Publicidade

Blog do Guifil

por Guilherme Custódio

maracanã

Ronaldo Angelim recebe homenagem no Maracanã antes de Fla e Grêmio

Por guilhermecustodio em Futebol

17 de julho de 2015

Ronaldo Angelim marcou o segundo gol contra o Grêmio no jogo que valeu o hexa brasileiro ao Flamengo. Foto:Flamengo.com.br/Divulgação

Ronaldo Angelim marcou o segundo gol contra o Grêmio no jogo que valeu o hexa brasileiro ao Flamengo. Foto:Flamengo.com.br/Divulgação

O ex-jogador Ronaldo Angelim, 39 anos, recebe neste sábado (18), uma homenagem no palco onde fez o gol mais importante de sua carreira, o Maracanã. Em 2009, aos 25 minutos do segundo tempo, o ex-zagueiro do Flamengo marcou um gol de cabeça contra o Grêmio, na última rodada do Brasileiro, dando o hexacampeonato ao clube da Gávea. O ”Magro de Aço” vai assinar o Livro de Ouro do Maracanã, reverência a jogadores que se destacaram em jogos no Maraca.

O ex-camisa 4 do Fla também será homenageado pelo rubro-negro no intervalo da partida. Momento marcantes da carreira de Angelim serão exibidos nos telões do estádio durante o intervalo de jogo. A homenagem acontece justamente no jogo entre Flamengo e Grêmio, pela 14ª rodada, duelo que marca a estreia do peruano Paolo Guerrero no Maracanã.

Futebol cearense
Ronaldo Angelim nasceu na cidade de Itu, em São Paulo. Veio morar ainda pequeno no Ceará. Iniciou a carreira no Icasa-CE, depois passou pelo Juazeiro-CE, Ceará e Ituano. Entre 2001 e 2005, defendeu o Fortaleza, clube onde também é ídolo e reverenciado pelos torcedores. Em 2013, retornou ao Tricolor cearense para encerrar a carreira. No Flamengo, Angelim atuou em 284 partidas, marcando 17 gols. Pelo Flamengo, também foi campeão da Copa do Brasil em 2006 e tetra campeão carioca.

Relembre o gol de cabeça de Ronaldo Angelim contra o Grêmio

Saiba mais
Icasa e Flamengo se reencontram após 41 anos e rubro-negro leva a melhor
Fortaleza contrata por empréstimo lateral-esquerdo Thallyson, do Flamengo

 

 

Publicidade

Uniclinic perde vaga na 1ª Divisão do Cearense após escalar jogador irregular

Por guilhermecustodio em Futebol Cearense

25 de Maio de 2015

Uniclic terminou a primeira fase da Série B na primeira posição e faria a final do campeonato contra o Tiradentes. Foto: FCF/Divulgação

Uniclic ( de uniforme roxo) terminou a primeira fase da Série B na primeira posição e faria a final do campeonato contra o Tiradentes. Foto: FCF/Divulgação

A Federação Cearense de Futebol (FCF) excluiu nesta segunda-feira (25) o Uniclinic da final do Campeonato Cearense da 2ª Divisão. A decisão estava marcada para o próximo sábado (30), entre o Uniclinc  e o Tiradentes. A exclusão da ‘Águia da Precabura’ veio após o Maracanã Esporte Clube, terceiro colocado na fase classificatória da competição, denunciar à FCF que o Uniclinic havia escalado de forma irregular o jogador Esiel Cardoso Moreira, no jogo contra o Novas Russas, em partida realizada no dia 29 de abril, válida pela 13ª rodada do campeonato. O atleta havia tomado três cartões amarelos na três jogos anteriores, o que lhe renderia uma suspensão para o jogo seguinte, justamente contra o Nova Russas.

Com a decisão, a nova final permanece para o próximo dia 30, às 16h, no Estádio Presidente Vargas, mas agora será entre Maracanã e Tiradentes. O Uniclic deve recorrer da decisão. Caso se confirme a punição, a equipe perde quatro pontos, ficando um ponto atrás do Maracanã.

Saiba mais
Ferroviário perde a quarta seguida e termina a Série B na sexta posição
Ceará é impedido de jogar Sul-Americana caso avance de fase na Copa do Brasil

 

Publicidade

Uniclinic perde vaga na 1ª Divisão do Cearense após escalar jogador irregular

Por guilhermecustodio em Futebol Cearense

25 de Maio de 2015

Uniclic terminou a primeira fase da Série B na primeira posição e faria a final do campeonato contra o Tiradentes. Foto: FCF/Divulgação

Uniclic ( de uniforme roxo) terminou a primeira fase da Série B na primeira posição e faria a final do campeonato contra o Tiradentes. Foto: FCF/Divulgação

A Federação Cearense de Futebol (FCF) excluiu nesta segunda-feira (25) o Uniclinic da final do Campeonato Cearense da 2ª Divisão. A decisão estava marcada para o próximo sábado (30), entre o Uniclinc  e o Tiradentes. A exclusão da ‘Águia da Precabura’ veio após o Maracanã Esporte Clube, terceiro colocado na fase classificatória da competição, denunciar à FCF que o Uniclinic havia escalado de forma irregular o jogador Esiel Cardoso Moreira, no jogo contra o Novas Russas, em partida realizada no dia 29 de abril, válida pela 13ª rodada do campeonato. O atleta havia tomado três cartões amarelos na três jogos anteriores, o que lhe renderia uma suspensão para o jogo seguinte, justamente contra o Nova Russas.

Com a decisão, a nova final permanece para o próximo dia 30, às 16h, no Estádio Presidente Vargas, mas agora será entre Maracanã e Tiradentes. O Uniclic deve recorrer da decisão. Caso se confirme a punição, a equipe perde quatro pontos, ficando um ponto atrás do Maracanã.

Saiba mais
Ferroviário perde a quarta seguida e termina a Série B na sexta posição
Ceará é impedido de jogar Sul-Americana caso avance de fase na Copa do Brasil