: Rosana Romão)

Banda de Música de Paracuru. (FOTO: Rosana Romão)

Banda de Música de Paracuru. (FOTO: Rosana Romão)

Vista da Duna do Pôr-do-Sol. (FOTO: Rosana Romão)

Vista da Duna do Pôr-do-Sol. (FOTO: Rosana Romão)

Vista debaixo do pier da Petrobras. (FOTO: Rosana Romão)

Vista debaixo do pier da Petrobras. (FOTO: Rosana Romão)

Pier da Petrobras. (FOTO: Rosana Romão)

Pier da Petrobras. (FOTO: Rosana Romão)

Lençóis paracuruenses. (FOTO: Rosana Romão)

Lençóis paracuruenses. (FOTO: Rosana Romão)

Seja no mar ou na areia, o ar puro instiga a prática desportiva. (FOTO: Rosana Romão)

Seja no mar ou na areia, o ar puro instiga a prática desportiva. (FOTO: Rosana Romão)

A belaza das lagoas entre as dunas é hipnotizante. (FOTO: Rosana Romão)

A belaza das lagoas entre as dunas é hipnotizante. (FOTO: Rosana Romão)

A famtour foi oferecida pela CVC, em conjunto com a prefeitura e quatro hotéis da cidade. (FOTO: arquivo pessoal)

A famtour foi oferecida pela CVC, em conjunto com a prefeitura e quatro hotéis da cidade. (FOTO: arquivo pessoal)

Publicidade

Sorteio: fim de semana romântico e aventureiro em Guaramiranga

Por rosanaromao em Destinos

19 de maio de 2016

O dia dos namorados está chegando e, para comemorar essa data especial, o Blog Ceará Viaja irá sortear um fim de semana romântico e aventureiro em Guaramiranga. O (a) vencedor (a) e seu acompanhante terão direito a duas diárias na pousada Casarão dos Uchôa e também participará da Trilha do Café.

Para concorrer, é preciso ser maior de 18 anos e participar do sorteio no aplicativo Instagram. As diárias são válidas para os dias 11 e 12 de junho, mas caso o (a) vencedor (a) deseje usar o prêmio em outra data terá de verificar a disponibilidade da pousada.

A trilha poderá ser agendada pelo casal nos horários de 10h, 11h30, 13h e 15h30. A trilha fica localizada em frente ao Sítio Águas Finas, próximo à fábrica de água Neblina.

Regras do sorteio:

1) Ser maior de 18 anos, ter uma conta no aplicativo Instagram e deixar o perfil público.

2) Seguir os perfis @rosanaromao, @cearaviaja e @casaraodosuchoa.

3) Curtir a foto oficial do sorteio, publicada no perfil @casaraodosuchoa.

4) Marcar, na foto oficial, os perfis de dois amigos. Não vale marcar perfis de lojas e famosos.

5) Pronto, você já está participando. Agora é só torcer. O resultado será divulgado dia 5 de junho às 17h. O (a) sorteado (a) terá direito a levar um (1) acompanhante.

Eu já me hospedei no Casarão e fiz a trilha, indico demais! Vejam algumas fotos do passeio:

Na estrada, indo por Campos Belos. (FOTO: Rosana Romão)

Na estrada, indo por Campos Belos. (FOTO: Rosana Romão)

Casarão à noite. (FOTO: Alex Uchôa)

Casarão à noite. (FOTO: Alex Uchôa)

Casarão de dia. (FOTO: Rosana Romão)

Casarão de dia. (FOTO: Rosana Romão)

O contato com a natureza é o principal atrativo da trilha. (FOTO: Rosana Romão)

O contato com a natureza é o principal atrativo da trilha. (FOTO: Rosana Romão)

Fonte de água natural. (FOTO: Rosana Romão)

Fonte de água natural. (FOTO: Rosana Romão)

Casa do Véi da Mata. (FOTO: arquivo pessoal)

Casa do Véi da Mata. (FOTO: arquivo pessoal)

Casa do Véi da Mata. (FOTO: arquivo pessoal)

