Publicidade

Blog do Guifil

por Guilherme Custódio

comunidade

Projeto social faz a diferença em comunidade carente de Fortaleza

Por guilhermecustodio em Social Esporte Clube

24 de novembro de 2015

DSC07383

Washington dos Santos desenvolve o projeto há 19 anos. Foto: Guilherme Custódio

Uma comunidade centenária, essa é o Poço da Draga, que fica localizada entre o Centro e a Praia de Iracema, em Fortaleza. O local existe há 109 anos, mas também enfrenta problemas sociais contemporâneos da nossa capital. O esporte é o meio que vem mudando a vida de dezenas de crianças nesta área.

“Minha missão nesta vida é essa”. É assim que Washington dos Santos, 45 anos, cabeleireiro nas horas vagas, e treinador de uma escolinha de futsal na quadra da comunidade define a sua vida.

A escolinha, aberta aos interessados, possui as categorias sub-9 masculino e feminino, sub-12 masculino e o sub-20 masculino. Os treinos são das 17 horas às 21 horas e 30 minutos, de segunda a sexta.

Desde 1996 com o projeto, Santos diz que o seu trabalho é formar cidadãos.  “O meu objetivo é a formação de cidadãos e a ocupação dos jovens. Quero botar uma ideia boa na cabeça de quem participa do projeto”, destacou.

O treinador solicita o apoio de empresários e das autoridades  ao projeto. “Estou quase sendo forçado a parar, por que as crianças também querem jogar, e não apenas treinar. Falta material de jogo, como coletes, uniformes e bolas”.

Mesmo com as dificuldades, o projeto é visto com bons olhos pelos moradores da comunidade do Poço da Draga. “Ele (o projeto) tira as crianças do meio da rua, elas não ficam fazendo o que não presta. Dá um suporte melhor na formação deles”, acredita Kilson Gomes, 42 anos, motoboy.

*Escrito pelo jornalista Guilherme Custódio

Aulas são realizadas de segunda a sexta. Foto: Guilherme Custódio
1/2

Aulas são realizadas de segunda a sexta. Foto: Guilherme Custódio

Aulas são realizadas de segunda a sexta. Foto: Guilherme Custódio

“Meu sonho é ser um jogador como um Cristiano Ronaldo, um Messi. Mas meu estilo é igual ao do Neymar”.  Wesley Santos, 8 anos, aluno do projeto.Foto: Guilherme Custódio
2/2

“Meu sonho é ser um jogador como um Cristiano Ronaldo, um Messi. Mas meu estilo é igual ao do Neymar”. Wesley Santos, 8 anos, aluno do projeto.Foto: Guilherme Custódio

“Meu sonho é ser um jogador como um Cristiano Ronaldo, um Messi. Mas meu estilo é igual ao do Neymar”. Wesley Santos, 8 anos, aluno do projeto. Foto: Guilherme Custódio

 

Saiba mais
Ex-jogador utiliza o esporte como forma de inclusão social no interior do Ceará
Jogo beneficente reúne artistas e ídolos do futebol cearense no estádio da Unifor

 

Publicidade

Projeto social faz a diferença em comunidade carente de Fortaleza

Por guilhermecustodio em Social Esporte Clube

24 de novembro de 2015

DSC07383

Washington dos Santos desenvolve o projeto há 19 anos. Foto: Guilherme Custódio

Uma comunidade centenária, essa é o Poço da Draga, que fica localizada entre o Centro e a Praia de Iracema, em Fortaleza. O local existe há 109 anos, mas também enfrenta problemas sociais contemporâneos da nossa capital. O esporte é o meio que vem mudando a vida de dezenas de crianças nesta área.

“Minha missão nesta vida é essa”. É assim que Washington dos Santos, 45 anos, cabeleireiro nas horas vagas, e treinador de uma escolinha de futsal na quadra da comunidade define a sua vida.

A escolinha, aberta aos interessados, possui as categorias sub-9 masculino e feminino, sub-12 masculino e o sub-20 masculino. Os treinos são das 17 horas às 21 horas e 30 minutos, de segunda a sexta.

Desde 1996 com o projeto, Santos diz que o seu trabalho é formar cidadãos.  “O meu objetivo é a formação de cidadãos e a ocupação dos jovens. Quero botar uma ideia boa na cabeça de quem participa do projeto”, destacou.

O treinador solicita o apoio de empresários e das autoridades  ao projeto. “Estou quase sendo forçado a parar, por que as crianças também querem jogar, e não apenas treinar. Falta material de jogo, como coletes, uniformes e bolas”.

Mesmo com as dificuldades, o projeto é visto com bons olhos pelos moradores da comunidade do Poço da Draga. “Ele (o projeto) tira as crianças do meio da rua, elas não ficam fazendo o que não presta. Dá um suporte melhor na formação deles”, acredita Kilson Gomes, 42 anos, motoboy.

*Escrito pelo jornalista Guilherme Custódio

Aulas são realizadas de segunda a sexta. Foto: Guilherme Custódio
1/2

Aulas são realizadas de segunda a sexta. Foto: Guilherme Custódio

Aulas são realizadas de segunda a sexta. Foto: Guilherme Custódio

“Meu sonho é ser um jogador como um Cristiano Ronaldo, um Messi. Mas meu estilo é igual ao do Neymar”.  Wesley Santos, 8 anos, aluno do projeto.Foto: Guilherme Custódio
2/2

“Meu sonho é ser um jogador como um Cristiano Ronaldo, um Messi. Mas meu estilo é igual ao do Neymar”. Wesley Santos, 8 anos, aluno do projeto.Foto: Guilherme Custódio

“Meu sonho é ser um jogador como um Cristiano Ronaldo, um Messi. Mas meu estilo é igual ao do Neymar”. Wesley Santos, 8 anos, aluno do projeto. Foto: Guilherme Custódio

 

Saiba mais
Ex-jogador utiliza o esporte como forma de inclusão social no interior do Ceará
Jogo beneficente reúne artistas e ídolos do futebol cearense no estádio da Unifor