Fontes alternativas de energia no Ceará – Parte 4 - Blog Verde 
Publicidade

Blog Verde

por Nájila Cabral

Fontes alternativas de energia no Ceará – Parte 4

Por Nájila Cabral em Desenvolvimento Sustentável, Meio Ambiente

22 de agosto de 2012

   Dentre as energias renováveis interessantes sob o ponto de vista ambiental, de aproveitamento e de uso dos recursos ambientais, é a energia solar. Este astro que desde tempos remotos foi tão festejado por trazer luz e permitir vida, continua sendo uma importante fonte de energia.

Usina Solar MPX, em Tauá/CE
Foto: Arquivo pessoal

Segundo SEINFRA/SECITECE (2010), em relação ao Brasil e considerando dados de 2008; 45,4% da matriz energética nacional correspondiam à biomassa, energia hidráulica e outras fontes, nas quais se encontravam a energia solar e eólica. Mencionado estudo relata ainda que esse valor era consideravelmente alto, uma vez que a oferta interna de energias renováveis em outros países ficava, em média, em torno de 12,9%.

   A região Nordeste tem os maiores índices de radiação e o estado do Ceará se encontra numa posição privilegiada, pois possui uma insolação média anual de 8 horas diárias (ADECE, 2010).

 

A energia que vem do Sol…

    Os estudos técnicos que possibilitaram visualizar o cenário cearense em relação à alta incidência solar em seu território, somando-se às características regionais de um dos menores índices de nebulosidade e precipitação chuvosa do mundo, motivaram a MPX, empresa de energia do Grupo EBX, a implementar no município de Tauá, interior do Ceará, a primeira usina solar comercial do País.

Visita IFCE à MPX, Tauá/CE
Foto: Arquivo pessoal

   O Parque de Energia Solar possui 12 mil metros quadrados de área, com 4.680 painéis fotovoltáicos, que totalizam potência instalada inicial de 1MW. Foram investidos cerca de R$ 10 milhões no empreendimento pela empresa MPX (ADECE, 2011).

    Foi efetuada visita técnica à empresa MPX, em Tauá/CE, pela equipe do Laboratório de Energias Renováveis e Conforto Ambiental – LERCA, do IFCE Campus Fortaleza, coordenado pelo Prof. Adeildo Silva. Acompanharam a visita, em parceria com discentes do Campus Fortaleza, alunos e professores do IFCE Campus Juazeiro do Norte e alunos da UFC.

   A usina solar iniciou, em 2011, suas atividades com 5 MW de capacidade instalada, já conectados ao sistema interligado nacional (SIN), devidamente licenciada pelo órgão ambiental competente. Conforme ADECE (2011), a previsão inicial era de iniciar com 1MW, passando para 2MW neste ano de 2012; e assim sucessivamente até 50 MW, no prazo de cinco a sete anos.

   Em agosto de 2012, na 211a. Reunião Ordinária do COEMA -Conselho Estadual de Meio Ambiente do estado do Ceará, houve votação favorável ao parecer técnico n. 3060/2012-DICOP/GECON, referente ao projeto da Central Geradora Solar Fotovoltáica Tauá , para a Licença Prévia da segunda etapa de instalação dos 45 MW restantes.

 

Fontes:

ADECE – Agência de Desenvolvimento Econômico do Ceará. Energias Renováveis do Ceará. (Folder). Fortaleza: ADECE, 2011.14pp.

ADECE – Agência de Desenvolvimento Econômico do Ceará. Atração de Investimentos no Estado do Ceará – Relatório de Energia Solar. Fortaleza: ADECE, 2010.38pp.

SEINFRA/SECITECE – Secretaria da Infraestrutura/ Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do estado do Ceará. Atlas solarimétrico do Ceará – 1963-2008. Fortaleza: SEINFRA/SECITECE, 2010. 108pp.

Publicidade aqui

Fontes alternativas de energia no Ceará – Parte 4

Por Nájila Cabral em Desenvolvimento Sustentável, Meio Ambiente

22 de agosto de 2012

   Dentre as energias renováveis interessantes sob o ponto de vista ambiental, de aproveitamento e de uso dos recursos ambientais, é a energia solar. Este astro que desde tempos remotos foi tão festejado por trazer luz e permitir vida, continua sendo uma importante fonte de energia.

Usina Solar MPX, em Tauá/CE
Foto: Arquivo pessoal

Segundo SEINFRA/SECITECE (2010), em relação ao Brasil e considerando dados de 2008; 45,4% da matriz energética nacional correspondiam à biomassa, energia hidráulica e outras fontes, nas quais se encontravam a energia solar e eólica. Mencionado estudo relata ainda que esse valor era consideravelmente alto, uma vez que a oferta interna de energias renováveis em outros países ficava, em média, em torno de 12,9%.

   A região Nordeste tem os maiores índices de radiação e o estado do Ceará se encontra numa posição privilegiada, pois possui uma insolação média anual de 8 horas diárias (ADECE, 2010).

 

A energia que vem do Sol…

    Os estudos técnicos que possibilitaram visualizar o cenário cearense em relação à alta incidência solar em seu território, somando-se às características regionais de um dos menores índices de nebulosidade e precipitação chuvosa do mundo, motivaram a MPX, empresa de energia do Grupo EBX, a implementar no município de Tauá, interior do Ceará, a primeira usina solar comercial do País.

Visita IFCE à MPX, Tauá/CE
Foto: Arquivo pessoal

   O Parque de Energia Solar possui 12 mil metros quadrados de área, com 4.680 painéis fotovoltáicos, que totalizam potência instalada inicial de 1MW. Foram investidos cerca de R$ 10 milhões no empreendimento pela empresa MPX (ADECE, 2011).

    Foi efetuada visita técnica à empresa MPX, em Tauá/CE, pela equipe do Laboratório de Energias Renováveis e Conforto Ambiental – LERCA, do IFCE Campus Fortaleza, coordenado pelo Prof. Adeildo Silva. Acompanharam a visita, em parceria com discentes do Campus Fortaleza, alunos e professores do IFCE Campus Juazeiro do Norte e alunos da UFC.

   A usina solar iniciou, em 2011, suas atividades com 5 MW de capacidade instalada, já conectados ao sistema interligado nacional (SIN), devidamente licenciada pelo órgão ambiental competente. Conforme ADECE (2011), a previsão inicial era de iniciar com 1MW, passando para 2MW neste ano de 2012; e assim sucessivamente até 50 MW, no prazo de cinco a sete anos.

   Em agosto de 2012, na 211a. Reunião Ordinária do COEMA -Conselho Estadual de Meio Ambiente do estado do Ceará, houve votação favorável ao parecer técnico n. 3060/2012-DICOP/GECON, referente ao projeto da Central Geradora Solar Fotovoltáica Tauá , para a Licença Prévia da segunda etapa de instalação dos 45 MW restantes.

 

Fontes:

ADECE – Agência de Desenvolvimento Econômico do Ceará. Energias Renováveis do Ceará. (Folder). Fortaleza: ADECE, 2011.14pp.

ADECE – Agência de Desenvolvimento Econômico do Ceará. Atração de Investimentos no Estado do Ceará – Relatório de Energia Solar. Fortaleza: ADECE, 2010.38pp.

SEINFRA/SECITECE – Secretaria da Infraestrutura/ Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do estado do Ceará. Atlas solarimétrico do Ceará – 1963-2008. Fortaleza: SEINFRA/SECITECE, 2010. 108pp.