Casa do Véi da Mata. (FOTO: arquivo pessoal)

Cuidado com as cobras. (FOTO: arquivo pessoal)

Cuidado com as cobras. (FOTO: arquivo pessoal)

Seu Uchôa e Chiquinho, os melhores guias. (FOTO: arquivo pessoal)

Seu Uchôa e Chiquinho, os melhores guias. (FOTO: arquivo pessoal)

Árvore barriguda. (FOTO: arquivo pessoal)

Árvore barriguda. (FOTO: arquivo pessoal)

Para fazer a trilha é necessário usar tênis. (FOTO: arquivo pessoal)

Para fazer a trilha é necessário usar tênis. (FOTO: arquivo pessoal)

Um passeio opcional que eu recomendo ao casal apaixonado é a Linha da Serra. (FOTO: Rosana Romão)

Um passeio opcional que eu recomendo ao casal apaixonado é a Linha da Serra. (FOTO: Rosana Romão)

leia tudo sobre

Publicidade

Cinco municípios cearenses recebem certificação Praia Limpa

Por rosanaromao em Destinos

29 de novembro de 2016

(Foto: Cleilson Silva/ Instagram: @csphotografia)

(Foto: Cleilson Silva/ Instagram: @csphotografia)

As praias de Morro Branco, Barra Nova, Iracema, Jericoacoara e Lagoinha, respectivamente nos municípios de Beberibe, Cascavel, Fortaleza, Jijoca e Paraipaba receberão a certificação Praia Limpa no próximo dia 13 de dezembro, às 15h, no auditório Murilo Aguiar, na Assembleia Legislativa. Todas receberam a pontuação de três estrelas do mar, ou seja, ficaram entre 50 e 75 pontos.

A certificação (Lei nº 13.892/07) é um programa de governo coordenado pela Secretaria do Meio Ambiente, que consiste na concessão de um selo de Certificação Ambiental, aos municípios que aderirem voluntariamente ao programa inscrevendo suas praias, para que sejam avaliadas. O selo de qualidade atesta as condições de higiene / limpeza, segurança e conservação exigidas pelo programa dentro de critérios estabelecidos, conforme a legislação.

(Foto: Cleilson Silva/ Instagram: @csphotografia)

(Foto: Cleilson Silva/ Instagram: @csphotografia)

Os municípios foram avaliados por meio do Questionário de Gestão da Praia (preenchido pelo município) e do Questionário de Avaliação da Praia, (de responsabilidade da Comissão de Avaliação). A nota final da Certificação Praia Limpa é a soma simples das notas alcançadas. É obrigatório que o município preencha e envie a documentação do Questionário de Gestão da Praia. Caso contrário, o município é desclassificado. A nota mínima que o município precisa atingir é 50 pontos. São três categorias. Desde a criação, nenhum município conquistou a categoria de cinco estrelas do mar.

Categorias
Maior ou igual a 50 pontos e menor que 75 pontos – TRÊS ESTRELAS DO MAR
Maior ou igual a 75 pontos e menor que 100 pontos – QUATRO ESTRELAS DO MAR
Igual a 100 pontos – CINCO ESTRELAS DO MAR

Confira a lista das praias:

1 – Beberibe – Praia do Morro Branco – 3 estrelas do mar

(Foto: Associação dos Moradores de Beberibe)

(Foto: Associação dos Moradores de Beberibe)

2 – Cascavel – Praia da Barra Nova – 3 estrelas do mar

(Foto: divulgação)

(Foto: divulgação)

3 – Fortaleza – Praia de Iracema – 3 estrelas do mar

(Foto: Instagram/mochileiru)

(Foto: Instagram/mochileiru)

4 – Jijoca de Jericoacoara – Praia de Jericoacoara – 3 estrelas do mar

(FOTO: Impressões de Viagens/ Fábio Arruda)

(FOTO: Impressões de Viagens/ Fábio Arruda)

5 – Paraipaba – Praia de Lagoinha – 3 estrelas do mar

(Foto: Viagens cinematográficas)

(Foto: Viagens cinematográficas)