Arquivos setembro 2016 - Blog Verde 
Publicidade

Blog Verde

por Nájila Cabral

setembro 2016

Lixo marinho – como proceder?

    A Organização das Nações Unidas (ONU) publicou, recentemente, um Relatório com recomendações importantes para que tomadores de decisão procedam o manejo dos resíduos sólidos (lixo) marinho.

   Conforme o Relatório, a prevalência de lixo marinho é o resultado de muitos fatores, que vão desde os padrões de produção e consumo à inadequada gestão de resíduos e às lacunas na regulação de resíduos. Para tanto, exige-se uma resposta global.

marine_litter_UNEP_2016

    Continua o Relatório a informar que os países frequentemente utilizam uma variedade de leis e políticas para prevenir, gerenciar e reduzir a proliferação de lixo marinho. No entanto, muitas dessas abordagens fazem parte dos quadros gerais de reduzir a geração e disseminação de resíduos sólidos, em vez de ser parte de quadros concebidos especificamente para tratar o lixo marinho.

    Assim sendo, importante estabelecer uma abordagem de economia circular para evitar a geração de produtos residuais e, por conseguinte, reduzir a produção global de resíduos marinhos.

   Dentre as recomendações estão:

– Desenvolver e implementar leis para proibir ou diminuir a produção de lixo de uso único (a exemplo de sacos plásticos, garrafas e copos) e outros resíduos que são comumente encontrados em lixo marinho.

– Regular itens não recuperáveis, tais como microesferas plásticas de cuidados e cosméticos pessoais. Estes são impossíveis de remover do ambiente aquático. Deve-se, então, impedir sua introdução no ambiente marinho

– Apoiar os esforços de limpeza do ambiente marinho, inclusive pela adoção de medidas políticas e programas do governo, no sentido de promover iniciativas de educação e sensibilização, e estender a responsabilidade do produtor

Fonte: UNEP, 2016.

Publicidade

Uso múltiplo sustentável da Caatinga – Vaga para consultor

Por Nájila Cabral em Conservação da Natureza, Desenvolvimento Sustentável, Meio Ambiente, Preservação

03 de setembro de 2016

   O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA, sigla em inglês UNEP) abriu edital de seleção de consultor para trabalhar em atividades que possam Gerar um banco de dados de experiências sobre o uso múltiplo sustentável da caatinga e elaborar, de forma participativa, conteúdo do curso, do plano de curso e material didático para formações presenciais e a distância, de extensionistas e multiplicadores de organizações governamentais e não governamentais nos estados do Ceará e de Pernambuco.

    O candidato deve ter curso superior completo em determinadas áreas indicadas no edital e deve comprovar em seu currículo, no mínimo, 3 anos de experiência em Uso sustentável da caatinga; em elaboração de planos de curso ou planejamento participativo; em elaboração de conteúdo para capacitações presencias e/ou à distância; e em capacitação de comunidades, extensionistas ou multiplicadores. É desejável que o candidato tenha Mestrado e Doutorado.

   O edital PNUD – BRA/11/001 foi divulgado no Diário Oficial da União do Dia 31/08/2016. O candidato deverá enviar o seu Currículo até o dia 09/09/2016 (data limite para postagem) para a Caixa Postal Nº: 8526 – CEP: 70.312-970 – Brasília-DF – O candidato deve obrigatoriamente informar no envelope o código: BRA/11/001- TDR Nº 05/2016 -5.3 – Banco de dados caatinga.

    Mais informações, podem clicar aqui.

Fonte: MMA

Publicidade

I Encontro do Programa de Pós-Graduação em Tecnologia e Gestão Ambiental

Por Nájila Cabral em Conservação da Natureza, Educação Ambiental, Meio Ambiente

02 de setembro de 2016

    Nos dias 5 e 6 de setembro, no IFCE Campus Fortaleza, acontece o I Encontro do Programa de Pós-Graduação em Tecnologia e Gestão Ambiental.

I_EPGTGA_2016

    Na programação de palestras do dia 05, serão abordados os seguintes temas: Mudanças Climáticas; Experiências de Educação Profissional do Modelo Finlandês de Pesquisa Aplicada; Perspectivas para Pós-graduação em Energias Renováveis e Mercado de Trabalho: Porto do Pecém.

    No dia 06/6, a programação segue com a abordagem das temáticas: Legislação Ambiental: licenciamento e responsabilidade; o papel das agências reguladoras no contexto do saneamento e Ética em Pesquisa.

    As inscrições podem ser feitas, por e-mail (pgtgaifce@gmail.com), ou no primeiro dia do evento. Mais informações no (85)  33073717.

   Convite feito! Vamos participar.

Publicidade

I Encontro do Programa de Pós-Graduação em Tecnologia e Gestão Ambiental

Por Nájila Cabral em Conservação da Natureza, Educação Ambiental, Meio Ambiente

02 de setembro de 2016

    Nos dias 5 e 6 de setembro, no IFCE Campus Fortaleza, acontece o I Encontro do Programa de Pós-Graduação em Tecnologia e Gestão Ambiental.

I_EPGTGA_2016

    Na programação de palestras do dia 05, serão abordados os seguintes temas: Mudanças Climáticas; Experiências de Educação Profissional do Modelo Finlandês de Pesquisa Aplicada; Perspectivas para Pós-graduação em Energias Renováveis e Mercado de Trabalho: Porto do Pecém.

    No dia 06/6, a programação segue com a abordagem das temáticas: Legislação Ambiental: licenciamento e responsabilidade; o papel das agências reguladoras no contexto do saneamento e Ética em Pesquisa.

    As inscrições podem ser feitas, por e-mail (pgtgaifce@gmail.com), ou no primeiro dia do evento. Mais informações no (85)  33073717.

   Convite feito! Vamos participar.