Publicidade

Agregando valor

por Rodrigo Goyanna

Netflix abre “Loja da Corrupção” para divulgar “O Mecanismo”

Por rodrigogoyanna em Marketing

29 de Março de 2018

A netflix criou a “Loja da Corrupção”para divulgar “O Mecanismo”, mais uma de suas séries. A criação deJose Padilha mostra a maior investigação de desvio e lavagem de dinheiro da história do Brasil (dramatiza a operação Lava Jato).

Mas entre aqueles que não gostaram muito e aqueles que curtiram sim a produção, não podemos negar que a jogada para divulgar a novidade foi no mínimo ousada. Afinal, ainda que ladrões, ninguém precisa andar mal vestido, não é mesmo?

Situadas no aeroporto de Brasília e São Paulo as unidades oferecem produtos como tornozeleiras de strass para quem não deixa o brilho de lado, mesmo em prisão domiciliar, gravatas com filmadoras embutidas “para você dar um nó nos seus inimigos políticos”, como diz o anúncio e até a “cueca doleira” que não precisa de explicações maiores…Ah, entre os itens expostos, também está o livro Delação Premiada para Leigos.

Até o início da tarde desta terça-feira, 27, o post recebeu 838 mil visualizações, 42 mil reações, mais de 24 mil compartilhamentos e quase 7 mil comentários.

Ações mais agressivas de marketing são a cara da Netflix, mas qual sua opinião sobre esta última? Que tal deixar um comentário contando para a gente?

Conteúdo publicado originalmente no site AdNews.

Publicidade

leia tudo sobre

Netflix abre “Loja da Corrupção” para divulgar “O Mecanismo”

Por rodrigogoyanna em Marketing

29 de Março de 2018

A netflix criou a “Loja da Corrupção”para divulgar “O Mecanismo”, mais uma de suas séries. A criação deJose Padilha mostra a maior investigação de desvio e lavagem de dinheiro da história do Brasil (dramatiza a operação Lava Jato).

Mas entre aqueles que não gostaram muito e aqueles que curtiram sim a produção, não podemos negar que a jogada para divulgar a novidade foi no mínimo ousada. Afinal, ainda que ladrões, ninguém precisa andar mal vestido, não é mesmo?

Situadas no aeroporto de Brasília e São Paulo as unidades oferecem produtos como tornozeleiras de strass para quem não deixa o brilho de lado, mesmo em prisão domiciliar, gravatas com filmadoras embutidas “para você dar um nó nos seus inimigos políticos”, como diz o anúncio e até a “cueca doleira” que não precisa de explicações maiores…Ah, entre os itens expostos, também está o livro Delação Premiada para Leigos.

Até o início da tarde desta terça-feira, 27, o post recebeu 838 mil visualizações, 42 mil reações, mais de 24 mil compartilhamentos e quase 7 mil comentários.

Ações mais agressivas de marketing são a cara da Netflix, mas qual sua opinião sobre esta última? Que tal deixar um comentário contando para a gente?

Conteúdo publicado originalmente no site AdNews.